Bloukrans Bridge – África do Sul- O maior Bungy Jump de ponte do Mundo!

Bloukrans Bridge – África do Sul- O maior Bungy Jump de ponte do Mundo!


O Bungy Jump da Bloukrans Bridge está na área do Tsitsikamma National Park. Essa famosa ponte em formato de arco fica na Garden Route sobre o vale do rio Bloukrans e possui 216 metros de altura, sendo reconhecida por possuir o “bungy mais alto de uma ponte” no mundo. O Bloukrans Bungy usa a tecnologia de bungy pendular para garantir o melhor e mais confortável bungy jump possível. Jumpers são protegidos em um arnês de corpo inteiro combinado com uma conexão de tornozelo.

 

O Bloukrans Bridge conta ainda com uma série de recordes mundiais. Em 2003, Bloukrans bungy foi reconhecido como o salto comercial mais alto do mundo (hoje o mais alto está na Nova Zelândia). Em 2008, fez parte de dois recordes mundiais: Veronica Dean realizou 19 saltos em uma hora e Bill Boshoff realizou 101 saltos em um período de 24 horas, recorde que foi posteriormente quebrado por Scott Huntley com 107 saltos no período de 24 horas.

 1- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Trecho do Blog Quero Mochilar, onde há um post bem mais completo com orçamentos e vídeos: www.queromochilar.com.br 

Como chegar?

A Bloukrans River Bridge, fica as margens da N2 Highway, sendo parte da Rota do Jardim (Garden Route), parada fácil até mesmo para aqueles que não desejam saltar e querem somente conhecer o lugar.

Em relação as principais cidades a distância é:

  • Jeffreys Bay: 125 km – 1h 15min
  • Plettenberg: 38,6 km – 30 min.
  • Cape Town: 561 km – 6h20min

Este lugar é uma ótima combinação com o Tsitsikamma National Park, pois fica a menos de meia hora da portaria do parque, no sentido Cape Town, sendo caminho para quem inicia a rota do Jardim, por esta região.

ROTEIRO

Horário de funcionamento: Diariamente das 9h00 às 17h00.

Valor: R 950 ( R$ 285,00 ) – Caso queira fazer outro salto, o próximo pode ficar até 75% mais barato.

Dica: O melhor é fazer a reserva antecipada pelo site da Face Adrenalin. Pode até sair mais barato em algumas ocasiões.

Sobre o Bloukrans Bridge…

Cheguei na Bloukrans Bridge já era umas 13h00, a ansiedade era enorme, e não tinha nada reservado. Por isso corri para a recepção para pegar a próxima turma.

O lugar do salto tem uma ótima infra estrutura, que conta com: restaurante, banheiros, áreas de repouso e ainda um mirante para o vale onde acontece os saltos. Recomendo conhecer tudo depois de já ter comprado seu pulo, para não perder a próxima saída.

Eu adquiri meu ingresso na mesma hora, não era temporada e foi tranquilo.

2- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Recepção: Onde compramos nossos ingressos.

2.1- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Já com alguns dos equipamentos só esperando a chamada para a ponte.

Como funciona o Salto?

Os agendamentos são para até 20 pessoas por turma, e cada turma parte para a ponte de hora em hora.

Assim que efetivar o pagamento e preencher o formulário se responsabilizando pela sua morte (rs), você vai para a preparação.

Na preparação eles fazem a sua pesagem e marcam as informações na sua mão. Esta pesagem servirá para agilizar o processo e definir a corda ideal para o seu salto de acordo com seu peso. Por isso mesmo,  não é possível escolher a ordem dos saltos, que vai de acordo com a ordem dos pesos da turma.

 4.2.1- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Meu peso e corda.

Neste quiosque da pesagem já vestimos também o equipamento que envolve as pernas, a cintura e os ombros. Tudo pronto seguimos para a ponte.

Antes de entrarmos na ponte há uma parada onde recebemos as principais orientações para o salto.

Uma delas é: Ao saltar, pegue impulso e se jogue o mais longe possível. Evite pular reto (foi o que fiz).

Poderia dizer que fiz assim só para ilustrar para o Blog o jeito errado pra vocês não fazerem, ou que fiz do jeito mais perigoso por que sou corajoso, mas a verdade é que sou atrapalhado mesmo….kkkkk.

Vamos lá…

Tinha pensado comigo que não olharia para baixo até saltar, mas é impossível. A passarela que vamos para a ponte é de um piso vazado, onde vamos vendo tudo lá embaixo. E nesta hora que a tensão começa a aumentar e o coração a vir para boca. Se for desistir, será nesse momento, aposto!!

Quando estamos na área do pulo, recebemos mais instruções rápidas e é passada a ordem dos saltos.

4- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Área do Salto. Observe o monitor ali em cima onde você pode assistir quem saltou.

4.2- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Equipe que saltou!

A equipe do Face Adrenalin é super profissional e passa muita segurança. Antes do salto estamos escutando músicas animadas e altas, e é criado um clima maneiro que ajuda a relaxar e pegar coragem.

Em meio a músicas e brincadeiras, lá foi a primeira pessoa, e ela era minha amiga – Luana.

Que saltou calma, pulou certinho como se estivesse em um piscina, e foi um lindo e corajoso salto (pena que não tenho foto). Eu vendo fiquei super nervoso, não parava de rir, mas era medo eu acho…rs. Enquanto a pessoa está lá embaixo, nos podemos ver tudo pelo monitor. Tente filmar o monitor, se não vai comprar o vídeo.

Um por um foi indo, até a minha vez: Fui o último!

É um processo de produção o pulo, enquanto um salta a equipe prepara o próximo. Jumper resgatado, pula o próximo.

Chegou minha hora…

Antes de saltar o coração vem na boca e bate forte, muita tensão.

Você fica sentado em um banco ao lado da plataforma enquanto amarram a proteção da corda envolta nas pernas e pés.

4.3- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Preparação.

4.4- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Amarração principal. Até aqui fui com as minhas botas Ecosafety.

Tudo pronto, vão levar você lá para beirada (juro escrevendo este momento meu coração bateu mais forte só de lembrar… revivi). Agora você não anda mais e dois caras da equipe envolvem seus braços no pescoço deles e você vai saltando até a beirada da plataforma.

 4.5- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Quase…

Seus pés ficam metade para fora e metade para dentro, você tem que flexionar o joelho e saltar!

E agora: Como não olhar para baixo??? E quando você olha, você se borra todo…rs.

Outra: Como pegar impulso assim??

Flexionei os joelhos e só escutei em inglês: 3, 2, 1 … Três segundos eternos, que passou pela minha cabeça incontáveis coisas: pula logo, flexiona, vai agora, espera… preciso de mais um tempo….

Mas depois do One (1), seu pé já meio para fora, eles dão um leve empurrãozinho no braço, e eu fui, sem nem mesmo perceber muito bem que estava indo.. meio que desequilibrei…rs. Com as pernas dobradas tremendo na tentativa de flexionar para pular, fui reto, do jeito errado, por isso digo que cai do Bungy, não saltei, e foi um Bungy Falling (Queda de Bungy Jump).

5- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Oh dó de mim, com as pernas flexionadas….kkkkk Juro que ia saltar.

5.1- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Lá fui eu…

5.2- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Abri os braços só agora…kkkkk.

O “trem” é alucinante! Pelo tempo ligado da Gopro a duração da queda a ser resgatado são apenas 4 minutos e meio, mas a sensação é de uns 15.

A queda é super rápida, coisa de um minuto e a melhor hora para mim é o primeiro “tranco”, quando a corda te puxa de volta…. loucura!!! Dá pra ver certinho na minha filmagem da GoPro.

Conforme vamos caindo, a música some, e a única coisa que escutamos é o vento e nosso berro…rs. Aos poucos a sensação de medo é tomada por uma descarga de adrenalina incrível, sério, penso que fiquei com aquela adrenalina toda mais de um dia no corpo.

Quando finalmente para, para mim é o pior momento, pois ficamos pendurados olhando aquele monte de pedra, árvore e água lá embaixo, e só torcendo para ser resgatado logo. A sensação de que suas pernas vão escorregar do equipamento e que você vai cair não sai da mente.

O alívio só chega quando do nada esbarra comigo o instrutor, que desce em um cabo com uma cadeirinha. Já grudei nele. Na hora que ele chegou assustei, e se não fosse a cordinha bem amarrada minha GoPro tinha ido abismo abaixo…rs.

O cara vai conversando com você o tempo todo, para te tranquilizar e distrair. Agora vamos subindo como em um Rapel até a ponte, pelo lado oposto do salto.

5.3- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: O funcionário me distraindo com um bate papo.

Quando chegamos e nos sentimos seguro é uma alegria enorme!!

5.4- Bungy Jump África do Sul Quero Mochilar

Foto: Pura adrenalina…rs.

Ufa, deu tudo certo, estamos sãos e salvos e muito orgulhosos da nossa coragem.

Gostou? Quer saber mais detalhes como custos, horários etc destes destinos… ou saber mais de outras atrações de Belém, então acesse o www.queromochilar.com.br e saiba mais.

 Siga o Quero Mochilar no Instagram.



Deixe um comentário

Log in

Esqueceu a senha?

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Enviando Arquivo…