Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Arquivado

Este Post foi arquivado e está fechado para novas respostas.

glaubercr

Mergulho na França

Posts Recomendados

Salve Galera!

 

Estarei passando pela costa do mediterraneo mes que vem e num pretendo perder a oportunidade de conhecer o fundo deste mar.

 

Se alguem já mergulhou pelo mediterrâneo francês e puder colaborar com o seu relato agradeço de coração!

 

No mais segue o resultado da minhya pesquisa. Perdi o link de onde achei isso. Agora resta decidir entre hyeres e corsega, o que for mais aceesível a partir do continente e com operação de mergulho melhor desenvolvida será meu escolhido.

 

Vivo em França ha tres anos e gostaria de tecer algumas consideracoes sobre o mergulho neste pais.

 

A costa atlantica tem muito interesse, particularmente a zona da Bretanha, onde existem mergulhos verdadeiramente fantasticos. Tenho mergulhado frequentemente em ST. Malo e tenho ficado deveras impressionado com as condicoes: vida abundante (muito mais do que em Portugal, seguramente), visibilidade razoavel e, acima de tudo, "wrecks" fantasticos (sobretudo, afundados na II guerra mundial). estou agora a planear uma ida no fim de Março a aber Benoit (perto de Brest) para um mergulho no maior wreck do mundo: o petroleiro Amoco Cadiz. Claro que a temperatura nao é igual ao Mediterraneo (no Verao, vai aos 17-18° maximo (Agosto e Setembro) e de Inverno chega aos 9°-10° (por esta altura, precisamente). A temp da agua mais fria que apanhei foi em St. Malo, (12° em Abril) e aguentei bem (com fato semi-seco, de 7mm).

 

A costa Mediterranica é tambem muito interessante, mùas tenho muitas duvidas que a zona de Marselha (com as suas famosas "calanques") seja a melhor.

De facto, tal como diz o Crow, a melhor zona é das ilhas de Hyeres (atençao à geografia, Toulon e Hyeres, nao têm nada a ver com Marselha) e sobretudo Porquerolles e Port Cros. Nesta ultima, o baixio da Gabiniére é verdadeiramente fenomenal (imensos meros).

atencao aos navios afundados: estao todos muito fundo: o Donator a pelo menos 40 m (a legislacao francesa autoriza o mergulho com ar a 60 m max), tal como o Grec, mas sao mergulhos tambem muito interessantes: eu fiz o Donator o ano passado e nao obstante a imensa corrente, fartei-me de ver peixe grande (atuns e barracudas). O Mustang (ao largo de Giens) tambem parece que é um mergulho curioso, mas o aviao esta a 55 m e eu a essa profundidade recuso-me a descer.

A zona de St. Raphael, Port Vendres tambem parece que é muito boa. Irei passar este ano uma semana a Agay e logo vos direi qualquer coisa.

Mergulhei também em Antibes e Menton, mas têm bastante menos vida e interesse que as ilhas de Hyeres.

Para terminar, nao queria deixar de fazer uma referencia à Corsega, que é, para mim, a melhor zona de mergulho de França ( mas de longe...). Estive em Porto Pollo (perto de Propriano, no Sul) o ano passado, e fiz 10 mergulhos fantasticos. Vi talvez o maior mero da minha vida, que vinha ter connosco sempre que apareciamos no local; era um verdadeiro monstro (sem nunca ter sido alimentado, porque para os franceses, alimentar os peixes é um crime-e têm toda a razao!). Alem disso, a visibilidade é extraordinaria e ha imensa vida.

 

Abraco

Luis

 

Luis Castelo Branco

PAdi Dive Master

 

A quem possa interessar...

 

Venho de regressar de Aber Benoit (Bretanha, perto de Brest - mesmo na ponta da Finisterra), onde estive no passado fim de semana. Era para ter feito o mergulho do Amoco Cadiz, mas o estado do mar no local, nao o permitiu. Acabamos por fazer um mergulho numa zona mais protegida à entrada do Aber.

 

O mergulho foi verdadeiramente espectacular: na Europa, com excepcao dos Acores e da Corsega, nunca tinha visto tanta vida. Os monitores do centro, estavam, tambem eles, espantados: vejas, robalos, bodioes em grande quantidade. Um grupo de santolas, dentro de uma pequena gruta, como eu nunca tinha visto. Um belo safio com a cabeça fora do buraco, com ar verdadeiramente ameaçador e por ai fora...

Outro aspecto espectacular do mergulho foi o passeio por entre a floresta de laminarias: enormes e imponentes, é verdadeiramente um regalo poder andar no meio delas...

 

O mergulho teve uma profundidade maxima de 22 m, durou 40 minutos, com uma visibilidade media de 7-8 metros.

 

O unico aspecto negativo foi a temp da agua: 10° à superficie e 9° no fundo, o que nao é normal para esta altura do ano em que a agua costuma estar 2 graus mais quente. Nunca tinha mergulhado em aguas a esta temp, e apesar de ter levado um semi-seco de 7 mm (Beuchat) com um colete de 3 mm por dentro, tive um pouco de frio (sobretudo no fim). Para a proxima, em vez do colete, ponho um shorty por dentro.

 

O centro de mergulho foi impec: super simpaticos e profissionais: nada a dizer!

 

Quando lhes disse que era portugues e que tinha começado a mergulhar em Portugal o espanto e a curiosodade foi geral:

 

"mas pode-se mergulhar em Portugal? existem centros de mergulho? é interessante?"

 

Se os nossos operadores turisticos atacassem o mercado frances com mais energia teriam certamente uma surpresa agradavel, tenho a certeza.

Compartilhar este post


Link para o post



×
×
  • Criar Novo...