Gramado e Natal Luz – Como conhecer a Serra Gaúcha gastando pouco


Fim do ano chegando e para quem planeja conhecer Gramado e a Serra Gaúcha a hora de planejar é agora, ou as coisas ficarão complicadas ($).

E como economizar na alta temporada em um dos destinos mais caros do país?

Vamos lá para as dicas..

1- Ficar em hotel ou pousada?

Nenhum…

Procure por aluguéis de imóveis, a não ser que realmente queira conforto e relaxar. Nas plataformas de aluguel de casas, você encontra ótimas opções de preços e ainda pode dividir com seus amigos e familiares, assim sua diária sai baratinha. Ficamos quase 100% do tempo na rua, para que pagar caro em luxo se seu objetivo não é relaxar?

Uma dica é essencial para escolha da sua hospedagem: Priorize se hospedar no centro, para não pagar por deslocamento.

2- Como se deslocar pela região? 

Use e abuse de transfers: Há várias agências nas cidades que fazem transfers desde o aeroporto de Porto Alegre até para vários outros lugares da cidade e região, com isso, se não for de carro, não precisa alugar um.

Há também ônibus de turismo que passam por todas as atrações de gramado e canela, sendo uma ótima pedida para quem está sem automóvel.

E para finalizar… Há Uber na cidade… rs.

3- Como fazer com as atrações que são caríssimas?

Compre com antecedência as atrações, principalmente as de maior procura, como o Snowland, cujo as filas para comprar na entrada nesta época são enormes e te farão passar um tempo precioso na fila.

Outra dica é pesquisar, pois algumas agências fazem combinações de entradas dos passeios (combos), onde você pode economizar uma graninha comprando várias entradas juntas e ainda dividir em várias vezes sem juros.

IMPORTANTE: Aguarde o Blackfriday, a última semana de novembro sempre tem várias promoções.

Ganhe algumas atrações: Em Gramado é cheio de “tocaia” do tipo: Deixe eu apresentar um novo empreendimento da cidade pra você, que te damos um ingresso, e no final tentam vender cotas para você. Você acaba que perde um tempo precioso nestas apresentações, uns 40 minutos a 1 hora, mas ganha uma entrada de aproximadamente R$ 30,00 – R$40,00 reais para a família toda. Se tiver um tempinho livre, vale ganhar estes ingressos.

4- Como comer barato?

É bem difícil comer barato aqui, ainda mais com tantas delícias, e afinal, não podemos deixar de nos dar alguns prazeres como o fondue.

Há fondue de todos os preços, e penso que as diferenças de preço não pagam a experiência. Há desde R$ 100,00 / pessoa a R$ 40,00 / pessoa, e há ótimos nesta faixa de preço menores. Não se apegue em ir nos dos melhores da cidade, pois a experiência é praticamente a mesma, só muda o valor.

Outras dicas:

  • Se alugar uma casa, pode fazer algumas das refeições por lá, e assim evitar comer tanto só na rua. Eu em viagens sempre pulo uma das refeições…rs.
  • Compre produtos alimentícios típicos da região na Praça das Etnias, lá tem muita coisa de qualidade há ótimos preços.

Quer saber mais e programar sua viagem?

O Quero Mochilar tem um roteiro prontinho de 5 dias pela região, com Gramado, Canela e o famoso passeio de Maria Fumaça na Serra Gaúcha.

Borá saber mais detalhes nos roteiros completinhos…


Deixe um comentário

Log in

Esqueceu a senha?

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Enviando Arquivo…