Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Vou e Volto Já!

ÁFRICA DO SUL | SAFÁRI NO KRUGER - BIG FIVE E JOANESBURGO - DIA 3

Posts Recomendados

ÁFRICA DO SUL | SAFÁRI NO KRUGER - BIG FIVE E JOANESBURGO - DIA 3

 
Neste terceiro dia no parque, acordamos cedinho, já com as malas prontas para colocar no carro, era nosso último game drive no parque, antes de partirmos no almoço para Joanesburgo.
 
Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp
Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp
 
 
Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp
Kruger Safari Park - Skukuza Rest Camp
Nosso guia chegou pontualmente as 6:30, e fomos direto iniciar nosso safári. O café da manhã seria em outro ponto por volta de 8hrs.
 
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
 
Hoje iriamos rodar pelas estradas que teoricamente são dos felinos, para tentar ver o Leopardo. O único dos BIG FIVE que ficou faltando :(
 
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
 
Realmente é muito difícil de ver ele, acredito que pela velocidade, que é muito maior que a de um elefante por exemplo. Mesmo quando saímos rapidamente do nosso café da manhã (ele recebeu uma ligação avisando que foi avistado em x lugar o Leopardo), não conseguimos encontra-lo. Vimos diversos outros animais, mas o tal do safadinho do Leopardo, NADA.
 
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
 
Esse foi o trajeto mais tenso e ao mesmo tempo entendiante, pois a área onde ficam os felinos não ficam grande parte dos outros animais, logo não se tem aquele macaquinho atravessando a estrada, ou então aquela impala simpática para dar o ar de sua graça. A região onde ficam os felinos é silenciosa, a vegetação é baixa, pouquíssimas arvores, são estradas longas e nós conseguimos ter uma vista bem distante (por isso é muito bom o binóculo). Sem distrações, você fica vidrada tentando encontrar algum movimento.
 
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
Livro que nosso guia disponibilizou para ajudar na identificação dos animais
 
No café da manhã rolou uma tensão quando nosso guia queria saber onde iriamos ficar em Joanesburgo para poder buscar o endereço do mapa e tals. Escolhi ficar noOnce In Joburg, que fica em um bairro universitário, em uma região chamado de Braamfontein, com ótimas recomendações no tripadvisor. Braamfontein faz parte de um arco cultural que inclui Newtown , a Universidade do Witwatersrand , Constitution Hill e o Centro Cívico. Inclusive em um dos dias fomos a pé para o Constitution Hill. Li que não era muito bom ficar no centro da cidade, mas essa região pelas minhas pesquisas me pareceram boa. Braamfontein inclusive é um dos pontos de parada do ônibus City 
Sightseeing Joburg.  
 
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
 
Kruger Safari Park
Kruger Safari Park
 
Mas voltando ao assunto, nosso guia se assustou quando disse onde iriamos ficar, eles não sabiam muito bem onde era e tal (A agência é de outra cidade). Só de falar que era no centro eles já ficaram meio loucos de preocupação rsrs e o outro grupo de brasileiros também já  tinha passado 1 dia em Joanesburgo e disseram que o centro era meio feio, tem ruas desertas, prédios inabitados ainda da época do Apartheid e tal. A sugestão da agência era nós ficarmos em outro hotel de indicação deles, mas como eu havia pesquisado e normalmente não erro em questão de hospedagens, arrisquei e disse poderia nos deixar lá mesmo, e que qualquer problema nós ligaríamos para eles. 
 
África do Sul
No caminho de volta paramos para lanchar...imaginei ser uma salsicha...masss era doce...então não sei o que tinha dentro..rsrs
 
Conclusão de 3 dias que passamos em Joanesburgo: Ainda hoje existe uma separação por cor, acredito que seja herança do Apartheid, coisas culturais. A região que ficamos é predominantemente frequentada por negros/pretos/afros (Lá é feio chamar alguém de negro, aqui no Brasil é feio chamar de preto, então vou por tudo rsrs)...Eu nasci em SC, realmente negros são minoria, atualmente moro em MG onde existe uma miscigenação muito maior. A região central de Joanesburgo é totalmente frequentado por negros...os únicos brancos eram nós...e em alguns momentos, muito raros, nos víamos muçulmanos (acho que são muçulmanos, rsrs, aqueles que usam umas roupas que vão até os pés como uma batina , e tampam os rostos). Agora, se você ficar a região de Sandton, você só vai ver branco, e em raros momentos negros. E lá tem MUITO turista. Particularmente eu preferi o centro, sinto que eu consegui sentir mais a energia de Joanesburgo do que ficando em um local que grande parte dos turistas ficam. Em nenhum momento me arrependo de onde fiquei, e ficaria novamente. Não corremos nenhum tipo de perigo. Obviamente que ficamos ligados todo o tempo, afinal é um grande centro como qualquer outra capital...
 
Bom, a agência nos deixou no Hostel, e então fomos fazer o check in..já era noite, então subimos, deixamos as malas, tomamos um banho e fomos comer. Depois de toda aquela preocupação a localidade do Hostel, decidimos por ficar na quadra, para nos ambientar com o local e sentir a energia da região.
 
Hostel Once In Joburg
Hostel Once In Joburg
 
Comemos uma pizza deliciosa, como acompanhamento veio um molho de alho e um molho de pimenta. O molho de alho ficou muito gostoso com a pizza. Agora vou te contar, o molho de pimenta, praticamente soltei fogo pelas ventas kkkkkkk e olha que foi só uma bicadinha.
 
Pizza no 86 Public em Joanesburgo
Pizza no 86 Public em Joanesburgo
 
Depois de um dia de tensão deitamos e dormimos que nem anjinhos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×