Depois de um sabático eles viraram nômades digitais e ajudam executivos em novas jornadas


Há 7 anos, Flávia Tavernari e Cícero Andrade pediram demissão de seus “excelentes empregos no Brasil” para tirar um ano sabático tendo como base Dublin, na Irlanda. Além de viajarem muito, fizeram trabalhos voluntários, investiram numa pós graduação e depois disso acabaram se recolocando no mercado no exterior.
Apesar da carreira bem sucedida no Brasil eles que tinham uma carga horária de 12 a 14 horas por dia, se dividiam entre viagens, compromissos da empresa e vida pessoal. Até que Cicero foi duas vezes para o hospital com suspeita de infarto, ápice de sua Síndrome de Burnout. Neste momento se deram conta que algo estava errado e começaram a planejar minuciosamente aquele ano que mudaria suas vidas.
Hoje o casal ajuda “executivos insatisfeitos a planejarem seus novos caminhos e realizarem seus sonhos” através do que chamam de “consultoria em Estratégias de Grandes Mudanças”. O trabalho é desenvolvido para pessoas que queiram gerar movimentos nas suas vidas profissional e ou pessoal. Para isso criaram em 2016 uma empresa a “O Sabático”, com sede em Dublin.
Flávia e Cícero escolheram Malta para o “test drive” da vida nômade. Aqui eles contam um pouco dessa experiência.
Mais sobre a história e o trabalho de consultoria deles pode ser conferido no site, Facebook, Instagram e YouTube.

Flávia e Cícero são especialistas em estratégias de mudanças e carreira | Foto: Divulgação.

Categorias Blog

Deixe um comentário