Site mostra mapa interativo com sítios arqueológicos da cidade de São Paulo


Capital tem 84 sítios arqueológicos, como cemitérios clandestinos, artefatos tupis-guaranis e até ruínas de mineração de ouro. São Paulo é pioneira no país ao publicar dados georreferenciados sobre o tema.

A Prefeitura de São paulo, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU), disponibilizou na web um mapa interativo que mostra todos os sítios arqueológicos da cidade, o GeoSampa. O trabalho de catalogação, desenvolvido com dados georreferenciados e disponíveis para download, é inédito no país. Nele é possível consultar, por exemplo, a data e os artefatos encontrados em um determinado sítio arqueológico, além dos bens desse tipo tombados pelo município.

1024px Pico do Jaragua

Parque Estadual do Jaraguá, local onde se encontra um dos sítios arqueológicos da cidade, o Paredão do Jaraguá, ruínas de uma antiga mina de quartzo – Foto: OS2Warp / Wikimedia Commons

O patrimônio arqueológico é constituído por todos os vestígios, bens e outros indícios da evolução do planeta, da vida e dos seres humanos, cuja preservação e estudo permitam traçar a história da humanidade e sua relação com o ambiente. Na capital são mais de 170 registros, entre sítios, ocorrências, bens e áreas de interesse que registram partes da história do município, desde o período pré-colonial.

Os sítios arqueológicos são locais onde objetos e marcas, como pinturas rupestres, construções antigas, túmulos e artefatos, denotam momentos históricos e o desenvolvimento de uma região. Os vestígios podem estar sobre a superfície do solo ou enterrados – sendo necessário o trabalho de um arqueólogo.

alasca arqueologia 12

Escavação arqueológica no Cemitério dos Aflitos, no bairro da Liberdade em São Paulo – Foto: A Lasca Arqueologia

 

São Paulo tem 84 sítios arqueológicos, que vão desde cemitérios clandestinos e artefatos tupis-guaranis até ruínas de mineração de ouro – como as encontradas no Jaraguá, bairro de Pirituba.

Como acessar e baixar a camada?

Para consultar a novidade, é simples. Acesse o Portal GeoSampa, ative a camada “Patrimônio Cultural”, selecione “Bens Arqueológicos” e em seguida as opções desejáveis: “Sítio Arqueológico”, “Ocorrência Arqueológica”, “Bem de Interesse Arqueológico” e/ou “Área de Interesse Arqueológico”

O download também é feito de forma fácil. Clique no ícone “Download de Arquivos”, escolha o tema “Patrimônio Cultural”, selecione a camada “Bens Arqueológicos” e baixe os arquivos nos formatos KMZ e/ou Shapefile.

Texto:  Secretaria Especial de Comunicação da Prefeitura Municipal de São Paulo e Redação.


Mochileiros.com

Comunidade de ajuda mútua entre viajantes independentes e mochileiros. No ar desde 1999, tem dicas e informações e mais de 10.000 relatos de viagens publicados. Ganhador do Prêmio 'Influenciadores Digitais' por dois anos consecutivos. Aqui no blog traz histórias inspiradoras e notícias relacionadas ao universo viajante.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

      Deixe uma Comentário

      Mochileiros.com
      Logo