Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Michela Borges Nunes

Por que Chicago me surpreendeu? Eu me apaixonei...

Posts Recomendados

Chicago não estava nas prioridades. Mas eis que apareceu uma promoção irresistível e o marido veio com a proposta: vamos comprar as passagens e ir conhecer Chicago? Não sou de recusar, né gente. Vamos, claro! E fomos. Agora, vou te contar uma coisinha: Chicago é um dos lugares que mais amei nos Estados Unidos até hoje! É linda demais e tem muitas atrações e passeios imperdíveis. Vou deixar aqui o link com todas as nossas dicas e nosso roteiro para que tu também te apaixones por lá. Bora ler?

o-que-fazer-em-chicago.thumb.jpg.6a1c56538a5ebda51c5a363ee80ca64d.jpg

Michela Borges Nunes

Site: Mapa na Mão

Instagram

Facebook

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

  • Conteúdo Similar

    • Por nestorfreire
      Em agosto de 2017 começou a minha cicloviagem pela Via Franciegna. Foram 1950 km em 35 dias de viagem entre a Inglaterra, França, Suíça e Itália. Uma viagem incrível, de caráter religioso, dormindo em monastérios e igrejas e com direito a escalar os Alpes. Vá ao meu blog, www.giraventura.com.br, e veja todo o relato dessa viagem com fotos, vídeos e muito mais.


    • Por nestorfreire
      A Via Flaminia foi construída 220 AC pelos Gaius Flaminius, como um elo de ligação entre Roma e Ariminum (hoje Rimini). A estrada cruzava os Apeninos numa estreita passagem entre as montanhas Pietralata (889 m) e Paganuccio (976 m), à esquerda do Rio Candigliano por uma via pré romana. No período Augustan (27 AC - 14 DC) iniciou-se uma restauração desse caminho com uma série de subestruturas de rochas que foram adicionadas e a via passou a ter túneis. Essas subestruturas são visíveis hoje em dia e estão inseridas na estrada principal com rochas de até 20 m de altura.
      Percorri a Via Flaminia de bicicleta em setembro de 2017 numa cicloviagem de três dia até o Mar Adriático. Caso queira mais detalhes, só acessar o meu blog: www.giraventura.com.br
    • Por jpofreitas (GoTravel2Live)
      Ahhh Paris, a Cidade Luz, famosa pelos apaixonados, cenário de tantas histórias, palco de tantos eventos… A capital francesa é uma das mais visitadas no mundo e um dos destinos favoritos dos brasileiros.
      A melhor forma de conhecer Paris é na maioria das vezes a pé, hora ou outra um ônibus ou metrô, mas priorize gastar a sola dos seus sapatos, pois a cada esquina, uma beleza e uma história te esperam para serem deslumbradas.
      Neste post falaremos sobre uma rota a pé para você que vai a Paris pela primeira vez e quer aproveitar ao máximo o tempo ao mesmo tempo em que não quer deixar de conhecer os clássicos pontos turísticos e as belezas da cidade. Faremos outros posts com mais roteiros, englobando outros pontos turísticos, assim você encaixa em seu planejamento e divide melhor os dias de sua viagem.
      Vale lembrar que aqui estão apenas algumas sugestões, algumas das quais foram seguidas por nós, mas isso não é um padrão. Pesquise sobre a cidade, monte seu roteiro ou se perca pelas ruas desta que é um dos destinos mais bonitos da Europa.
      Roteiro: Torre Eiffel -> Pont Alexandre III -> Champs-Élysées -> Arco do Triunfo

      Visualizar artigo completo
       
      O post Paris: roteiro a pé para 4 pontos turísticos imperdíveis apareceu primeiro em Go Travel 2 Live.
    • Por Juliana Saueia
      Conheci um lugar tão lindo na Florida que preciso muito compartilhar aqui. Sei que muita gente acaba indo pra Orlando e alugando carro, então se tiverem um tempinho podem esticar até High Springs, acho que umas 2 horas de viagem. Lá em High Springs tem um parque muito maneiro chamado Ginnie Springs, com nascentes de uma água tão cristalina que fiquei boquiaberta! Muitos mergulhadores utilizam do espaço.
      Eu acredito que o único jeito de chegar é realmente de carro. Lá eu acampei com meus amigos, mas você pode apenas passar o dia se quiser. Deixei os valores da época que eu fui e algumas fotos no https://www.alemdacurva.com/single-post/2017/10/20/Ginnie-Springs---um-paraíso-das-águas-cristalinas
      A gente levou bóias e tudo mais, ficamos percorrendo o rio. Fomos em julho bem na época que estava abrindo o verão lá, então o parque lotou, mas vejo zero divulgação desse lugar aqui no Brasil. 
      Como eu disse pode praticar mergulho se você tiver licença, mas caso não tenha pode brincar na beirada mesmo, juro que o que você vai ver ali já irá te surpreender. Eu fiquei muito encantada de conhecer lá. 
      Tem churrasqueira, então dá pra se divertir muito. Além de quadras de volley, standup, caiaque. É um fim de semana bem americano mesmo, pra quem está em Orlando acho que é um ótimo plus no roteiro se tiver tempo.
    • Por jpofreitas (GoTravel2Live)
      Viajar para a Europa é, sem dúvida, o sonho de muitos brasileiros, principalmente os famosos mochileiros, pois a partir do momento que você está na Europa, é possível viajar por vários países de uma maneira mais facilitada.
      Ao realizar a primeira viagem para o Velho Continente, é comum dúvidas surgirem sobre quais os documentos são necessários levar e como é todo o processo de saída. Por isso decidimos ajudar vocês com algumas dicas sobre o que antecede sua entrada na Europa e o momento da entrevista na imigração.
       
       
       
       

      Vamos às dicas para planejar sua entrada na Europa....veja o post completo:
       http://www.gotravel2live.com/dicas/o-saber-antes-de-viajar-para-a-europa 
       
       
×