Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
fernandos

Uma volta ao mundo cruzando o Vale da felicidade, passando pela Itália, França, salvador e Alemanha.

Posts Recomendados

De Caxias do Sul a Salvador. Passando por Barão, São Pedro da Serra e São Vendelino. Abril/2017. Uma volta ao mundo cruzando o Vale da felicidade, passando pela Itália, França, salvador e Alemanha.

 

Barão: Passando por Carlos Barbosa, se chega a Barão, um dos primeiros municípios do Vale do Caí, ou mais atualmente propagandeado Vale da Felicidade, por fazer parte o município de Feliz, que por ser um de maior qualidade de vida do país e pelas festa do Chopp, esta mais na moda que São Sebastião do Caí. De Barão conhecia apenas de nome, e pela estatua de um figo que havia visto na internet. Desta vez pude ver ao vivo, a estatua estava lá, em frente a prefeitura, um bonito Prédio antigo, branco e verde. Não sei se o município é a terra do Figo, ou se esse nome se deve a uma antiga estância com esse nome. Mas me intrigou a cidade toda pintada nas cores da França, azul, vermelho e branco. Pelo que pude ver a colonização esta mais pra alemã, pelo que demonstram algumas construções estilo emxaimel. Mas acredito que isso se deva por existir na cidade uma tal de Linha Francesa, onde alguns poucos colonos franceses se instalaram, parece que tem até um museu no lugar, mas dessa vez tive que passar, não estava afim de encarar estradas de chão nessa bela tarde de sol, do outono gaúcho. Mas pra quem for mais aventureiro e quiser explorar um destino pouco conhecido, ta aí a dica, desbravar o legado franceses no RS, pelos interior de Barão.

 

São Pedro da Serra: passando Barão chegamos a São Pedro da Serra, meu objetivo maior era fazer o check in, na 3ª São Pedro de minha história. Pois já conhecia São Pedro do Sul, vizinha a minha terra natal Santa Maria, e São Pedro de Alcantara, 1ª cidade de colonização alemã de SC, e agora São Pedro da Serra.RS. E a impressão foi muito boa, cidade bem organizada, com bonitas construções, muitas em estilo alemão como a prefeitura e a casa de cultura. Um bom lugar para sentar tomar um mate e ver a vida passar na bela praça central, com uma igreja imponente que até lembra a chara Catarina. Mas segue o baile.

 

Salvador do Sul. Quem diria que Salvador fica no Rio Grande do Sul. É o Rio Grande é um mundo em si só. Saí de Caxias terras dos italianos, passando por antigas terras frencesas, alemãs e cheguei a Salvador. Mas esta Salvador ao contrário da baiana fundada por escravos, é uma crontadição, pois, é uma Salvador Alemã, mas o monumento principal da cidade é um torre erguida em frente a igreja matriz, em homenagem aos Santos Mártires das Missões. Aí não entendi mais nada, pois as missões ficam na outra extremidade do estado. Mas quem disse que era pra entender. Só sei que um passeio fotográfico por Salvador do Sul, vale muito a pena, a praça central é muito bonita, a igreja e o monumento aos Mártires me impressionou muito. E a cidade esta repleta de construções estilo emxaimel, que parecem de brinquedo, a prefeitura, e outros tantos prédios de governo. E a cidade é um encantando, e da vontade de ficar mais, mas não podia me alongar mais e viagem que segue.

Carlos Barbosa: Voltando a parte italiana do roteiro, passamos por Carlos Barbosa, cidade da Tramontina e ACBF (time multicampeão de futsal), mas dessa vez foi só um ponto de parada pra um almoço, em frente ao bonito parque da estação (já conhecido), cheio de turistas, Carlos Barbosa merece uma visita com mais tempo, mas fica pra outro dia. Comi um prato executivo, pra pedreiro nenhum botar defeito, por R$ 18,00, ta valendo comi bem sobrou. #PartiuRS

São Vendelino: Na entrada da cidade dizia o merchandising, “Pequeno Paraíso”. E pelo que vi deve ser mesmo, na entrada uma estatua de Santo, que me parece o mascote do São Paulo FC (Mas deve se o tal São Vendelino), segurando uma caneca de chopp. Só não sei como o vigário gostou dessa heresia, mas a alemoada dessas bandas pelo jeito não quer nem sabe. A cidade se resume a umas 2 ou 3 ruas, tem a igreja, com uma estatua mais séria do tal Santo. Mas o que me surpreendeu, foi estar havendo uma festa no salão paroquial, em frente a igreja, muita gente com umas camisetas amarelas, e o som bombando de dentro do salão. Devia ser mais uma festa de chopp, isso pelas 13 horas de domingo. A cidade tem também uma cervejaria Urwald. Cidadezinha toda bem cuidada, tudo bonitinho, com muita festa do chopp, e um cervejaria própria, deve ser o paraíso mesmo.

Mais fotos e relatos: Fotos. http://cenasperdidas.blogspot.com.br/ e http://rotasetrips.blogspot.com.br/

598de14bf1330_Baro.rs(8).jpg.6031421204ba1c47bf52b6cf113a8c89.jpg

598de14c10b55_salvadordosul.rs(11).jpg.e84c98e5cecdf5b75566f00b86b77815.jpg

598de14c16fb3_sopedrodaserra.rs(16).jpg.ee529b663e1901677848e6c496f00d25.jpg

598de14c1d268_sovendelino.rs(3).jpg.8ce6e0bccdce362d1ed69fb021b540e5.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×