Aérea vai testar “beliches” na classe econômica


A companhia aérea neozelandesa, Air New Zealand lançou o protótipo de camas cápsula – uma espécie de beliche – para viajantes da classe Econômica.
A empresa que opera alguns dos voos mais longos do mundo deverá colocar as 6 camas em funcionamento em outubro, nos voos Auckland – Nova Iorque, que têm duração de quase 18 horas.
Segundo Mike Tod, diretor de marketing e atendimento ao cliente da Air New Zealand, “um ponto claro para os viajantes econômicos em voos longos é a impossibilidade de se esticarem. O desenvolvimento do Economy Skynest é uma resposta direta a esse desafio”.
Chamado de ‘Economy Skynest', o equipamento já teve patente e marca registradas e foi resultado de três anos de pesquisa e desenvolvimento.
A decisão final sobre a operação definitiva do Economy Skynest será tomada no próximo ano, após avaliação do seu desempenho do funcionamento neste ano inaugural.

Confira imagens da “beliche” no vídeo abaixo:

Pretende-se que cada cápsula inclua um travesseiro, lençóis e cobertor, tampões para os ouvidos, além de cortinas de privacidade e iluminação projetada para dormir.
Segundo comunicado da companhia, eles ainda estão explorando outros recursos como luz de leitura individual e tomada USB, por exemplo.

air new zealand skynest 1
Foto: Divulgação.

Deixe um comentário