Kerala: a Índia pouco conhecida


Quando se fala em Índia, as primeiras coisas que vêm à cabeça são o Taj Mahal, palácios e cidades lotadas, típicas do Norte do país.

Mas lá no Sul, alguns estados surpreendem pelas praias e natureza, eles acabam sendo uma ótima opção para quem busca relaxar.

Um dos mais famosos é o estado de Goa, onde turistas circulam de biquini entre bares de música ao vivo e festas.

Um pouco menos conhecido dos brasileiros e mais tranquilo do que a vizinha Goa, está o estado de Kerala, onde resorts a preços acessíveis, tratamentos ayurvedas, passeios de barco, plantações de chás e esportes atraem turistas do mundo todo.

Tendo como slogan “Gods Own Country”, Kerala, que significa Terra dos Coqueiros, tem crescido no turismo. Estive em Kerala três vezes, viajei por lá mais de um mês, no total, e fiz diferentes atividades. Vou compartilhar aqui algumas das coisas imperdíveis:

Plantações de Chá

Na região de Munnar está algo que enchem os olhos: as plantações de chá. Em meio ao verde geometricamente desenhado das plantações, é possível visitar fábricas, conversar com as pessoas que trabalham na colheita e praticar alguns esportes radicais já, que a área está em meio à serra.

Plantação de chá em Munnar | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Backwaters

Em português, chamamos de remansos, essa porção de água do encontro dos rios com o mar. Em Kerala, os backwaters estão entre as atrações principais.

Passeio em um barco casa, é possível passar a noite no barco| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Eles formam canais navegáveis, pelos quais é possível ver a natureza e praticar esportes. Além disso, é possível observar as pequenas vilas da população ribeirinha e até mesmo almoçar na casa de um local. Passeios são oferecidos em diversas cidades da região, incluindo a possibilidade de dormir em um barco.

Barco casas circulando pelos backwaters | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Na margem dos canais, é possível encontrar hotéis para todos os bolsos. Como por exemplo o luxuoso Coconut Lagoon e o acolhedor Cranganor Riverside Château (foto).

Os backwaters possuem vários hotéis em suas margens – Piscina do Cranganor Hotel| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Redes Chinesas

Na cidade de Kochi e espalhadas pelos canais na região, é possível encontrar as chamadas redes chinesas, que foram adotadas no passado pelos indianos. Atualmente, muitas delas não são mais utilizadas e se tornaram atração turística. Na cidade de Kochi, é possível visitar as redes e os pescadores explicam o funcionamento delas. Por falar em Kochi, Vasco da Gama passou por lá, e a cidade tem algumas das poucas igrejas histórias cristãs da Índia.

Redes de pesca em Kochi| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Praias

O uso das praias como espaço de lazer, na Índia, é algo recente. Muitas ainda não possuem estrutura como cadeiras, guarda sol, bebidas e comidas. As praias dos resorts acabam oferecendo uma estrutura mais semelhante ao que os turistas estrangeiros estão acostumados.
Nas praias dos resorts é possível usar traje de banhos como biquini. Nas praias públicas, não é recomendado.
O mar Arábico tem águas quentes no verão, as praias são interessantes, mas não espere águas de cores extremamente claras.

Praia de Marari| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Vilas locais

Visitar uma vila local é uma atividade incrível. Você pode fazer isso de forma independente, mas, também, são oferecidos passeios, onde são demonstradas várias atividades do dia a dia local, como por exemplo, subir no coqueiro, fazer cordas e cestaria, visitar as casas, ver a produção da bebida alcoolica local originária do coco, chamada toddy . Fiz o tour chamado Village Life Experience em Kumarakom e a experiência me pareceu bem legítima, nada no estilo: “para turista ver”.

Aprendendo a subir no coqueiro, durante a Village Life Experience| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Esportes

São diversas as atividades disponíveis na região seja nas praias ou nas montanhas de Munnar e Wayanad. Trilhas, rapel, esportes aquáticos, passeios de jipe são apenas algumas delas.

Esportes de aventura são uma das atrações de Kerala| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Comida

Com elementos como coco, banana e jaca em versão salgadas, a alimentação do estado é bem típica e diferente do restante da Índia, até porque é comum encontrar lugares que levam a sério a culinária ayurveda e seus princípios saudáveis.
Sadhya é um prato típico servido na folha de bananeira, sabores que variam do doce ao amargo, fazem dele algo único.
A jaca foi eleita a fruta do estado, diferente daqui, ela é utilizada em versões salgadas e ensopadas, fica delicioso.

Sadhya, prato típico de Kerala baseado na culinária ayurveda | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Ayurveda

A Ciência da Vida, em sâscrito ayurveda, é a forma com a qual grande parte da população indiana se relaciona com a saúde.
Médicos ayurvedas são procurados por pessoas do mundo inteiro como forma de tratamentos mais naturais.
Vários resorts e clínicas oferecem pacotes all inclusive com tratamentos ayurveda para detox e problemas de saúde. Entre massagens, ervas, banhos, limpezas e opções naturais, é impossível não se sentir revigorado.
O estado também é o mais procurado para quem quer estudar sobre o assunto.

Arte marciais

Kalaripayattu Bout é conhecida como a arte marcial dos yogues, muito praticcada em Kerala, é possível visitar uma das academias ou apresentações. A velocidade e habilidade dos golpes é impressionante.

Artesanato

O artesanato na Índia, como um todo é lindo. Em Kerala as fibras de coco e dos coqueiros acabam dando um toque especial. Mas seria impossível definir a variedade de artesanato e belezas que vi pelo caminho. Visitar lugares que produzem o artesanato é uma ótima pedida. Um exemplo desses lugares é a Sargaalaya Art & Crafts em Kozhikode.

Artesã em Sargaalaya, que reúne várias lojas | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

 

Festivais e templos

Assim como no Norte, o Sul do país é bastante religioso, as manifestações hindus são as mais presentes e os festivais atraem milhares de pessoas em datas comemorativas.
Faz parte da tradição dos festivais em Kerala, a presença de elefantes nos templos.

Festival religioso hindu | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Cultura

A cultura do estado é peculiar, as danças e tambores estão entre os destaques e muitos hotéis recebem os turistas dessa forma.
Kathakali, Thullal e Mohiniyattam são três das principais danças locais e é possível assistir shows.
Os saris, trajes típicos das indianas, aqui também tem um toque especial, o colorido do norte, é substituido por cores claras, que são mais confortáveis em razão do calor da região.

Personagem do Kathakali, dança tradiocional de Kerala | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

História

Além dos templos tradicionais hindus, típicos da Índia, Kerala abriga uma parte histórica diferente, de quando a região recebeu portugueses, isso deu ao local uma arquitetura colonial, com igrejas cristãs e fortes no estilo Europeu, como Forte, entre eles o Bekal em Kasargod e o St. Angelo’s em Kannur.

Forte de Santo ângelo em Kannur | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

As pessoas

Não sei se Kerala é o País de Deus, como diz o seu slogan, mas o sorriso e acolhimento das pessoas faz nos sentir mais perto dele.
Gente acolhedora, simples e simpática. A região precisa muito do turismo, então, saiba que ao visitar o estado, você está contribuindo para o desenvolvimento e renda da sorridente população local.

Mulheres de Kerala em trajes típicos | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Hospedagem

  • Hotéis

Pode ser a oportunidade de aproveitar um hotel mais sofisticado em razão do preço, mas, lembrando que os hotéis familiares também tem o seu charme e são uma oportunidade de contato mais próximo com a população local.

O Seashell Haris Beach Home em Kannur é um exemplo de acolhimento, à beira mar e com um sorridente dono indiano, é impossível não se sentir em casa.

Vista do hotel SeaShell | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo
  • Hostel

Já fiquei em diversos hosteis na Índia e não tive problemas. Alguns são mais sofisticados, como os que integram as marcas franquiadas. Outros são mais simples e menos confortáveis. Mas vale aquela dica universal: sempre olhe a avaliação em sites de reserva de hospedagem.

  • Residencias familiares, Vilas e Comunidades

Se você busca mais contato com a população local, uma opção são as pousadas e casas de locais cadastrados na Associação Kerala Hats, no site , você encontra uma relação de locais em todo o estado.

Casa da árvore na Kollenkeril Homestay | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo
  • Resorts

Tem para todos os bolsos, na Índia os resorts são em geral mais baratos do que por aqui e pode ser uma oportunidade para um mochileiro se dar esse luxo.
Vou colocar aqui o nome de alguns resorts e hotéis de luxo bem recomedados, caso você queira aproveitar os preços mais acessíveis que no Brasil.
Kochi: Marriott hotel, Hotel Ramada, Grand Hyatt, Fragrant Nature e Xandari Harbour

A incrível piscina do Hotel Ramada | Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

Kozhikode: Raviz Kozhikode, De Grand Malabar, Hyson Hotel & Malabar Palace
Kumarakom: Coconut Lagoon, Lake Song and Backwater Ripples
Munnar: Blanket Hotel, Tea Country, The Fog e The Leaf
Nileshwar: Nileswar Hermitage, Kanan Beach Resort, Malabar Ocean Front, Yoga & Naturopathy & Mantra Resort.
Trivandrum: KTDC Mascot Hotel
Thrissur: The Garuda Hotel
Wayanad: Vythiri Village, Vythiri Resort, Windoflower e CGH Wayanad Wild

Piscina di Hotel Xandari Marari| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo

A Índia possui as grandes redes de hotéis mundias, incluindo, a Taj Hotels, que é uma das mais luxuosas do país.

  • Barcos Casa / Hotel

Um passeio imperdível é o que inclui ao menos uma noite em um barco casa. O tamanho e luxo dos barcos variam de acordo com orçamento, tem para todos os bolsos. Os barcos circulam pelas vilas e paisagens incríveis, um momento especial é ver o por do sol. As camas costumam ser bem confortáveis e a comida deliciosa. Fiz o meu passeio com a empresa Rainbow Cruise.
Outras empresas que fazem esse passeio: Lakes and Lagoon, Spice Routes e Xandari Riverscapes.

População que vive nos Backwaters| Foto: Gilsimara Caresia @GirlsGo


2 comentários em “Kerala: a Índia pouco conhecida”

  1. Tô indo amanhã para Varkala. Senti falta desta cidade na sua lista. Grata de toda forma. Feliz Ano Novo!

Deixe um comentário

Log in

Esqueceu a senha?

Forgot your password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Fechar
de

Enviando Arquivo…