Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Entre para seguir isso  
nnaomi

21 dias em SC - Parte 2: Garopaba

Posts Recomendados

Fiquei hospedada no centro de Garopaba, mas há várias opções na Praia da Ferrugem, na cidade de Imbituba e na Praia do Rosa.

 

Em Garopaba:

• Pousada da Praia, Av. dos Pescadores, 121, Centro, 3254-3334, [email protected], http://pousadadapraiagaropaba.com.br/ A pousada é agradável, aconchegante, de frente para o mar. Dá para tomar café da manhã apreciando a vista da praia central de Garopaba. É bem conservada, limpa, não tem mofo/umidade, mesmo tão perto da praia. O quarto e o banheiro são de pequenos a médios, mas limpos e funcionais. As instalações não muito novas, mas o quarto conta com AC split e cofre e o banheiro com aquecimento central e torneira de água quente na pia que, pasme, foi providencial no frio de julho. Conta com funcionários atenciosos e prestativos. A excelente localização garante vista para a praia e é possível se locomover a pé para restaurantes, lojas, bancos e a praça central para pegar ônibus. Café da manhã bom e bem servido apesar dos poucos hóspedes. Por ser baixa temporada teve um desconto muito bom, foi o menor preço que paguei durante a viagem

 

Outras opções:

• Pousada Poente do Sol, R. Maria Antonia dos Santos, 489, Ferraz, 3254-3416 / 4477 / 6692 / 9968-5237 / 9626-6800 / 8807-0137, [email protected], http://www.pousadapoentedosol.com.br/ S/ café da manhã na baixa temporada. Fica a 2 quadras da rodoviária

• Pousada Mares do Sul, Av. Francisco Pacheco de Sousa, 393, Centro, 3354-1921, [email protected], http://maresdosulpousada.com.br/

 

Na Praia da Ferrugem:

Outras opções:

• Pousada Ferrujão, R. das Garoupas, 50, 3254-0050 / 0322 / 8824-3008, [email protected], http://pousadaferrujao.com.br Parece uma boa pousada, fica bem perto da praia, basta caminhar alguns metros por uma passarela e já está na areia da praia. Na direção oposta, caminha-se alguns metros e se chega à principal rua da vila, com restaurantes e comércio em geral

• Pousada do Véio, Estrada GRP 030, 815, 3254-3866 / 9991 2756, [email protected], http://pousadadoveio.com.br/ Parece um pouco mais distante, mais ou menos entre o centro de Garopaba e a Praia da Ferrugem

 

Em Imbituba:

Outras opções:

• Silvestre Praia Hotel, R. Irineu Bornhausen, 185, 3255-1404 / 1230, [email protected], http://www.silvestrepraiahotel.com.br/

• Praia Hotel Imbituba, Av. Beira Mar (R. Manoel Antônio de Silva), 864, Centro, 3255-1700 / 3255-1701, [email protected], [email protected], http://praiahotelimbituba.com.br/

 

Na Praia do Rosa:

Outras opções:

• Regina Guest House, no centro da baía da Praia do Rosa, no início do Caminho do Rei, a 500m da praia, 3355-6247 / Fax 6066, [email protected], http://reginagh.com.br/

• Pousada Flor de Lótus, Estrada Geral do Rosa, s/n, a 400m da praia, 3355-7087 / 9961-4234, [email protected], http://pousadaflordelotus.com.br/

• Pousada Rosa & Canela, Av. Central do Rosa, a 5min caminhando até os restaurantes e 15min até o mar, 3355-6059 / 9982-5023, [email protected], http://www.rosaecanela.com.br/

• Pousada Studios do Barão, Caminho do Rei, 180, a 400m do mar, 3355-6229 / 8844-5350, [email protected], http://www.studiosdobarao.com.br/

• Vigia das Marés Pousada, R. Caminho do Rei, 60, 3355-7097, [email protected], http://vigiadasmares.com.br/

• Pousada Capitão Cook, acesso pela Estr. Geral de Ibiraquera, a 300m do centro e a 900m da praia , 3355-7044 / 8829-1322 / (51) 9152-5024, [email protected]

 

Dicas e comentários sobre hospedagem:

• Para quem está com carro, pode optar por ficar no centro (Garopaba ou Imbituba) ou em praia mais isolada. Para quem depende de transporte público, o local deve ser bem escolhido.

 

• Garopaba é pequena, mas conta com infraestrutura de hospedagem e alimentação mesmo no período de baixa temporada, ainda que as opções fiquem reduzidas nesse período. Conta com bancos e comércio variado, o que garante conforto e praticidade. Imbituba é uma cidade maior, mas me disseram que é menos turística do que Garopaba

 

• Ferrugem e Praia do Rosa têm estrutura para receber o turista (mercados, lavanderia, internet, etc) e são muito movimentadas na alta temporada, tanto de dia como de noite, mas na baixa parecem cidades fantasmas, cenário de algum filme de epidemia, todo mundo morreu e só sobrou a cidade vazia. O cenário de desolação é aumentado com os montes de entulho ocasionais pelas ruas devido às reformas e construções que ocorrem nesse período. Algumas pousadas e restaurantes funcionam o ano todo, mas o comércio em geral fecha e fica-se muito isolado. Só fique por lá se quiser muita tranquilidade e tenha em mente que pode ser necessário deslocar-se a Garopaba ou Imbituba para conseguir até mesmo o básico. Não lembro de ter visto bancos/caixas eletrônicos nessas localidades. Vi farmácia em Ferrugem, mas não lembro de ter visto na Praia do Rosa

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

• Rest. Dunas (no final da R. Manoel Álvaro de Araújo-início da Av. dos Pescadores), local simples, mas agradável, de frente ao mar, no almoço é buffet por kg. A comida é simples, não tem muita variedade, mas é boa. Preço bom, boa relação custo-benefício

 

• Rest. Bifão, R. Marquês Guimarães, 173, próximo a Ponte dos Pescadores, 3254-4779. Ambiente mais simples, mas é agradável. E o melhor da história é que oferece uma comidinha caseira maravilhosa a preço honesto. Arroz, feijão preto, polenta frita, batata frita, salada de alface e tomate e um bifão nota 10. O bifão pode ser de frango ou gado e pode-se escolher entre vários tipos de molho. Pela qualidade da comida e pelo preço, considero uma excelente relação custo-benefício, a melhor de toda a viagem

 

• Rest. Algarve, Av. Prefeito João Orestes de Araújo, 222, 3354-1440 / 9145-8905. Ambiente simples, mas agradável. Pedimos bife de alcatra a cavalo: 2 bifes enormes com ovo frito, arroz, feijão preto, batata (purê ou frita ou sautee), salada (alface, tomate, chuchu, cenoura e beterraba). Prato para 2 muito bem servido a preço honesto. O preço não é tão bom quanto o Rest. Bifão, mas o prato é muito bem servido e a comida muito boa, então acho que a relação custo-benefício é muito boa

 

• Rest. Massaroca, Av Pref. João Orestes de Araújo, 208, 9650-6883. Ambiente simples, mas agradável. Fomos de rodízio de pizzas e massas, que estavam médias, mas não era caro, então acho que a relação custo-benefício é razoável

 

• Rest. H2O, Av. Prefeito João Orestes de Araújo, 893, Centro, 3354-1183. Ambiente agradável. Pedimos 1 combinado pequeno e frango, chá verde de cortesia. Apresentação do combinado bonita. Comida gostosa, preço médio (valor normal de restaurante japonês), relação custo-benefício é de razoável a boa

 

• Rest. 77, Av. dos Pescadores, 121, Centro, 3254-6622, 12-0h. Ambiente muito agradável, atendimento muito bom (ganhei dicas e um mapa ótimo), louças bonitas e apresentação esmerada do prato. Fomos de picanha ao molho funghi. Como acompanhamento, tem um buffet de saladas e pratos quentes para se servir. Comida muito boa e gostosa. Sobremesa cara, mas muito bonita e gostosa. É caro, mas os preços são condizentes com a qualidade da comida e do ambiente, dá para comer bem tanto em quantidade como em qualidade, por isso acho a relação custo-benefício é de razoável a boa

 

• Cia de Mousses, R. Pref. João Orestes de Araújo, 872, Centro, 3254-4496, 13-22h, mousses e tortas. Ambiente agradável, tem lareira que é acesa no inverno, as tortas são muito boas. Os preços são razoáveis

 

Outras opções:

• Graphite Forneria, R. João Orestes de Araújo, 326, Centro, 3254-4334, qui-dom das 19-0h. Pizza

 

• Trattoria Cosa Nostra, R. Francisco, Pacheco de Sousa, 760, Centro, 3354-3036, qua-sex das 19-23h, sáb-dom das 12-15h e 19-23h. Italiana

 

• Armazém do Mar, R. Ptolomeu Bitencourt, 44, Centro, 3254-4145, sex-sáb das 19-23h. Pescados

 

• Doce Suspiro, R. Pref. João Orestes de Araújo, 541, Centro, 3254-1798, seg-sáb das 12h30-19h. A especialidade da casa são as bebidas à base de café

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Outras opções:

• Cantionilia Bistro, Praia da Ferrugem, 9684-3448 / 9603-4335, diar das 11-19h

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

• Rest. Urucum (Pousada Solar Mirador), Estrada Geral do Rosa, Praia do Rosa, 3355-6144 / Fax 6697. Ambiente muito agradável, decoração bonita, rústico chique (nem muito rústico, nem muito chique), móveis bonitos, louças bonitas, arranjos de flores naturais nas mesas, vista maravilhosa da lagoa e da Praia do Rosa. Pratos individuais caros e de tamanho médio, mas gostosos, decorados e com apresentação esmerada. Pedimos peixe branco grelhado com molho agridoce que estava com tempero muito gostoso e purê de ervilha. É caro, mas os preços são condizentes com a qualidade da comida e do ambiente, por isso acho a relação custo-benefício é de razoável a boa

 

• Rest. Sapore di Pasta (Pousada Morada dos Bougainvilles), Caminho do Alto do Morro, Praia do Rosa, 3355-6100, 13-0h. Italiana. O ambiente é bem agradável e mais fino, tem guardanapo de tecido, louças e talheres bonitos. Pedimos 2 tipos de massa, que estavam excelentes, mas os pratos são individuais de tamanho médio com o preço de um prato para 2, por isso considerei a relação custo-benefício ruim. Ficou mais caro do que o Rest. Uurucum

 

Outras opções:

• Lua Marinha, Estr. Geral do Ibiraquera, do Bicão, 3354-0543, qui-dom das 18-23h. Pescados

• Tigre Asiático, Estr. Geral do Rosa, 3355-7045, 19-0h. Tailandesa

• Bistrô Pedra da Vigia (Regina Guest House), Caminho do Alto do Morro, 3355-6066, qui-sáb das 18-23h. Pescados

• Refúgio do Pescador (Hospedaria das Brisas), Caminho do Alto do Morro, 3355-6020, mai-ago de sex-dom 13-23h. Pescados

• La Rueda Demarchi, Estr. Geral do Ibiraquera, 3355-6449, qua-dom 19-0h. Pizza

• Crepe Georgette, Caminho do Alto do Morro, 3355-6646, qui-sáb 18-22h, crepes

• Magia do Trigo, Estr. Geral do Rosa, 3354-0100, 8h30-19h, salgados, sanduiches, tortas e bolos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

• Em Garopaba, na baixa temporada, alguns restaurantes funcionam apenas aos finais de semana, mas ainda assim há várias opções abertas mesmo no meio da semana. Entretanto, locais como Praia da Ferrugem e Praia do Rosa ficam com opções muito reduzidas no período de baixa temporada

 

• Praia do Rosa tem alguns restaurantes mais sofisticados. Não sei se foi falta de sorte e/ou falta de opção devido à baixa temporada, mas não encontramos boas opções.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Contatos úteis:

• Prefeitura Municipal de Garopaba, Pça. Gov. Ivo Silveira, 296, Centro, 3254 8100 / Fax 8101, [email protected]

 

• Secretaria de Turismo de Garopaba, 3254-817, das 13-19h

 

• Prefeitura Municipal de Imbituba, Av. Dr. João Rimsa, 601, 3355-8100 / Fax 8100, [email protected]

 

Postos de Informações Turísticas:

• CAT (Centro de Atendimento ao Turista) de Garopaba, na praça central, próximo a Policlínica, 3254-8166, seg-sáb das 9-17h. Tem banheiros. Funcionários dão informações e há um mapa caprichado e um bom guia que reune informações, dicas de hospedagem e alimentação e mapas detalhados

 

• Centro de Informações Turísticas de Imbituba, Av. Presidente Vargas - Antiga Estação Ferroviária, Centro, 3255-2374, 7h30-12h e 13h-18h, [email protected]

 

Links úteis:

 

Prefeitura Municipal de Garopaba

Garopaba

Prefeitura de Imbituba

Guia do Rosa e Ibiraquera

Praia do Rosa

 

Receptivos Turísticos:

Outras opções:

• Garopaba Experience, 3354-1534, http://garopabaexperience.com.br/index.php

• Garopaba Vertical, Bruno Alves 9108-8001 / 3254-3942, http://garopabavertical.blogspot.com.br/

 

Dicas:

• Em Garopaba, lojas e restaurantes fornecem um bom guia de Rosa e Ibiraquera. As pessoas são muito prestativas, aproveite para pedir dicas

 

• Praia do Rosa é bem legal com muitas lojinhas, restaurantes e pousadas nas imediações. Tem a praia, um morro com vegetação e algumas pousadas no meio do mato e há alguns acessos da Estrada Geral do Rosa para a praia entre a Rosa Norte e a Rosa Sul. As estradas são calçadas ou de terra. Parece uma Jericoacoara, uma vilinha rústica, mas chique com pousadas e restaurantes sofisticados. A vila deve ser bem aconchegante na alta ou média temporada. Agora, em julho, tem muito comércio (lojas, restaurantes e pousadas) fechado. Mesmo no sábado, vila estava deserta à tarde, mas passavam vários carros com pranchas. Na praia até tinha algum movimento principalmente de surfistas

 

• Praia do Rosa e Praia da Ferrugem tem lojas, mas praticamente todas estavam fechadas em julho. O centro de Garopaba também tinha várias lojas fechadas que só abrem na alta temporada, mas mesmo assim sobra muito comércio local e também lojas para turistas que ficam abertas o ano todo. Tem lojas com bastante variedade de camisetas (estampas para turistas), que vão desde a malhas mais simples a malhas melhores

 

• Tem várias lojas fechadas, elas fecham as persianas ou colam papel pardo nas vitrines. Algumas deixaram recado, avisando que fecharam em abril e só reabrirão em meados de dezembro

 

• Garopaba tem um das fábricas da Mormaii que fica bem na entrada da cidade. Na av. principal tem uma grande loja da marca, foi a maior que eu vi, tem muitos produtos variados. Na Rosa Sul também tem uma pequena loja, mas estava fechada e vazia, só abre na alta temporada

 

• Compras: Coral Biquínis, Estrada Geral de Ibiraquera, 3355-7166, Praia do Rosa

 

• Disseram que não há caixa eletrônico na Praia do Rosa e que alguns estabelecimentos não trabalham com cartão. Falaram que mercadinhos tem pouca variedade de produtos e que são mais caros

 

• Na baixa temporada, a cidade fica muito vazia no meio da semana. No final de semana, tem mais movimento, há mais restaurantes abertos, mas tem menos horários de transporte público

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Roteiro 1: city tour e praias próximas ao centro

• Morro do Ferraz ou Morro da Embratel

• Praia central de Garopaba, Praia Siriú e dunas

• Centro Histórico

• City tour

Ir ao mirante do Morro do Ferraz ou Morro da Embratel (a pé ou táxi). Passear pelo calçadão da Praia central de Garopaba, seguir até o canto esquerdo da praia, onde começam as passarelas para a Praia Siriú. Caminhar até a Praia Siriú, no canto esquerdo da praia pegar a estrada de terra e seguir até as Dunas do Siriú. De volta à praia central, seguir para o centro histórico até a igreja matriz. No meio do caminho, é possível agendar passeio de barco para avistamento de baleia, se for época. Se tiver pique faça a Trilha Praia da Vigia/Praia da Silveira ou Trilha da Igreja. Voltar pela trilha ou caminhar até a estrada para retornar com o ônibus da Praia Ferrugem para Garopaba. No começo da noite é possível pegar o comércio aberto na Av. Prefeito João Orestes de Araújo; há muitas lojas com malhas e artigos esportivos para surfistas, como a Mormaii.

 

Roteiro 2: Trilha da Praia da Ferrugem para a Praia do Ouvidor. Se tiver pique emende com a Trilha da Praia do Ouvidor para a Praia do Rosa ou divida esse roteiro em 2 dias, 1 dia para cada trilha

• Trilha Praia da Ferrugem/Praia do Ouvidor

• Trilha Praia do Ouvidor/Praia do Rosa

Pegar ônibus para a Praia do Ferrugem e fazer a trilha até a Praia do Ouvidor. Se quiser continuar prossiga na trilha até a Praia do Rosa ou retorne pela estrada até a bifurcação com a Estrada Geral do Rosa, onde é possível pegar ônibus para retornar para Garopaba. Se continuar até a Praia do Rosa, lá tem ônibus que retorna a Garopaba.

 

Roteiro 3: Trilha da Praia do Rosa para a Praia do Luz. Retorno pela Praia Barra de Ibiraquera ou pelo Caminho do Rei

• Trilha Praia do Rosa/Praia do Luz

• Praia Barra de Ibiraquera

• Caminho do Rei

Pegar ônibus para a Praia do Rosa, seguir para a Rosa Sul e fazer a trilha para a Praia do Luz. Se quiser, retorne pelo Caminho do Rei até o centrinho do Rosa ou prossiga até a Praia Barra de Ibiraquera, se o canal/maré permitir.

 

Acho que vale a pena tirar 1 dia para Imbituba e mais 1 dia para Laguna que são bastante próximas de Garopaba, mas há poucos horários de ônibus disponíveis

 

Roteiro 4: Imbituba

• Praia do Porto

• Praia da Vila

• Porto da Vila

• Passeio de barco para avistamento de baleias

Fazer city tour em Imbituba, passando pelo porto e praia central. Dá para aproveitar o dia e fazer um passeio de barco para avistamento de baleias

P.S.: não fiz esse roteiro, mas gostaria de ter feito.

 

Roteiro 5: Laguna

• Centro Histórico

• Praia do Mar Grosso

• Praia do Farol ou Prainha: Farol de Santa Marta

Fazer city tour em Laguna, passando pelo centro histórico e depois pela Farol de Santa Marta

P.S.: não fiz esse roteiro, mas gostaria de ter feito.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Sexta, 13/07/2012 - ensolarado, céu azul sem nenhuma nuvem

Florianópolis: Terminal Rodoviário Rita Maria, Garopaba: Pousada da Praia, Praia Garopaba, Praia Siriú

Amanheceu um dia muito bonito e frio. Dia de transfer para Garopaba. Pedimos um táxi para a rodoviária. Paramos no Mirante da Lagoa da Conceição rapidamente para apreciar a vista e tirar algumas fotos da lagoa e das dunas da Joaquina com o mar ao fundo. Passamos pela Av. Beira-Mar que estava muito mais bonita nesse dia com sol. Descemos no Terminal Rodoviário Rita Maria e pegamos o ônibus para Garopaba que partiu vazio. Não fica longe, mas o ônibus demora para percorrer o trecho, pois vai a maior parte do caminho por uma espécie de marginal da rodovia e vai parando várias vezes, mais parece um circular do que uma linha rodoviária. Passamos por São José, Palhoça e Paulo Lopes. Somente no trecho final que ele entra na rodovia. Descemos na Pça Gov. Ivo Silveira, a praça central da cidade, e fomos andando até a Pousada da Praia. Depois de nos instalarmos fomos ao Rest. 77, que é muito bom. Disseram que a 2 dias atrás deu p/ ver baleias na costeira entre a Praia Garopaba e a Siriú. Passamos no CIT e pegamos um mapa e um guia da cidade muito bom. Às 14h, o termômetro marcava 16° C, mas com o vento a sensação térmica era bem menor. Depois do almoço andamos pela Praia Garopaba. No canto direito, o visual é bem bonito com os barcos dos pescadores e ao fundo a Igreja Matriz de São Joaquim. Caminhamos até o costão do lado esquerdo. Desse lado, tem muitas casas de veraneio bonitas à beira da praia. Tem um bar da Mormaii e uma escola de surf. Desemboca água na praia, mas não é esgoto, a água é limpa e tem até uma placa de aviso com os dizeres "Água limpa do morro". Pela praia podem ser vistas aves, como garças e gaivotas. O acesso à Praia do Siriú pode ser feito da Praia Garopaba por uma passarela de madeira que segue por cima das pedras até o alto. Oferece belo visual da Praia de Garopaba, da Praia do Siriú e do costão entre as praias. Do outro lado não tem passarela, mas caminho é fácil. Tem várias bifurcações que levam ao ponto mais alto, às pedras do costão e a uma estrada de terra que passa ali perto. Descemos até a praia. Subimos algumas dunas, mas havia muita vegetação e não vi aquelas dunas lisas, onde o pessoal pratica sandboard. Mais tarde fiquei sabendo que há trilhas da praia para as dunas, mas que é mais fácil ir pela estrada de terra, aquela que se alcança por uma das bifurcações da trilha. No canto direito da praia, pouco depois da passarela, pegar a bifurcação da trilha à esquerda e andar alguns metros até a estrada de terra, seguir por ela uns 200m e já se chega às dunas. Retornamos pelo mesmo caminho da ida. Passeamos pelo centrinho, passando pela Pça. Gov. Ivo Silveira e seguimos pela rua principal, a R. Pref. João Orestes de Araújo, que tem muitas lojas e restaurantes. Jantamos no Rest. H2O, de comida japonesa, bom. Voltamos pela mesma rua, lojas já estavam fechadas. Acho que a maioria das lojas fecha às 20h. À beira da praia, o termômetro marcava 7° C às 20h30. Fomos dormir cedo com barulho de mar, pois a pousada fica bem em frente à praia.

 

Sábado, 14/07/2012 - ensolarado, céu azul sem nenhuma nuvem

Trilha Praia do Ouvidor/Praia do Rosa

Acordamos por volta das 8h com muito sol e o termômetro marcava 7° C. Tomamos café da manhã com vista para a praia. Apesar de poucos hóspedes, o café estava variado e bem servido. A ideia inicial era fazer a Trilha Praia da Ferrugem/Praia do Rosa, mas por não sabermos a distância, decidimos fazer apenas a Trilha Praia do Ouvidor/Praia do Rosa. Fomos ao ponto da praça central e pegamos o ônibus para a Praia do Rosa. Pedimos para descer na bifurcação entre a estrada da Praia do Ouvidor e da Praia do Rosa. Caminhamos um pouco pela estrada pavimentada, que logo passa a ser de terra. Como era sábado, encontramos vários carros passando com pranchas de surf. Um pouco antes de chegar à Praia do Ouvidor, do lado direito da estrada, tem a portaria de uma propriedade particular. No local, uma placa indica que há trilha sinalizada para a Praia Vermelha e que o acesso é permitido a pedestres. Primeiro, seguimos direto até a praia que estava cheia de surfistas. Na praia, uma placa avisava sobre o período de Pesca da Tainha, quando as praias ficam sinalizadas com bandeiras que indicam se o surf está liberado ou não. Tem poucas construções à beira da praia, do lado direito. Caminhamos por uma curta trilha do lado direito, que leva ao início do costão, onde tem uma casa de madeira abandonada. Desse local há um belo visual da praia e do costão. Dá para ver uma trilha beirando o costão que provavelmente conduz à Praia Vermelha, mas na dúvida resolvemos seguir a trilha sinalizada da propriedade particular. Retornamos até a portaria e o porteiro deu as dicas, mas não tem erro, uma vez que a trilha é bem demarcada e sinalizada. No começo é uma estrada calçada com placas de cimento. Há placas e totens de madeira com setas vermelhas indicando o caminho correto. Nesse trecho, o percurso oferece uma vista panorâmica da Praia do Ouvidor. Depois o caminho vira trilha que segue à direita, mas resolvemos prosseguir até o costão. Retornamos à trilha que continua bem marcada com os totens e placas de sinalização e de aviso. Uma cerca delimita a propriedade e segue por todo o percurso. Há passarelas e pontes para facilitar o trânsito. Logo, aparecem os primeiros visuais da Praia Vermelha. A trilha segue aberta, com sol pleno, pois não tem vegetação alta no morro, é mais rasteira. No alto do morro há algumas construções, visto que a área é particular. Cruzamos com alguns trilheiros e surfistas pelo caminho, que carregavam suas pranchas embaixo do braço. Chegamos à Praia Vermelha, que também tinha uma placa de aviso sobre o período de Safra da Tainha. Atravessamos toda a extensão da praia e vimos alguns surfistas. Não há construções pé na areia, exceto uma casa de madeira e uma estrutura de madeira de um quiosque. No final da praia, uma placa indica a trilha para a Praia do Rosa e há mais uma placa de aviso sobre o período de Safra da Tainha. Há sinalização com placas e totens de madeira com setas vermelhas. A trilha é calçada com placas de pedra/madeira nos trechos inicial e final. Aproveitamos para admirar o visual da Praia Vermelha que vamos deixar para trás. Nessa parte o morro tem mais vegetação e a trilha alterna trechos que se tornam um túnel na mata fechada e partes que seguem beirando a costeira com visual do mar. Vimos uma baleia, na verdade um pedacinho bem pequeno dela e um barco que provavelmente estava no mar para a observação dos cetáceos. Na parte final da trilha, há escadarias de pedra e madeira que facilitam a passagem. Aproveitamos para contemplar a vista panorâmica da Praia do Rosa. Topamos com alguns andantes, inclusive vários surfistas. Continuamos em frente e saímos na ponta esquerda da Praia do Rosa, que é conhecida como Rosa Norte. Nesse trecho é mais deserto, sem construções que aparecem mais em cima do morro em meio à vegetação. Tinha vários surfistas nesse canto da praia. Andamos pela areia até a Lagoa do Meio. Vimos uma placa da Coral e entramos para procurar uma rua que levasse ao centrinho. Tem acesso entre as propriedades, um caminho calçado de pedras com cercas dos 2 lados e placas indicando que são propriedades particulares. Pelo menos as cercas têm trepadeiras e fica um corredor mais bonito. Andamos até bater numa rua de terra, que deve ser a Estrada Geral do Rosa. Seguimos à direita, em direção ao centrinho até o Rest. Urucum, da Pousada Solar Mirador. O restaurante é muito bonito, a vista da lagoa e da Praia do Rosa é maravilhosa e ao lado há uma piscina com deck para os hóspedes da pousada. E nós de novo esculhambados depois de mais uma trilha. Admiramos a vista e comemos uma boa comida, mas prato estava pequeno depois da trilha. Saímos e fomos para o centrinho da Praia do Rosa que é bem legal com muitas, lojinhas, restaurantes e pousadas nas imediações. Tem a praia, um morro com vegetação e algumas pousadas no meio do mato e há alguns acessos da Estrada Geral do Rosa para a praia entre a Rosa Norte e a Rosa Sul. As estradas são calçadas ou de terra. Parece uma Jericoacoara, uma vilinha rústica, mas chique com pousadas e restaurantes sofisticados. Agora, em julho, tem muito comércio (lojas, restaurantes e pousadas) fechado. Mesmo no sábado, vila estava deserta à tarde. Na praia até tinha algum movimento principalmente de surfistas. A vila deve ser bem aconchegante na alta ou média temporada, mas agora está muito vazia. Fomos ao ponto de ônibus, em frente a um trailer na Estrada Geral do Rosa. Pegamos o ônibus de volta a Garopaba. Jantamos no Rest. Bifão e adoramos! Lugar simples, mas comida boa, bem servida e honesta. Acho que foi o melhor custo-benefício de toda a viagem! Saímos na rua principal, mas as lojas já estavam fechadas, poucos depois das 20h. As ruas estavam desertas, mas tinha um movimento bom nos restaurantes. Paramos na Cia dos Mousses que estava com a lareira acesa. Sobremesas boas, mas meio carinhas. Retornamos até a praia e o termômetro marcava 9° C.

 

Domingo, 15/07/2012 - ensolarado de manhã, nublado na trilha e ensolarado à tarde (frio e vento como sempre)

Trilha Praia do Rosa/Praia do Luz

No domingo tem poucos horários de ônibus, mas planejando com antecedência dá para se virar. Pegamos o ônibus para a Praia do Rosa de novo. Quase perdemos o ônibus, pois passou um micro-ônibus ao invés do convencional, mas o motorista parou e eu perguntei. Disseram que ao final de semana tem menos movimento por isso que eles colocam um carro menor. Seguimos até o centrinho da Praia do Rosa e pedimos para descer. Descemos e seguimos a pé até a Rosa Sul. Passaram muitos carros de surfistas. Na Rosa Sul, pedimos informações sobre a Trilha Praia do Rosa/Praia do Luz no restaurante à beira da praia que funcionava normalmente apesar de ser baixa temporada (detalhe: era domingo, provavelmente não abre em dia de semana). Seguimos pela estrada, há um estacionamento e, no final, um balão para retorno. Nesse ponto começa a trilha que é bem demarcada. Pouco à frente, há uma porteira pela qual passamos e continuamos na trilha que segue beirando o costão, frequentado por pescadores. Nesse percurso, há um belo visual da Praia do Rosa. Vimos uma árvore que eu denominei de "árvore penteada de SC" por ter a copa toda inclinada pra um lado como algumas árvores das praias do nordeste. Pouco depois, a trilha segue pelo morro, não é bem marcado, mas não tem erro. Na subida há um caminho de paralelepípedo. No alto do morro, há um gramado baixo, parece um pasto e tem estrume de vaca, cactos e pedras. Oferece visual para todos os lados. Dá para ver a Praia do Rosa de um lado e do outro a Ilha do Batuta, Praia Barra do Ibiraquera e até o Porto. O caminho continua bem largo com paralelepípedos em alguns trechos. Há cercas provavelmente demarcando os pastos e, na descida para a praia, a trilha torna-se de areia fofa e segue bem marcada dentro da mata. Desemboca-se no canto direito da Praia do Luz. Na praia a maré estava bem alta, a água encobria praticamente toda a faixa de areia da praia. Tivemos que passar pela parte de cima, pelas dunas. Nessa praia tem algumas construções, acho que são para alugar, mas estava tudo fechado e deserto. Seguimos para o lado direito até uma espécie de duna que divide a praia em 2. Subimos no alto da duna e tiramos algumas fotos. Seguimos até o canal de ligação da lagoa ao mar, que separa a Praia do Luz da Praia Barra de Ibiraquera, mas não deu para atravessar, pois o canal estava muito largo e cheio. Não tentamos ver se dava pé para atravessar, pois estava muito frio para entrar na água. Os carros também estavam voltando. Quando a maré está baixa e o canal fechado, os carros passam pela areia de uma praia a outra. A nossa ideia inicial era atravessar o canal e fazer um tour em Ibiraquera, mas dada a impossibilidade resolvemos seguir pela estrada de terra que contornava a Lagoa de Ibiraquera, conhecida como Estrada da Barra. Entramos na propriedade de uma pousada para pedir informações, mas andamos à toa, pois estava fechada e deserta, não conseguimos achar ninguém para perguntar. Continuamos andando e ao encontrar um carro fiz sinal e pedi informação. O casal disse que se seguíssemos em frente iríamos dar em uma igrejinha e que nas imediações tinha padaria, restaurante, etc. Seguimos, mas acho que em algum ponto dobramos à direita e acabamos voltando ao centrinho da Praia do Rosa. Resolver almoçar no Rest. Sapore di Pasta da Pousada Morada dos Bougainville, mas foi a pior relação custo/benefício da viagem. A massa é muito boa, mas a porção individual tem o preço de um prato para 2 e não satisfaz um trilheiro faminto. Voltamos ao ponto de ônibus, em frente a um trailer. Lá decidimos dar um pulo na Praia do Rosa, pois ainda era cedo e o ônibus ia demorar para passar. A maré estava alta e a lagoa quase emendando com a praia. Voltamos logo e quase nos perdemos no meio de tantas estradas e trilhas entre a praia e a Estrada Geral do Rosa. Na verdade não tem como se perder, pois embora as trilhas dêem muitas voltas, basta seguir na direção desejada. As estradas vão para as pousadas e casas particulares e as trilhas passam entre as propriedades. Seguimos até o ponto de ônibus. Queríamos ir ao Bifão, mas estava fechado, então fomos ao Rest. Massaroca e pegamos um rodízio de pizzas e massas. Às 21h e o termômetro marcava 6° C. A cidade estava muito vazia.

 

Segunda, 16/07/2012 - nublado

Praia da Ferrugem, Centro Histórico

Pegamos o ônibus para a Praia da Ferrugem, no mesmo ponto da praça. Descemos próximos ao canto esquerdo da praia. Caminhamos até ela, mas é bem perto. Uma placa sinaliza a Praia da Ferrugem e há uma passarela de madeira que conduz até a praia. Tem um restaurante nesse canto e algumas construções à beira da praia. Tem uma fileira de árvores diferentes com as raízes expostas. Caminhamos pela praia, mas a maré estava alta, quase tivemos que pular para cima das dunas para não molhar os pés. Nada contra molhar, mas estávamos de bota de trilha e estava muito frio para colocar os pés na água. Fomos até o Morro do Sambaqui. Subimos o morro, que é bem pequeno, mas tem um visual legal tanto da Praia da Ferrugem, quanto da Praia da Barra. Ali o canal entre a Lagoa Encantada e o mar tinha água. Disseram que dava para atravessar para a Praia da Barra, mas não testei a profundidade. Não há outra passagem por ali, só voltando para a estrada e dando uma baita volta. Dá para ver no canto direito da Praia da Barra, o acesso/trilha pelo morro até as dunas. Parece bem acessível à Praia do Ouvidor. Dá até para ver o morro entre a Praia do Ouvidor e a Praia Vermelha e o outro morro entre a Praia Vermelha e a Praia do Rosa. Retornamos ao centrinho da vila que parecia uma cidade fantasma. Aguardamos no ponto de ônibus em frente e retornamos para o centro de Garopaba. Almoçamos no Rest. Dunas, comida simples por kg. Fomos para a av. principal fazer compras. Procuramos moleton para o frio da serra catarinense. Não sei onde que estava com a cabeça, mas na minha mala só tinha jeans e tactel. Depois da compras, seguimos para o Centro Histórico. Mais uma foto em frente à Base Cangulo com a baleia de fibra de vidro. Nessa rua há outras operadoras e o Instituto Baleia Franca IBF. No final da Av. dos Pescadores, pegamos a R. Manoel de Araújo até a Praça 21 de abril e a Igreja Matriz de São Joaquim. Desse lado há uma bela vista da Praia Garopaba com as casinhas simples à beira-mar e os barcos coloridos. A ideia inicial era seguir a trilha, mas não vimos nenhuma indicação. Seguimos até o CIT e pegamos as dicas, mas resolvemos deixar para o dia seguinte. Saímos para jantar, mas o Bifão estava fechado. Achei o Rest. Algarve no guia da cidade, liguei para lá para saber se estava aberto e também para sondar o preço e foi ótima escolha, pois o prato não era caro e era muito bem servido.

 

Terca, 17/07/2012 - chuvoso, chuva fina e às vezes vento

Garopaba: city tour, Terminal Rodoviário, Florianópolis: Terminal Rodoviário Rita Maria, Urubici: Urubici Park Hotel

 

Continua no relato de Urubici

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

[t3]Eu amo MAPAS[/t3]

 

Decidi por os links p/ não demorar p/ carregar e tb tem o problema d direitos e tal.

Visite os sites e escolha o mapa de sua preferência.

 

Uma série d mapas de Garopaba:

http://www.litoraldesantacatarina.com/imagens.php?img=mapa_gar_g.jpg

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/08/mapas-de-garopaba-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/08/mapas-de-garopaba-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/08/mapas-de-garopaba-sc.html

http://www.ampix.com.br/framos/

http://www.rodriguesite.com/3/moradadosol/images/mapa_garopaba.jpg

http://www.pousadadoventotranquilo.com.br/PraiadoRosa.htm

http://www.bonasimoveis.com.br/localizacao2.php

http://www.marinadapraia.com/garopaba.php

http://www.pousadadapraiagaropaba.com.br

 

Uma série d mapas de Imbituba:

http://www.litoraldesantacatarina.com/imagens.php?img=mapa_imb_g.jpg

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/03/mapas-de-imbituba-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/03/mapas-de-imbituba-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/03/mapas-de-imbituba-sc.html

 

Uma série d mapas de Laguna:

http://www.litoraldesantacatarina.com/imagens.php?img=mapa_lag_g.jpg

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/12/mapas-de-laguna-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/12/mapas-de-laguna-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/12/mapas-de-laguna-sc.html

http://mapasblog.blogspot.com.br/2011/12/mapas-de-laguna-sc.html

 

Praia do Rosa:

http://viagem.uol.com.br/guia/cidade/praiadorosa_comochegar.jhtm

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Excelente relato! Será muito útil na minha viagem de réveillon.

 

Uma pergunta: queria muito ir ao Beto Carreiro, será que vale a pena gastar um dia da viagem para visitar?

 

Agradeço a ajuda.

 

Abraço

 

Enviado de meu GT-N7000 usando o Tapatalk 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.

Entre para seguir isso  



×
×
  • Criar Novo...