Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
james.vaquetti

Sudeste Asiático: Tailândia + Camboja + Indonésia + Conexões Turquia + Malásia + Singapura

Posts Recomendados

Relato de viagem

Sudeste Asiático

Roteiro:  Turquia / Tailândia / Camboja / Malásia / Indonésia / Singapura

1)      Planejamento

2)      Nossa experiência

3)      Custos

4)      Dicas

 

O texto a seguir relata apenas a nossa experiência, e não deve ser considerado como verdade absoluta. Desejamos que sirva apenas de inspiração ou que ajude na decisão de sua viagem.

Quem somos?

Um casal que optou por levar uma vida mais simples e investir seus esforços e dinheiro  em experiências pelo mundo.

Estamos no ano de 2018, eu (James) com 42 anos e minha esposa (Tati) com 37 anos, que juntos decidimos viajar pelo mundo para conhecer e aprender  com as diferentes culturas e pessoas.

1)      Planejamento

Definitivamente, não é fácil planejar uma viagem ao Sudeste Asiático, pois são tantos países diferentes, culturas e uma diversidade enorme. Aliado a isso, você precisa conciliar tempo e dinheiro.

Na minha humilde opinião, decida viajar e ir para aqueles lugares que tem a ver com você, ou que você tenha vontade de experimentar. Mas vá com uma mente aberta e prepare-se para aceitar novas perspectivas.

Quando decidimos viajar para Ásia, tínhamos duas coisas em mente:

Conhecer a cultura desses países e surfar.

Depois de meses pesquisando lugares, lendo sobre blogs de viagens, pegando dicas aqui e ali, traçamos um roteiro, que foi mudado algumas vezes, e chegamos aos principais países.

Iriamos para Tailândia, Camboja e Indonésia.

Agora era hora de achar a melhor e mais barata passagem para lá. Por sorte, eu e minha esposa temos  um trabalho que permite ser um pouco mais flexível.  Fiquei monitorando  passagens por meses antes da viagem. Assinei vários sites como Skyscanner, Kayak, Travelgenio, Expedia, Decolar, Melhores Destinos entre outros.

Já tinha decido que iriamos na segunda semana de Março e voltaria em Abril (num total de 28 dias). Iria para Bangkok primeiro, indo pela Ethiopian Airlines, que seriam quase dois voos seguidos, um de Guarulhos (SP) até Addis  Ababa  (Etiópia), com apenas 03 horas de conexão  e mais um voo para Bangkok, ou seja,  quase 23 horas voando.

Esse era o voo mais barato para Tailândia! Eis então, que surge uma promoção para Tailândia, indo pela Turkish Airlines, só que iria para Phuket, e com uma data diferente. Agora dariam 33 dias!  Reorganizei meu roteiro, calculei os custos e ajustei as datas e comprei quase que na hora as passagens. Era uma excelente oportunidade, pois esse voo iria para Turquia, e por ser uma escala grande daria direito à hospedagem grátis.  A diferença de preço em relação ao voo da Etiópia era muito pequena (cerca de R$ 400,00) diante do beneficio.  E dava uma quebrada no voo, pois chegava à noite, podia dormir ou sair e ainda tinha mais quase um dia para conhecer um pouco Istanbul  e continuar a viagem.

Nossos destinos escolhidos:

Conexão via Europa: Conhecer Istanbul (Turquia)

Phuket (Kata Beach - Tailândia): Não queria ficar em Patong e sabia que tinha uma piscina de ondas em Kata Beach. Conhecer  as ilhas Similan e  Hong Island.

Phi Phi: Conhecer Maya Bay e Bamboo Island.

Chiang Mai: Conhecer o santuário dos elefantes e um pouco mais da cultura local.

Ayutthaya:  Fazer uma viagem de trem

Bangkok: Conhecer os templos, palácios e mercados.

Siem Reap (Camboja):  Conhecer o complexo de templos Angkor Wat

Kuala Lumpur (Malásia): Conhecer a cidade, mesquitas, cultura e comida.

Bali (Indonésia): Surfar

Ilhas Gili (Lombok): Conhecer praias paradisíacas

Ubud: Conhecer a floresta dos macacos e a cultura local

Singapura (Singapura): Conhecer a cidade e um pouco da cultura indiana.

Nossa logística antes da viagem:

Comprado passagens ida e volta, agora era hora de planejar como faríamos os deslocamentos internos. Bom, optei por comprar quase tudo antecipadamente, pois sabia que teria apenas 33 dias de viagem e muitos lugares para conhecer. E não queria ter a mesma experiência que tive no Chile (perdi quase um dia todo, decidindo ir para o deserto do Atacama, de ônibus ou avião, e acabei pagando um preço mais caro).

Enfim, também pela internet, poderia ter tempo para pensar e tomar a melhor decisão, tanto em termos de tempo de deslocamento como valores.

Queria mesmo aproveitar quando estivesse lá, sem me preocupar se me venderiam o bilhete mais caro, ou se iria acabar comprando um transporte (voo / barco / ônibus) que não casassem os horários.

 

Nossa decisão nos deslocamentos:

Barco de Phuket para ilhas Phi Phi................................... (comprar ticket quando chegasse)

Voo de Phuket para Chiang Mai .......................................(compramos antecipadamente)

Trem de Chiang Mai para Bangkok................................... (compramos antecipadamente)

Ônibus de Bangkok para Siem Reap – Camboja................ (compramos antecipadamente)

Voo de Siem Reap para Bali – Indonésia............................ (compramos antecipadamente)

Trem em escala em Kuala Lumpur – Malásia..................... (compramos na hora)

Barco de Bali (Padang Bai) para Ilhas Gili – Lombok........... (comprei  em cima da hora)

Voo de Bali (Aeroporto de Denpasar) para Phuket............. (compramos antecipadamente)

Trem em escala em Singapura – Singapura......................... (compramos na hora)

Reservas e passeios:

O único passeio que reservamos antes da viagem, foi o dos elefantes em Chiang Mai (Patara Elephant).

Com as passagens compradas, ficou mais fácil de encaixar as hospedagens, pois agora sabia o dia de partida e os horários, como também a localização.

Reservamos a maioria pelo Booking.com, Agoda e Trivago.

Planejamos em média 04 dias (ou 03 noites ) em cada lugar.

Os vistos para o Camboja, fizemos pela internet um mês antes.

Nossas escolhas em hospedagens:

Istanbul (Turquia)..................................Gran Cevahir Hotel: 02 noites grátis pela Turkish Airlines

Phuket (Tailândia Sul)………............………Kata Beach Homestay: 03 noites

Phi Phi Don (Tailândia Ilhas)..................Phi Phi  Don Chuckit Resort: 03 noites

Chiang Mai (Tailândia Norte).................24 Guest House Homestay: 03 noites

Bangkok (Tailândia Centro)…………………. Lamphu House Bangkok: 03 noites

Siem Reap (Camboja)…………………………..Siem Reap Green Home Guesthouse: 03 noites

Bali (Indonésia Sul)……………………………….Hill Dance Bali American Hotel: 04 noites

Gili Trawagan (Indonésia – Lombok)...... Daily Gili: 03 noites

Ubud (Bali – Interior)..............................Sila Urip Guest House: 03 noites

continua...

DSC_1915.jpg

2)      Nossa  experiência

 

A escolha de ir pela Turkish Airlines foi a melhor, pois ganhamos um hotel (5 estrelas), com traslado de ida e volta e café da manhã. E ainda, pudemos conhecer mais um pouco da cidade de Istanbul. Valeu muito a pena, pagar um pouco mais (cerca de R$ 400,00).

Chegando em Phuket Airport, pegamos uma van compartilhada até o nosso hotel em Kata Beach.  Era longe e ainda o motorista não conhecia os hotéis, então, levou quase 03 horas para chegar. Relaxe e curta, você está do outro lado do mundo.

Conhecemos Similan Islands (que fica em Kao Lak). Você pega uma van às 06:00hs até o porto (que é bem longe), cerca de 03 horas e depois mais uma lancha rápida que demora mais umas 02 horas até chegar na primeira ilha. Passa umas horas em cada lugar e volta. É cansativo, mas a praia é insuperável, em termos de beleza.

 Conhecemos Hong Islands (que fica em Krabi). Sabia que estava longe, pois estava em Phuket, mesmo assim fui. Van de manhã cedo até o Pier, mais horas de barco até chegar em Hong Islands. Passa umas horas e vai para outros lugares como Panee Island, James Bond Island e um canion.

Surfamos na piscina de ondas em Kata Beach

De Phuket para ilhas Phi Phi:

Comprei no Hostel um pacote com barco ida e volta mais a van que levaria do nosso Hostel para o píer (Rassada Pier).

De Phuket para Chiang Mai :

Fomos de avião pela Air Ásia, pois o preço era muito próximo de ir de ônibus + trem + van. Além de ser mais rápido, era menos complicado, pois carregava uma mala grande, uma pequena e mais uma mochila. O único inconveniente, que dormiríamos no aeroporto. Durante a pesquisa, vi que o voos que saiam a tarde,  ficava com um horário muito restrito. E os voos da noite eram muito mais caros, e que na opção do dia seguinte pela manhã era muito mais barato. Dormimos no aeroporto!

De Chiang Mai para Bangkok:

 Fomos de trem, na segunda classe (sleep train), sem ar condicionado, saindo às 15:30h de Chiang Mai. Iria para Bangkok, mas como queria conhecer Ayutthaya, comprei  direto prá la e depois outra passagem convencional  (bem barato). Foram 13 horas de viagem.

De Bangkok para Siem Reap – Camboja:

Fomos de ônibus direto para Siem Reap. Foram cerca de 04 horas da Kao San Road até a fronteira  (onde você desce, faz a imigração, e volta para o mesmo busão) e mais 04 horas até Siem Reap.  A nossa imigração foi rápida, acho que não deu uma hora e meia todo mundo.

De Siem Reap para Bali – Indonésia:

Fomos de avião pela Air Ásia, com uma escala em  Kuala Lumpur (Malásia). Onde pegamos um trem rápido EKspress  e fomos conhecer a cidade.

Cuidado com transito em Kuala Lumpur. Do aeroporto para cidade de trem leva cerca de 30 a 40 minutos.  Mas no final da tarde o transito na cidade dá uma travada.

De Bali (região de Uluwatu) para Ilhas Gili – Lombok (comprei  em cima da hora):

Nessa me ferrei! Cheguei à 13:00hs no píer (Padang Bai) e diziam que o ultimo barco para ilhas Gili saia às 13:00. Iria comprar na Wahana Gili Fast Boat, já tinha pesquisado que era seguro e o preço o mais barato.  Mas como estava em cima da hora o cara da primeira agencia me pegou, nem pechinchei nem nada. Fui pela Ekajaya Fast Boat, ela é muito boa , mas paguei bem mais caro.

De Gili (Padang Bai) para Ubud (comprei na hora):

Outra vez, me ferrei! Acho que levei um golpe, pois tinha comprado na Ekajaya, com transporte incluso para  Ubud. O cara falou que primeiro iria para Denpasar e que depois levaria para Ubud (iria dar umas 03 horas), mas de van  levava cerca de 1:30h. Fui de van, depois com calma, vi que me precipitei.

De Bali (Aeroporto de Denpasar) para Singapura:

Fomos de avião pela Jet Star, saímos à noite de Bali, chegamos de madrugada no Aeroporto de Changi. Ao amanhecer pegamos o metro e fomos conhecer Little India.

 

 

 

 

 

3)      Custos  (valores em 2018 /Fev à Mar)

Os valores de passagens aéreas podem ser diferentes, de acordo com o dia e a hora que você escolher.

Isso também aconteceu no trem de Chiang Mai para Bangkok. Comprei pela Thailand Ticket pela internet. Eles entregam a passagem no hotel que você indicar.

 

 

 

Passagem Aérea:

Brasil (GRU) x Tailândia (HKT)................Turkish Airlines.......US$ 1980,00 (R$ 6613,20) casal

IOF (comprado no cartão de crédito)....................................US$ 126,00 (R$ 421,91)

Phuket (HKT) x Chiang Mai (CNX)…………Air Asia…………………….….THB 3962,60 (R$ 436,50) casal

IOF (comprado no cartão)……………………………………………………………........…………..R$ 27,85

Siem Reap (REP) x Bali (DPS)………………………….Air Asia………………….....……………..R$ 964,45 casal

IOF……………………………………………………………………………………………………......………….R$ 61,53

Bali (DPS) x Phuket (HKT)……………………………….Jet Star……………………......………….R$ 1041,42 casal

IOF.........................................................................................................................R$ 66,44

 

Outros Deslocamentos

 

 

Trem de Chiang Mai (Rail Station) x Ayutthaya..................................................R$ 176,27 casal

IOF………………………………………………………………………………………………...........…………R$ 11,25

http://www.thailandtrainticket.com/trainticket/index.asp

Trem de Ayutthaya x Bangkok........................................................................THB 20,00 (R$ 2,00)

Ônibus direto de Bangkok  x Siem Reap (Camboja).................Giant Ibis.........US$ 66,00 casal

http://giantibis.com/

Barco de Phuket para Phi Phi   (comprei em pacote com Van+barco no hotel)

Barco de Bali (Padang bai) para Gili Trawagan...............Ekajaya...........Rupias 1300,000,00 casal

http://ekajayafastboat.com/

Tuk tuk no Camboja  (Angkor Wat)..................................................................................US$ 8,00

Carro com motorista (dia inteiro) na Indonésia (Bali)...................................550.000 Rúpias casal

Contato do motorista : I KETUT PURANA + 62 81 558 000 523 (whatsapp)

OBS: Fiz um passeio quando estava indo embora de Bali (depois do checkout do hotel), durante o dia inteiro, deixava todas as minhas bagagens no carro e íamos visitar os templos e as praias.

 

 

 

 

 

4)      Dicas

 

Não se esqueça de calcular (adicionar ao seu orçamento) os valores de IOF nas compras de cartão

Eu fiz 07 saques em caixas eletrônicos, onde foram US$ 3,00 por saque.

Tailândia

Esteja preparado para os passeios distantes, na Tailândia, pois os lugares mais incríveis ficam realmente muito longe (Similan Islands e Hong Island).

O volume de turistas é imenso, dificilmente você estará só nas principais atrações.

A comida na Tailândia é realmente muito boa. Eu e minha esposa comemos em restaurantes médios, baratos, comida de rua, barraquinhas e não tivemos nenhum problema.

Com exceção de Singapura e Malásia, você provavelmente sentirá um cheiro de esgosto.

O cheiro da água (chuveiro e da pia do banheiro) em Phi Phi é ruim mesmo.  Ouvi muita gente falando para escovar os dentes com a agua mineral. No começo fiz isso, depois de 02 dias já estava usando a água mesmo da torneira. Só não bebia.

Camboja

Fizemos a fronteira a pé (busão). Assusta a pobreza nessa região, mas foi tranquilo.

O Camboja faz um calor do capeta.  Dava 11:00h até 15:00h era insuportável, e olha que estamos acostumados com calor e alta umidade.

Compramos o passe de um dia em Angkor Wat (fomos de madrugada para ver o nascer do sol até as 11:00 e depois das 16:00 até entardecer). Achei que foi suficiente, pois você se cansa de ver tantas ruinas. Fomos aos principais (Angkor / Bayon / Tá Prom).

Três dias foram suficientes em Siem Reap, no terceiro fiquei à toa. Tem um passeio em um lago para ver uma comunidade em palafitas. Não me animei.

Kuala Lumpur é incrível, tem uma arquitetura bem diferente, e tudo muito limpo e organizado.

Singapura, fui apenas para Little India, um lugar muito limpo e organizado. Fácil de chegar pelo metro.

Indonésia

Em Bali, Indonésia, você se sente parte de lá. Optamos por ficarmos mais afastados do tumulto de Kuta e Seminyak,  próximo à uma praia chamada Balangan.  

Nusa Penida tem uma praia que nunca vi igual, chamada Kelingking. As estradas são horríveis, e também é longe. Fiz um passeio de carro com motorista por Broken Beach, Billabong Angels e Kelingking.

Em Lombok, Gili Trawagan, é uma das melhores opções. Fiz um passeio nas outras duas ilhas (Gili Meno e Gili Air).

Os templos na Indonésia (Bali) são muito diferentes da Tailândia, e você não pode entrar como nos da Tailândia.

Sinceramente, em Uluwatu Temple, não vi nada de especial. Tirando à vista e o por do sol que são incríveis. Até os macacos são agressivos.

Quer ver macaco e se divertir, vá para Floresta do Macacos em Ubud.

Um templo que me surpreendeu foi o Tirta Empul (do ritual das águas).  Fizemos o ritual de purificação, e foi uma experiência inexplicável.

Outro templo muito legal é Ulun Danun Beratan (Templo do Lago).

  • Gostei! 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, pretendo fazer exatamente esses três países em Outubro, vou ter 35 dias disponíveis para a viagem...mas não tô sabendo por onde começar !! 

Estou monitorando as passagens desde o início do ano, e tá beeemm caro. Inicialmente pretendo sair do BR até Bangkok, aí faria alguns deslocamentos por lá com as low costs, cerca de 10 dias, e então iria até o Camboja e depois até a Indonésia, com cerca de mais 15 dias. Porém não sei se é interessante($$$)  terminar a viagem em Bali e retornar de lá para o Brasil, ou então voltar até a Tailandia e aí então pegar o vôo de retorno.

Nunca fui pra Ásia, mas a atmosfera e todo o clima daqueles lugares que a gente vê em fotos, tem me atraído cada dia mais...

Grande Abraço !!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, se você tiver oportunidade de ir, vá! Eu passei 03 anos lendo, estudando os lugares, vendo fotos, videos, blogs e tudo mais.Lá é muito diferente de tudo que você já viu. A Ásia é um caldeirão de contrastes, você vai ver de tudo.

Eu fiz esse roteiro ai, Tailândia (fui para Phuket ao invés de Bangkok porque apareceu uma promoção), depois de busão para o Camboja, e de lá para Indonésia. Nos voos internos peguei as low costs, e eu e minha esposa inventamos de fazer escalas longas em Kuala Lumpur (Malásia) e Singapura (Singapura), assim conhecemos outras cidades.

Em relação à custo, só calculando mesmo. Eu achei mais barato ir e voltar pela Tailândia, pois passagem para Indonésia é muito mais cara. Ficamos 15 dias na Tailândia, 03 no Camboja e 12 na Indonésia.

Eu voltei recentemente, então estou tentando postar algumas informações. Qualquer dúvida, só perguntar.

Abraço Cleber.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara, estou prestes a comprar as passagens, então gostaria de saber...vc acha melhor reservar hotéis/hostels daqui do Brasil mesmo, ou não tem problema em arrumar acomodação por lá? E passagens de Bangkok para Bali, compro lá ou já reservo daqui do Brasil?  Acho que vou ficar menos tempo na Tailândia e mais tempo na Indonésia, e talvez só uma passada no Camboja. O que tu acha?

Abraço !!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala ai Cleber, tudo beleza?

Então, eu deixei hotel e voos comprados daqui do Brasil, pois tinha pouco tempo em cada cidade, e não queria perder tempo procurando lugar para se hospedar. Dos lugares que passei, o que acho que tem que reservar mesmo é em Phi Phi, porque a ilha é pequena. No Camboja, fiquei 03 dias e mas dava pra fazer em dois (só fui pro Angkor Wat). Comparando Indonésia e Tailândia, fica difícil, pois são lugares diferentes e exóticos. Os templos na Tailândia e a comida são melhores, também tem as praias, mas o clima e as pessoas na Indonésia são incríveis. Eu gostei da Indonésia porque surfo, mas em termos culturais acho que a Tailândia tem mais opções.

Abraços.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×