Qual a melhor van pra construir um motorhome?


Você que está começando a pesquisar e procurar informações de como construir sua van motorhome?  Aqui no blog do Mochileiros.com nós organizamos todos os posts sobre esse assunto na tag vanlife. E porque vanlife? Porque esse é o termo usado mundialmente pra definir o estilo de vida de quem vive e viajar a bordo de uma campervan.

Campervan é como são chamadas na Europa e EUA, as vans convertidas na base do “faça você mesmo”.   Depois de ler este post, pesquise no Google por “Van Conversion“, que você irá encontrar uma infinidade de projetos de conversões de todos os tipos e em vans de vários modelos, sempre executadas pelos próprios donos.

Mas e no Brasil é possível fazer isso? Sim, é possível e nesse post mostraremos como fazer e qual é a melhor van para você!

Leis brasileiras sobre montagem de motor casa

A legislação brasileira atual não permite que você mesmo construa seu motorhome de forma artesanal. O caminho legal seria você comprar uma van zero e contratar uma empresa certificada pelo Inmetro (que são poucas e quase todas no sul do país), para fazer o projeto e a montagem, processo esse que no final eleva o preço de uma van zero convertida para um mínimo de R$ 300.000 na melhor da hipóteses.  Em algumas empresas a conversão chega a ser mais cara que próprio veículo zero quilômetro, algo impraticável para a grande maioria da população brasileira, pois os carros no Brasil já custam quase o dobro do preço, no caso do motorhome o valor seria quase o triplo.

Mas pera lá que estamos no Brasil…

Sim, alguns despachantes legalizam motorhomes “artesanais” através de um processo que não sai por menos de R$ 6.000.  Então você pode meter as caras e fazer o seu como fazem os gringos, mas se a ideia é mudar a estrutura original do veículo, não faça isso sem antes contratar um despachante que tenha experiência no assunto.  Sem a documentação de “motor-casa”, o veículo ficará a mercê dos agentes de trânsito e sujeito à multa grave e retenção até regularização, além de cinco pontos na CNH do condutor, com fundamento no artigo 230, VII do Código de Trânsito Brasileiro.  Pesquise no Google por “regularizar motor-casa” que você encontrá informações de como fazer isso.

Existe alguma forma de fazer uma campervan sem ter que gastar esse dinheiro com documentação?

Sim, o caminho mais econômico é comprar um furgão usado e montar sua van utilizando equipamentos portáteis sem mexer na estrutura do veículo.  Será um furgão transportando uma casa portátil na carroceria. Não há lei que te impeça de fazer isso.   Nós já mostramos aqui que é possível fazer uma  Kombi motorhome utilizando esse método e o mesmo se aplica a qualquer outro furgão.  E por quê precisa ser um furgão?  Porque legalmente você não pode desmontar uma van de passageiros para carregar qualquer outra coisa no lugar dos bancos. Se fizer isso terá que mudar sua documentação. Já um furgão tem a carroceria livre para carga e a carga nesse caso será sua “casa portátil”.  Nessa opção dá pra montar uma ótima campervan.

Qual é a van mais barata para montar um motorhome / campervan?

O carro mais utilizado no Brasil para esse fim obviamente ainda é a Volkswagen Kombi e pra quem já se decidiu por ela, nós fizemos um post especial sobre 8 coisas que você precisa saber antes de comprar uma Kombi para Viajar.  Ainda não há nenhum veículo disponível no mercado brasileiro com o mesmo custo benefício da Kombi. Os veículos disponíveis com espaço interno similar ou superior são bem mais caros. A única van que chega perto de uma concorrência direta com a Kombi é a Kia Besta, que deixou de ser importada para o Brasil desde 2006.

As vans de maior porte são no mínimo o dobro do preço da kombi e os carros 4×4, SUV’ s ou fugões menores, que também podem ser utilizados para esse fim, são geralmente mais caros e não possuem o mesmo espaço interno.  Para este fim, a Kombi ainda não possui um concorrente direto na mesma faixa de preço.  Talvez seja por isso que o interesse pelo veículo continue crescendo como mostra esse gráfico do Google Trends.

Qual é o consumo médio na estrada a cada 1.000 km de cada modelo?

Valores usados como base: 
Gasolina: R$ 5
Álcool: R$ 3
Diesel: R$ 3,50

  1. Kombi 1.6: Consumo 111 litros / gasolina (9 Km/l) = R$ 555
  2. Kombi Flex 1.4:  90 litros / gasolina  (11 Km/l) = R$ 450
  3. Kombi Flex 1.4:  133 litros / álcool  (7,5 km/l) = R$ 399
  4. Mercedes Sprinter: 100 litros / diesel (10 Km/l) = R$ 350
  5. MB 180d:  90 litros / diesel (11 Km/l) = R$ 315
  6. Iveco Daily: 90 litros / diesel (11 Km/l) = R$ 315
  7. Fiat Ducato: 83 litros / diesel (12 Km/l) = R$ 290,5
  8. Renaul Master: 83 litros / diesel (12 Km/l) = R$ 290,5
  9. Kia Besta 2.7: 66 litros / diesel ( 15km/l) = R$ 231

 

Então vamos à lista…

Os modelos Furgão listados aqui são veículos que podem ser conduzidos com carteira de habilitação categoria B, a mesma utilizada para dirigir carros de passeio.

Volkswagen Kombi

Kombi de Jah” convertida pelo viajante Murilo Braido – Foto: Murilo Braido

Preço: usados a partir de R$ 7.500
Prós:  Tração traseira, farta mão de obra, manutenção e peças baratas, possui uma comunidade de proprietários fanáticos em diversos países.
Contras: Faltam itens de segurança, mesmo os últimos modelos fabricados não possuem freios ABS e Airbags, modelos com motor 1.6 são beberrões,

Projetos de viagens com o carro:
Diversos! Confira na tag: Viajar de Kombi

Sites com opinião dos donos: aqui, aqui e aqui

Kia Besta

Os irmãos Luciano Maia e Fernando Maia e sua campervan Kia Besta – Foto: Badjao Trip

Preço: Usados a partir de R$ 9.000
Prós: Motor diesel econômico, bem recomendada pelos donos e a manutenção é considerada barata.
Contras: Difícil encontrar unidades com baixa quilometragem, os modelos maiores como a GS Gran 3.0 têm o mesmo preço de vans mais modernas.  Dificuldade de encontrar peças, não é mais importada para o Brasil desde 2006. Modelos com Motor 2.2 tem desempenho ruim.

Projetos de viagens com o carro:
Grande Viagem na Maionese: Um Italiano e uma cabo-verdiana rodaram 30.000 km pela América do Sul com uma Kia Besta batizada de Maionese
BadJao Trip:  Dois irmãos com uma Kia Besta em uma viagem pela América do Sul

Sites com opinião dos donos: aqui e aqui

 

Mercedes Benz 180D

Van “Bebete” do Canal Vanbora do músico Roger Farina – Foto: Canal Vanbora

Preço: usados a partir de R$ 10.000
Prós: Movida a Diesel, Espaço interno maior que a Kombi
Contras: Tração dianteira, Fora de linha, dificuldade de encontrar peças, motor com baixa potência e possui poucas unidades à venda, todas dos anos 1994 e 1995 quando alguns destes veículos foram importados da Espanha para o Brasil.

Projetos de viagens com o carro:
Vanbora:  o músico Roger Farina roda o Brasil com uma van Mercedes MB180, a Bebete Vanbora

Sites com opinião dos donos: aqui e aqui

 

Fiat Ducato / Peugeot Boxer / Citroen Jumper*

*Essas 3 vans são o mesmo carro com 3 marcas diferentes.

Fiat Ducato do Projeto Gente Feliz – Foto: Projeto Gente Feliz

Preço: usados a partir de R$ 25.000
Prós:   Motor econômico, fácil encontrar peças em países da América do Sul
Contras:  Manutenção considerada cara, tração dianteira,

Nota: Os modelos equipados com motor Multijet 2.3 16V (a diesel) fabricados entre 2011 e 2013 apresentaram trinca de cabeçote antes dos 40 mil KM, fato que gerou protestos de proprietários e foi alvo de investigação do ministério público de Minas Gerais. Por esse motivo teve a venda suspensa por alguns meses.

Projetos de viagens com o carro:
Projeto Gente Feliz: Projeto de um casal de atletas viajando pelo Brasil. 
Erico Roma: Uma fiat Ducato transformada em motorhome

Sites com opinião dos donos: aqui, aqui, aqui e aqui

 

Iveco Daily Furgone

Iveco Daily do projeto Trilhando Rotas

Preço: usados a partir de R$ 27.000
Prós: Tração Traseira,  possui 6 tamanhos de furgão, motor robusto, veículo utilizado em frotas de diversos serviços públicos e privados.
Contras:  Manutenção considerada cara, unidades com 10 anos de uso não saem por menos de R$ 50.000

Projetos de viagens com o carro:
Aventura pelas Américas: Casal de brasileiros viajou por 18 países em uma Iveco Daily Motorhome
NowHere Van: Casal holandês transformou uma Iveco Daily 1996 em Campervan
Trilhando Rotas:  Casal de brasileiros que está montando por conta própria uma Iveco Daily Motorhome

Sites com opinião dos donos: aqui

Mercedes Benz Sprinter

Mercedes Sprinter do Projeto Passa Fronteiras – Foto: Passa Fronteiras

Preço: usados a partir de  R$ 25.000
Prós: Tração Traseira, fácil encontrar peças e oficinas especializadas, mecânica robusta.
Contras:  Manutenção dos modelos mais recentes é considerada cara, unidades com 10 anos de uso não saem por menos de R$ 50.000

Projetos de viagens com o carro:
Expedição América do Sul: Uma viagem pela América do Sul à bordo de uma Sprinter
Passa Fronteiras: Casal viajou até os EUA em uma Sprinter ex-base da PM
Van com Tudo: Família viajou do Brasil até o Alasca com uma Sprinter Motorhome

Sites com opinião dos donos: aqui, aqui

Renault Master

Motorhome Renault Master que foi utilizada no projeto Rodando Pelas Américas – Foto: Rodando Pelas Américas

Preço: usados a partir de R$ 35.000
Prós: Motor mais econômico entre as vans de grande porte vendidas no Brasil, veículo bastante usado pelas montadoras brasileiras de motorhome,
Contras: Tração Dianteira, Manutenção cara.

Projetos de viagens com o carro:
Rodando pela Américas: Casal Brasileiro fez uma viagem de ida e volta para os EUA, à bordo de uma Renault Master

Sites com opinião dos donos: aquiaqui.

Qual a melhor van para montar uma campervan?

A mais barata

Volkswagem Kombi

Apesar de ser um carro do estilo “lata e motor”, ainda continua sendo o melhor custo/benefício. Com menos de R$ 20.000 você monta uma kombi campervan completa.

As mais robustas

Mercedes Sprinter

No mundo diesel é o que mais se aproxima da kombi no quesito facilidade em encontrar peças e manutenção, além de ser um carro robusto e com tração positiva traseira. Compre um modelo com motor 100% mecânico, os modelos mais novos possuem muitos componentes eletrônicos, o que faz elevar o preço e a dificuldade da manutenção.  

Iveco Daily
Por ter tração traseira e motor potente é um carro bastante robusto e confiável, mas apesar da marca ter crescido muito nos últimos anos na América do Sul e Brasil será complicado encontrar peças e mão de obra em locais afastados dos grandes centros.  A marca é uma subsidiária da Fiat que tem investido pesado no mercado sul americano e fabrica desde vans até caminhões de grande porte.  

A mais usada em projetos de motorhomes

Renault Master
Entre as vans com tração dianteira parece ser a mais confiável e talvez por isso tem sido muito usada na construção de novos motorhomes, além disso as marcas francesas são muito populares no Chile e Argentina, o que aumenta a chance de encontrar peças e manutenção em uma viagem por estes países. 

A mais econômica

Kia Besta
Vai ser muito difícil você encontrar uma Besta conservada e barata com menos de 150.000 km. Se encontrar terá que mudar a documentação dela para furgão, pois a maioria tem documentação para transporte de passageiros. Você vai ter dor de cabeça para encontrar peças, mas nada que não se resolva via internet e na pior das hipóteses, via importação, pois o carro ainda segue sendo fabricado em outros países com o nome de Kia Pregio.

As mais “complicadas”

Ducato / Boxer / Jumper
Não compre o modelo com motor 2.3. Se for por esse caminho tente encontrar uma usada com motor 2.8 100% mecânico com menos de 150.000 km, tarefa que não será fácil.

Mercedes MB 180d
Apesar de ser uma Mercedes, é uma van com tração dianteira e motor pouco potente. Você vai encontrar mecânicos pra consertar, mas vai penar pra encontrar peças,  é um carro que parou de ser fabricado em 1996 quando foi substituído pela Mercedes Sprinter.


1 comentário sobre “Qual a melhor van pra construir um motorhome?

Deixe um comentário

Log in

Esqueceu a senha?

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Enviando Arquivo…