Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
paulorsaf

Viagem de 44 dias pelo Pará e Amazonas

Posts Recomendados

paulorsaf    14

A BADALADA PRAIA DE SALINÓPOLIS

Salinópolis, mais conhecida como Salinas pelos paraenses, é uma praia de veraneio muito badalada em épocas de alta estação. Eu não fui em uma época de alta estação, então estava um pouco fraco.

Mesmo assim, a praia é muito bonita e eu tive uma bela entrada na culinária paraense: Peixe com Açaí (estranho, eu sei, mas isso é bem normal por aqui).

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

A PARADISÍACA ILHA DE ALGODOAL

A ilha de Algodoal é roots! Essa era sempre a primeira frase que aparecia quando os jovens paraenses falavam sobre a Ilha. Uma ilha paradisíaca longe das baladas e em contato com a natureza.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

É GOSTOSO EM BELÉM DO PARÁ

Belém do Pará é uma grande síntese das culturas indígena e portuguesa, principalmente na culinária. Tacacá, tucupi, maniçoba, açaí e os vários tipos de peixe da região dão um gosto muito diferente à essa cidade.

Nesse vídeo você vai conhecer parte do centro histórico, com o Forte do Castelo, lugar de fundação da cidade em 1616, a Casa das onze janelas e, principalmente, o Mercado Ver-o-peso.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

CATANDO ACAÍ EM SOURE

Soure é o destino mais comum a se visitar na Ilha do Marajó. Lá visitei praias incríveis, vi vários búfalos e fui catar açaí na mata com dois catadores de açaí, uma experiência totalmente fora dos padrões de turismo da cidade.

 

  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

A NOITE DE BELÉM

Nessa segunda visita à Belém eu aproveitei pra conhecer a vida noturna de lá, regada a muito carimbó, guitarrada e brega.

 

  • Curti 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

BARCO BELÉM - SANTARÉM

Três dias de barco numa viagem de Belém até Santarém, onde eu iria ficar na praia de Alter do Chão.

Muita água, comunidades ribeirinhas, dormidas de rede, comida de barco e novos amigos.

 

  • Gratidão! 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

FLORESTA NACIONAL DO TAPAJÓS COM O GUIA BATA

A Floresta Nacional do Tapajós é uma área de preservação ambiental que possui várias comunidades.

Nesse vídeo eu mostro como foi a visita à comunidade do Jamaraquá, onde tivemos o prazer de ficar hospedados e fazer o tour com o guia Bata, o mais famoso da região. Ele ficou famoso por ser o único a pegar jacarés com as mãos, prática que hoje é proibida para não causar problemas com os outros guias.

CONTATO DO BATA: 93 9 91138458

 

  • Gratidão! 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

ALTER DO CHAO, O CARIBE DA AMAZÔNIA

Alter do chão é uma praia do Rio Tapajós que é conhecida como o Caribe da Amazônia. Isso porque as águas do Tapajós são esverdeadas e transparentes, dando a esse lugar uma beleza que não existe em praias do litoral norte.

 

  • Curti 1
  • Acompanhando 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

REVEILLÓN EM ALTER DO CHAO

Alter do chão é uma praia do Rio Tapajós que é conhecida como o Caribe da Amazônia. Isso porque as águas do Tapajós são esverdeadas e transparentes, dando a esse lugar uma beleza que não existe em praias do litoral norte.

E foi lá onde eu passei o meu reveillón 2016-2017, regado a muito carimbó.

 

  • Acompanhando 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

BARCO SANTARÉM - MANAUS

Dois dias de barco numa viagem de Santarém até Manaus. Muita água, comunidades ribeirinhas, dormidas de rede, comida de barco e alguns botos.

 

  • Gratidão! 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
paulorsaf    14

MANAUS E O BOOM DA BORRACHA

Manaus se tornou uma das cidades mais prósperas do Brasil por causa do Boom da Borracha, que aconteceu em fins do século XVIII.

Hoje em dia podemos ver resquícios desses tempos no Teatro de Manaus, nos prédios históricos da cidade, no porto e, mais realisticamente, no Museu Seringal Vila Paraíso, que retrata como funcionava um seringal.

Também passamos pela Praia de Ponta Negra, pelas comidas típicas e cultura de Manaus.

 

  • Curti 1
  • Haha 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
D FABIANO    26

Não gosto de desconforto ou ficar no meio dos outros que não conheço,por isso fui a Manaus e Belém mas não nesses barcos,que vi nos respectivos portos,mas nem cheguei perto.

Valeu pela coragem que teve para toma los e postar aqui o relato.É uma parte do país que ainda está atrasada cerca de 100 anos,também com o IDH da região não podemos esperar diferente. Para mim,uma pena!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

Entre para seguir isso  

×