Quarentena em toda Argentina já está em vigor


O presidente da Argentina, Alberto Fernández anunciou uma quarentena obrigatória em todo o país até o dia 31 de março. No último dia 15, ele já havia anunciado o fechamento das fronteiras argentinas por 15 dias e suspendido voos vindos de países altamente atingidos pelo coronavírus.
Em sua conta no Twitter, o presidente da Argentina tem publicado as ações promovidas pelo país no combate a pandemia. “Em certos momentos, as batalhas parecem difíceis de ganhar. Podem estar certos que hoje o Estado argentina assume um compromisso: nada poderá debilitar nossa luta coletiva. Nada”, diz trecho de uma carta do presidente ao povo argentino. A carta (abaixo ou aqui) fala sobre a medida de “isolamento social, preventivo e obrigatório para toda a população.”

De acordo com a mensagem, a suspensão da circulação vale tanto para as estradas nacionais como dentro das cidades de todo o país. A circulação para garantir a produção e abastecimento, bem como todos os serviços essenciais e de saúde está liberada. Haverá fiscalização e quem circular sem justificativa será penalizado.

O presidente pede união no país: “Somos uma comunidade. O coronavírus ataca a todos, sem distinções. Responderemos sem distinções. Uma Argentina unida para enfrentar esse desafio”.

A foto (da home e) que traz até este post é de área de San Carlos de Bariloche e de autoria de Fernando Tavora/Unsplash.


Deixe um comentário