Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

9 dias em MG: BH, Mariana, OP, SJ Del Rei e Tiradentes


Posts Recomendados

  • Membros

Como não sou muito atenta aos detalhes eu farei um breve relato dessa viagem para ajudar aos mochileiros, que assim como eu, recorrer a este aplicativo para ajudar a montar suas viagens.

1° dia: 18/11/16: sexta-feira: saindo de Vitória as 23, chegando lá meia noite com um grupo de amigos. Fomos para o apartamento que alugamos no bairro funcionários, próximo a Savassi, praca Liberdade. Lugar muito bem localizado e um valor muito bom. A diária para 4 saiu na base de 45,00,cada. Chegando saímos para beber na Savassi e não encontramos nada, além de um povo perambulando no.local. Bares fechados, nada do que imaginamos da noite mineira. Entao perguntamos algumas pessoas porque estava tudo fechado numa sexta, todos foram unânimes em.dizer que lá os bares fechavam cedo, as pessoas tinham o costume de ir para boates. Como já era tarde resolvemos voltar para o ape e poupar energia para o sábado, pois tínhamos um.casamento de.uma amiga na Pampulha.

2°dia: 19/11/16: sábado: acordamos por volta das 9:30 tomamos café e fomos de uber para a cervejaria wals, no bairro São Francisco, o trajeto e meio estranho porque BH tem muito.morador de rua, mas indo de uber além.de economizar é bem seguro. Chegamos la o local e sensacional, da viagem, o melhor.lugar que nos conhecemos,rs. As cervejas são sensacionais, um.lugar agradável, com um.povo.bonito. comemos um.petiscos e pedimos a régua de cervejas artesanais, no valor de 25,00,, não achei nada exorbitante. A visita a fábrica propriamente dita acontece às 16 horas, mas como tínhamos um casamento as 18, não ficamos para conhecer a fabricação, apenas degustamos mesmo, que foi.muito bom, diga-se de passagem. Voltando para o ape, resolvemos passar no.mercado central para conhecer, achamos bem legal, povo animado.no sábado, mas as coisas n são mutio.baratas. ah! E fecha pela volta das 16,muitas lojas já estão de portas fechadas. Comemos umas empadas pois não daria p.almocar pelo.nosso horário.

Fomos ao casório, como ele acabou cedo partimos para a woolds, a entrada cara demais, resolvemos voltar para o ape e prepararmos para o domingo.

3° dia: 20/116: domingo: acordamos as 10 e partimos para a feira hippie, lá tem muita opção que nos deixa confusa. Mas tem.coisas bonitas, mas n tão baratas, mas o.bom q saímos e fomos a pé, tudo muito bem localizado. Chovendo muito , mas mesmo assim.pegamos um.uber e fomos p Pampulha conhecer, fomos a igreja de são Francisco, casa de JK, tudo muito lindo, só tem q andar um.pouco. por fim fomos ao.mineirinho, tinha uma feira lá mas nada demais.

A noite fomos a um.bar que tem vários deles por BH, Bebs, muito.legal, pessoal bonito, jovem.

4° dia: segunda: mariana. Fomos a.mina da passagem, alugamos um carro em.bh e partimos.para lá, para quatro pessoas ficou super em.conta, cada um pagou 38,00, chegando lá, para conhecer a mina custa 60,estudante meia entrada. A mina e bem bonita mas n e um.longo passeio para o valor cobrado.

Saindo.de.la na estrada paramos num restaurante simples para comer e de lá Ouro Preto, andamos pela cidade, nesse dia chovia muito, e como la tem muitas ladeiras escorregadias ficava difícil mas n impossível. Nesse primeiro.momento n me.dediquei tanto ao.passeio porque dormiria lá e teria mais um.dia para conhecer com.calma. Fiquei.mais na feirinha de obra de arte da cidade perto do.museu de aleijadinho poupando-me

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Membros
Como não sou muito atenta aos detalhes eu farei um breve relato dessa viagem para ajudar aos mochileiros, que assim como eu, recorrer a este aplicativo para ajudar a montar suas viagens.

1° dia: 18/11/16: sexta-feira: saindo de Vitória as 23, chegando lá meia noite com um grupo de amigos. Fomos para o apartamento que alugamos no bairro funcionários, próximo a Savassi, praca Liberdade. Lugar muito bem localizado e um valor muito bom. A diária para 4 saiu na base de 45,00,cada. Chegando saímos para beber na Savassi e não encontramos nada, além de um povo perambulando no.local. Bares fechados, nada do que imaginamos da noite mineira. Entao perguntamos algumas pessoas porque estava tudo fechado numa sexta, todos foram unânimes em.dizer que lá os bares fechavam cedo, as pessoas tinham o costume de ir para boates. Como já era tarde resolvemos voltar para o ape e poupar energia para o sábado, pois tínhamos um.casamento de.uma amiga na Pampulha.

2°dia: 19/11/16: sábado: acordamos por volta das 9:30 tomamos café e fomos de uber para a cervejaria wals, no bairro São Francisco, o trajeto e meio estranho porque BH tem muito.morador de rua, mas indo de uber além.de economizar é bem seguro. Chegamos la o local e sensacional, da viagem, o melhor.lugar que nos conhecemos,rs. As cervejas são sensacionais, um.lugar agradável, com um.povo.bonito. comemos um.petiscos e pedimos a régua de cervejas artesanais, no valor de 25,00,, não achei nada exorbitante. A visita a fábrica propriamente dita acontece às 16 horas, mas como tínhamos um casamento as 18, não ficamos para conhecer a fabricação, apenas degustamos mesmo, que foi.muito bom, diga-se de passagem. Voltando para o ape, resolvemos passar no.mercado central para conhecer, achamos bem legal, povo animado.no sábado, mas as coisas n são mutio.baratas. ah! E fecha pela volta das 16,muitas lojas já estão de portas fechadas. Comemos umas empadas pois não daria p.almocar pelo.nosso horário.

Fomos ao casório, como ele acabou cedo partimos para a woolds, a entrada cara demais, resolvemos voltar para o ape e prepararmos para o domingo.

3° dia: 20/116: domingo: acordamos as 10 e partimos para a feira hippie, lá tem muita opção que nos deixa confusa. Mas tem.coisas bonitas, mas n tão baratas, mas o.bom q saímos e fomos a pé, tudo muito bem localizado. Chovendo muito , mas mesmo assim.pegamos um.uber e fomos p Pampulha conhecer, fomos a igreja de são Francisco, casa de JK, tudo muito lindo, só tem q andar um.pouco. por fim fomos ao.mineirinho, tinha uma feira lá mas nada demais.

A noite fomos a um.bar que tem vários deles por BH, Bebs, muito.legal, pessoal bonito, jovem.

4° dia: segunda: mariana. Fomos a.mina da passagem, alugamos um carro em.bh e partimos.para lá, para quatro pessoas ficou super em.conta, cada um pagou 38,00, chegando lá, para conhecer a mina custa 60,estudante meia entrada. A mina e bem bonita mas n e um.longo passeio para o valor cobrado.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Como não sou muito atenta aos detalhes eu farei um breve relato dessa viagem para ajudar aos mochileiros, que assim como eu, recorrer a este aplicativo para ajudar a montar suas viagens.

1° dia: 18/11/16: sexta-feira: saindo de Vitória as 23, chegando lá meia noite com um grupo de amigos. Fomos para o apartamento que alugamos no bairro funcionários, próximo a Savassi, praca Liberdade. Lugar muito bem localizado e um valor muito bom. A diária para 4 saiu na base de 45,00,cada. Chegando saímos para beber na Savassi e não encontramos nada, além de um povo perambulando no.local. Bares fechados, nada do que imaginamos da noite mineira. Entao perguntamos algumas pessoas porque estava tudo fechado numa sexta, todos foram unânimes em.dizer que lá os bares fechavam cedo, as pessoas tinham o costume de ir para boates. Como já era tarde resolvemos voltar para o ape e poupar energia para o sábado, pois tínhamos um.casamento de.uma amiga na Pampulha.

2°dia: 19/11/16: sábado: acordamos por volta das 9:30 tomamos café e fomos de uber para a cervejaria wals, no bairro São Francisco, o trajeto e meio estranho porque BH tem muito.morador de rua, mas indo de uber além.de economizar é bem seguro. Chegamos la o local e sensacional, da viagem, o melhor.lugar que nos conhecemos,rs. As cervejas são sensacionais, um.lugar agradável, com um.povo.bonito. comemos um.petiscos e pedimos a régua de cervejas artesanais, no valor de 25,00,, não achei nada exorbitante. A visita a fábrica propriamente dita acontece às 16 horas, mas como tínhamos um casamento as 18, não ficamos para conhecer a fabricação, apenas degustamos mesmo, que foi.muito bom, diga-se de passagem. Voltando para o ape, resolvemos passar no.mercado central para conhecer, achamos bem legal, povo animado.no sábado, mas as coisas n são mutio.baratas. ah! E fecha pela volta das 16,muitas lojas já estão de portas fechadas. Comemos umas empadas pois não daria p.almocar pelo.nosso horário.

Fomos ao casório, como ele acabou cedo partimos para a woolds, a entrada cara demais, resolvemos voltar para o ape e prepararmos para o domingo.

3° dia: 20/116: domingo: acordamos as 10 e partimos para a feira hippie, lá tem muita opção que nos deixa confusa. Mas tem.coisas bonitas, mas n tão baratas, mas o.bom q saímos e fomos a pé, tudo muito bem localizado. Chovendo muito , mas mesmo assim.pegamos um.uber e fomos p Pampulha conhecer, fomos a igreja de são Francisco, casa de JK, tudo muito lindo, só tem q andar um.pouco. por fim fomos ao.mineirinho, tinha uma feira lá mas nada demais.

A noite fomos a um.bar que tem vários deles por BH, Bebs, muito.legal, pessoal bonito, jovem.

4° dia: segunda: mariana. Fomos a.mina da passagem, alugamos um carro em.bh e partimos.para lá, para quatro pessoas ficou super em.conta, cada um pagou 38,00, chegando lá, para conhecer a mina custa 60,estudante meia entrada. A mina e bem bonita mas n e um.longo passeio para o valor cobrado.

Saindo.de.la na estrada paramos num restaurante simples para comer e de lá Ouro Preto, andamos pela cidade, nesse dia chovia muito, e como la tem muitas ladeiras escorregadias ficava difícil mas n impossível. Nesse primeiro.momento n me.dediquei tanto ao.passeio porque dormiria lá e teria mais um.dia para conhecer com.calma. Fiquei.mais na feirinha de obra de arte da cidade perto do.museu de aleijadinho poupando-meIMG_20161116_104610449_HDR.jpg[/attachment]

Quando voltei fiquei hospedado num.hostel próximo a rodoviária, Hostel minas, e simples mas limpo, para dormir estava ótimo. Eu também fiquei sozinha nele pois N tinha hóspedes além de mim.

7° dia: quinta: peguei um.onibus e fui para São João del rei, andei da rodoviária do lugar ao centro histórico, local onde ficaria hospedada. E longe pra caramba, eu achei q fosse perto, quando chegar lá. Pegue um táxi ou ônibus, porque a pé e complicado, mas da para chegar. Almocei no.meio do caminho.num restaurante simples tbm, mas tranquilo. Chegando no centro histórico procurei meu hostel, o Barroco, belíssimo, tudo novo, com café da.manha recomendadissimo, as donas saoo bem legais. Super recomendo, e a diária por 45. Fica próximo a tudo. E so tem ele é mais um. Quando for para lá fique nele, vão gostar!! No.primeoro dia fui a umas igrejas principais ali.mesmo que uma somente cobrou 2,00 e pode tirar foto. A cidade e encantadora. Tem vários barzinhos próximo ao hostel, mas eu fui dormir cedo.

8° dia: peguei um.onibus por 3,50 e fui a Tiradentes, porque de Maria fumaça não rolava não, valor 60,00; para quem quer gastar tudo bem deve valer a pena. Fui lá e a cidade super histórica, alguns morros, mas nada que se diga, nossasl tem muita coisa p vê.

1480639542676.jpg.c1ce8ece387d27d6ff770787a7121475.jpg

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...