Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Cheila Anja

Mochilão Bali na Indonésia 2017 - Relato com gastos, dicas de passeios, restaurantes, hotéis, locomoção e cultura

Posts Recomendados

Está pensando em viajar para Bali na Indonésia? Já sabe o que fazer lá? Preparei esse relato de viagem com gastos, dicas de passeios, locomoção, hotéis, restaurantes e cultura local para te ajudar nessa decisão. ::otemo::

 

Quando decidi conhecer o sudeste asiático colocar Bali no meu roteiro foi a melhor decisão que eu poderia ter tomado, me arrependo apenas de não ter colocado mais alguns dias para curtir Bali.

 

Meu namorado e eu, depois de curtir a Tailândia, (não viu o artigo da Tailândia ainda? Clique aqui para ler :arrow:http://oquefazer.blog.br/o-que-fazer-na-tailandia-relato-de-viagem/) embarcamos de Bangkok para Bali. Compramos as passagens ainda aqui do Brasil pela companhia aérea low cost Air Asia, saímos do Brasil já pensando nas companhias low cost e por isso optamos por viajar só com a bagagem de mão, não nos arrependemos nenhum pouco, aliás é uma pratica de recomendo a todos. ::hahaha::

 

Dia 01: Blue Point Bay Villas Spa, Uluwatu Beach e Single Fin

 

O voo foi rápido, saímos as 6:00 da manhã de Bangkok e chegamos em Bali as 11:00 da manhã, no aeroporto foi tranquilo apesar de ter bastante gente. Eles nem olham para a tua cara, só carimbam o passaporte e pronto. Não precisa de visto.

 

Trocamos um pouco de dinheiro para o táxi e já nos tornamos milionários. Antes mesmo de sair do aeroporto você é tomado por gente oferecendo serviço de táxi, muita gente mesmo! Fomos pesquisar os preços, começou com 550.000 rupiahs, dei risada e falei “no thanks” e continuei procurando.

 

Eu não tinha ideia qual era um preço justo, mas tinha que me fingir de entendida, só falava que estava muito caro e procurava o próximo, até que cheguei em uns 10 taxistas que começaram a um cobrir o preço do outro na minha frente, falei que eles estavam loucos que estava muito caro, virei as costas e sai. Passou uns 2 minutos e um taxista veio correndo atrás e falou que faria por 300.000 rupiahs, falei 200.000 e ele topou.

 

Assim que começamos a nos afastar do aeroporto já vi que fiz um ótimo negócio, Bali é gigante! Não estou exagerando não, gigante! Anota aí para o seu roteiro: mais dias para Bali.

 

Foi praticamente uma viagem do aeroporto até o nosso hotel, que ficava em Uluwatu, demorou uma hora e meia para chegar. Fizemos o check-in, deixamos as mochilas e fomos procurar um lugar para almoçar as 3 da tarde.

 

Encontramos um restaurante ótimo com a melhor pizza da viagem e tomamos um café gelado para acordar. Depois de alimentada e conseguindo raciocinar agora, voltamos para o hotel. E só então eu vi que lugar espetacular. O hotel tinha uma piscina com borda infinita que era um espetáculo, com certeza a melhor vista de Bali para a Praia de Uluwatu.

 

A gente ia descansar um pouco, pois no dia anterior dormimos muito mal no aeroporto de Bangkok antes de chegar em Bali, então o cansaço era enorme, mas quem que consegue dormir depois de ver aquela piscina?

 

Colocamos roupa de banho e fomos para a piscina e o cansaço foi embora, tomamos umas cervejas e ficamos curtindo aquele lugar. De uma hora para a outra, o sol foi descendo e eu vi o pôr-do-sol mais lindo que eu já vi na vida, e olha que eu sou uma caçadora de pores-do-sol e já vi muita coisa linda nessa vida, mas esse foi sensacional. O reflexo laranja batia na água da piscina e no mar atrás da piscina na Uluwatu Beach, foi um espetáculo à parte. Depois de ficar maravilhada com aquilo, consegui tirar algumas fotos que ficaram divinas.

 

Quando olhei para o lado todo mundo do hotel estava curtindo aquilo e tirando fotos. Assim que acabava a piscina do hotel, para a nossa surpresa, era o bar Single Fin, um bar de surfistas bem famoso de Bali, então dava para ficar na piscina curtindo o som que estava rolando lá com DJ. O pôr-do-sol mais bonito da vida e com música no fundo foi lindo demais.

 

Resolvemos ir para o banho e jantar, para ir conhecer o barzinho que estava lotado de gente bonita. Jantamos no restaurante do hotel, uma comida ótima por sinal, e fomos para o Single Fin, no hotel já dava entrada diretamente para o bar. Baladinha enorme, com vários ambientes e em cada ambiente um som diferente, tinha rock, reggae e eletrônico.

 

Muitos turistas, muitos surfistas, muita menina linda. Depois de conhecer o bar todo, paramos no eletrônico para curtir a noite um pouco. Tomamos algumas cervejas e dançamos até que o cansaço falou mais alto, e para a nossa alegria o hotel ficava a poucos passos de distância do bar. Dormimos como dois anjinhos vencidos pelo cansaço.

 

IMG_7926.jpg

IMG_7943.jpg

IMG_7948.jpg

IMG_8020.jpg

IMG_8013.jpg

 

Gastos do dia 01:

 

200.000 rupiah – Táxi aeroporto hotel

96.000 rupiah – 2 almoços e café gelado

20.000 rupiah – cerveja

124.000 rupiah – 2 jantas e coca-cola

240.000 rupiah – cervejas no Single Fin

Confira o vídeo do primeiro dia em Bali:

 

Continuei o artigo no blog, clique aqui para ler :arrow:http://oquefazer.blog.br/o-que-fazer-em-bali-na-indonesia-relato-de-viagem/

Lá você vai encontrar todos os gastos, passeios, restaurantes, hóteis, locomoção e dicas sobre a cultura local.

Espero que gostem!

 

Deixo vocês com um vídeo de um dia da viagem e algumas fotos!

 

IMG_7994.jpg

IMG_8066.jpg

IMG_7991.jpg

IMG_8155.jpg

Arquivo_000.jpeg

 

Espero que gostei, continuei o artigo até o final no blog: :arrow:http://oquefazer.blog.br/o-que-fazer-em-bali-na-indonesia-relato-de-viagem/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×