“Você é o que você vê”


Você já deve ter ouvido muito a frase “você é o que você come” ou ainda, “você é o que você consome”. Consumir no caso, pode ser também as notícias que você vê, ouve ou lê num dia.
Em 1997, um grupo de estudiosos analisou indivíduos que assistiram um vídeo de 14 minutos com notícias negativas na TV (não foram sequer as infinitas que a gente pode ver na Internet) e notaram que houve um aumento rápido da ansiedade e tristeza, sobretudo relacionados aos problemas pessoais dos participantes.
De acordo com o Good News Network, citando artigo publicado no Huffington Post, “os efeitos negativos da exposição às notícias podem durar horas em uma grande quantidade de pessoas”. Sendo assim, notícias deprimentes e indutoras de medo podem além de tornar as pessoas mais tristes e ansiosas, amplificar os problemas de cada um por algum tempo.

Foto: Debby Hudson/Unsplash.

Não se trata de alienar-se – até porque existem coisas importantes acontecendo ao nosso redor as quais nos ajudam a entender pelo que estamos passando, pelo que outras pessoas estão passando e na busca de soluções para os problemas – mas acompanhar histórias inspiradoras e positivas e temas positivos sobre os quais você tem interesse, como viajar por exemplo (ainda que você ainda não esteja com condições de fazer uma viagem) pode ajudar positivamente no seu dia a dia. “Admirar a natureza é essencial para a felicidade, diz pesquisa” (você já viu essa notícia por aqui). Testemunhar e ou ver até mesmo pela internet ou TV uma boa ação também é capaz de despertar emoções positivas ligadas a gratidão, elevação e admiração. “Quando qualquer … ato de caridade ou gratidão, por exemplo, é apresentado à nossa vista ou imaginação, ficamos profundamente impressionados com sua beleza e sentimos um forte desejo de fazer atos de caridade e gratidão.(…)”, diz Jefferson T, neste estudo fala mais a respeito.

Então, se você não fica tão bem com algumas (muitas) notícias que tem visto por aí, você é normal; mas tente preencher alguns minutos do seu dia com positividade. Ela parte de você!

E como já dizia o “Profeta Gentileza” em sua frase mais conhecida…

Chaveiro com o tipo de inscrição feita pelo “Profeta Gentileza” na pilastras do Viaduto do Gasômetro, na cidade do Rio de Janeiro | Foto: Claudia Severo de Almeida/Mochileiros.com

Categorias Blog

3 comentários em ““Você é o que você vê””

  1. Maravilhoso o texto, faz a gente parar pra pensar e analisar o que estamos fazendo com cada segundo do nosso dia.
    Para estar conectado a natureza nem precisamos ter dinheiro, existem lugares incríveis próximo a gente, até mesmo ao nosso redor.
    Obrigada de coração por este post
    Viajar, estar conectado com a natureza e rodeado de boas vibrações pode transformar tudo que esta dentro de nós é só querer.🙏

Deixe um comentário