Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

apmmarçal

Paris - Dicas de Viagem

Posts Recomendados

Paris – Dicas de Viagem

 

Olá, caros amigos mochileiros. Se você é como eu e sempre sonhou com a viagem para Paris, estas dicas vão lhe interessar. Passei uma semana lá com meu marido (peguei o frio da 1ª. semana de dezembro). Minha pretensão com este relato é oferecer dicas de ordem prática, as quais gostaria de saber antes de ter viajado...

 

• Do planejamento : é fundamental a leitura prévia do “Guia Visual – Paris – Folha de São Paulo”. Nos tirou de várias enrascadas. Se puder, carregue também o mesmo guia, só que de bolso, pois permite uma visualização mais rápida dos mapas do metrô e da cidade de forma integral (no guia maior ele vem dividido).

 

• Do free shop : tenho a obrigação moral de fazer um alerta quanto às compras no free shop de São Paulo. No embarque, aos primeiros U$120,00 gastos, você ganha 20% de desconto para a segunda compra no mesmo dia e naquele free shop (não sei se foi promoção temporária). Isso só vale para o embarque. Logo, como não vale nem um pouco a pena comprar no Free Shop de Paris (o valor nominal dos produtos é o mesmo, só muda a moeda - euro), se você tiver encomendas, ou quiser realmente comprar algo em Free Shop, oriento comprar na ida. Atentando sempre para a cota de isenção, por uma questão de precaução, pois não vi ninguém ser revistado voltando de Paris.

 

• Da comunicação : achei um pouco de lenda essa história de que os parisienses são antipáticos ou não gostam de outras línguas que não a deles. Tentei começar as frases em francês e com simpatia e, eles mesmos, percebendo a minha dificuldade, concluíam em inglês, com a maior cordialidade. Depois, conversando com a garçonte de um restaurante, descobri que na maioria das escolas francesas eles aprendem também inglês e espanhol...

 

• Do transporte : na saída do embarque, já pergunte como faz para pegar o RER (eles entendem melhor se perguntar pelo “Train”). Você vai andar bastante, sempre seguindo a placa de indicação do RER (seguir placas com setas é muito importante em Paris, você vai perceber). Lá você vai comprar o bilhete (€8,5 o trecho) solicitando ir para Paris. Como o Aeroporto Charles de Gaulle é ponto final, você pode pegar o trem de qualquer lado. Você irá parar em alguma estação que faça conexão com o RER de Charles de Gaulle (a mais famosa e que permite mais possibilidades é a Gare du Nord).

 

Uma vez em Paris, tudo é mais fácil. É só usar o mapinha do metrô e já ir planejando desde o hotel o caminho a fazer, lembrando de atentar p/ a direção que for tomar e as cores e números das linhas de baldeação (e as famosas setinhas). O metrô unitariamente custa €1,60, enquanto o carnê com 10 sai a €11,60 (compre sempre este, e de preferência com os bilheteiros do metrô, quando houver, pois nas máquinas acho que só se compra com moedas. Nós não conseguimos comprar com notas ). Outro detalhe importante : não jogue fora os bilhetes enquanto estiver dentro do metrô. Dizem que os fiscais de vez em quando solicitam e cobram multa de quem não estiver portando (muito embora não tenhamos visto nem sombra de tal figura por lá). É importante saber que uma vez dentro do metrô, pode-se fazer quantas baldeações forem necessárias sem pagar , ainda que se faça por meio do RER interno (dentro do centro), mas, se for sair do centro(Versalles, Disney), é necessário comprar o bilhete com tarifa especial, e, a partir de então não precisa mais usar o metrô simples, usando quantas vezes for solicitado o mesmo bilhete especial por trecho.

 

Na volta para o aeroporto, se vc for de RER, atente para descer na Estação Charles de Gaulle 2, se for voo da Air France ou 1 se for de outra empresa. Uma vez no Aeroporto, é bem confuso. Informe-se com funcionários sobre o local de check in (muitas vezes é preciso pegar trem dentro do próprio aeroporto).

 

• Do hotel : esse item é muito importante. Fomos um pouco iludidos nesse ponto. Saímos com uma indicação de um hotel 3 estrelas, com a garantia de que se pode confiar na classificação dos hotéis na Europa. Não é bem assim... O Hotel era bastante simples e antigo, com quartos bem pequenos, café da manhã simplório. Os pontos positivos eram televisão de LCD (só com canais locais, mas tudo bem), aquecimento elétrico moderno e a localização (perto de metrô, mas percebi que em Paris, praticamente TUDO acaba sendo perto de metrô).

 

• Do frio : por uma questão de oportunidade na agenda profissional, só consegui conciliar a viagem para dezembro, mês sabidamente frio. Realmente isso dificulta um pouco as coisas, pois o sol levanta mais tarde (8h) e se põe por volta das 17h. Por outro lado há menos filas. Oriento o uso de roupas térmicas (comprei na SADAE, loja especializada em roupas de inverno, no Rio), ceroulas, meias de lã, botas, tênis fechados impermeáveis (senão os pés ficam úmidos), além das roupas tradicionais de frio. Ah, não esqueça o cachecol e, se preferir, luvas. Protetor labial sempre, ok ?

 

• Da alimentação : mochileiro que se preza quer gastar pouco com comida, p/ sobrar para os outros eventos. Aconselho a comer nos muitos restaurantes com Menu completo por um preço fixo. Geralmente você escolhe uma entrada, um prato principal e uma sobremesa por um preço que varia de €12,00 a €15,50 (nos restaurantes mais simples, mas nem por isso deixam de ser aconchegantes e gostosos). Agora, se você quiser economizar MESMO, aconselho uma paradinha à noite, na volta para o hotel, nos supermercados Monoprix, que vendem de um tudo, por um preço muito melhor. Você pode fazer um jantarzinho no hotel com pãezinhos de leite, patezinhos, champanhes, biscoitinhos de chocolate... Além de romântico, vai ser barato...

Outro item que faço questão de comentar é a água.. Não comprem a Hèpar Mg (como o próprio nome diz, chegar a ser metálica de tanto magnésio. Não é à toa que é a mais barata). A melhor água é a Evian (acho que é a que mais parece com a nossa). A Perrier é boa, mas é gasosa (pelo menos a que eu comprei). Já quanto a preço, se você for mochileiro literalmente e andar com uma mochila sempre como nós, compre a água em supermercados. O preço de uma Evian pequena no Monoprix é de €0,56, enquanto nas maquininhas dos metrôs e hotéis, é de €2,00 !!!

 

Uma extravagância alimentar que valeu a pena foi no famoso Angelina na Rue de Rivoli, 226. O chocolate quente de lá realmente é fantástico, bem como o croque Madame (o misto com ovo mais caro de nossas vidas, mas boooommm). É um bom programa para se fazer antes de ir ao Louvre (é pertinho).

Saindo do Notre Dame em direção ao Hotel de Ville, meu marido comeu um bem-servido prato (na verdade tigela) de espaguete à bolonhesa por €10,00. o restaurante chama-se Quasimodo e é todo decorado com o personagem. Fica na Rue D’Arcole.

 

Outra grande pechincha alimentar que ainda nos economizou tempo, foram as barraquinhas de comidas na Champs-Elysèes. Comemos um prato chamado Tartiflette (uma mistura de molho de queijo, cebola e batatas) a €7,00 numa dessas barracas, na esquina do Grand Palais, delicioso...

 

Sobrando tempo, vá à Sorveteria Berthillon, na Île St Louis, na Rue St Louis em L`ile. O sorvete é maravilhoso e custa €2,00 a bola.

 

Das compras : Paris não é o lugar ideal de compras, mas encontrei uma loja relativamente barata na caríssima Galeria Lafayette, chamada Promod, onde comprei um casaco lindo por €24,90. Meu marido, por sua vez, comprou um casaco bem legal numa loja chamada Celio* por €39,90. Não chega a ser uma pechincha, mas quebrou um galho no frio. Agora pechincha mesmo vc vai encontrar na lojinha de ponta de estoque de Rolland Garros. Lá estavam à venda as coleções passadas por preços baratíssimos. Entrei pq vi todo mundo saindo com a sacolinha cheia...

 

Das finanças : durante o planejamento, li vários depoimentos de pessoas que disseram ser possível um casal passar bem com €100,00 por dia. Até dá, mas esqueça comprinhas e extravagâncias alimentares. Com medo de passar aperto, deixei uma folga e levei €180,00 por dia. Confesso que mesmo com comprinhas (pq ninguém é de ferro...), sempre sobrava um pouquinho. Isso pq Paris permite muitos passeios belíssimos de graça.

 

Do roteiro : em ordem de importância, sugiro :

 

1º. Torre Eiffel – cuja foto (a melhor da viagem) deve ser feita no Trocadéro pela estação de metrô de mesmo nome.

 

2º. Arco do Triunfo, Champs-Elysèes e Museu do Louvre (pode ser feito na mesma levada)

 

3º. Palácio de Versalhes

 

4º. Jardim de Luxemburgo

 

5º. Notre-Dame

 

 

6º. Passeio por Montmartre e Sacre-Coeur

 

OBS : use o Guia citado no item planejamento para montar seu próprio roteiro.

 

OBS2 : Não conseguimos vistar o Museu D`Orsay e o Centre Pompidou por motivo de greve. Para evitar perda de tempo, tente se manter informado, principalmente sobre horários e dias de funcionamento dos museus.

 

OBS3 : se por acaso for à Disney (nós fomos pq sobrou 1 dia), não deixe de ir à “Twilight Zona Tower of Terror”, “Crush Coaster” e “Indiana Jones”. São para quem gosta de fortes emoções. “Querida, encolhi a Platéia” é um 3D bem legal. Dizem que “Piratas do Caribe”e “Phantom Manor” tb são legais, mas não deu tempo de ir.

 

Espero que a sua viagem seja tão proveitosa quanto a minha !

Abraços

 

 

 

 

20091211200628.jpg

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi!!!!! Nossa... você não tem ideia de como suas dicas vão me ajudar! Embarco pra Paris daqui duas semanas (25/12 à noite) e vou passar o Reveillon por lá! Suas dicas com certeza farão parte da minha organização! Inclusive fiquei feliz em saber que vale a pena visitar a Eurodisney. Devo fazer isso mais pro final das férias, pois depois farei Inglaterra e Leste europeu, retornando a Paris no dia 29 de janeiro e ficando até o dia 01/02.

Você tem alguma informação sobre o REveillon na Opera Garnier?

Abraços, Ale Monteiro

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá, Ale

Nossa, que viagem legal vc vai fazer!!! Não conheço muita coisa sobre o Reveillon em Paris, mas no conexaoparis.com.br tem varias coisas, inclusive um artigo de outubro de 2008 com informações legais para vc.

Abraços e boa viagem

Ana Paula

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Maravilhosas dicas!

 

Só fiquei curiosa pra saber onde fica a loja de ponta de estoque de Rolland Garros...

 

Eu vou para Paris em junho. Já estive uma vez lá, em 2004, mas apenas por três dias. Desta vez vou ficar sete e quero aproveitar muito mais. Que pena que vc não conseguiu ver o museu D'Orsay. Na minha opinião, ele é muito melhor que o Louvre! É que eu amo os pintores impressionistas. Fiquei embasbacada na frente de tantos Monets, Manets, Van Goghs e companhia. Se não tiver mais greve, aconselho a todos passarem por lá!

 

Abraços.

 

Ellen

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Li em um guia turístico que sempre no primeiro domingo do mês, há gratuidade em vários lugares como o museu de Louvre ou a torre Eiffel. Gostariá de confirmar se alguém sabe se isto é verdade.....

 

 

Valeu! E um ótimo 2010 para todos!

::tchann::

Bia

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá,

Eu também não sei explicar onde fica a lojinha da Rolland Garros, mas como meu marido é apaixonado por tênis, nós pagamos uma mini-excursão (que eu achei que não valeu a pena), e o próprio guia nos conduziu até lá. Mas é aberta ao público... É só reparar de onde sai um monte de gente com as sacolonas brancas cheias...

Ah, e o 1o. domingo de cada mês realmente é gratuito nos museus, só não sei se de todos. Vale conferir nos Guias.

Abraços e Feliz 2010 !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Li em um guia turístico que sempre no primeiro domingo do mês, há gratuidade em vários lugares como o museu de Louvre ou a torre Eiffel. Gostariá de confirmar se alguém sabe se isto é verdade.....

 

 

Valeu! E um ótimo 2010 para todos!

::tchann::

Bia

 

Olá Bia,

 

Cheguei de viagem tem pouco tempo, vou tentar te ajudar.

 

Sim, tem alguns museus que oferecem gratuidade na entrada no primeiro domingo de cada mês e em algumas datas comemorativas.

O Museu do Louvre, como você citou, é grátis no primeiro domingo do mês e no dia 14/07 (fora exposições temporárias), funciona de qui, sab-seg de 9h-18h, qua 9h-21h45min, sex 9h-22h. Algumas salas podem estar fechadas.

Outro Museu por exemplo, Museu D`Orsay é grátis também no primeiro domingo de cada mes.

Uma dica é ter uma noção de quais Museus irá visitar, se bem que os guias são bastante utéis, para obter informações atualizadas consulte os sites dos Museus. Entrar nos sites ajuda inclusive a ver quais salas gostaria de visitar, no caso do Louvre, por exemplo, que é enorme, voce com certeza fica um dia inteiro, dependendo de quais coleções gostaria de visitar.

No caso da Torre Eiffel, ela possui elevadores e escadas nas quatro pontas, uma delas está em reforma, mas funciona todos os dias.

 

Espero ter ajudado.

:D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Passei o reveillon 2009/2010 em Paris e algumas coisas me impressioram:

 

1. A malha do Metrô é incrível como cobre toda a cidade (chegando no aeroporto compre o passe para o período que vai ficar e observa a área de cobertura dele);

2. A beleza da região da Champs Elysee, tudo acontece lá (hospede-se mais afastado, mas próximo a alguma estação, fica bem mais barato. Fiquei no Tim Hotel do lado da estação Avron);

3. Encha a cara de vinho e champagne, custa em média 4 euros a garrafa;

4. Se abstenha da cerveja, cheguei a pagar 15 euros por uma long neck num "club" na Champs Elysee (Queen Club, depois descobrir que era gay. Nada contra);

5. Nunca se esqueça de pegar o "Tax Free" nas suas compras, com ele você restitui o imposto pago. Pode retirar em $$$ no aeroporto ou creditar no Cartão;

6. Não deixe de subir na Torre nem no Arco (no Arco é escada, mas vale a pena);

7. Não deixe de ir na Galeria Lafayette, gigante. A noite a iluminação externa vale a pena.

 

Mais detalhes é só entrar em contato.

 

Um abraço a todos. ::Cold::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...