Ir para conteúdo
ale_d_mais

Duvida em roteiro Austria - Suica - Italia (julho/2014)

Posts Recomendados

ale_d_mais    0

Olá a todos,

 

Eu e minha esposa iremos a trabalho para Munique, em julho pretendemos tirar 20 dias de férias. Como nunca pisamos na Áustria, Suíça e o norte da Itália, pensamos no roteiro abaixo.

 

A menos que surjam ideias melhores (espero que elas surjam :) ); pretendemos pegar um carro em Munique e percorrer: Munique –> Salzburg –> Innsburg –> Garmich -> ???

Pensamos de Garmich ir Vaduz (Liechtenstein) ou Konstanz. (1) Qual é a melhor opção?

Neste trecho gastaremos 6 dias. (2) Será que dá tempo?

 

Ai vamos para a Suíça (começaremos por Lucerna -> Berna-> Interlaken, partindo do lugar 1 (Vaduz, Konstanz ou ???) e surgem mais dúvidas: temos o interesse em fazer os trens panorâmicos e gostaríamos de estar com o carro pela mobilidade .... Bom, mesmo pesquisando está difícil equalizar esta equação: carro x trem. Detalhe: minha esposa não quer abrir a mão de pegar os trens panorâmicos (Glaciar Express e o Berlina Express) e eu do carro ( 3) Qual é a melhor saída carro, trem ou um mix dos dois Pensando em paisagens, custo-beneficio, comodidades, etc... Por favor respondam a enquete para apaziguar os ânimos do casal...

 

Há outro detalhe: pegaremos o carro na Alemanha, temos que devolve-lo lá, se não com as taxas a locação fica proibitiva e terei que deixar as cuecas no caminho.

 

O miolo da Itália está meio resolvido: Milão – Florença – Veneza e Verona, todo de trem (talvez alugue um carro em Florença para um ou outro bate-volta). Pretendemos ficar em torno de 7 dias neste trecho e acho que é o suficiente

 

Agradeço a ajuda para as minhas duvidas...

Ale

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
xxxxxxxxxx    0

Ficou de fora Fussen/Neuschwanstein, na minha opinião a melhor day-trip a partir de Munique.

 

Realmente devolver o carro em outro país costuma ser bem carro. Para tentar fechar esta conta, eu faria um misto de trem e carro.

 

Por exemplo Fussen, Salzburg, Innsbruck, Garmich você pode fazer de trem no esquema de bate e volta de um dia a partir de Munique usando o Bayern Ticket, as passagens de ida e volta para um casal custarão 25 Euros por dia, o mesmo valor da diária de um carro e você ainda economiza a gasolina e os estacionamentos. E você não precisa ficar esquentando a cabeça com reservas de hotel a cada dia, fazer e desfazer as malas, etc...

 

Após fazer estas day-trips a partir de Munique, eu pegaria um trem até Zurique ou Lucerna, onde alugaria um carro, e usaria ela para ir a Lucerna, Vaduz, Berna, Interlaken, etc... Devolvendo o carro em Chur, onde pegaria o Bernina Express até a Italia. Alugando o carro em Zurique e devolvendo ele em Chur não ficaria caro.

 

Ao chegar na Itália, ai você poderia alugar outro carro se for necessário ou então fazer tudo de trem mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ale_d_mais    0

Oi Adriano,

 

Concordo que Fussen é imperdível, há dois anos fiquei 3 dias em Schangau e adorei o lugar. Nesta viagem fiz a rota romântica, subi o Zugspitze (outro lugar imperdível, na minha opinião e que quero voltar) e passei pelo Konigsee.

 

Você me deu uma visão diferente da minha... obrigado. Vou avaliar e depois posto um retorno.

 

Pensei em usar o carro no trecho austríaco, pois i) alugar o carro na Alemanha é mais barato do que na Suíça; ii) o carro na Áustria me permitiria day-trips a partir de Salzburg (a caverna de gelo em Werfen), Insburg (day trip a Ehrwald, que tem um teleférico de acesso ao Zugspitze, só não sei ainda se funciona no verão) e acesso ao lago Constance (Konstanz). O que você acha: 6-7 dias neste trecho é o suficiente?

 

Vaduz tenho minhas dúvidas se vale a pena visitar só para dizer que pisei em um país diferente.

 

Gostei também do seu roteiro suíço, o problema é que a minha “patroa” quer fazer o Glaciar Express e o Berlina Express... para isso temos que ir a Zermatt pegar o Glaciar, dormir em Chur, pegar o Berlina para ai chegar a Milão... neste trecho não achei ainda uma forma inteligente de conciliar tempo vs trem vs carro vs custo. Gostaria de ir a Berna (tenho receio de ser muito parecida com Brugges: romântica, bonita, medieval e cara para C....0), Interlaken e Lucerna, mas falta tempo, dinheiro, etc...

 

O trecho italiano da trip está meio que fechado e formou um círculo: Milão-Florença-Veneza-Verona, será todo de trem e talvez alugue um carro em Florença para uma ou duas day-trips com maior mobilidade.

 

Um abraço,

Ale

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
xxxxxxxxxx    0

Na verdade o que deixa o aluguel do carro bastante custoso na maioria das vezes é a taxa de retorno dele a cidade onde você retirou o carro, a maioria das locadoras costuma cobrar em torno de 0,8 a 1,2 euro por Km de taxa de retorno, ou seja, se você devolver o carro numa cidade uns 500 km distante de onde retirou ele(Berna por exemplo), irá pagar quase 400 Euros de taxa de retorno, e devolvendo em outro país a taxa as vezes é maior ainda.

 

Para não pagar essa taxa enorme, tente fazer uns orçamentos quebrando o aluguel do carro em partes, como por exemple ir de trem até Salzburg, pegar um carro láe devolver ele em algum lugar no meio do caminho, ou então pegar o carro em Munique e devolver em algum ponto no caminho e lá pegar outro carro, as vezes mesmo pagando uma taxa maior pelo aluguel pegando um carro na Áustria ou Suíça pode compensar pois você diminui o valor da taxa de retorno, que costuma ser metade do valor da locação.

 

Mas você teria que fazer algumas contas e simulações para ver se daria certo ou não....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×