Ir para conteúdo

Fim de semana em Paraty - RJ


Sol_SP

Posts Recomendados

  • Membros

Ás vezes por falta de tempo ou dinheiro deixamos de viajar.

Em contrapartida, posso dizer que fiz uma ótima viagem de fim de semana e gastando pouco.

 

Fomos de ônibus: saímos de Taubaté-SP no sábado de manhã e chegamos por volta do meio-dia. (Há ônibus todos os dias, que vão direto e com dois horários, um de manhã e outro anoite R$28,50 ida e R$ 24,50 volta, acho que é isso) e retornamos na segunda de manhã.

 

Ficamos hospedados no Albergue da Juventude. Devido ser baixa temporada, pagamos ainda mais barato. (É possível fazer a carteirinha de alberguista no local, se quiser pagar um pouco menos. Valores na baixa temporada: R$35 sócio e R$40 não sócio nos quartos coletivos. Há quartos particulares também).

A rodoviária da cidade é próxima do albergue, de vários pontos comerciais e do Centro Histórico, ou seja, é possível fazer esse trajeto facilmente caminhando.

 

O centro histórico é realmente encantador (mas cuidado com as ruas de pedras que são bem irregulares, use sapatos confortáveis)...

A arquitetura antiga deixa qualquer amante de história, ou mesmo admiradores, de queixo caído.

É também um local onde se pode fazer muitas compras (artesanato, vestuários, lembrancinhas...), além das galerias de arte, bares/restaurantes (muitas com mesas também na rua e música ao vivo), e as famosas Cachaçarias de Paraty.

Há ainda artistas de rua: desenhista que faz caricaturas incríveis dos interessados, artesãos, músicos...

É uma cidade que respira cultura e arte!

 

É possível ver parte das águas do mar, onde é possível fazer passeios de barco.

Há charretes charmosas também para os que querem fazer um passeio com guia.

No sábado anoite há um restaurante chamado Paraty 33 que depois de certo horário se transforma em casa noturna.

Curtimos muito a balada com banda ao vivo. (Entrada: mulheres R$10 e homens R$20 – sem consumação).

 

E se você for para Paraty, não pode deixar de ir para as praias de Trindade. Para chegar lá, é possível pegar um ônibus que sai da rodoviária de hora em hora

(Os valores: R$3,50 ida e R$3,40 volta – são quarenta minutos de percurso).

O ponto final é próximo a Praia do Meio, que é linda e movimentada.

Se você caminhar até o final dela e passar por uma pequena trilha, chegará a Praia do Cachadaço que é encantadora e mais tranqüila.

 

Se quiser fazer uma trilha mais radical e curtir uma piscina natural é só percorrer até o final dessa praia e já terá acesso a trilha (com muitas subidas e descidas, acho que em um ritmo acelerado são 20 minutos), ao final chegará a piscina natural do Cachadaço, com águas tranqüilas, muitas pedras e é possível ver os peixes nadando no fundo.

Se preferir, há barcos que levam a essa piscina natural e trazem volta.

Nós fizemos a trilha e voltamos de barco (R$10 por pessoa).

 

A diferença que notei das praias de Trindade (pelo menos essas duas que conheci) é a ausência de construções próximas, tornando o local um verdadeiro paraíso natural!

Ah, as águas do mar são muito limpas também.

 

Outro aspecto interessante do local, tanto em Paraty quanto em Trindade, é a grande presença de visitantes estrangeiros.

Há pessoas do mundo inteiro que vem conhecer esse lugar maravilho.

Então vale a pena fazer essa viagem!!!

Link para o comentário

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

×
×
  • Criar Novo...