Ir para conteúdo
Mochileiros.com
Entre para seguir isso  
MariaEmilia

Bragança - Guia de Informações

Posts Recomendados

MariaEmilia    1

[info][align=justify]Este tópico é um Guia da cidade de Bragança - Pará e arredores que está sendo construido com informações de viagens realizadas pela equipe do site e também com informações de usuários que foram postadas nos fóruns relacionados ao tema aqui no Mochileiros.com. Este guia é atualizado periodicamente.

 

O Mochileiros.com é uma fonte gratuita de informações para viajantes de língua portuguesa e a contribuição de todos os membros é muito importante[/align].[/info]

 

[googlemap]http://maps.google.com.br/maps?hl=pt-BR&source=hp&q=bragan%C3%A7a+par%C3%A1&um=1&ie=UTF-8&hq=&hnear=Bragan%C3%A7a+-+PA&gl=br&ei=83d0S_-uOYOzuAfj5_G8CQ&sa=X&oi=geocode_result&ct=image&resnum=1&ved=0CAkQ8gEwAA[/googlemap]

 

mapabraga.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
MariaEmilia    1

[align=justify][t1]Localização[/t1]

 

Município da região nordeste do Estado do Pará. Conta com uma área de 2.344,10 Km2 e uma população de 105.908 habitantes.(Fonte: IBGE/2008)

 

[t1]Limites[/t1]

 

Ao Norte está o oceano Atlântico, ao Sul, o município de Santa Luzia do Pará, a Leste os municípios de Augusto Corrêa e Vizeu e a Oeste, Tracuateua.

 

[t1]Clima[/t1]

 

Equatorial, quente e úmido, com temperatura média de 26° C

 

[t1]Como chegar ?[/t1]

 

[t1]Distância[/t1]

210 km da capital Belém

 

[t1]Acesso Rodoviário[/t1]

BR – 316 e PA – 242

 

[t1]De carro[/t1]

 

De Belém, pegar a Av. Almirante Barroso e depois à BR – 316, passar pelas cidades de Santa Isabel do Pará, Castanhal, Santa Maria do Pará, onde tem um trevo, nesse ponto, atenção para as placas de indicação, depois de alguns quilômetros tem a cidade de Capanema e finalmente Bragança.

[t1]De ônibus[/t1]

 

Belém x Bragança

Terminal Rodoviário de Belém, bairro de São Brás.

Empresa Boa Esperança

Horário

Segunda à Sábado : 06/ 07/ 08/ 09/ 10/ 12/ 13/ 14/ 15/ 16/ 17/ 18 e 19 h

Domingo : 06/ 07/ 08/ 09/ 10/ 12/ 14/ 15/ 16/ 17/ 18 e 19 h

 

Bragança x Belém

Terminal Rodoviário Tevelino Guapindaia

Praça Augusto Montenegro, s/n

Fone: (91) 3425-1263

Horário

Segunda à Sábado : 05:30 / 06:30 / 07:30 / 08:30 / 09:30 / 10:30 / 12 / 14 / 15:30 / 17

Domingo :

 

[t1]Empresas de Transporte[/t1]

 

Comércio e Transporte Boa Esperança

Fones: (91) 3425-1348 ou 3425-1491

 

Empresa Autoviária Bragantina

Fones: (91) 3425-1348 ou 3425-1491

 

ABRAG (Associação dos Operadores de Transporte Alternativo de Bragança)

Fone: (91) 3425-4574

 

Transportes Ajuruteua

Fone: (91) 3425-

 

 

[t1]História[/t1]

 

Localizada à margem do rio Caeté, o que lhe rendeu o apelido carinhoso de Pérola do Caeté, a cidade é uma das mais antigas do Estado. Era habitada inicialmente por índios Tupinambás. Sua história oficial, começa no século XVII, mais precisamente em 9 de fevereiro de 1622, quando o rei de Espanha, Felipe II, doou a Gaspar de Souza, o Governador Geral do Brasil, a Capitania do Gurupi, que compreendia todo o território entre os rios Turiaçu e Caeté, com 20 léguas de fundo para o sertão. Anos depois, em 1634, o filho de Gaspar de Sousa, Álvaro de Souza, fundou à margem direita do rio Caeté o povoado de Souza de Caeté. Contudo, devido às dificuldades de comunicação com a capital Belém, o núcleo habitacional foi transferido para o lado esquerdo do rio, onde está localizada a sede municipal nos dias atuais. Em 1753 o povoado de Sousa de Caeté foi erigido em Freguesia, com o nome de Nossa Senhora do Rosário. Mas coube ao governador e capitão-general do Grão-Pará Francisco Xavier de Mendonça Furtado, dar-lhe os foros de Vila, instalando o município com o topônimo português de Bragança. A Lei Provincial nº 252, de 2 de outubro de 1854, criou a cidade de Bragança, como sede do respectivo Município, onde coube a José Caetano Pinheiro desempenhar as funções de primeiro Intendente.

 

Em 24 de junho de 1883 foi iniciada a construção da Estrada de Ferro de Bragança, o Visconde de Maracaju presidia a Província do Pará. O intuito era fazer de Bragança um grande celeiro para Belém e de Salinas uma cidade balneária. Em 1908, depois de quase 25 anos do inicio da sua construção, acontece a inauguração da parada de Tracuateua e à 3 de maio do mesmo ano, finalmente foi inaugurada a Estrada de Ferro de Bragança. Essa teve vital importância no progresso do município e de toda a Zona Bragantina. Graças a ela e à colonização de suas margens o Pará sofreu menos com o declínio da borracha. O fato de Bragança, ser ponto final da Estrada de Ferro constituía importante papel na economia estadual, porque, além de tudo, era o ponto intermediário com o Maranhão.

 

Na língua tupi, Caeté quer dizer 'mato bom' e, por estar localizada à margem esquerda do rio Caeté, Bragança é carinhosamente chamada de 'Pérola do Caeté'.

 

[t1]TURISMO[/t1]

 

Praias, monumentos históricos e uma cultura forte, misturada com muita religiosidade, são alguns dos irresistíveis convites para conhecer a Pérola do Caeté, lá existem manguezais, rios, igarapés e ilhas.

 

[t3]Atrativos Naturais[/t3]

 

[t1]Campos Naturais[/t1]

 

Localizados à aproximadamente 30 minutos do centro da cidade, por via rodoviária, em estradas não pavimentadas, mas em perfeitas condições de trafegabilidade. Devido à proximidade com o mar, é uma área muito ventilada. As palmeiras de buriti e babaçu são a vegetação mais freqüente. Há a predominância de fazendas com criação de gado zebu, nelore e búfalo, além de cavalos mestiços. Está dividido em Campos de Baixo, Campos do Meio e Campos de Cima.

 

[t1]Igarapés[/t1]

 

Compondo a diversidade de atrativos naturais, Bragança também dispõe de vários igarapés, entre os quais destacam-se os igarapés do Xumucuí, Anauera, Curuperé, ? ? ?

 

[t1]Praias[/t1]

 

Praia de Ajuruteua ou Campo do Meio

 

A praia de Ajuruteua, localizada na ilha de mesmo nome, é o mais popular dos atrativos turísticos naturais. Fica à 36 km da sede do município e seu acesso se dá pela PA–458 , que atravessa o manguezal e onde se desfruta de uma paisagem única, além da floresta de mangue, percorre cerca de 2 km de campos naturais antes de chegar às areias brancas margeadas de 30 km de praia. Ajuruteua dispõe de pousadas e restaurantes com estrutura básica, onde a pedida é degustar mariscos (caranguejo, sururu, peixes, camarão, ostras) servidos de formas variadas.

ajuruteua-carlossantos.jpgPrticadeCampo-Bragana087.jpgPrticadeCampo-Bragana090.jpg

 

Praia do Grilo

 

Praia com águas calmas e mangues, um ótimo local para a pesca. Abriga uma vila de pescadores. Viagem de uma hora de barco a partir de Ajuruteua

 

Praia do Boiçucanga

 

Praia de enseada com areia clara e fina e mangues. Abriga um farol e uma vila de pescadores. Acesso a pé pela praia do Chavascal

 

Praia do Pilão

 

Praia com águas claras e estreita faixa de areia branca e fina, possui muitas dunas. Seu acesso é por barco da praia de Ajuruteua, a viagem dura uma hora.

 

Praia Chavascal

 

Praia com águas claras e ondas fortes no verão. Seu acesso se faz por barco ou atravessando a pé o canal durante a maré baixa.

 

Praia da Vila dos Pescadores

 

Praia com ondas fracas e estreita faixa de areia clara e fina com pequenas dunas. Seu acesso se faz a pé a partir de Ajuruteua, na maré baixa, ou de barco, na alta.

 

Praia de Quatipuru-Mirim

 

Praia de areias clara e fina, ondas fortes com dunas, fica à 3 horas de barco de Ajuruteua.

 

 

Praia do Farol Velho

 

????

 

[t1]Ilhas[/t1]

 

Ilha do Canela

 

Um santuário ecológico que possui o maior ninhal de guarás (pássaro típico da Amazônia) do mundo. A ilha é uma Unidade de Preservação Ambiental, onde vivem cerca 40 mil espécies de pássaros, entre guarás (Eudocimus ruber), garças e maçaricos. A Ilha do Canela é uma opção mais alternativa, habitada apenas temporariamente por pescadores locais. O acesso pode ser realizado em viagem de barco, com duração de aproximadamente duas horas e meia, a partir do Porto do Castelo ou do Taperaçu.

 

Ilha do Maciel

 

Praia com águas claras e areia branca e fina. Seu acesso é feito somente por barco. No local tem rancho de pescadores e uma única barraca que vende alguns produtos básicos e serve comida.

 

Ilha de Caeté

 

Onde se localiza o Forte do Caeté, em frente ao litoral de Bragança, construído em 1614 pelos portugueses.

 

[t3]Atrativos religiosos[/t3]

 

Catedral Nossa Senhora do Rosário

 

Construída em 1854 pelos escravos e inaugurada em 1876, sendo com isso o segundo templo da cidade de Bragança. Abriga o túmulo de Dom Eliseu Maria Corolli. A vila de Bragança se expandia de tal maneira que a igreja matriz ficou na periferia. Este fato e a constatação de que a praça em frente a matriz se tornara pequena para os festejos da padroeira, levaram os diretores da irmandade de N. Srª do Rosário a entrarem em negociação com os diretores da Irmandade do Glorioso São Benedito, que estavam construindo uma igreja num local mais amplo e espaçoso, propondo-lhes fazer a permuta, o que se efetivou em 1872.

igreja-matriz-JabezSoares.jpgNossaSenhoradoRosrio1786-niani1.jpgPrticadeCampo-Bragana113.jpg

 

Igreja de São Benedito

 

Construída pelos jesuítas, apresenta peças barrocas no seu interior, possui apenas uma torre com a sacristia do mesmo lado. Sua fachada é pintada de branco, tendo elementos em alto relevo. A igreja situa-se às margens do rio Caeté, é cenário de uma das maiores festas religiosas do município : a Festividade de São Benedito, que acontece no período de 18 à 26 de dezembro.

IgrejaSoBeneditoXVIII-niani.jpgSoBenedito-can_frana-1.jpgcais-gimorais.jpg

 

Palácio Episcopal

 

Prédio construído pelos padres barnabitas, seus primeiros habitantes foram os europeus. Atualmente funciona como a residência do Bispo e padres diocesanos.

PalcioEpiscopal-niani.jpgPrticadeCampo-Bragana112.jpgalterada36yc5.jpg

 

Instituto de Santa Terezinha

 

Fundado em 23 de novembro de 1938 foi idealizado pelo padre D. Eliseu Maria Corolli. Hoje funciona como residência das freiras e Escola de Ensino Fundamental, Médio e Educação infantil.

InstitutoSantaTeresinha-gimorais.jpgInstitutoSantaTeresinha1938niani.jpgInstitutoSantaTeresinha-JabezSoares.jpg

 

Mirante de São Benedito

 

Construído em uma área de 2.500m², no alto de uma colina na Vila do Camutá , margem esquerda do rio Caeté, distante 6 km do centro de Bragança. Tem uma escadaria com 131 degraus e uma rampa com iluminação ornamental. Debaixo da torre, uma capela que será passada à Paróquia de Nossa Senhora do Rosário, responsável pela administração da Igreja de São Benedito. A estátua de São Benedito mede 16,5 m e foi erguida pelo escultor Jorge Trindade em uma torre de oito metros de altura. De lá é possível ter uma visão panorâmica da cidade de Bragança.

 

Museu de Arte Sacra Nossa Senhora do Rosário

 

Teatro Museu da Marujada

 

 

 

[t3]Outros atrativos[/t3]

 

Vila Quierá

 

Local onde foi fundada a primeira vila, localizada na margem direita do rio Caeté.

 

Palacete Augusto Corrêa

 

O Paço Municipal esta localizado em um prédio denominado Palacete Augusto Corrêa, é construído em alvenaria e a escadaria principal é toda em madeira de acapú, os alicerces, em pedra, foram feitos pelos portugueses. É uma cópia fiel do Palácio de Bragança em Portugal. Foi inaugurado provavelmente entre os anos de 1902 e/ou 1903.

Prefeitura1902-niani.jpgalterada19lq7.jpg

 

Residência dos Prefeitos – Casa das 13 Janelas

 

Adquirida em 05 de setembro de 1924, pelo Intendente de Bragança, Sr. Simpliciano Fernandes de Medeiros, para ser sua residência. Em 1968, na administração de Emílio Dias Ramos, foi restaurada para ser a "Casa dos Prefeitos". É conhecida atualmente como "Casa das Treze Janelas", hoje funciona no local a Secretaria Municipal de Saúde.

Casadas13janelas-madsonoliveira.jpg

 

Mercado de Carne

 

Construído em estilo neoclássico, foi inaugurado em 09 de setembro de 1911, pelo Intendente Major Antônio da Costa Rodrigues, ocupa uma quadra no centro da cidade. Possui 14 boxes internos e ??? externos que vendem carnes e legumes; revestidos em azulejos brancos, com estrutura metálica sobre as quais estão assentadas peças de madeira, que sustentam telhas francesas formando um telhado de quatro águas. Em seu entorno também funciona uma feira livre.

mercadomunicipal-brenopeck.jpgPrticadeCampo-Bragana110.jpgalterada39ia2.jpg

 

Coreto Pavilhão Senador Antônio Lemos

 

Este coreto foi construído na administração do Major Antônio da Costa Rodrigues e inaugurado em 17.12.1910 em homenagem ao ex-Intendente de Belém, Senador Antônio Lemos. O coreto é de ferro e concreto e fica localizado em frente ao Paço Municipal.

CoretodaPraa-can_frana.jpgpraa-can_frana.jpgposalterada67db9.jpg

 

Casa da Cultura

 

Foi adquirida pela família de José Paulino dos Santos Mártires em 03 de novembro de 1900. Já abrigou a Associação Cultural e Recreativa de Estudantes de Bragança (ACREB), o Clubes dos Aliados, a Fundação Cultural de Bragança, a Biblioteca Pública "De Castro e Souza", e o Salão "Vitaliano Vari" . Infelizmente essa construção somente o que resta são as paredes externas.

cel9vh0.jpg

 

Hospital Santo Antônio Maria Zacarias

 

Foi construído no ano de 1954 e fundado por Dom Eliseu Maria Corolli em terreno doado pelo Sr. Aluísio Ferreira, com contribuição financeira do Governo Federal. Inicialmente funcionou como maternidade, denominada Nossa Senhora da Divina Providência. Atualmente funciona como hospital, sendo um dos maiores da cidade.

hospitalsantoantnio-gimorais.jpg

 

Grupo Escolar Mâncio Ribeiro

 

Construído em 15 de agosto de 1929, na administração dos Srs. Eurico Freitas Valle (Governador) e José Severino Lopes de Queirós (Intendente). È uma construção imponente em estilo ????

rua-niani.jpg

 

Residência dos Medeiros

 

Casa em estilo português, assoalhada de acapú e pau amarelo. As paredes exteriores contêm azulejo português e no alto, blocos de cimento com as iniciais do dono. Esta casa foi adquirida em 29 de julho de 1909, onde funcionava, na época, a Coletoria Federal.

alterada21mf1.jpg

 

Unidade Regional de Educação

 

Foi construída em 1930. Primeiramente foi residência do Sr. Raimundo César, depois foi alugada para o Sr. Kalil e quando passou para as mãos do Sr. Lobão da Silveira, Senador da República, a casa foi reformada para o estilo atual.

 

Sociedade Beneficente Artística Bragantina

 

Foi fundado em 10 de janeiro de 1892, nesse dia foi instalada uma diretoria provisória composta dos seguintes membros: José Quintino de Castro Leão Júnior, Cantídio D'Almeida Gouveia Filho e Silvestre Pantoja. O objetivo da Sociedade era prestar assistência aos seus conterrâneos por ocasião do falecimento de entes queridos. A funerária, denominada Sociedade Beneficente Artística Bragantina, é uma das mais antigas do Pará. Abriga até hoje em seu patrimônio a carroça movida à tração humana que conduzia as urnas funerárias para o cemitério.

 

Fundação Educadora de Comunicação

 

Ginásio Poliesportivo Dom Eliseu Maria Corolli

 

Casário Colonial

 

Casas localizadas em diversas ruas do centro da cidade

 

bancobrasil-eloiraiol.jpgcasario3-niani.jpgcasarioabandonado-niani.jpgcasario-niani.jpgalterada8hp7.jpgalterada11iu9.jpgalterada38iz3.jpgalterada55ok6.jpgalterada13pg9.jpgposalterada68wq7.jpgalterada66lb0.jpgalterada7jm0.jpg

 

Orla do rio Caeté

cais1-jamersonviana.jpgorla-can_frana.jpgorla-elderfigueira.jpg

 

Orla noturna

139369301_ca9a4063fe_o.jpg

 

Cais do Porto

139140597_5c8cea6243_o.jpgPrticadeCampo-Bragana091.jpg

 

[t3]Manifestações folclóricas[/t3]

 

Festejos do Glorioso São Benedito

 

Fundada em 03 de setembro de 1798, por iniciativa de escravos, a Irmandade do Glorioso São Benedito esta intimamente ligada às principais tradições religiosas e culturais do povo bragantino. Na Festa de São Benedito, tem procissão, ladainhas, alvorada, o arraial com as barraquinhas para o consumo de guloseimas e o leilão (galinhas, perus, patos, porcos, jabutis etc. todos doados ao santo). No Largo de São Benedito é montado o arraial da festa, que fica em frente ao rio Caeté. Como parte da festividade, em sua face profana, apresenta-se a Marujada, em um grande barracão construído no Largo. Esta é a principal manifestação folclórica do município. As marujas e os marujos participam do ritual folclórico vestidos em seus trajes característicos, portando chapéus altos, adornados com pequenos espelhos e fitas coloridas. Ao som dos atabaques e outros tambores, acompanhado de diversos instrumentos de corda, tais como rabecas e violinos, os bailarinos, marujas e marujos apresentam as danças típicas da Marujada, com seus volteios e arabescos, entoando cânticos inspirados da poética popular. O toque e a dança do retumbão - o episódio crucial da apresentação pública da Marujada - é um momento de grande beleza desta expressão da arte popular, espetáculo sempre esperado pelo público empolgado. Dona Silvana foi uma das mais importantes e respeitadas capitoas da Marujada. Ela comandava as apresentações coreográficas e dançava com tanta perfeição e leveza, que passava aos assistentes a idéia de que seus pés, que não se viam, não tocavam no chão, ela parecia estar flutuando, era como se levitasse. Nessa festa o povo bragantino louva ao seu protetor, São Benedito, o “Santo Preto”, como é chamado por seus devotos.

 

Fazem parte dessa manifestação folclórica os elementos :

 

Esmolações

 

Conjunto de atos religiosos realizado por três comitivas de esmoleiros que percorrem as regiões dos campos, colônias e praias circunvizinhas, tendo inicio no mês de maio, eles saem angariando esmolas e ofertas para a Festividade, retornando no mês de dezembro. Cada comitiva leva uma imagem de São Benedito, instrumentos musicais, bandeiras e executam um conjunto de canções, ladainhas e homenagens ao Santo.

 

Marujada

 

Manifestação religiosa e cultural com mais de dois séculos de existência. Tem uma hierarquia que demarca os espaços entre homens e mulheres, enaltecendo a figura feminina da maruja como a mais importante em todos os eventos da Festividade. A principal autoridade da marujada é a Capitoa - cargo vitalício que disciplina e comanda as demais marujas. A dança é comandada pelas mulheres, enquanto os homens ficam responsáveis pela música, tocando os instrumentos típicos que ritmam a marujada como: o retumbão, chorado, mazurca, xote, valsa, arrasta-pé e bagre.

 

Cavalhada

 

É um evento tradicional que acontece atualmente no dia 25 de dezembro, ao lado do aeroporto. Lembra o combate entre cristãos e mouros nas batalhas medievais por territórios sagrados. Dois grupos de cavaleiros disputam argolas nas cores azul e vermelha, as mesmas cores de suas vestimentas. Os cavaleiros, montados, posicionam-se em duas filas paralelas, com o objetivo de conseguir pegar o maior número de argolas.

 

Procissões

 

Fluvial

 

Acontece na manhã do dia 08 de dezembro, com a saída do Santo Praiano do Porto do Camutá até o porto de Bragança. Após a chegada, há a acolhida e a pregação em frente ao posto fiscal do trapiche, e logo depois é levado em procissão até a casa do promesseiro que acolherá a imagem e a comissão de esmolação da praia.

 

 

Terrestre

 

Realiza-se na tarde do dia 26 de dezembro, com saída e chegada na Igreja de São Benedito, percorre as principais ruas da cidade, envolvendo os devotos do “Santo Preto”. Os Marujos e as Marujas (vestidas de branco e vermelho) também acompanham a procissão em duas filas dispostas na frente do Cortejo. Ao final da procissão, há uma missa campal na frente da Igreja de São Benedito. As celebrações finalizam no dia 1º de janeiro, quando são apresentados os novos juízes.

 

Instrumentos Musicais

 

A música é muito presente na Festividade. As folias e as ladainhas são sempre acompanhadas por músicos, assim como a Marujada. Os instrumentos musicais utilizados são: tambor, pandeiro, banjo, reco-reco, onça e a rabeca.

 

[t3]Eventos[/t3]

 

Fevereiro/Março

Carnaval

Local: Principais ruas da cidade e Praça de Eventos

Promotor: Prefeitura Municipal, SETUR e SECULD

Fone: (91) 3425-2028

 

Maio

Cavalgada Camponesa

Local: Campos naturais de Bragança

Período: último domingo de maio

Promotor: Associação dos Cavaleiros de Bragança

Fone: (91) 8808-5454 ou 3425-4181

 

Junho

Profissão de Corpus Christi

Local: Principais ruas da cidade

Promotor: Igreja Católica / Paróquia N. Srª do Rosário

 

Festival Junino

Local: Praça de Eventos e principais ruas da cidade

Período: a partir da segunda quinzena de junho

Promotor: Prefeitura Municipal, SECULD

Fone: (91) 3425-2028 - Ramal 25

 

Julho

AJURUSOL – O Verão da Pérola do Caeté

Local: Sede do município e Praia de Ajuruteua

Período: durante todo o mês

Promotor: Prefeitura Municipal, SETUR e SECULD

Fone: (91) 3425-2028

 

Carnabragança

Local:

Período:

Promotor:

Fone: (91)

 

Setembro

Semana da Pátria

Local: Complexo Poliesportivo Dom Eliseu Mª Coroli - CPDEMC

Período: 31/08 a 07/09

Promotor: Prefeitura Municipal, SEMED e SECULD

Fone: (91) 3425-2544

 

Outubro

Feira da Cultura Bragantina

Local:

Período:

Promotor: Prefeitura Municipal, SEMED e SECULD

Fone: (91)

 

Novembro

Círio de Nossa Senhora de Nazaré

Local: Principais ruas da cidade (procissão)

Período: 2º domingo do mês

Promotor: Diocese de Bragança

Fone: (91)3425-1520

 

Dezembro

Feira de Artes e Negócios

 

Festividade de São Benedito

Local: Largo de São Benedito e principais ruas da cidade

Período: 18 a 26 de dezembro

Promotor: Paróquia de N. Srª do Rosário e Irmandade do Glorioso São Benedito

Fone: (91) 3425-1520[/align]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
MariaEmilia    1

[t3]Hotéis / Pousadas / Alojamento / Camping[/t3]

 

[t1]Onde ficar em Bragança[/t1]

 

Marujo's Suíte Hotel

Endereço: Rua Pastor Afonso Menininho Rey, 540 - Centro

Fone: (91) 3425-1099 ou 3425-2464

 

Lucian Apart Hotel

Endereço: Av. Nazeazeno Ferreira - Centro

Fone: (91) 3425-2812

 

Hotel Millenyum

Endereço: Av. Cônego Clementino, 800 - Alegre

Fone: (91) 3425-1418

 

Bragança Palace Hotel

Endereço: Trav. João XXIII, 102 - Centro

Fone: (91) 3425-2210

email: [email protected]

 

Hotel Alternativo

Endereço: Avenida General Gurjão, s/n - Centro

Fone: (91) 8811-9058

 

Hotel Nova Era

Endereço: Av. Cônego Clementino, 843 – Alegre

Fone: (91) 3425-4413

 

Hotel Solar do Caeté

Endereço: Av. Visconde de Souza Franco, 2096 – Centro

Telefone: (91) 3425-1780

email: [email protected]

 

Novo Hotel

Endereço: Av. Nazeazeno Ferreira,630 - Riozinho

Fone: (91) 3425-4036

 

Delta Hotel

Endereço: Trav. Cônego Miguel,185 - Centro

Fone: (91) 3425-1591

 

Hotel Aruãns

Endereço: Av. General Gurjão, 1099 - Centro

Fone: (91) 3425-2195

 

Hotel Beira Mar

Endereço: Trav. Marcelino Castanho, próximo ao Mercado de Carne - Centro

Fone: (91)

 

Pousada da Tia Maria José

Endereço: Rua Dr. Justo Chermont, 604 – Aldeia

Fone: (91) 3425-1099 ou 3425-2464

 

Dormitório João e Fernando

Endereço: Rua João Paulo Ribeiro,1954 – Pe. Luís

Fone: (91) 3425-3934

 

[t1]Onde ficar em Ajuruteua[/t1]

 

Pousada Ajuruteua

Site: http://www.ajuruteua.com.br

Fone: (91) 8118-9674

 

Restaurante, Bar e Pousada Boca de Bagre

Fone: (91) 3037-2024

 

Pousada São João

Fone: (91) 9608-3562

 

Pousada da Lourdes

Fone: (91) 9965-7020

 

Pousada Noite de Luar

Fone: (91) 8819-2559

 

Pousada Recanto do Airton

Fone: (91) 9628-1975

 

Pousada Sol e Mar

Fone: (91) 9621-5114

 

Pousada 3 Irmãos

Fone: (91) 9608-6263

 

Pousada da Teka

Fone: (91) 3837-2023

 

Pousada Sabor do Beijo

Fonre: (91)

 

IBIS Pousada

Fones: (91) 3837-2014 / 3493-1065 / 9629-1077

Site: http://www.interconect.com.br/ibis

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
MariaEmilia    1

[t3]Bares / Restaurantes / Pizzarias / Churrascarias / Panificadora[/t3]

 

[t1]Onde comer em Bragança[/t1]

 

Fantástica Pizzaria

Endereço: Av. Nazeanero Ferreira, s/n - Centro

Fone: (91) 3425-4847

 

Restaurante Venha K

Endereço: Trav. Sen. José Pinheiro - Centro

Fone: (91) 9158-2310

 

Churrascaria Talismã

Endereço: Largo de São Benedito

Fone: (91) 3425-2256

 

Restaurante São Benedito

Endereço: Trav. Sen. José Pinheiro - Centro

Fone: (91) 8128-3320

 

Restaurante Tropicália

Endereço: Trav. João XXIII - Centro

Fone: (91) 3425-2290

 

Restaurante do Hotel Nova Era

Endereço: Av. Cônego Clementino, 843 – Alegre

Fone: (91) 3425-4413

 

Restaurante Solar do Caeté

Endereço: Av. Visconde de Souza Franco, 2096 – Centro

Fone: (91) 3425-1780

email: [email protected]

 

Restaurante Aragão

Endereço: Av. Mal. Floriano Peixoto, 1803 - Pe. Luís

Fone: (91) 9176-0212

 

Restaurante Benquerença

Endereço: Av. Visconde de Souza Franco - Centro

Fone: 991) 3425-1464 ou 8121-2937

email: [email protected]

 

Pizzaria Glória

Endereço: Rua Conselheiro João Alfredo, 1501 - Centro

Fone: (91) 8812-4212

 

Pizzaria Las Leñas

Endereço: Trav. Vigário Mota - Centro

Fone: (91) 3425-1564

 

Restaurante Hora Extra

Endereço: Av. Gov. Mendonça Furtado, Riozinho

Fone: (91) 3425-1606

 

Restaurante Tralhoto

Endereço: Rua Pinheiro Júnior

Fone: (91)

 

Panificadora Aldeiense

Endereço: Av. Visconde do Rio Branco,

Fone: (91) 34251358

 

Panificadora Tairense

Endereço: Av. Polidorio Coelho, 500

Fone: (91) 34252218

 

[t1]Onde comer em Ajuruteua[/t1]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
MariaEmilia    1

[t1]Informações úteis[/t1]

 

Voltagem elétrica

110 Volts

 

Prefeitura Municipal de Bragança

http://www.braganca.pa.gov.br

[email protected]

(91) 3425-2028 - Fax: (91) 3425-2955

 

Serviço de Informação ao Turista / Secretaria Municipal de Turismo

End: Trav. Senador José Pinheiro, 452 B

Fone: (91) 34254287 ou 34251645 – Fax: (91) 34254287

 

Hospital Geral de Bragança

Fone: (91) 3425-2162

 

Hospital Santo Antônio Maria Zaccaria

Fone: (91) 3425-1200 / 3425-1555 / 3425-2113

 

Hospital das Clínicas de Bragança

Fone: (91) 3425-1324

 

Banco do Brasil

End: Av. Marechal Floriano Peixoto, nº 1750, Centro

Fone: (91) 3425-2025

 

Banco da Amazônia

End: Av. Marechal Floriano Peixoto, nº 285, Centro

Fone: (91) 3425-2001

 

BANPARÁ

End: Av. Marechal Floriano Peixoto, nº 1749, Centro

Fone: (91) 3425-2049

 

Caixa Ecocômica Federal

End: Pça. Antonio Pereira, nº 157, Centro

Fone: (91) 3425-1189

 

Correios

Fone: (91)3425-1645

 

Polícia Militar

Fone: (91) 3425-1058

 

Delegacia de Polícia

Fone: (91) 3425-1190

 

Guarda Municipal de Bragança

Fones: (91) 3425-5499 ou 3425-5388

 

Corpo de Bombeiros de Bragança

Fone: (91) 3425-5499

 

Tiro de Guerra de Bragança

Fone: (91) 3425-2639

 

Centrais Elétricas do Pará – Rede/Celpa

Fone: (91) 3425-1196

 

Companhia de Saneamento do Pará – COSANPA

Fone: (91) 3425-1195

 

ASSTAB (Associação dos Taxistas de Bragança)

Fone: (91) 3425-5358

 

 

[creditos]Texto: Maria Emília

Fonte:

http://www.portalamazonia.globo.com

http://camocimterradosol.blogspot.com/2009/12/braganca-perola-do-caete.html

http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=380141

http://www.skyscrapercity.com/archive/index.php/t-883026.html

http://braganca.tur.br/component/option,com_frontpage/Itemid,1/

http://profdariobenedito.blogspot.com/

Fotos:

http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=883026

http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=412556

http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=380141

http://www.correiobragantino.com.br/[/creditos]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.
Entre para seguir isso  



×