Guias e troca de informações sobre destinos do estado do Pará
#381871 por MariaEmilia
08 Jul 2009, 14:57
Localizada a 93 km da capital paraense, a Ilha de Colares, no nordeste paraense, é conhecida pelas suas paisagens rústicas que chama a atenção principalmente de quem gosta de turismo ecológico. Outro atrativo que movimenta o mês de julho na Ilha é o 'Verão Ufológico', que está em sua terceira edição. A denominação para o festival de verão se dá em função das supostas aparições de naves extraterrestres e o famoso caso de aparições do chamado 'Chupa-chupa'.

No mês de julho o município de Colares costuma receber milhares de veranistas à procura de encantos naturais como a Praia do Rio Novo, Igarapé do Sonrisal, Igarapé do Tubinho, Igarapé do Mangueira e Igarapé do Curuperé. A Praia do Machadinho também é muito procurada. Localizada a 5 km da sede municipal, ela oferece um atrativo a mais. No local existem ondas eletromagnéticas que podem ser sentidas pelos visitantes que queiram ficar literalmente de cabelo em pé.

A programação cultural de verão deste ano está repleta de atrações. A festa teve início neste final de semana, com várias bandas e atividades esportivas como a corrida, vôlei de praia, futebol de areia, ginástica aeróbica e atletismo. Já no dia 17 a diversão ficará por conta do Luau do Machadinho e nos dias 18 e 19 a programação segue com o Carna Colares, carnaval fora de época com vários os blocos da Ilha. E no último final de semana de julho, para encerrar as férias, o município promove o concurso Garota Verão 2009.

A viagem até o município dura cerca de duas horas. A partida é o Terminal Rodoviário de Belém com acesso pela BR 316. A viagem segue pela PA-140, estrada de acesso a localidade de Penhalonga, no município de Vigia. De lá o veranista faz uma curta travessia de balsa pelo o Rio Guajará-Miri. O preço das passagens de ônibus intermunicipal e transporte alternativo custam em média R$ 10 e a travessia de balsa a partir de R$ 7 para carros de passeio.
#593479 por Mister Luram Toccacelli
30 Mai 2011, 09:46
Estive em Colares há dois e dias e acrescento também como atração a enorme e centenária árvore samaumeira de Colares. Além disso, para quem se interessa por ufologia, operação prato, parapsicologia, radiestesia, hipnose, política, rádio, viagens e muito mais, sugiro fortemente uma conversa com o senhor Hilberto Freitas, diretor da rádio comunitária Rosário. Todos o conhecem na região e sem dúvida ele tem muito o que falar.
Em relação a pousadas, há poucas disponíveis, até pelo tamanho da comunidade. Eu fiquei na Zolima e paguei barato e apesar de não ter encontrado área de camping, recomendo também acampar na região.

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante