Serra Catarinense será fechada para turistas sem reserva de hospedagem


Turistas que não tiverem hospedagem reservada não terão acesso às cidades da Serra Catarinense. Com as notícias da possibilidade de neve no sul do Brasil nos próximos dias, preocupa as autoridades o aumento no interesse do Turismo na Serra, o que poderia causar aglomeração bem como acidentes graves por causa da formação de gelo nas pistas.
Após uma vídeo conferência ocorrida ontem (18), os prefeitos das cidades da região, além da Defesa Civil estadual, do Conselho de Turismo da Serra Catarinense (Conserra), da Associação de Municípios da Região Serrana (Amures), Corpo de Bombeiros, Polícias Militar e Rodoviária e da Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur) decidiram que a Serra Catarinense será fechada nos próximos dias para turistas que não tenham reserva prévia de hospedagem.

“Nos preocupa as pessoas que se aventuram sem reserva prévia de hospedagem. Em outros tempos, elas poderiam ser acomodadas ou abrigadas em qualquer lugar, mas com a pandemia isso não é permitido”, aponta Eliseu Farias, presidente da Conserra.
Um comunicado publicado no site da Amures diz que “prefeitos e gestores de turismo de toda Serra Catarinense estão cientes de que o momento é atípico em relação ao turismo e as restrições, decorrentes da pandemia da Covid-19. Se por um lado, a movimentação econômica do turismo é importante e deve ser incrementada com a chegada de uma frente fria de grande intensidade, por outro, não se pode relaxar às medidas preventivas de contágio do coronavírus.”

neveserracatarinense onerislopes amures

Previsão é de neve na Serra Catarinense nos próximos dias | Foto: Onéris Lopes/Amures.

Até o meio-dia de hoje (19) toda capacidade de hospedagem regrada por decreto em municípios como Lages, São Joaquim, Urupema, Urubici, Bom Retiro e Bom Jardim da Serra estava esgotada, segundo a Amures.
A orientação para aqueles que desejam visitar a Serra Catarinense é para que busquem hospedagem em cidades como Bocaina do Sul, Otacílio Costa, Ponte Alta, Capão Alto e pontos mais baixos, ” até porque a previsão é de uma ampla ocorrência de neve em toda região.”

Pontos turísticos fechados

Segundo levantamento da Amures, em Urubici os atrativos naturais Morro da Igreja, Pedra Furada, Rio Sete Quedas e o lado direito do Cânion do Espraiado estarão fechados para visitação; assim como o Morro das Torres e a Cascata que congela (em Urupema).

morrodaigreja sc renatosoares mtur

O Morro da Igreja faz parte do Parque Nacional de São Joaquim, na divisa entre as cidades catarinenses de Urubici, Bom Jardim da Serra e Orleans | Foto: Renato Soares/MTur.

Nota: Antes de planejar sua viagem a quaisquer destinos informe-se sobre eles através do noticiário (uma dica é escrever o nome do destino no Google e clicar em ‘notícias') e confirme se eles seguem abertos (eventualmente eles podem ser fechados novamente, haja vista que a pandemia não acabou) e quais regras devem ser seguidas.

Com informações da Amures e do São Joaquim online.


Mochileiros.com

Comunidade de ajuda mútua entre viajantes independentes e mochileiros. No ar desde 1999, tem dicas e informações e mais de 10.000 relatos de viagens publicados. Ganhador do Prêmio 'Influenciadores Digitais' por dois anos consecutivos. Aqui no blog traz histórias inspiradoras e notícias relacionadas ao universo viajante.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

      Deixe uma Comentário

      Mochileiros.com
      Logo