Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Posts Recomendados

  • Membros

Ola gente, eu li bastante coisas a respeito a carta convite mas eu aina continuo com uma duvida enorme.

Vou para Alemanha e ficarei na casa de um amigo em Munique, o que exatamente ele deve escrever e onde ir para oficializar isso? Tem algum custo?

O mesmo acontecerá em Leeds em UK e em Roma na IT, o procedimento eh o mesmo?

 

Como estou indo sozinha, queria me certificar e me garantir com todos os documentos o quanto antes.

 

Obrigada desde ja. =D ::otemo::

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Membros de Honra

Na verdade, a carta convite costuma mais atrapalhar do que ajudar, pois quanto você apresenta a carta convite para o agente de imigração ele muito provavelmente vai lhe encher de perguntas, pois cartas convites são o expediente mais utilizado para quem pretende ficar lá ilegalmente.

 

Então a maioria das pessoas acaba fazendo uma reserva num hostel qualquer e cancelando depois que chega lá, o custo de pagar uma diária costuma ser menor e menos trabalhoso do que pedir para a pessoa fazer uma carta-convite, em alguns países tem que registrar ela na polícia e pagar uma taxa, e enviar pelo correio assinada, junto com a cópia do passaporte e visto de residência...

 

Mas caso opte pela carta-convite, na Inglaterra e Alemanha, pelo que eu sei, a carta não precisa ser "oficializada" na prefeitura ou polícia, basta que seja um carta simples, com todas as informações necessárias, assinar, anexar uma cópia do passaporte e do visto do seu anfitrião e enviar pelo correio para você. Na Itália eu não tenho certeza, mas parece que é igual, não precisa "oficializar" a carta, mas também não posso afirmar com 100% de certeza.

 

Os países que obrigatoriamente exigem "oficialização" da carta convite que eu tenho certeza são Portugal, Espanha e França...

 

Como provavelmente fará conexão e imigração em algum outro país diferente, caso opte pelas cartas convite peça para fazer todas elas em Inglês, pois se você apresentar uma carta-convite em alemão para o agente da imigração em Madri, com certeza ele não vai entender nada, já uma carta em inglês, em qualquer lugar eles irão entender.

 

Modelo de carta, que serve para os outros países também: http://www.brasileirosemlondres.co.uk/como-fazer-uma-carta-convite-de-imigracao-para-a-inglaterra/

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 2 semanas depois...
  • Membros

Tenho uma dúvida referente a essa carta convite também, passarei 15 dias em Portugal, iremos em um grupo de quatro pessoas sendo que uma delas já mora lá, vai passar férias aqui no Brasil e na volta dela para Portugal iremos com ela, precisamos da carta convite? No caso devemos alegar que vamos visitar esse amigo mesmo ele estando conosco, já que na imigração passa separado, ou devemos alegar turismo? O fato de alguém estar desempregado vai influenciar em algo na hora da imigração se ficarmos na casa desse amigo? É a primeira vez que viajamos para exterior e agora ficamos em dúvida sobre essa carta.

 

Obrigada desde já!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Vamos lá...

 

Devido grande volume de brasileiros que tentam entrar ilegalmente em Portugal, a imigração de Portugal costuma ser um pouco chata com relação a você estar desempregado, principalmente se for mulher e jovem, pois o tráfico de mulheres brasileiras para prostituição é bem grande em Portugal.

 

Não quer dizer que vão lhe barrar por causa de estar desempregada, mas seria interessante que você tivesse algum comprovante adicional que lhe ligue ao Brasil, como por exemplo uma declaração de matrícula em universidade ou escola, etc...

 

Quanto a carta convite, ela não precisa obrigatoriamente ser reconhecida em cartório, mas seria muito recomendável que fosse reconhecida num cartório português, para dar credibilidade a carta de convite. Caso a carta convite não seja registrada, é provável que chamem o seu amigo ao aeroporto, e possivelmente ele terá que assinar um termo de responsabilidade por vocês, e comprovar que está legalmente lá, e de que possui meios de arcar com a estadia de vocês todos.

 

Para mim, e acho que para qualquer outra pessoa que você for perguntar isto, visitar um amigo em outra cidade sempre foi e sempre será turismo. Então se vocês estiverem indo a Portugal, visitar o seu amigo, vocês estarão indo fazer turismo, e é isto que você tem que falar.

 

Sempre fale a verdade na imigração, pois os agentes são muito bem treinados em detectar mentiras, se ele desconfiar de que você está mentindo, já era!! Na melhor das hipóteses você passará por um interrogatório de 8 horas antes de ser liberado para entrar em Portugal, isto se for liberado...

 

Mais detalhes: http://www.conexaoportugal.com/2014/09/guia-definitivo-de-como-entrar-em.html

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Vamos lá...

 

Devido grande volume de brasileiros que tentam entrar ilegalmente em Portugal, a imigração de Portugal costuma ser um pouco chata com relação a você estar desempregado, principalmente se for mulher e jovem, pois o tráfico de mulheres brasileiras para prostituição é bem grande em Portugal.

 

Não quer dizer que vão lhe barrar por causa de estar desempregada, mas seria interessante que você tivesse algum comprovante adicional que lhe ligue ao Brasil, como por exemplo uma declaração de matrícula em universidade ou escola, etc...

 

Quanto a carta convite, ela não precisa obrigatoriamente ser reconhecida em cartório, mas seria muito recomendável que fosse reconhecida num cartório português, para dar credibilidade a carta de convite. Caso a carta convite não seja registrada, é provável que chamem o seu amigo ao aeroporto, e possivelmente ele terá que assinar um termo de responsabilidade por vocês, e comprovar que está legalmente lá, e de que possui meios de arcar com a estadia de vocês todos.

 

Para mim, e acho que para qualquer outra pessoa que você for perguntar isto, visitar um amigo em outra cidade sempre foi e sempre será turismo. Então se vocês estiverem indo a Portugal, visitar o seu amigo, vocês estarão indo fazer turismo, e é isto que você tem que falar.

 

Sempre fale a verdade na imigração, pois os agentes são muito bem treinados em detectar mentiras, se ele desconfiar de que você está mentindo, já era!! Na melhor das hipóteses você passará por um interrogatório de 8 horas antes de ser liberado para entrar em Portugal, isto se for liberado...

 

Mais detalhes: http://www.conexaoportugal.com/2014/09/guia-definitivo-de-como-entrar-em.html

 

Muito obrigada Adriano, sim eu faço faculdade, tenho como mostrar esses vínculos necessários, só fico com um pouco de receio em relação a carta e ao fato do desemprego, mas bora tentar né...Valeu pela ajuda, foi de grande utilidade viu!

 

Abraço! ::otemo::

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Obrigaada Adriano pela ajuda,

desculpe a demora, mas tenho tentado providenciar tudo antes para nao correr o risco de nda quando eu chegar la.

Outra duvida minha é sobre o seguro saude, nao eu fiz ele, e estava lendo e precisa ter!

Vc conhece algum lugar onde posso obter? mas que seja estrangeiro, pq moro fora do Brasil e vi q vc indicou um site para uma moca, mas era apenas saindo do Brasil.

Estou morrendo de preocupação sobre meus vistos, pois estou indo sozinha e sei que eles encrencam com tudo. Alias, em Uk o visto tb pega na hr com menos de 90 dias neh?

 

 

Obrigada. ::otemo:::wink:

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Quanto ao seguro, eu conheço a http://www.worldnomads.com

 

O visto de turismo até 90 dias no Reino Unido para Brasileiros é concedido na hora, lá no aeroporto mesmo.

 

Você vai viajar com qual passaporte? Se for o passaporte Brasileiro, o visto para entrar na Europa é concedido lá na hora no aeroporto, basta levar a documentação necessária, mas se você for viajar com passaporte emitido em outro país, as regras podem ser diferentes, dependendo do país emissor do passaporte pode ser necessário pedir visto antecipadamente, ou mesmo nem precisar de nada...

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

É eu cotei alguns seguros aqui, nao tinha nem ideia da necessidade dele, ainda bem que eu leio muitos posts aqui! hehe

A maioria ta em torno de 150AUD

 

Então vou com o passaporte do Brasil mesmo, apesar de morar na Australia, todas as minhas documentacoes sao brasileiras...

Eu soh fiquei preocupada pelo fato de dizerem que qnd mulher viaja sozinha a imigracao acaba pegando mais no pé, entao estou providenciando tudo antes para nao dar problema, e quanto as cartas convites, vou pedir soh msm da alemanha e em U.K ate onde eu vi nao exige tanta burocracia.

Muito obrigada pelas dicas, tem me ajudado muito a me organizar e tirar minhas duvidas.

::Ksimno::

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros

Pessoal Boa noite!!

 

Li sobre essa carta convite e sobre a não tão necessidade dela. Vou fazer um mochilao pela europa em Abril/Maio... Pretendo entrar pela Espanha mas já ouvi falar que eles dificultam muito a entrada de Brasileiros.

 

Meu roteiro será: Barcelona, Paris, Londres, Amsterdã, Berlin, Praga, Budapest e Roma.

 

Vou fazer reservas em Hostels na maioria desses países, alguns tentarei fazer couchsurfing.

 

Qual a real necessidade deu levar uma carta convite? tendo em vista que eu não tenho nenhum parente ou amigo para me receber, até posso conseguir, mas preferia não.

 

É realmente necessário? pois no site do Itamaraty diz que sim

 

( http://www.portalconsular.mre.gov.br/antes-de-viajar-1/alerta-aos-viajantes-1/espanha )

 

Obrigado!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros de Honra

Repetindo quase tudo novamente...

 

Obrigatoriamente você precisa comprovar que possui onde ficar ao menos na primeira cidade onde for ficar depois de passar por uma imigração, para o restante, você sempre pode alegar que não decidiu ainda e irá reservar depois. Sem esta comprovação de hospedagem, é bem provável que seja barrado no aeroporto e mandado de volta sem ter nem pisado na Europa.

 

Comprovação esta que pode ser feita de duas formas: reserva de hostel ou então uma carta-convite. Você não pode simplesmente chegar lá e falar que vai ficar na casa de um amigo, o agente de imigração vai querer todos os detalhes, endereço, telefone, numero do RG, etc, e uma declaração formal e assinada do seu anfitrião de que ele irá se responsabilizar por você, por isto da necessidade da carta convite, por meio da carta convite o seu anfitrião assume todas as responsabilidades por você. E por isto que é chato pedir carta-convite para alguém que não seja muito próximo de você.

 

Alguns países como Portugal e Espanha são mais chatos quanto a isto, costumam exigir a carta-convite assinada com todos os detalhes, autenticada num cartório Português ou espanhol e cópia dos documentos do anfitrião. Outros países são mais tolerantes, basta uma carta assinada com os detalhes do anfitrião e cópia dos documentos dele, não precisa ser autenticada em cartório.

 

Uma forma de evitar a necessidade de carta-convite, é fazer uma reserva num hostel qualquer, e cancelar depois que chegar lá, você vai pagar a primeira diária do hostel, mas costuma compensar só pelo fato de não precisar pedir carta-convite para alguém que não é muito próximo.

 

 

Por exemplo, num roteiro como o seu (Brasil > Madrid/Barcelona > Paris > Londres > Amsterdam > Berlin > Praga> Budapest > Roma) nesta sequencia e ordem ficaria assim:

 

- Madri/Barcelona: precisará obrigatoriamente de reserva de hostel ou carta convite para Madri ou Barcelona(a cidade onde você for ficar primeiro)

 

- Londres: Você precisa obrigatoriamente de reservas de hostel ou carta convite para Londres, pois você ira passar pela imigração para chegar lá e provavelmente irão cobrar isto.

 

- Amsterdam: Ao voltar ao Espaço Schengen você passa por uma nova imigração, e precisa de reservas de hospedagem ou carta convite ao menos para Amsterdam.

 

- Para o restante das cidades, não é obrigatório possuir reserva ou carta-convite, você sempre pode alegar que ainda não decidiu e que vai reservar 2 ou 3 dias antes de viajar para lá. Mas seria interessante ter, pois se o agente de imigração resolver implicar com você, possuir reservas para várias cidades costuma ajudar a provar de que você realmente vai fazer turismo e não está tentando entrar lá ilegalmente.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...