Carnaval de São Paulo tem recorde de blocos e cordões inscritos


O carnaval de rua da capital paulista terá número recorde de blocos e cordões em 2020. A prefeitura recebeu a inscrição de 865 blocos e cordões, número 55,5% superior ao dos cadastrados para o carnaval de 2019.
O carnaval de rua em São Paulo ocorrerá no período de 15 de fevereiro a 1º de março.
Segundo a prefeitura, a quantidade de blocos inscritos indica a possibilidade de o carnaval de rua de São Paulo se tornar, em 2020, o maior do país. De acordo com a administração municipal, os blocos inscritos são predominantemente tradicionais: de marchinhas, carimbó, forró, toadas, e rancho. Também haverá participação de grupos com estilos como soul music, eletrônico, sertanejo, hip hop e rock.

Em edição passada, Elba Ramalho animou Carnaval na cidade de São Paulo, que em 2020 terá 55,5% mais blocos que no Carnaval 2019 | Foto: Fernanda Cruz/Agência Brasil.

“Nossa festa é a cara da cidade, construída pela tradição cultural dos blocos de São Paulo nos últimos anos, no modelo de carnaval livre, democrático, descentralizado e organizado que está se tornando referência, com artistas da cidade e de todo o país”, disse o secretário municipal de Cultura, Alexandre Youssef. De acordo com ele, no ano que vem, Sâo Paulo terá um carnaval maior, mais espalhado pelas regiões e com trajetos descentralizados e “preenchendo todos os dias da festa com mais harmonia”.

Texto: Bruni Bocchini/Agência Brasil e Redação.
A foto (da home e) que traz até este post é de Jason Dent/Unsplash.


Deixe um comentário