Peru retomará voos internacionais em outubro

O governo peruano anunciou ontem (2) que retomará os voos internacionais no dia 1º de outubro. O ministro dos Transportes e Comunicação do Peru, Carlos Estremadoyro afirmou que está discutindo com as companhias aéreas e outros setores do Estado quais as condições em que deverão ser retomados os serviços para prevenir a chegada de passageiros infectados com o novo coronavírus ao país. As informações são da Agência Andina.
À agência, o ministro disse que já há consenso de que os viajantes que desejem ir ao Peru deverão apresentar um teste molecular* negativo para a Covid-19, mas se discute se este documento deve ter dois ou três dias, ou até uma semana de emissão.
Também será discutido entre os ministério de Comércio Exterior e Turismo (Mincetur) e Relações Exteriores questões com os países que não querem receber viajantes oriundos do Peru ou que seus cidadãos visitem o país.
Estremadoyro comentou que em princípio, os primeiros destinos poderão ser Estados Unidos, México, Espanha, Chile e Brasil, que já abriram suas fronteiras e que possivelmente haverá um número limitado de voos, tanto pela procura como pela emergência sanitária.
Os voos domésticos no Peru foram retomados em julho, inicialmente com 18 voos; atualmente são 10 porque não houve demanda, segundo informou o ministro à agência.

Área do sítio arqueológico de Machu Picchu | Foto: Gianella Castro/Unsplash.

Há poucos dias, no final de agosto, a imprensa divulgou que o Peru liderava o triste ranking da maior taxa de mortalidade por Covid-19 dos 20 países mais afetados pelo vírus, de acordo com a Universidade John Hopkins. Leia uma das matérias falando sobre, aqui.

*Aqui a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) explica como são, quais os tipos e quando devem ser feitos os testes para a Covid-19.

Nota: Antes de planejar sua viagem a este destino (ou a qualquer um dele) informe-se sobre através do noticiário (uma dica é escrever o nome do destino no Google e clicar em ‘notícias’) e confirme se ele segue aberto (eventualmente ele pode ser fechado novamente, haja vista que a pandemia não acabou) e quais regras devem ser seguidas.

Deixe um comentário