Ir para conteúdo
brenoandre

Travessia Teresópolis x Petrópolis - Final de Outubro 2014

Posts Recomendados

Galera,

 

Sou de Belo Horizonte e pretendo fazer essa travessia agora no final de Outubro, a partir do dia 20/10.

A minha ideia é ir de carro até o Parque, gostaria de saber se alguém já fez dessa forma? Como fazer o resgate do carro? E outras dicas importantes sobre a travessia?

A minha ideia é fazer através de tracklogs.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Breno boa noite, eu fiz a travessia, vale muito a pena.

 

Caso tenha um GPS, segue o link do percurso que fiz: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=5081208

 

O parque é administrado por uma empresa privada, os valores a pagar não são muito simbólicos, mas valem a pena. http://www.parnaso.tur.br/

 

Transporte, no meu caso, deixei o carro no estacionamento da rodoviária, pegamos um taxi até o parque (acho que uns R$80,00 em 2013), em teresópolis fomos andando até a rodoviária (atenção aos horários de ônibus, o ultimo de Teresopolis para Petropolis tinha saído 15 minutos antes de chegarmos, tivemos que ir para o Rio e então subir a serra). Quando chegamos na portaria do parque o segurança comentou que alguns deles pegam o seu carro e lhe busca em Teresópolis, o preço era +- o mesmo que gastei (diária na rodoviária, tx até o parque e passagem de ônibus) mas se o grupo for de 4 pessoas vale a pena.

 

A travessia é bem marcada, mas quando se pega uma neblina fica difícil de visualiza a trilha e os totens que deixam no caminho, o GPS ajuda nesses casos.

 

Dicas:

- evite feriados prolongados, a quantidade de pessoas é muito grande e há três trechos que passam apenas uma pessoa de cada vez e, se encontrar com grupos de 15 ou 20 pessoas, terá que esperar um bom tempo para conseguir transpor.

- O famoso "cavalinho" parece intransponível no primeiro momento, mas é possível passar uma pessoa subindo e outra embaixo empurrando, uma corda capaz de carregar uma pessoa com 3 metros já é suficiente para ajudar muito esse ícone da travessia;

DICA MAIOR: reserve uma cama, dormir em um colchão ao final do dia de caminhada não tem preço. Outra questão é não ter que armar e desarmar barracas (e ainda não ter que carrega la), vale muito a pena o preço que é pago. São poucas vagas então, é melhor se programar com bastante antecedência. Outra questão é que, quando está dormindo dentro do abrigo, você pode usar a cozinha, um peso a menos. Dentro do abrigo não é tão frio, pode usar casacos mais leves, outro peso a menos.

 

Espero ter ajudado, caso ainda não tenha feito a trilha.

 

Abraços

 

 

Wilton

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×