Ir para conteúdo

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''rafting em brotas''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Mochileiros.com

  • Perguntas e Respostas
    • Perguntas e Respostas
    • Destinos - Perguntas e Respostas
  • Relatos de Viagem
    • Relatos de Viagem
  • Companhia para Viajar
  • Equipamentos
  • Trilhas e Travessias
  • Nomadismo e Mochilão roots
  • Outras Formas de Viajar
  • Outros Fóruns

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Sobre mim


Ocupação


Próximo Destino

Encontrado 1 registro

  1. Eu e minha amiga queríamos viajar para algum lugar, porém não tínhamos muito tempo. Decidimos ir para Brotas! Compramos as Passagens no terminal Barra Funda. A empresa que faz o transporte é a PRATA. A passagem custa aproximadamente R$50,00 e os horários são : 7:00; 15:30 e 18:50. Sábado, 14.07.2012 (7:00) Nosso ônibus partia rumo Brotas. Depois de intermináveis paradas e 4horas de estrada, descemos na rodoviária de Brotas. É fácil achar qq coisa na cidade. Eu esqueci de pegar o endereço do Albergue (não recomendo que ninguém faça isso...kkkkk) e depois de 20 minutos de caminhada.... ACHAMOS!!!! rsrsrs O Albergue tem a diária mais cara que já vi. São R$50!!! com café da manhã incluso, mas mesmo assim... achei um pouco estranho, mas tudo bem. Parece que eles são um hotel também. Tinha muita família com crianças, mas tem o esquema de quarto coletivo, cozinha a disposição, piscina, balanço para as crianças.... enfim..... Um dos melhores albergues que já vi. Na recepção algumas pastas ficam a disposição com diversos tipos de passeios para entreter o turista. Aliás... na minha humilde opinião... quem vai pra Brotas precisa arrumar o que fazer mesmo pq a cidade é extremamente parada...rsrsrs Eu confesso que fiquei um pouco decepcionada porque o turista fica refém das empresas de eco turismo. Não temos nenhuma opção de passeio ou até mesmo trilha para fazer por conta própria. Não tem nenhum local onde pudéssemos alugar bikes para dar uma voltinha pela cidade ou coisa parecida. Todas as atrações ficam em propriedades particulares. Bom... já que estávamos lá... resolvemos fazer as 4horas de estrada valer a pena. Na hora algumas coisas ficaram um pouco confusas. Depois que acabei entendendo que dentro da cidade existem alguns parques onde são praticados alguns esportes radicais, tais como arvorismo, tirolesa, rapel, rafting, trilhas , entre outros. Eu e minha amiga queríamos muito fazer alguma trilha, mas para chegar ao tal parque precisavamos pegar um táxi que nos cobrou R$30,00. Paramos no parque Aventurah! Não indico nem que me paguem! É um lugar lindinho!!!! e ponto!!!! Bom para levar as crianças e soltar por lá mesmo. Tem algumas atrações bacanas, porém todas são fraquinhas (na minha opinião!!!) Para entrar no parque tem um tal que pagar uma entrada que tem um nome específico R$15,00 e a trilha custava R$25,00. MUUUUUUITO FRACA!!!!!! Caminhamos uns 30min, chegamos na beira da cachoeira, vimos a água descer e voltamos! Se arrependimento matasse eu tava morta e esticada! Tem um transporte que passa na porta do parque e a gente paga R$5,00 por ele. É chamado de delivery! Ele passa apenas as 18h. quando o relógio marcava 16h50 eu e minha amiga já estávamos chateadas de não fazer nada. Chamamos o taxi para nos buscar e mais R$30,00 para voltar até o albergue. Passamos no mercado extra e aproveitamos para conhecer um pouquinho a cidade. A noite fez um frio absurdo!!! Não tínhamos coragem nem para sair do quarto. Dizem que no centro de Brotas (que fica pertinho do albergue) tem uma boa cachaçaria, mas resolvemos deixar pra lá! kkk Domingo, 15.07.2012. O café da manhã do albergue é uma coisa de louco!!! INCRÍVEL!!! Cheguei a passar vergonha pq comi a granola com iogurte umas três vezes! hahahahahaha No nosso quarto tinham mais duas meninas também de São Paulo. Nós quarto decidimos fazer o famoso rafting de Brotas! Dizem que é um dos melhores que existe por aí...rs A moça que fica na portaria do albergue nos ajudou a escolher e chamamos a empresa H2OMEM. Posso falar? Bom pra caramba!!! Preço: R$80,00 com transporte incluso! O pessoal é super bacana e super do bem, sabe?! http://www.h2omem.com.br/brotas.php#3 Eu nunca tinha feito rafting na minha vida e não tinha a menor intenção também, mas como eu tava começando a não gostar de Brotas, resolvi pegar um passeio TOP pra ver se salvava a imagem da cidade! Eles nos pegaram por volta das 10h. Fomos até uma cidade vizinha ou divisa com outra cidade, sei lá e recebemos as primeiras instruções. Confesso que no primeiro momento o cara passava as coordenadas e eu tava com muita dificuldade de processar qq coisa. Depois que caiu minha ficha de onde eu tava me enfiando... Quando começamos a descer o rio, meu coração faltou parar de bater !!! hahaha Eu nem sentia mais a água gelada... é uma sensação que infelizmente não sei se conseguirei descrever .... talvez a que mais se aproxime seja aquela famosa "Sensação de alma lavada!" A empresa nos deixou novamente no albergue. Fui tomar banho, trocar de roupa e procurar algum lugar pra almoçar. Eu estava faminta!!! Aaaahhhh!!!! Sugestão: Não leve absolutamente nada para fazer o rafting! Quem quiser levar câmera a prova dágua, ok!!! Caso contrário.... não leve absolutamente NADA! A empresa tira as fotos e grava depois em um cd. Custa R$30. Dica: Juntar com mais alguém pra comprar. Fica bem baratinho e a câmera em segurança! rsrs A cidade estava bem vazia, mas achamos um restaurante chamado Camilo que fica bem em frente a Praça principal. Eu achei um pouco caro, R$35 o quilo, mas a comida era bem feita e super recomendo o arroz com feijão! rsrsrs Fresquinho! Fresquinho! A cidade em si me pareceu um pouco cara! Passeamos um pouco pelo centro e voltamos para o albergue para arrumar nossas mochilas. Fomos para a rodoviária. O ônibus atrasou legal... chegamos em São Paulo quase meia noite. Serei bem sincera... no geral eu não gostei da cidade! Os parque são bem estruturados para receber os turistas e o rafting é sem palavras, mas eu não recomendaria a ninguém pegar 4horas de estrada só para fazer duas ou três atividades. A não ser que a pessoa queira muito e esteja sem tempo para viajar para outro lugar, por exemplo. Não sei.... É O MEU PONTO DE VISTA...rsrs Parece que vale mais a pena para o pessoal que mora nas cidades vizinhas. Pra quem mora em São Paulo, dá a Sensação que existem tantas outras atividades... não sei... Bom... pra quem for pra Brotas, se eu puder indicar um passeio que fiquei com vontade de fazer e não pude... é o Canyoning Cassorova. Poxa!!! Esse eu não pude fazer e fiquei morrendo de vontade! http://www.h2omem.com.br/canyoning_cassorova.php Parece que está interditado e será aberto ao público novamente a partir de agosto. E se alguém quiser alguma coisa mais light. recomendo o passeio da areia que canta. Bom... espero ajudar! Não quero desanimar ninguém com a viagem, mas eu queria tentar ajudar a entender como é o esquema da cidade. Fui com uma expectativa e vi que tudo era um pouco diferente do que imaginava! Não tô falando que Brotas é uma cidade ruim. Muito pelo contrário... mas depende do objetivo da viagem! rs beijos a todos!
×
×
  • Criar Novo...