Ir para conteúdo

MUSEU-POUSADA NA ARGENTINA


posadasanbras

Posts Recomendados

  • Membros

Luso-descendente constrói pousada/museu para divulgar Portugal

 

 

 

 

Um luso-descendente residente na Argentina vai construir uma pousada/museu para promover e divulgar Portugal, país que nunca conheceu mas que quer divulgar aos turistas que visitam Villa General Belgrano.

 

 

 

Para decorar a pousada Victor Lopes já tem galos de Barcelos, uma guitarra portuguesa, postais e livros sobre várias cidades portuguesas, presentes enviados por portugueses que tomaram conhecimento do projecto através da Internet.

 

 

 

Numa homenagem aos pais, às suas raízes e cultura, Victor Lopes diz que decidiu construir a pousada naquela localidade porque a mãe achou que Villa General Belgrano, no centro da Argentina, lembra a sua terra natal, São Brás de Alportel, no Algarve.

 

 

 

"A minha mãe diz que lembra a terra dela, só não tem as praias do Algarve", contou o luso-descendente de 44 anos à agência Lusa ao justificar a escolha daquela localidade.

 

 

 

Victor Lopes contou ainda que os pais foram para a Argentina há 50 anos e que o pai "tocava saxofone na banda do clube português de Buenos Aires".

 

 

 

O luso-descendente, que sempre esteve ligado ao ramo da hotelaria e do turismo, decidiu construir a pousada/museu "S. Brás" em homenagem aos emigrantes portugueses.

 

 

 

"Quis homenagear todos os portugueses que procuram um destino melhor na Argentina e que ajudaram a construir esta nação e, principalmente, quis homenagear os meus pais", sublinhou.

 

 

 

Mas mais do que uma pousada, o Victor Lopes quer criar um centro cultural com ligações a Portugal e por isso projectou um salão principal que servirá de museu.

 

 

 

"Nesse espaço, vamos ter tudo o que se possa relacionar com Portugal: fado, gastronomia, livros, discos, entre outras coisas", indicou.

 

 

 

Para ajudar Victor Lopes a construir o seu museu, muitos portugueses, que tiveram conhecimento do projecto através da Internet, estão a enviar-lhe os mais variados objectos.

 

 

 

Galos de Barcelos, fotografias, postais, posters e livros com a história das mais variadas cidades são alguns dos objectos que Victor Lopes já recebeu para enriquecer a pousada.

 

 

 

Um dos mais estimados é uma guitarra portuguesa, doada por um residente em Cascais.

 

 

 

"Quero expor artesanato de todo o país, para que cada terra possa mostrar as suas coisas e como Portugal é bonito", disse.

 

 

 

Por isso, "todos os objectos que queiram enviar serão bem vindos, desde que não tenham valor comercial, para que não pensem que quero fazer negócio", sublinhou o luso-descendente.

 

 

 

Para Victor Lopes, esta pousada representa também a preservação das suas raízes.

 

 

 

"É uma defesa das minhas origens, senão perco-a", afirmou.

 

 

 

Com 10 quartos, uma piscina, um salão de leitura, o amplo salão onde vão estar expostos os objectos e um espaço para um pequeno restaurante de gastronomia típica portuguesa, a pousada está prevista abrir em Outubro de 2007.

 

 

 

De acordo com Victor Lopes, este projecto resulta de um "esforço económico familiar".

 

 

 

"É um projecto familiar. Não recorremos a créditos, a subsídios governamentais ou a sócios, nem dependemos de cadeias hoteleiras", afirmou.

 

 

 

A pousada "S. Brás" vai ser a primeira estrutura turística portuguesa a ser construída em Villa General Belgrano, a 86 quilómetros de Córdoba e 780 quilómetros de Buenos Aires.

 

 

 

"Aqui não há muitos portugueses. Quando comecei o projecto não conhecia nenhuns, mas assim que coloquei a bandeira portuguesa na porta da pousada começaram a aparecer e agora somos cinco famílias portuguesas nesta zona", indicou.

 

 

 

Villa General Belgrano está rodeada pelas Sierras Grandes e Sierras Chicas e é caracterizada por um estilo da Europa central, fruto dos muitos emigrantes alemães, suíços e austríacos que se fixaram naquela zona.

 

 

 

Antes de cumprir o sonho de abrir a pousada, Victor Lopes vai realizar outro: o de visitar Portugal.

 

 

 

"Para o ano vou conhecer S. Brás de Alportel e depois vou percorrer o país", disse.

 

 

 

Fátima, Lisboa e o caminho português de Santiago de Compostela fazem parte do roteiro que está a preparar, que inclui ainda visitas a casas de fado para ouvir cantar o fado ao vivo e beber vinho da Madeira.

 

Morada:

 

SR. VICTOR LOPES

 

CORRIENTES 172

 

CP 5194- VILLA GRAL. BELGRANO

 

PCIA. DE CORDOBA

 

REPUBLICA ARGENTINA

 

 

 

http://groups.msn.com/POSADASANBRAS

[email protected]

Link para o comentário

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
×
×
  • Criar Novo...