Ir para conteúdo

Relato 1ª EUROTRIP - Lisboa-Porto-Barcelona-Roma-Veneza-Paris-Bruxelas Agosto/Setembro 2012


Posts Recomendados

  • Membros

Bom pessoal...farei aqui o relato da 1ª Eurotrip que fiz com minha namorada que foi iniciada no dia 19 de agosto e finalizada no dia 10 de setembro de 2012. Antes de tudo gostaria de agradecer a todos que antes de mim postaram suas experiências, deram dicas de pontos turísticos, hostels, restaurantes etc. Os relatos de vocês foram imprescindíveis para que realizássemos nossa viagem... Muito Obrigado mesmo!!!!!

 

A decisão da viagem foi tomada em fevereiro desse ano e a partir daí nos debruçamos nos relatos aqui no fórum e após ler vários e vários relatos decidimos montar nosso itinerário que inicialmente contava com a presença de Londres, porém a libra alcançou um valor absurdamente alto e decidimos que a terra da rainha ficaria para uma próxima ocasião entrando no seu lugar bruxelas o que se mostrou uma escolha altamente acertada, pois nos divertimos muito por lá e posso adiantar aqui que fechamos com chave de ouro nossa viagem.

 

Nosso itinerário foi Lisboa (2 noites), Barcelona (4 noites), Roma (4 noites), Veneza (3 noites), Paris (5 noites) e Bruxelas (3 noites).

 

Como sei que uma das coisas que mais interessa a galera que está lendo o relato é o valor das coisas sempre que possível colocarei os valores que gastamos. Todo valor que aparecer aqui será o custo total para 2 pessoas.

 

PRÉ-VIAGEM

 

Como nunca tínhamos viajado para o exterior tivemos que tirar nossos passaportes (R$312,14). Outro documento fundamental é o seguro viagem que fizemos pela Porto Seguro (R$383,88) quem tem cartão de crédito platinum e compra passagens aéreas na função crédito ganha de graça esse seguro basta entrar em contato com a administradora do cartão.

 

Hospedagem - Em Lisboa ficamos no GO HOSTEL LISBON (100 euros) reservado diretamente no site do hostel, Barcelona no HOSTAL R. SANS (208 euros) reservado pelo booking.com, Roma no HOTEL LUSSEMBURGO (196 euros) reservado pelo booking.com, Veneza no CA' DELL'ANGELO (283 EUROS)reservado pelo hostelsclub.com, Paris no BASTILE HOSTEL (260 euros) reservado diretamente no site do hostel e Bruxelas no BEST WESTERN ROYAL CENTRE (207 euros) reservado diretamente no site do hostel. Custo total com hospedagem (R$3.295,63). Em todos pegamos quarto para casal com banheiro privativo. Depois comento separadamente o que achei de cada um.

 

Passagem Aérea - Voamos pela Air France e compramos os trechos Rio-Lisboa/Bruxelas-Rio. Como moramos em Salvador compramos por milhas o trecho Salvador-Rio/Rio-Salvador. Este último trecho acabamos perdendo porque nos trocaram de vôo e ao invés de retornarmos diretamente para o Rio tivemos que voltar por São Paulo para depois ir para o Rio. Como a passagem São Paulo-Salvador estava mais barata acabamos voltando por lá mesmo. A Air France nos deu, ainda em Paris, 300 euros em cash pelos transtornos causados... nada mal hehehe!!! O custo total com passagens aéreas foi (R$5.039,24)

 

Transporte Interno - Utilizamos avião entre Lisboa-Barcelona, Barcelona-Roma, Veneza-Paris e trem entre Roma-Veneza e Paris-Bruxelas. Quanto antes comprar a passagem mais barata será. As passagens de trem é possível comprar com 3 meses de antecedência por preços bem legais. Tomamos uma quebrança no trecho barcelona-Roma porque fiquei esperando o preço baixar ainda mais e do nada o preço subiu muito e só fui comprar alguns dias antes da viagem (Não façam isso...compre com antecedência mínima de 1 mês!!!) Lisboa-Barcelona voamos Ryanair (88,98 euros), Barcelona-Roma voamos Alitalia (322 euros), Roma-Veneza fomos de trem pela trenitália (38 euros), Veneza-Paris voamos Ryanair (80,98 euros) e Paris-Bruxelas fomos de trem thalys (44 euros). Custo total com transporte interno foi (R$1.600.33). Poderia ter sido 500 reais mais barato se tivesse comprado o trecho Barcelona-Roma na época certa. Todos os transportes foram comprados pela internet nos sites das empresas. http://www.ryanair.com / http://www.trenitalia.com / http://www.thalys.com DICA - Quando for comprar esses trechos internos de avião dê uma olhada também em http://www.easyjet.com e http://www.vueling.com

 

Atrações Turísticas - É interessante comprar antecipadamente algumas atrações turísticas para evitar filas gigantescas no nosso caso compramos Sagrada Família (Barcelona), Museus do Vaticano e Capela Sistina, Necróples e como coincidiu de no dia que estaríamos lá ter a final da copa do rei entre Barcelona e Real Madrid compramos esse ingresso antecipadamente também. Custo total dessas atrações (R$601,51).

 

Dinheiro - Compramos uma parte em VTM (2.300 euros) e outra em espécie (1.150 euros) diretamente no Banco Brasil. Nos saiu a R$2,61 cada euro sendo o custo total (R$9.007,05)

 

Indico aqui também a compra do GUIA CRIATIVO PARA O VIAJANTE INDEPENDENTE NA EUROPA (R$79,00) é muito bom e com dicas bem interessantes.

 

Bom...por enquanto é isso. Logo mais começo o relato propriamento dito!!!!

 

Em anexo a planilha de gastos que criei.

Planilha de Gastos - EUROTRIP 2012.xls

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 34
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Membros

.OI Luciano!

Obrigado por postar seu relato e principalmente iniciando postando os gastos(que é muito importante, p/nós"futuros mochileiro" e "eu").

Vou acompanhar seu relato viu?!!

Agora uma duvida, esse gasto que vc relatou "R$ 9.500,00 mais ou menos", exclue só a alimentação é isso? E do seu ponto de vista c/ a alimentação lá é possivel economizar e gastar uns 25 euros por dia???

Grata, abraços...

Karla-SP.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros
.OI Luciano!

Obrigado por postar seu relato e principalmente iniciando postando os gastos(que é muito importante, p/nós"futuros mochileiro" e "eu").

Vou acompanhar seu relato viu?!!

Agora uma duvida, esse gasto que vc relatou "R$ 9.500,00 mais ou menos", exclue só a alimentação é isso? E do seu ponto de vista c/ a alimentação lá é possivel economizar e gastar uns 25 euros por dia???

Grata, abraços...

Karla-SP.

 

Olá Karla,

esse valor inclui tudo... desde o guia que comprei ainda aqui no Brasil até as cervejas que tomamos por lá. Nas cidades que visitamos percebi que é possível sim vc se alimentar bem e não gastar muito dinheiro, com exceção de Paris, e com esse valor (25 euros) você consegue passar de boa principalmente na itália. As pizzas por lá são muito baratas (5 a 8 euros) e comem duas pessoas tranquilamente. Em Paris, se não quiser gastar muito dinheiro, é melhor comprar umas coisinhas no mercado porque nos cafés e restaurantes as comidas não são baratas. Se vc der uma olhada na planilha que está anexada ao relato perceberá que Paris foi a cidade onde mais gastamos com alimentação (comida e bebida).

 

Fique a vontande...surgindo dúvidas é só perguntar...espero poder ajudar de alguma forma.

 

Abraço

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Membros

[align=][/align]Saímos de Salvador por volta de 9:30 da manhã e chegamos no Rio pouco mais de 11. Almoçamos por lá, fizemos nosso check in por volta das 14 horas e já entramos para dar um rolé no free shop. Nosso vôo para Lisboa com escala em Paris saiu do Rio de janeiro às 16 horas sem atrasos. O vôo foi tranquilo, atendimento, entretenimento e refeições excelentes.

 

[align=][/align]Chegamos em Paris às 8 horas da manhã do dia 20. Com um pequeno classificador na mão contendo todos nossos documentos (passaportes, passagem aérea de volta, comprovantes de hospedagens, seguro saúde etc.) entramos na fila da imigração que andava com uma certa agilidade. Chegando nossa vez apresentamos os passaportes e o agente nem se deu ao trabalho de nos dar um bom dia, carimbou nossos passaportes e nos liberou. Foi tão ridiculamente fácil de entrar que chegamos a imaginar que passaríamos pela imigração de verdade em Lisboa. Graças a Deus não tivemos problemas na nossa imigração.

 

[align=][/align]Pronto...já estávamos na Europa, mas nosso vôo para Lisboa só sairia às 13 horas. Rodamos um pouco pelo Charles de Gaulle e depois achamos um lugar para dar uma descansada. Perto do meio dia entramos na pizza hut para comer algo e lá tomamos nossas primeiras cervejas na Europa.

 

20121011000503.jpg

 

20121011000539.jpg

 

[align=][/align]O voo para Lisboa saiu no horário previsto e chegamos lá por volta das 15 horas. Passamos no balcão de informações turísticas e compramos o Lisboacard 24 horas (37 euros) que dá direito a entrar em algumas atrações turísticas de graça, dá descontos em outras e a usar os transportes públicos (metrô, trem, ônibus, bonde) durante 24 horas ilimitadamente. Deixamos para habilitá-lo no dia seguinte para podermos aproveitar melhor.

 

[align=][/align]Saindo do aeroporto pegamos o Aerobus (4 euros com o desconto do Lisboacard) e soltamos na praça do Comércio. De lá pegamos o eléctrico 28 (bonde) que nos deixou próximo ao hostel que nos hospedaríamos. DICA 1 – O ticket do aerobus lhe dá direito a utilizar transportes públicos (ônibus, bonde e elevadores) de graça durante 24 horas.

 

[align=][/align]Chegamos no GO HOSTEL LISBON pouco mais de 16 horas e a primeira impressão foi boa. O hostel é bem espaçoso, possui um jardim com mesas e cadeiras onde os hóspedes podem relaxar a noite, beber e comer algo ou mesmo tomar o seu café da manhã ao ar livre. Possui também um bar que funciona até altas horas da madruga. O quarto é pequeno o suficiente para caber uma cama de casal, um ventilador, uma pequena cômoda e uma TV. O banheiro é bem espaçoso, porém mal dividido além de não ter um box decente, ao invés disso tínhamos a famosa cortina o que fatalmente faria com que molhássemos o chão. A localização dele é boa, tem ponto de eléctrico e estação de metrô próximos, além de um mercado tipo feira onde é possível comprar frutas, água, vinhos, queijos etc. Oferece um bom café da manhã com pães, queijo, presunto, iogurtes, sucos. Tirei um ponto pelo banheiro mal dividido e mais um pela falta de um ar condicionado e tamanho do quarto, logo minha nota para esse hostel foi 8. E se me perguntarem se indico digo que sim!!! Pode ir ... não vai se arrepender.

 

 

20121011000806.jpg

 

 

20121011000835.jpg

 

 

20121011000902.jpg

 

 

20121011000927.jpg

 

[align=][/align]Fizemos o check in, tomamos banho e saímos em direção ao Parque das Nações umas 18 horas. Andamos aproximadamente 4 minutos e chegamos na estação de metrô. Pegamos o metrô e descemos na estação Oriente a partir daí fomos seguindo as placas. Saímos da estação, atravessamos várias ruas paralelas, entramos num moderno shopping andando sempre reto atravessamos o shopping e lá estávamos na Praça das Nações

 

 

20121011001522.jpg

 

 

20121011001832.jpg

 

 

20121011001909.jpg

 

 

 

[align=][/align]Tiramos algumas fotos por lá e fomos para o Oceanário, mas já estava fechando e não conseguimos entrar. Sentamos num gramado por ali mesmo e ficamos um tempo observado o ambientes e os teleféricos que pouco depois também parou. Decidimos então ir para o bairro do chiado jantar. Fizemos todo trajeto de volta para a estação Oriente. Pegamos o metrô sentido Estação Alameda, descemos nessa estação e de lá pegamos outro e descemos na estação Baixa Chiado. Andamos um pouco pelas redondezas e entramos num pequeno shopping (Armazéns do Chiado) e acabamos comprando uma capa para câmera.

 

[align=][/align]Como estávamos em Portugal decidimos comer um bacalhau e acabamos sendo abordados por um rapaz que fazia propaganda de um restaurante (Casa de Camões) onde rolava também um show ao vivo de fado. O restaurante é pequeno, mas bem arrumadinho e a comida não era nada barata. Comemos bacalhau com batatas e bebemos uma garrafa de vinho enquanto a cada 10 minutos os fadistas se apresentavam num restaurante iluminado apenas pelas velas das mesas o que dava ao ambiente um clima bem intimista. Todo esse clima nos custou 47,50 euros, mas foi legal. Já era quase meia noite, então decidimos voltar para o hostel e dar uma descansada.

 

 

20121011002117.jpg

 

20121011002137.jpg

 

20121011002224.jpg

 

Custo Total do dia - 142,39 euros

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 4 semanas depois...
  • Membros

Acordamos por volta das 9 horas, nos arrumamos e descemos para o café. Fomos numa feirinha próxima ao hostel compramos algumas frutas, água e uma garrafa de vinho. Deixamos o vinho no hostel e fomos para o Oceanário.

 

A fila estava grande, mas andava com agilidade como tínhamos o lisboacard tivemos um desconto na entrada e pagamos 27,20 euros no preço normal seriam 32 euros se não me engano. Rodamos e tiramos algumas fotos lá por dentro, diria que é um passeio interessante e pagando mais uns 5 euros você pega um áudio-guia que provavelmente te dá mais informações sobre as espécies.

 

 

20121107034302.JPG

 

 

20121107034350.JPG

 

 

20121107034429.JPG

 

Saímos de lá mais de 13 horas e fomos direto para o bairro de Belém. Pegamos o metrô na estação Oriente, descemos na estação alameda e pegamos outro metrô sentido Cais do Sodré. Descemos nessa estação e lá pegamos um trem para Belém. DICA 2 – É bom verificar qual linha para realmente na estação de Belém, porque tem alguns trens que não param em todas as estações. A linha que para em Belém é a 3 sentido Cascais a linha 2 passa batido e foi o que aconteceu com a gente, passamos batido e tivemos que voltar.

 

Descemos na estação de Belém e fomos em direção ao Mosteiro dos Jerónimos. No caminho passamos pelo famoso restaurante que vende os mais famosos ainda pastéis de nata de Belém que estava extremamente lotado de turistas. Chegando no mosteiro tiramos algumas fotos do lado de fora e depois entramos para conhecer o lugar com o Lisboacard a entrada foi de graça. Rodamos mais um pouco lá por dentro e tiramos mais fotos.

 

 

20121107034720.JPG

 

20121107034851.JPG

 

20121107034951.JPG

 

Saímos do mosteiro e fomos almoçar numa lanchonete próxima. A comida era muito boa, bem servida e barata. Comi um pernil assado na brasa com arroz e batatas muito bom por apenas 7 euros e minha namorada um prato com filé mignon e um molho lá muito bom também pelo mesmo preço. Tomamos uns refrigerantes e de sobremesa um pastelzinho de côco, pois o de nata havia acabado. Gastamos ao todo algo em torno de 22 euros.

 

Saímos da lanchonete e fomos dar uma olhada no padrão dos descobrimentos um belo monumento em homenagem aos grandes navegantes. O local é bem interessante e o visual do Tejo é muito bonito. De lá fomos na Torre de Belém que fica perto. Não conseguimos entrar porque chegamos lá mais de 18 horas, mas tiramos algumas fotos do lado de fora e curtimos o visual. DICA 3 – Tome cuidado com o tempo no verão, pois o dia começa a anoitecer lá pelas 21 horas e como não estamos acostumados com isso, pelo menos eu não estou, é possível que você perca a noção do tempo ache que está cedo, mas na verdade não está e acabe deixando de entrar em algumas atrações por causa do horário.

 

 

20121107035400.JPG

 

20121107035519.JPG

 

20121107035623.JPG

 

20121107035827.JPG

 

Saímos da Torre com destino ao Castelo de São Jorge. Tivemos que correr porque só é possível entrar no castelo até as 20:30. Fizemos todo o caminho de volta trem na estação de Belém até estação cais do Sodré e de lá um metrô até a estação intendente se não me engano. Descemos lá pegamos algumas informações com comerciantes que nos indicou um ônibus que nos levaria até o castelo. O ônibus para praticamente na porta do castelo, porém soltamos no ponto errado e tivemos que dar uma andada significativa subindo ladeiras até chegar lá. Chegamos lá por volta das 20 horas e pagamos 10 euros para entrar com o desconto do lisboacard.

 

Do castelo se tem uma bonita visão de Lisboa. Ficamos por ali admirando um pouco aquilo tudo, tirando umas fotos e descansando também já que passamos praticamente o dia inteiro andando. Aos poucos o sol foi indo embora e a cidade começava a se iluminar inclusive o próprio castelo. Rodamos rapidamente alguns setores do castelo, tiramos mais algumas fotos e fomos embora já eram mais de 21 horas.

 

 

20121107040124.JPG

 

20121107040215.JPG

 

20121107040636.JPG

 

20121107040731.JPG

 

Estávamos exautos e o corpo pedia uma cerveja gelada. Descemos em direção ao ponto do electrico e lá encontramos o miradouro de Santa Luzia um lugar muito agradável que tem um barzinho e no dia estava rolando uma música ao vivo e o cantor era brasileiro inclusive. Tomamos umas cervejas por lá e saímos. Pegamos o electrico e fomos dar uma olhada rápida na catedral da Sé que fica por perto.

 

20121107040951.JPG

 

Voltamos para o hostel e no meio do caminho paramos num mercado para comprar algumas coisas para o café da manhã do dia seguinte já que sairíamos bem cedo. Aproveitamos e compramos uns queijos para comer tomando o vinho que tínhamos comprado pela manhã. Chegamos no hostel tomamos banho e descemos para o jardim. Ficamos por lá até quase uma da manhã conversando, tomando vinho e comendo queijo... coisa chata!!!!!

 

Custo Total do dia - 76,43 euros

Editado por Visitante
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...