Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Oswaldo Bak

Sintra e Coimbra

Posts Recomendados

Sintra Encantadora

Depois de uma noite de sábado agitada no Alto Chiado em Lisboa (o bairro parece uma mistura do Pelourinho, em Salvador, com a Vila Madalena em São Paulo; repleto de bares, restaurantes e casas noturnas), pegamos um trem para Sintra. Destino perfeito para um domingo ensolarado. A cidade, declarada patrimônio mundial pela UNESCO em 1995, fica a 50 minutos da capital e reserva belíssimas surpresas entre seus bosques e ruas sinuosas. Uma delas é o Castelo dos Mouros, construído no século XIII, onde atualmente são realizadas diversas escavações arqueológicas. A muralha de observação que ainda persiste ao tempo fica numa das colinas mais altas da cidade e tem vista para Cascais, um dos balneários mais concorridos de Portugal. O castelo foi construído pelos muçulmanos que dominaram a península ibérica por vários séculos.

 

Após subirmos centenas de degraus foi possível avistar toda a cidade de Sintra, o mar, e o Palácio da Pena, construído pelos últimos reis de Portugal no século XIX, numa colina bem próxima.

Muito colorido, o Palácio da Pena, cercado por um parque magnífico, é uma verdadeira mistura de estilos arquitetônicos. Fica muito clara a influência árabe e oriental nos seus detalhes. A visita aos aposentos do palácio é de encher os olhos. Índia e China são muito presentes na decoração escolhida pelos reis e rainhas da época, que passavam grande parte do verão por lá.

 

É um passeio imperdível!

 

Na segunda-feira de manhã seguimos viagem rumo à Coimbra. No caminho decidimos parar em Fátima para conhecer o santuário e um pouco da história católica da aparição de Nossa Senhora aos pastorinhos, que completará 100 anos em breve (2017). Ficamos impressionados com a fé dos centenas de devotos que peregrinam até lá. Muitos pagam suas promessas caminhando de joelhos para agradecer a graça alcançada.

 

Os Contrastes de Coimbra

Coimbra é uma cidade pequena, por isso decidimos ficar um dia e meio por lá. A Universidade de Coimbra, a mais antiga e tradicional do país, é a atração principal. Parece que a cidade vive em função dela.

 

Há um contraste entre seus habitantes, que nos pareceram velhos ou estudantes jovens.

Notamos que a juventude estudantil representa uma nova geração portuguesa e que deixa evidente seu grande desejo por mudanças sociais e religiosas.

 

No aspecto da religião, por ser um país muito católico, é visível que muitos jovens não demonstram um apego muito profundo nas raízes e tradições da Igreja Católica. Há inúmeras pichações contra a Igreja em muitos lugares.

 

Por sua vez os mais velhos ainda possuem uma postura tradicional e conservadora. Há anos que não mudam nada do que se poderia mudar. Em muitos lugares cruzamos idosos que parecem estar vivendo ainda no século passado e que não fazem a menor questão de serem gentis.

 

No que diz respeito à sociedade, o povo português anda chateado com seu governo. Para muitos, os bancos são “parasitas”. Diferente do brasileiro que é otimista por natureza, em Portugal, observamos que há um pessimismo e uma grande incerteza dos portugueses em relação ao futuro de seu país.

 

Essas são nossas opiniões pela experiência que estamos vivendo, observando a vida do povo daqui. No que diz respeito ao turismo, o país é incrível.

 

COIMBRA- PORTUGAL:

 

Hospedagem/Acomodações (30 Euros/dia quarto duplo): regular

Transporte Público: (1,15 Euros - não utilizamos ): n/a

Culinária (7 Euros em média um prato): muito bom

Hospitalidade do Povo Português: bom

Pontos Turísticos: bom

Preços: bom

Clima Local (média 22 graus): março/12

Meio de Transporte: veículo alugado: (Fiat Punto 1.6/ 50 euros por 3 dias

Distância Percorrida: 220km

Distância Percorrida desde o ponto de Partida (Lisboa): 220 km

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

Entre para seguir isso  

×