Ir para conteúdo
JEFERSON LINCK1502429498

Machu Picchu e Cuzco janeiro 2013

Posts Recomendados

Machu Picchu e Cuzco – Janeiro 2013

 

Saí de Porto Alegre dia 31 de dezembro de 2012 direto a Cuzco mas com destino principal Machu Picchu. Não vos posso falar de tarifas aéreas pois usei só milhas. Tanto em Cuzco quanto em M.P. fiquei em albergues, ambos bastante bons com ótima localização, preços e pessoal. Abaixo você encontrará referência a todos lugares com preços. Comecemos por Machu Picchu. Há 2 modos de visitar Machu Picchu: 1 por conta e outro com agências. O ideal é sempre dormir uma noite lá pois a grande parte dos passeios que as agências vendem saem e voltam no mesmo dia – uma correria imensa pois colocam você num trem saindo às 6 da manhã, chega-se em Águas Calientes em 3 horas e meia em mais meia hora você chega à portaria do Parque, faz 4 – 5 horas de visita e todo o percurso de volta na mesma corrida. O fato é que os preços são ultra salgados, no meu ponto de vista, de 318 (ida e volta no mesmo dia) a 650 dólares com um pernoite, por pessoa. Se você desejar fazer o passeio por conta como eu fiz (tudo incluído por 255 dólares: trem, albergue, ônibus e ingressos) você gastará menos da metade do preço pedido. Você pode comprar as passagens de trem no site da Perurail.com e pagar com cartão de crédito. Minha ida e volta ficou 141 dólares. Saí de Cuzco às 8h27 da quinta e peguei o trem de volta na sexta às 16h43 assim tive tempo para ir às termas logo na chegada e o mesmo após a visita à M.P. na sexta. Embora a Secretaria de Turismo de lá faça uma enorme propaganda dizendo que você pode comprar os ingressos de entrada ao Parque pela web, isso não ocorre pois embora você efetue a compra pelo site deles e receba a cobrança em seu cartão a compra não é efetivada, você nunca recebe o e-mail de confirmação com os ingressos. Liguei pelo Skype para lá e eles disseram-me que o sistema não finaliza a compra e que o reembolso é feito em 15 dias no mesmo cartão de crédito. Estou esperando. Você todavia pode comprar os ingressos em Cuzco ou em Águas Calientes mesmo. No período em que eu estive lá, janeiro, você encontrará muitos ingressos disponíveis, eles não vendem mais do que 800 dos 2.500 ingressos diários disponibilizados. Se você desejar visitar Wayna Picchu, 1 hora de subida, então você não terá escolha, as agências atuam como uma máfia. Compram num piscar de olhos os 400 ingressos diários disponíveis para vender com pacotes. Fiquei decepcionado mas ***aí vem o diferencial***. Você pode comprar ingressos para subir a montanha de Machu Picchu, 2 horas de subida, 142 soles. Prepare-se para as 2 subidas pois não é fácil. O visual do alto da montanha de M.P. é sensacional e não me arrependo de tê-lo feito. ***Muito importante é lembrar que em Cuzco, Águas Calientes e Machu Pucchu chove todos dias e quase sempre à tardinha ou noite eis porque é interessante você estar na entrada de M.P. às 6h quando a entrada abre. Sorte ou não, quando descemos para pegar o micro ônibus para descer à Águas Calientes, ao meio dia, desabou água e quem viu o lugar viu. Outra coisa é lembrar que com toda a neblina que há lá em 5 minutos você vê tudo e nos 5 minutos seguintes você não vê mais nada. Leve protetor solar e embora no inverno prepare-se para calor e frio na mesma visita. Me preparando para o passeio li que pegaria de 8 a 15ºC lá e o que me salvou foi comprar camisetas de Cuzco já no primeiro dia. Bem, vamos aos preços.

Albergue Orquídea Real em Cuzco, 55 dólares e Albergue Terrazas del Inca em Águas Calientes, 60 dólares para 2 pessoas;

Trem Cuzco-Águas Calientes-Cuzco, 141 dólares. Este preço dependerá do tipo de trem e horário que você escolher;

Ônibus para subir a M.P. 18 dólares ida e volta;

Taxi da Plaza de Armas até estação de trem de Cuzco 20 dólares ida e volta;

Ingresso à M.P. 50 dólares mais 8 dólares com a montanha.

O câmbio estava 2,60 soles por dólar ou 1 real, 1,24 soles.

As termas são peculiares uma vez que a água é sulfurosa e seu cheiro confunde-se com xixi. Se você aguentar, poderá curtir um tempinho ali em meio as montanhas à volta com 5 piscinas à sua escolha com diferentes temperaturas. A entrada custa 10 soles e a toalha 3, caso não tenha a sua.

Cuzco

Nosso albergue fica a 5 quadras da Plaza de Armas, nem 10 minutos de caminhada em ziguezague. Dia 31 chegamos às 15h e já nos aguardavam para levar-nos ao albergue Orquídea Real. Desejando ficar lá só sugiro pegar um quarto longe do bar pois os hóspedes são barulhentos à noite. No mais tudo tranquilo. Café da manhã bom, só tenha paciência com a peruana que o serve. Ela é gentil mas lenta. Na Plaza de Armas você tem até McDonalds. O restaurante que eu gostei foi a Tratoria Adriano, um restaurante italiano muito bom que serve pratos típicos peruanos e também italianos. Fica na esquida da avenida El Sol com Mantas, a dois passos da Plaza de Armas. Você comerá bem e pagará pouco. Na rua Santa Catalina Angosta, indo do albergue à Plaza de Armas, você encontra várias agências de viagens que lhe oferecerão todo tipo de passeio que você desejar e os preços são ótimos. O Vale Sagrado você pode fazer a só 30 soles ou 60 soles com almoço incluído. Sugiro a última opção pois não há restaurantes nas imediações de onde o grupo almoçará. O almoço é simples mas gostoso. Não espere comida de resort. O passeio inclui Pisac e Ollantaytambo que são interessantes. As outras paradas são mais para compras. Não visitamos Chinchero pois havia caído uma ponte que dava acesso até lá. Saqsayhuaman e Tambomachay são interessantes. Passamos de van por lá e desejando você pode pegar um taxi por 25 soles e lá há guias. Preferimos fazer o passeio de Cuzco por conta. Visitamos tudo o que havia no mapa e devo dizer que o museu Inca é uma decepção. Nós o vimos pois o boleto inclui essa entrada. Contrate seus passeios lá pois os preços são mais acessíveis e pouco diferem um do outro. O Mercado artesanal e o Mercado São Pedro são parecidos, uma peculiaridade. As banquinhas de comida da praça de alimentação dão um hirgs, pavor total para nós mas eles lambem os dedos. No Mercado artesanal ao final da Avenida El Sol comemos truta com salada, arroz e fritas pela metade do preço que pagamos na Tratoria Adriano e estava tão deliciosa quanto lá. A menina da segunda banquinha à direita de costas para o resto do mercado é muito simpática e atende bem. Se lhe sobrar tempo, visite esse mercado pois do contrário também não fará diferença. Pegue taxi à vontade. No albergue ou onde quer que você fique eles lhe dirão que você deve pegar um taxi / carro para turista, que custa mais que o dobro daqueles que eles pegam mas todos lhe levam onde você quiser ir e o preço você contrata ao pegá-lo. Do albergue à estação de trem um custava 25 e o outro 60. Um exemplo. Boa viagem e espero ter-lhe ajudado com seu passeio. Você também pode acompanhar meus outros relatos a Patagônia e Cancun buscando pesquisar: JEFERSON LINCK.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Jeferson, me dá uma força cara. Estou planejando visitar Machu Picchu (19-04-2013) partindo de Cuzco e voltando no mesmo dia. A dúvida é a seguinte: o trem Vistadome chega às 9:52 em Àguas Calientes. Ocorre que o ingresso a Machu Picchu com Huaynapicchu vai das 10:00 às 11:00. Daí a questão: o horário é para entrar na montanha ou descer dela? Ou seja: se eu chegar 10:50 vou poder subir a montanha Huaynapicchu numa boa?

 

Abraço,

 

DAM

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olaaa...Dam vou subir nesta data tb. Sai daqui que dia e de onde? Embarco para Lima do Rj no dia 17/04, ainda nao comprei vôo para Cuzco, to achando muito caro, ja comprou?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Jefferson,

 

eu cheguei agora em Cusco e to com uma duvida sobre a meteorologia. To querendo fazer a Inca Jungle, uma das trilhas alternativas para Machu Picchu, mas to com medo das chuvas. Pelo que vi ate agora faz sol e chove no mesmo dia, mas queria saber o quanto a chuva pode atrapalhar o passeio. No Rio por exemplo (aonde eu moro) as chuvas de verao acontecem todo dia no fim da tarde, mas nao atrapalha, voce so se molha um pouco e segue sua vida, como foi aqui em Cusco?

 

Outra duvida, voce fez o passeio pelo vale sagrado com que agencia? Valeu a pena, a empresa era boa? Esse preco incluia a entrada nas ruinas dos dois lugares?

 

Desde ja obrigada!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal...

Estou indo em Outubro pra ficar 3 dias em Cusco.

 

Vi que a (bem cotada por aqui) 'Brasil de Mochila' faz a trilha inca de 2 dias e o Passeio de 1 dia em Machu Picchu.

Vcs recomendam? Acham que vale a pena fazer esses 2 pacotes ou só 1 deles?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×