ICMBio reabre mais três parques nacionais no nordeste


Os parques nacionais do Catimbau (em Pernambuco), de Ubajara (no Ceará) e de Abrolhos (na Bahia) foram reabertos para visitação pública pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) no início do mês.
De acordo com o instituto, em todas as unidades, a reabertura é gradual e monitorada, seguindo cumprimento dos protocolos de segurança sanitária.

Parque Nacional do Catimbau (PE)

O parque, também conhecido como Vale do Catimbau é o segundo do estado (o primeiro é o de Fernando de Noronha, que já foi aberto para visitação, mas somente para quem já teve Covid-19, mais informações aqui) e abrange municípios entre o agreste e o sertão pernambucanos.
Dentre as regras a serem seguidas nesta unidade está a de o número de visitantes nas trilhas ter no máximo 10 pessoas por condutor/guia, respeitando o espaçamento mínimo de 2 metros entre as pessoas; micro-ônibus ou vans devem respeitar 50% de sua capacidade, já os carros particulares devem ter no máximo 4 passageiros.
Não será permitida a visita a áreas onde existam comunidades indígenas ou populações tradicionais.
Além da beleza cênica de suas formações, o parque conta com registros de pinturas rupestres. São mais de 42 sítios arqueológicos catalogados, sendo este o segundo maior parque arqueológico do Brasil, atrás somente da Serra da Capivara, no Piauí.
Outras medidas de prevenção a serem adotadas no Parque Nacional do Catimbau podem ser conferidas aqui.

catimbau guilhermejofili CC

Formação no Parque Nacional do Catimbau | Foto: Guilherme Jófili/Flickr-Creative Commons (CC BY.2.0)

 

Parque Nacional de Ubajara (CE)

Nesta unidade de conservação foram reabertos o Roteiro Histórico Cultural, o complexo da Trilha da Samambaia (acesso ao Mirante Gameleira e Cachoeira do Cafundó) e a Trilha de Bike nos primeiros 30 dias. A partir do 31 º dia, a Cachoeira do Gavião deverá ser reaberta.
O ICMBio divulgou que durante os 30 primeiros dias de reabertura o acesso ao Ubajara deverá ser de até 350 pessoas por dia, sendo até 200 com entrada entre 8h e 12h e até 150 entre 13h e 17h.
Do 31º ao 60º dia o acesso será limitado a 500 visitantes por dia, com entrada das 8h às 17h. Do 61º em diante, o acesso se dará conforme regulamento normal do parque.
Grupos de no máximo 8 pessoas poderão acessar cada atrativo, devendo ser dado intervalo de 20 minutos entre o acesso de um grupo e outro. O uso de máscara de proteção será obrigatório durante todo período de visitação à unidade.
O local tem importantes formações espeleológicas, paleontológicas e arqueológicas. Por enquanto, o acesso à atração mais famosa do parque, a Gruta de Ubajara está proibido.
Outras medidas de prevenção a serem adotadas no Parque Nacional de Ubajara podem ser conferidas aqui.

chapadadeubajara Anderps CC

Chapada de Ubajara | Foto: Anderps/Creative Commons (CC BY-SA 3.0)

 

Parque Nacional Marinho de Abrolhos (BA)

Nesta unidade o público poderá usufruir da visitação comercial embarcada (que inclui a observação de fauna como baleias jubarte, flora e trilha monitorada em ilha) e todos os pontos de mergulho livre e autônomo. O desembarque nas ilhas será permitido apenas aos visitantes que estiverem em passeios com pernoites.
Por enquanto, visitas com embarcações particulares estão proibidas e o Centro de Visitantes do Parque permanece fechado.
Nas trilhas serão permitidos 8 visitantes por condutor com distanciamento de 2 metros entre cada pessoa; para o mergulho autônomo serão 6 visitantes por condutor. Dentro dos botes infláveis utilizados no deslocamento entre barco, ilha e pontos de mergulho a distância deve ser de um metro e somente pessoas de uma mesma embarcação poderão desembarcar nas ilhas, minimizando o risco de contato entre grupos distintos.
Outras medidas de prevenção a serem adotadas no Parque Nacional de Abrolhos podem ser conferidas aqui.

jubarteemabrolhos marinacvinhal CC

Segundo o ICMBio, Abrolhos conta com a maior biodiversidade marinha do Brasil | Foto: Marina C. Vinhal/Flickr-Creative Commons (CC BY 2.0).

 

 

Com informações do ICMBio e Wikipedia.

Nota: Antes de planejar sua viagem a quaisquer destes destinos informe-se sobre eles através do noticiário (uma dica é escrever o nome do destino no Google e clicar em ‘notícias') e confirme se eles seguem abertos (eventualmente eles podem ser fechado novamente, haja vista que a pandemia não acabou) e quais regras devem ser seguidas.


Mochileiros.com

Comunidade de ajuda mútua entre viajantes independentes e mochileiros. No ar desde 1999, tem dicas e informações e mais de 10.000 relatos de viagens publicados. Ganhador do Prêmio 'Influenciadores Digitais' por dois anos consecutivos. Aqui no blog traz histórias inspiradoras e notícias relacionadas ao universo viajante.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

      Deixe uma Comentário

      Mochileiros.com
      Logo