Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Adrianajapa

Mochilão 10 dias Israel e Jordânia Ago/19

Posts Recomendados

Olá pessoal! Vou relatar o meu mochilão que fiz pelo Israel e Jordânia. Aproveitei a promoção da passagem aérea pela Ethiopian e paguei apenas R$1030,00 ida e volta com taxas e bagagem inclusa.

- No geral achei as pessoas no Israel bem antipáticas e sem educação. Se brasileiro fura fila, os israelenses fazem isso com maestria;

- A comida é cara, mas dá para para se virar se comer na rua e fazer compras no supermercado;

- Ponto positivo é que há bebedouros em todos, então sempre leve uma garrafinha de água com você;

- Levei 3.000 shekels daqui, pois o dólar estava R$4,16 e o shekel R$1,22;

- Eilat é um excelente ponto para mergulho. A visibilidade é incrível, apesar de não ter uma vida marinha tão rica vale a pena.

 

Roteiro

15/08 – Guarulhos – Adis Abeba (Etiópia)

16/08 – Tel Aviv

17/08 – Haifa

18/08 – Jerusalém

19/08 – Deserto Masada e Mar Morto

20/08 – Belém

21/08 – Jerusalém – Jordânia

22/08 – Petra – Eilat

23/08 – Eilat

24/08 – Eilat – Tel Aviv

25/08 – Tel Aviv – Guarulhos

 

15/08 – Voo a 1:00 da manhã de Guarulhos até Adis Abeba na Etiópia com duração de 12 horas. O avião da Ethiopian é um pouco velho, com filmes e séries mais antigas. As refeições estavam bem gostosas. A conexão durou 5 horas e o aeroporto é bem meia boca e fiquei descansando nas cadeiras que deitam aguardando a hora do embarque.

 

16/08 – Chegada a Tel Aviv

Chegada no aeroporto de Tel Aviv às 4:00. Ao passar pelo guichê da imigração, o funcionário me perguntou o que estava fazendo lá, quais cidades iria, nome das hospedagens de todos os locais, com quem estava viajando e se conhecia alguém lá. Após responder todas as perguntas, ele mesmo assim me mandou para o tal de “office” onde fiquei cerca de 3 horas esperando. Foi horrível a desorganização, ninguém conseguia me dar uma informação e todos eram bem mal educados. Após encarar o mau humor de mais um oficial, ele me encaminhou para falar com uma policial super simpática que me fez mais algumas perguntas. Enfim, consegui entrar!

Como era o Shabbat e não havia metrô funcionando, peguei um ônibus de graça até algum lugar que não sei onde era e de lá peguei um táxi por NIS50. Almocei hambúrguer e batata frita por NIS61 próximo ao hostel. Aproveitei para conhecer Old Jaffa e fui caminhando até lá por aproximadamente uns 35 minutos debaixo de um sol insuportável. O lugar é bonitinho e na volta fui caminhando pela orla.

A noite fui até a orla novamente ver o pôr do sol e jantei um sanduiche de atum.

290020701_OldJaffa.thumb.jpg.1daeae182d27c21f04acc3799d11fb24.jpg

 

681539298_TelAviv.thumb.jpg.12e2a393fb7e83a40f56afcbe3c5fd42.jpg

 

Taxi terminal de ônibus ao hostel NIS50

Hospedagem Abraham Hostel NIS264,60

Hamburguer NIS61

2 águas - NIS10

Sanduíche atum NIS46

 

17/08 - Haifa

Acordei cedo e tomei um café reforçado no hostel e depois caminhei até a estação central de ônibus. Como era Shabbat, não tinha trem disponível e peguei uma van ida e volta para Haifa. O trajeto dura em torno de 1 hora. Chegando lá fui caminhando à um local que pegava uma van  até Bahai Garden, pois era uma mega subida e estava bem quente. O jardim é bem bonito e fiz um tour guiado free em inglês ao meio-dia. Depois voltei a rua em que as vans ficam e retornei a Tel Aviv. Descansei a tarde e à noite fiz um Free walk tour as 19:30 em Old Jaffa. Fiz o agendamento pelo site https://www.neweuropetours.eu . O tour é bem superficial e achei mais ou menos. No final ele pede uma gorjeta sugerida de NIS50, ou seja, não é tão free assim e fica a seu critério dar ou não a gorjeta.

Haifa.thumb.jpg.1793177991e5e8b4f9905a48e4cb0e05.jpg

Haifa2.thumb.jpg.f4da76d0cc5f56b54a1449b29349c083.jpg

Van Ida e Volta Haifa NIS90

1 suco + 1 picolé NIS12

1 raspadinha em Old Jaffa NIS5

1 iogurte, 1 Pringles e 2 croissant pequenos NIS26 em um mercado perto do hostel

Gorjeta Walk Tour NIS15

 

18/08 – Tel Aviv - Jerusalem

Acordei por volta das 7:00 e tomei um super café da manhã no hostel e depois fui a estação central de ônibus e peguei um ônibus a Jerusalém (não lembro o número do ônibus) que sai a todo momento. Conheci uma moça do Taiwan que me deu o bilhete de ônibus dela e ainda tinha crédito, então não gastei nada.

Visitei a Cúpula da Rocha, que não tem sinalização nenhuma. Entrei e sai diversas vezes do muro das lamentações até encontrar a fila certa. Chegando lá tive que colocar uma malha para me cobrir. Continuei andando pelos arredores e visitei a Igreja do Santo Sepulcro. Que lugar incrível! Lá senti uma emoção que não sei explicar e isso que nem religiosa sou. A noite fiz o free walking tour passando pelos mesmos caminhos que visitei pela manhã e achei bem superficial também.

1041223064_MurodasLamentaes.thumb.jpg.7528b81acc0d90267624e74f8c9e85c8.jpg

 

34767790_CupuladaRocha.thumb.jpg.beca764c98976331ac2fc28472a75300.jpg

 

1753710421_SantoSepulcro.thumb.jpg.14f328f5d64fa9957bf06fd68329833f.jpg

 

Abraham Hostel Jerusalém 3 diárias NIS203

2 sucos NIS15

1 sanduíche natural de atum NIS10

Gorjeta free walking tour NIS20

Paes e sanduíche NIS32

 

19/08 – Deserto Masada e Mar Morto

Acordei por volta das 5:30 e tomei café da manhã no hostel e fui a estação de ônibus e peguei o ônibus 486 para ir a Masada. Desci na estação Masada. Mas que calor fazia nesse lugar! Peguei o teleférico até o deserto. Há uma opção da trilha da serpente, mas sem chances de encarar com o calor que fazia. O local é bem bonito e vale muito a visita! Lá é possível ter uma visão do deserto com o Mar Morto.

Após a caminhada no lugar mais quente que passei, peguei o uma van de la até Ein Bokek. Havia a opção de esperar ônibus, mas não consegui esperar por conta do calor que fazia. Boiar no mar morto sem dúvidas foi uma das melhores experiências que já vivi. O local tem uma ótima estrutura com duchas, banheiros e lugar para trocar roupa no meio da praia. O recomendável é ficar no máximo 15 minutos na água e de lá ir para ducha. Jamais deixe a água pingar a água nos olhos, pois arde demais e evite molhar o cabelo para não ressecar. Uma boa dica é entrar no mar com sapatilhas aquáticas, pois há muitas pedras de sal e machuca os pés. Para voltar peguei o ônibus 486 e desci na estação Central de Jerusalém. Jantei no hostel com os brasileiros que fui ao Mar Morto.

1437526030_MarMorto.thumb.jpg.c680d44798b92e8c5863ce7f57711441.jpg

275557132_DesertoMasada.thumb.jpg.b42f915ef9a447e8a94a1fe163f52aa3.jpg

1388665869_DesertoMasada2.thumb.jpg.75e50da185511b98422b91bbb135cad1.jpg

Ônibus ida e volta Ein Bokek NIS75

Van Masada a Ein Bokek NIS25

Bondinho subida Masada NIS65 (desconto estudante)

3 sucos garrafinha do mercado NIS28

Pão na rodoviária NIS15

Compra mercado jantar NIS18

 

20/08 - Belém (Palestina)

Visita ao jardim da tumba ainda em Jerusalém de graça com guia brasileiro. Ali perto pegamos o ônibus 231 a Belém. Cuidado com o 234, pois ele deixa bem distante do centrinho. A Palestina é divertida, parece a 25 de Março de São Paulo. Gente vendendo tudo quanto é tipo de coisa e tudo dá para pechinchar. Visitamos a basílica de Natividade, onde Jesus nasceu e visitamos a igreja onde Maria amamentou Jesus. Na volta passamos pelo Muro das Lamentações e preparamos o jantar novamente no hostel.

 

Ônibus ida e volta a Belém NIS14

Gorjeta jardim NIS10

2 shawarmas + suco NIS30

1 cerveja NIS4

Bala NIS7

Lembrancinhas (imã de geladeira e porta moedas) NIS10

Compras mercado NIS25

 

21/07 – Jerusalém - Jordânia

Ida a estação Central de ônibus comprar passagem de ônibus a Eilat (444) as 14:00.  Depois fui ao Monte das Oliveiras e subi até o topo. Que vista linda. Na volta andei na cidade velha para comprar lembrancinhas e troquei dólares e shekels por dinares,  pois a cotação estava melhor la. US$100 por 70JID.

A estação de Jerusalém é bem bagunçada e o ônibus mais ainda. Não tem número da poltrona e muitas pessoas acabam indo em pé. Pelo menos tem WiFi e entrada USB para carregar o celular.

A viagem durou aproximadamente 4 horas e não tenho certeza em qual ponto desci, pois o motorista não parou quando solicitamos. Dividi um táxi com um casal de ingleses até a fronteira.

Para cruzar a fronteira, mais mau humor dos oficiais e um me mandou de volta para pagar a taxa de saída que já havia pago, pois ele não encontrou o tal do papel rosa que precisava. Fiquei igual uma idiota de um lado para outro

Povo sem educação. Até que um oficial mais simpático foi me ajudar e mostrou qual era o papel que eu precisava mostrar. Voltei la e o idiota deixou eu passar, como se nada tivesse acontecido. Na entrada da Jordânia passei no guichê para fazer o visto e deve  ser pago somente na volta. O visto é um papel de pão preenchido a mão.

Após cruzar a fronteira não achei ninguém pra dividir o táxi e fui sozinha até Wadi Wusa em 2 horas aproximadamente de viagem. O motorista foi as duas horas tentando me vender passeios e o táxi de volta. Me senti muito incomodada e optei em não fechar nada com ele naquele momento, pois estava sem referência de valores e ele estava sendo muito chato.

Fiz o check-in no hostel com um recepcionista muito simpático que ligou para vários contatos e conseguiu um táxi por 40 dinares até a fronteira. Passei no mercado e comprei algumas besteirinhas para o café da manhã.

1912511165_MontedasOlvieiras.thumb.jpg.0f24a672a25761fac245e6d001f85e6a.jpg

Ônibus Eilat NIS70

Táxi Eilat até a fronteira  NIS11 (dividido em 3)

Taxa saída Israel NIS107

Lembrancinhas NIS45

Suco romã NIS10

Pizza e suco NIS20

Mercado para comer no ônibus NIS11

Suco parada a Eilat NIS11

Taxi fronteira até hostel 55JID

1 diária Petra Capsul Hostel 9,65JID

Compra mercado café da manhã 1,45JID

 

22/08 - Petra - Eilat

Acordei 6:30 e cheguei as 7:00  a Petra. Peguei um táxi até lá, pois estava com medo! Passei pelo Tesouro, Teatro e fui até o Monastério que é bem longe.  O abuso de animais é grande! Camelos, burros e cavalos são explorados. Para tirar a foto de cima no Tesouro, basta subir por um caminho bem pequeno, mas fique atento, pois há alguns engraçadinhos que querem cobrar para tirar fotos e te xingam se você não quiser pagar. Eu não paguei nada e o cara achou ruim. Depois eles estavam bloqueando as pessoas para não subir no melhor ponto para fotos.

Saí de Petra 13:00 Pois estava muito quente e eu exausta. não esqueça de levar muita água se for no verão, pois a minha acabou e quase passei mal. Fui andando até o hostel, pois o taxista queria me cobrar 4JID para um percurso de 1,2km. Era uma baita subida, mas pelo menos economizei.  Tomei banho rapidinho no hostel e o taxista já estava me esperando para me levar até a fronteira.

Para sair da Jordânia é um pouco bagunçado, pois não há nenhuma sinalização de onde tem que pagar. Primeiro paga a taxa do visto de 40JID, depois vai para outro guichê e paga uma taxa de 10JID que não entendi de que era e depois passa em outro guichê para o cara carimbar. Tive que trocar alguns shekels e dólares pois faltavam 16JID. A cotação estava 1US$ por 0,67JID. Ao chegar na fronteira do Israel respondi as perguntas básicas da imigração e mostrei o passaporte para vários agentes até sair da fronteira. Foi bem tranquilo.

Da fronteira pegue o um táxi até o hostel. Que calor faz em Eilat.  Essa cidade é totalmente diferente de qualquer outra daqui. É um balneário super moderno, onde a maioria das casas possui piscina. O hostel é uma graça, super limpo, organizado e o David extremamente simpático, até porque ele não é do Israel! Haha fui até o mercado andando e comprei coisas para o café da manhã e janta (pão, queijo e suco).

Passei na agência de mergulho que é do hostel e fica a 5 minutos daqui e agendei um mergulho noturno para o dia seguinte.

1421502131_Petra1.thumb.jpg.471c22d399d7b75c1c89007aff44fe4d.jpg

1381292169_Petra2.thumb.jpg.7a4735f340e48a39c51392d092c2e117.jpg

Taxi até Petra 2JID

Entrada Petra 50JID

Lembrancinha 1JID

Água pequena hostel 0 50JID

Água grande + sorvete Petra 4JID

Taxi até fronteira 40JID

Taxa visto 40JID

Taxa saída 10JID

Taxi fronteira até hostel 33JID

hostel Ahla Plus 2 diárias quarto feminino 4 pessoas NIS208

mercado NIS36

 

23/08 - Eilat

Ida ao shopping Mall Hayam Eilat que dizem ser tax free, mas não encontrei nada de interessante por lá. Almocei uma pizza individual de atum que por sinal era bem grande e saborosa. Voltei ao hostel e encontrei uma menina holandesa pois havíamos combinado de ir a Coral Beach e pegamos o ônibus número 15. A praia é paga e é possível alugar equipamentos para snorkel. Depois voltei sozinha com o ônibus número 16 e dei uma bela caminhada no sol até o hostel. Por volta das 19:00 cheguei ao Ahla Dive Center para o mergulho noturno. Havia combinado no dia anterior que faria o noturno e o nascer do sol no dia seguinte, porém o cara chato da recepção me informou que não seria possível, pois os instrutores estariam cansados para acordar cedo no dia seguinte. Fiquei muito brava e falei um monte pra ele, mas a anta não tava nem aí pra mim. Falei para o meu instrutor sobre o ocorrido e ele se sensibilizou e disse que me levaria la. O mergulho foi bacana e consegui ver 2 golfinhos.

2107787653_Eilat2.thumb.jpg.e0364c1ecc8a97d3264dcd57e8449cce.jpg

Eilat.thumb.jpg.767a73281519ee496486e3fcde2d087e.jpg

Pizza shopping NIS39

2 raspadinha NIS10

2 ônibus NIS8,80

Entrada Coral Beach NIS30 (estudante)

Mergulho noturno NIS225

 

24/08 - Eilat - Tel Aviv

Acordei as 5:00 para o mergulho ao nascer do sol. Saímos por volta das 6:20 rumo ao ponto de mergulho e dessa vez não vi golfinhos. A visibilidade estava muito boa e vi muitos corais e peixinhos.

Voltei ao hostel e tirei um cochilo. Arrumei as coisas e deixei na sala, pois meu ônibus a Tel Aviv sairia apenas as 18:00.

Fui com a holandesa ao Dolphin Reef. O parque não tem nada demais e me diziam que os golfinhos eram livres. Fiquei na dúvida quando cheguei pois havia algumas delimitações no local. Mas aí vi os golfinhos voltarem para o mar e fiquei mais tranquila.

Fui andando até a rodoviária e o ônibus saiu pontualmente às 18:00 E cheguei na estação em Tel Aviv por volta das 22:30. Fui andando até a estação de trem e aguardei o trem das 23:46, que chegou pontualmente. O trajeto até o aeroporto durou apenas 10 minutos

O check in abriu apenas as 2:00 e meu voo era as 5:00. Antes de chegar no balcão da cia aérea, todos devem passar por um tipo de controle e responder mais perguntas. Me perguntaram o que fui fazer na Jordânia e se conhecia alguém la. Foi super tranquilo, ainda mais porque quase não havia carimbos nesse passaporte.

Na sala de raio-x, revistaram a minha mochila e depois pediram para eu ir a uma salinha. Me revistaram inteira com um aparelho que acredito que seja para detectar se havia drogas comigo. Haha foi bem constrangedor, mas só pensava que todo esse pesadelo acabaria em breve.

Após a revista aproveitei para comer um hambúrguer, comprei Milka que estava muito barato e troquei o que sobrou de shekels (200). A cotação do aeroporto estava bem ruim (3,60) e tem a taxa que eles cobram.

Dessa vez voei de Turkish e fiz escala em Istambul, pois houve um problema na passagem que havia comprado para Ethiopian e a Decolar me ofereceu esse voo. A comida era deliciosa .

545888688_MergulhoEilat.thumb.jpg.20ae191345bfb1e69eb7e3061285360a.jpg

Ônibus a Dolphin Reef NIS4,40

Entrada Dolphin Reef NIS48

Trem Tel Aviv ao aeroporto NIS13,50

Hambúrguer + bebida + fritas NIS53

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Leonardosab Olá Leonardo, 

Na verdade não fechei com nenhum guia por lá apenas no passeio que fiz. Vou verificar com a minha amiga se ela tem o contato do que ela fechou em Jerusalém.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

41 minutos atrás, Adrianajapa disse:

@Leonardosab Olá Leonardo, 

Na verdade não fechei com nenhum guia por lá apenas no passeio que fiz. Vou verificar com a minha amiga se ela tem o contato do que ela fechou em Jerusalém.

@Adrianajapa  opa, por favor

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em 25/01/2020 em 18:08, Ludmila F Silva disse:

@Adrianajapa Adorei a sua postagem , é o tipo de viagem que quero fazer incluindo o mergulho. Por alto, quanto que você gastou no total? 

Olá Ludmila,

Gastei aproximadamente uns R$6000, sendo:

Passagem ida e volta Guarulhos - Tel Aviv na promoção - R$1030

1000 Shekels que comprei no Brasil - R$3660

215JID na Jordânia a uma cotação de 1JID = R$5,80 - R$1247,00

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...