Mergulho

Troca de informações sobre os melhores pontos de mergulho do mundo.


Mergulho

Mensagem não lidapor Júnia Pimenta » 04 Mai 2008, 15:05

Tópico em construção

Aguardem novidades!




QUER APRENDER A MERGULHAR ?


É fácil aprender a mergulhar ?
Aprender a mergulhar não é difícil, mas como toda atividade, requer que o aluno aprenda algumas técnicas e procedimentos, principalmente relativo a segurança.

Existe alguma restrição média para a prática do mergulho ?
Qual a idade máxima para mergulhar ?

Antes de iniciar o treinamento, o aluno preenche uma ficha médica onde ele e o Instrutor avaliarão se é necessário o exame médico. Existem alguns fatores que podem proibir a prática do mergulho, entre eles podemos citar: Claustrofobia, Diabetes, Epilepsia, Doenças relacionadas a depressão, Uso de Drogas e enfisema.
Não existe idade máxima para mergulhar. Muitas pessoas iniciam a prática do mergulho após os 60 anos de idade.



É preciso ser um bom nadador para aprender a mergulhar ?
Por incrível que possa parecer, a resposta é não !
No entanto, é necessário que o aluno se sinta a vontade na água.
O aluno deve conseguir permanecer na superfície em um local tão fundo que não de pé
e conseguir se deslocar nesses ambientes.

Quanto tempo dura o Ar de um Cilindro Scuba ?
Essa é uma das perguntas mais freqüentes elaboradas por leigos quando o assunto é mergulho !
O que muitas pessoas não sabem, é que o Cilindro de Mergulho (SCUBA) é carregado com Ar comprimido seco e filtrado e não com Oxigênio. Quanto ao tempo de mergulho que você poderá realizar com ele, isso é muito variável e depende de vários fatores. Entre eles podemos citar, profundidade do mergulho, nível de experiência e condição física do mergulhador. Mas para não deixar a questão sem resposta, podemos exemplificar que um mergulhador após término do curso com razoável forma física, aos 12 mts de profundidade, teria uma autonomia aproximada
de 50 minutos de mergulho


Mergulhar é Seguro ?
A atividade de mergulho é considerada uma das mais seguras. As modernas técnicas de treinamento desenvolvidas durante décadas pela PADI garante a segurança no aprendizado.

Tenho que comprar algum equipamento para começar a Mergulhar ?
O equipamento básico para se iniciar no mundo subaquático são: Máscara , Snorkel e as Nadadeiras.
Muito mergulhadores optam por comprar todo equipamento (Regulador, Colete Equilibrador, Lastros, Roupa de Neoprene), outros preferem comprar apenas o básico e então alugar o restante quando for mergulhar.
Se você esta pensando em iniciar-se no mergulho autônomo, recomendamos que não compre nenhum equipamento antes de consultar seu Instrutor. Durante a primeira aula teórica do curso básico seu Instrutor irá lhe apresentar o que existe no mercado desses produtos para que você possa avaliar o equipamento que melhor se adequar para você !


FONTE:http://www.marear.com.br/dicas.html
Avatar do usuário
Júnia Pimenta
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1003
Desde: 26 Jun 2004, 20:46
Localização: Blumenau/SC-Brasil

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor Júnia Pimenta » 05 Mai 2008, 18:31

Marinheiros de primeira viagem

Relacionamos abaixo 10 cuidados para evitar problemas comuns, cometidos até por mergulhadores experientes.

Muitos mergulhadores sobem à superfície sem o cuidado de fazer paradas de segurança, usando como argumento o fato de ter descido a pouca profundidade.

Esse pensamento está incorreto. É necessário fazer algumas paradas para evitar doenças descompressivas. Em mergulhos rasos faça uma parada aos 5 metros por 3 minutos.

Máscara cheia d’água
Já aconteceu isso com você ? É muito comum acontecer da máscara encher de água e virar um aquário. Mas para evitar esse incomodo você deve tomar alguns cuidados antes de descer.

Antes de passar a tira pela cabeça respire pelo nariz. Seus cabelos também não podem estar por dentro da máscara. E lembre-se, não adianta apertar muito as tiras, pois não é por esse motivo que a água entrará.

Perdendo contato
Ao mergulhar siga sempre seu companheiro pois se vocês se perderem estarão colocando a vida dos dois em risco. Além de nunca mergulhar sozinho, planeje detalhes com sua dupla ou grupo. Manter contato visual e usar sinalização poderá evitar alguns imprevistos.

Uso de faca
Alguns mergulhadores consideram a faca como uma arma contra a natureza, porém esta deve ser vista como uma ferramenta de segurança. Imagine se enroscar em cabos, linhas ou redes e não ter uma faca para se soltar.

Fique de olho
O mergulho proporciona momentos de relaxamento total e isso pode tirar sua atenção em relação ao tempo de fundo, manômetro e profundímetro. Planeje intervalos para checagem dos seus instrumentos com seus companheiros de mergulho e use sinalização.

Visão embaçado
É comum para mergulhadores iniciantes esperdiçar muito tempo tentando desembaçar a máscara.

Pode parecer anti-higiênico, porém cuspir no vidro da máscara evita o embaçamento.

Oh luvinha complicada !!!
Se você vestiu as luvas antes de montar todo o equipamento, parabéns, você é mais um iniciante. Lembre-se de vestir as luvas por último, pois isso facilitará a montagem de todo o equipamento.

Ai meu ouvido !
Durante a descida, seja o mergulho raso ou profundo, tape o nariz, a boca e assopre. Não espere seu ouvido doer para depois fazê-lo.

Apressado come crúVoltar à superfície antes de todo mundo devido a pouca quantidade de ar comprimido é um erro grave. Ao invés disso, tente economizar o ar ao máximo, relaxando e movimentando sem pressa. Respirar devagar e profundamente fará com que o gasto de ar seja menor. Tente também manter a flutuabilidade a mais neutra possível.

Seja obediente
Alguns mergulhadores iniciantes insistem em desrespeitar os regulamentos e regras internas de uma embarcação. Saiba ouvir e respeite as sugestões e ensinamentos do instrutor para manter a segurança do mergulho, principalmente se o local não lhe for familiar.

Fonte: www.mergulhe.com.br
Avatar do usuário
Júnia Pimenta
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1003
Desde: 26 Jun 2004, 20:46
Localização: Blumenau/SC-Brasil

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor Júnia Pimenta » 05 Mai 2008, 18:39

Diferenças do Mergulho em água salgada e doce
por Raul Guastini



O mergulho em água doce é muito praticado em diversos locais pelo mundo e em nosso Brasil. Na água doce podemos encontrar diversas variedades de peixes, como também formações subaquáticas (cavernas e tocas). Dependendo da região, existe uma grande variação de visibilidade e temperatura da água. Para ser praticado com segurança, existem alguns fatores diferentes para o de água salgada:



Pressão - A água doce possui uma densidade menor que a água salgada. Um atm de pressão de água doce equivale a 10,33 m comparando um atm de água salgada é de 10 m. Esta diferença cria uma mudança nas taxas de absorção e eliminação do nitrogênio. Portanto a subida (eliminação do nitrogênio) tem que ser mais lenta que 9 m/ min; taxa de subida da água salgada. Existem tabelas onde pode-se encontrar a velocidade de subida ideal de acordo com a altitude de seu mergulho.


Altitude - As tabelas de mergulho trabalham com algoritmos baseados em até 1000 ft de altitude (305 m). Se o mergulho é a uma altitude maior, será preciso fazer cálculos para uma pressão atmosférica abaixo de 1 atm. A tabela RGBM vale para altitude de até 2000 ft (610 m). Isto também se relaciona com a eliminação de nitrogênio. Existem tabelas para a correção da pressão atmosférica para fazer o seu mergulho.


Profundímetros - As marcações dos profundímetros que trabalham por tubo de bourdon são ajustadas para a pressão e densidade da água salgada a uma pressão de 1 atm (nível do mar), se forem usados na água doce vão mostrar uma diferença a profundidade real de seu mergulho. É possível calcular esta diferença, usar tabelas de correção de profundidade ou mergulhar com computador de mergulho e calibrá-lo para água doce.


Temperatura - A temperatura da água causa diferenças no seu consumo e exposição aos gases, quanto mais frio, maior o consumo e maior a dissolução do gás em seu corpo. O legal é usar roupas completas que aumentam seu conforto em baixo da água e te protegem de contato direto com seres e obstáculos.


Enrosco - Durante o mergulho preste atenção no local e ao seu redor, pois linhas de pesca, tarrafas, redes de pesca, galhos de árvores podem causar algum enrosco. Mergulhe com uma faca e desloque-se devagar, para poder ver e antecipar algum problema. Procure mergulhar longe de correntes (o meio e o lado de fora nas curvas do rio). Preveja estes aspectos em seu planejamento.


Recargas - Para a recarga dos cilindros, aconselhamos compressores de alta vazão, pois os cilindros trabalham em média com 200 atm de pressão. De preferência se usa um motor elétrico (não poluente) para fazer o compressor trabalhar. O mais importante do compressor é o controle dos filtros, durante as recargas, estes filtros deixam o ar puro e próprio para o consumo; mas possuem uma duração limitada e o controle do uso do compressor serve para marcar a hora certa da troca dos elementos dos filtros. Geralmente as escolas de mergulho possuem compressores e trabalham de acordo com as normas de enchimento e manutenção dos filtros/ compressor.


FONTE:http://www.zone.com.br/mergulho/index.php?destino_comum=dicas_mostra&id_noticias=18596
Avatar do usuário
Júnia Pimenta
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1003
Desde: 26 Jun 2004, 20:46
Localização: Blumenau/SC-Brasil

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor Júnia Pimenta » 05 Mai 2008, 18:43

Primeiros Socorros nas Moléstias da Descompressão
por Eduardo Vinhaes

A atividade do mergulho normalmente é realizada em condições de muita calma e tranqüilidade, sendo algo extremamente seguro independentemente da idade ou de uma condição física atlética. Entretanto, como em toda atividade humana, existe um risco de que algo pode dar errado. Assim, é muito importante estarmos sempre preparados para ajudar aos nossos companheiros de mergulho (e vice-versa) no caso de algum acidente onde possa ocorrer até mesmo risco de vida ou de alguma seqüela importante.

Estar treinado em primeiros socorros, mesmo que num nível básico, é muito importante no mergulho. Mas existem situações específicas para o mergulhador e que merecem especial atenção : as moléstias da descompressão. Basicamente estas moléstias são dividas entra a doença descompressiva propriamente dita e a embolia gasosa, mais conhecida como embolia traumática pelo ar (ETA).

Uma dica importante é que não se deve tentar realizar um diagnóstico mais preciso no caso de uma suspeita de moléstia da descompressão mas sim estar alerta para aqueles sinais e sintomas iniciais que podem sugerir que este problema está acontecendo. Assim, caso observe o aparecimento, após um mergulho, de alguns dos dados abaixo, procure proceder como vamos dizer a seguir.



Sinais e sintomas das moléstias da descompressão :


Dores musculares ou em articulações

Formigamentos de extremidades

Enjôo, vômitos

Tonturas ou vertigens

Fadiga excessiva

Coceira ou vermelhidão na pele

Alterações visuais ou aditivas

Paralisias

Dificuldade para urinar

Alterações de personalidade

Convulsões/inconsciência

Caso ocorra algum dos sintomas acima, procure agir da seguinte maneira :

1- Mantenha a calma e procure conversar de maneira calma com a vítima.
2- Realize uma avaliação do estado da vítima, através do ABC da emergência.
3- Coloque a vítima deitada e a mantenha aquecida.
4- Caso ocorra perda da consciência, coloque-a na posição deitada por sobre o lado esquerdo do corpo (evitar que a vítima possa aspirar vômito).
5- Administre oxigênio a 100% continuamente á vítima (caso esteja treinado para fazê-lo).
6- Encaminhe imediatamente a vítima para um serviço médico de emergência, mesmo que seja um serviço público. Assim pode-se garantir a manutenção do oxigênio para a vítima e pode-se ter uma avaliação medica inicial (mesmo que não seja por um especialista).
7- Procure entrar em contato com os serviços de atendimento de emergência para mergulhadores.

É importante lembrar que não aconselhamos tentar ir diretamente par uma câmara de recompressão simplesmente por se ter um endereço ou telefone. Muitas vezes o acidente de mergulho ocorre durante o fim de semana, período em que a maioria destes serviço não está funcionando. Além disto, a grande maioria de serviços hiperbáricos no Brasil estão direcionados para o oxigenoterapia hiperbárica e não tem interesse (ou mesmo conhecimentos) para tratar de acidentes de mergulho.

Para se conseguir um contato com um serviço hiperbárico que atenda a este tipo de acidente, o mais prático e ligar para a linha de emergências da DAN (Divers Alert Network). A DAN é um serviço sem fins lucrativos, associado ao sistema de saúde da Universidade de DUKE, nos EUA, e possui uma linha telefônica de atendimento dedicada exclusivamente para a América Latina.

Assim, basta ligar par a Embratel (0800-703-2121), de qualquer telefone, e pedir uma ligação a cobrar, para o telefone +1-267-520-1507. Um atendente que fala português e espanhol atenderá a ligação e irá acionar um sistema de orientação ao mergulhador acidentado, levando-o até o atendimento especializada, caso seja necessário. É importante ressaltar que mesmo mergulhadores que não são membros da DAN podem acionar o serviço, recebendo orientação sobre o que fazer.

Quanto ao uso do oxigênio a 100% no atendimento inicial, sabe-se hoje em dia que isto pode fazer uma grande diferença entre uma boa recuperação ou não do mergulhador. Existem alguns cursos dedicados a ensinar as técnicas seguras e corretas de fazê-lo sendo que o mais conhecido é de “oxygen provider” realizado pela própria DAN. Este curso já encontra-se disponível no Brasil.



Eduardo Vinhaes, colaborador do Webventure, é mergulhador, montanhista, espeleólogo, com 20 anos de experiência, e Doutor em Medicina pela Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo). É Instrutor de mergulho três estrelas - CMAS e open water instructor NAUI, coordenador regional da Divers Alert Network (DAN) para o Brasil. Também é Membro correspondente no Brasil da comissão médica da UIAA.


fonte:http://www.zone.com.br/mergulho/index.php?destino_comum=dicas_mostra&id_noticias=6702
Avatar do usuário
Júnia Pimenta
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1003
Desde: 26 Jun 2004, 20:46
Localização: Blumenau/SC-Brasil

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor xaliba » 28 Jun 2009, 03:03

ola, quero fazer um comentario sobre a parte de luva e faca.

Eu comecei a mergulhar ha aproximadamente 19 anos, meu primeiro mergulho foi em Alcatrazes, na epoca q a marinha fazia vista grossa. Todo mundo usava luva, faca, e com isso agarrava em tudo (pois estavam protegidos) e cututavam tudo inclusive abrindo ouricos pra chamar os peixes. Que legal!! Hoje conto isso com uma certa vergonha.

Depois de mais de 1.000 mergulhos e tendo no curriculo trabalhado por 2 meses em noronha e 5 no mar vermelho eu sou radicalmente contra o uso de facas e luvas. A primeira vez q alguem te fala 'sem facas ou luvas' vc pensa, mas como vou me defender e me proteger???? Eu tb pensei assim. Mas hoje eu pergunto, se proteger e se defender do que? Eu nunca precisei nem nunca ouvi falar de alguem q precisou de faca em baixo d'agua. Tudo bem q eu sempre mergulhei em aguas razoavelmente claras. Em visibilidade zero talvez justifique (embora se vc nao eh bombeiro nao sei o q justifica mergulho em visibilidade zero :)), mas eh so ficar atento q vc nao vai se enroscar em nada.

Luva tb, nao tem necessidade a nao ser q seja uma questao de muito frio tipo mergulho no gelo. As pessoas tendem a encostar em tudo, se agarrar, nao deveriam. Em noronha e mar vermelho eh proibida a luva justamente pra inibir as pessoas de ficar tocando em tudo.

O mergulho deve ser contemplativo. Nao tocar em animais, acariciar tartaruga (embora seja bem dificil de resistir), tubarao lixa. Nao ficar se apoiando em nada. No maximo um dedinho, literalmente um dedinho (e certifique-se de nao estar encostando em nada vivo) para ajudar em manobras, para chegar mais perto de um buraco, de seja la o q for q vc quiser ver de perto. Ou em um caso de ter q nadar contra a correnteza, mas de novo, nao encoste em nada vivo. Mergulho deve ser contemplacao total, interferir o minimo possivel no ambiente. Deve ser passivo e nao ativo.

Com atencao e principalmente bom controle de flutuabilidade vc nao vai precisar de luvas ou facas para nada em baixo d'agua e nem tocar em nada. Dica, tenha sempre uma faca na sua mala de mergulho no barco, mas certifique-se de deixa-la la em cima.

bons mergulhos
Avatar do usuário
xaliba
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1143
Desde: 02 Dez 2008, 17:50
Localização: Sao Paulo

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor Mau-santos » 29 Jun 2009, 12:27

Bons tempos em q se podia mergulhar em Alcatrazes.......meus terceiro e quarto mergulhos na vida foram lá, nos idos de 1998, e em seguida a Marinha fechou....
Também cheguei à conclusão do Xaliba de que facas e luvas não devam ser usados, mas realmente há a restrição da temperatura. E não apenas no gelo...já cheguei a pegar 13 graus em Arraial do Cabo, devido à ressurgência, e se não estivesse de luvas teria abortado o mergulho, pq o frio era demais. Na época eu ainda não tinha roupa semi-seca, mas estava com uma roupa de 7mm, e ainda assim senti muito frio.
Há uns poucos anos criou-se a restrição ao uso de facas e luvas na Lage de Santos, e foi um passo a mais na manutenção desse espaço. Há uma parceiria entre a administração do Parque e as operadoras de mergulho, q se reflete claramente na postura atual da maioria dos clientes-mergulhadores, e inclusive cabe às operadoras, de maneira extra- formal e extra-oficial a maior parte da fiscalização efetiva da correta utilização da área, q infelizmente se restringe aos finais de semana em que as condições de mar permitem saídas. Durante a semana a Lage vira presa fácil de pescadores amadores e profissionais sem escrúpulos que felizmente ainda não deram cabo da farta vida aí existente.
Júnia, ainda não tive tempo de ler todo o material q vc postou, mas gostei muito de ver aumentada a parte relativa ao mergulho aqui no site. Ótima iniciativa!
Avatar do usuário
Mau-santos
Colaborador
Colaborador
 
Mensagens: 252
Desde: 16 Mar 2009, 11:41

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor Vini. » 02 Nov 2009, 22:17

Desculpem-me a pergunta, pois sou completo leigo (mas, estou muito interessado em me iniciar no mergulho), mas qual é o impedimento legal de alguém mergulhar em praias sem barcos, usar facas, luvas etc? Eu pergunto isso, pois li neste e noutros dois tópicos aqui do fórum menções ao controle pela Marinha etc.

Qual é o impedimento de alguém pegar o seu equipamento e autonomamente sair mergulhando onde bem quiser e utilizando facas desde adstrito à defesa ou à segurança próprias?

Não quero dizer que sou favorável ou contrário ao uso de luvas ou facas e também sobre sair mergulhando em qualquer lugar (até porque não tem opinião formada a respeito de nada disso - já que sou leigo), mas isto é um ponto que não ficou claro em tudo que foi escrito no fórum.

Se for uma pergunta basicona de leigo e tal, peço desculpas, mas é que realmente fiquei curioso. ::mmm:

Um forte abraço a todos.
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem
Avatar do usuário
Vini.
 
Mensagens: 55
Desde: 25 Out 2009, 23:56
Localização: Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor xaliba » 06 Nov 2009, 23:51

o controle legal eh zero, ninguem pode te impedir de mergulhar por conta propria em nenhum lugar - com certas excessoes como noronha por ex. - desde q o local seja de acesso permitido. Luvas e facas tb, nao eh lei, eh um acordo entre as operadoras serias em qquer lugar do mundo. Mas se vc quiser ser teimoso nada te impede.
Avatar do usuário
xaliba
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1143
Desde: 02 Dez 2008, 17:50
Localização: Sao Paulo

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor Vini. » 07 Nov 2009, 16:08

Saquei, Xaliba. Não é o caso.

Obrigado.
Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem Imagem
Avatar do usuário
Vini.
 
Mensagens: 55
Desde: 25 Out 2009, 23:56
Localização: Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor murch » 29 Out 2011, 11:09

ola a todos galera!

Meu comentario:

Se vce realmente quiser.. dá pra ir com a faca e luva. Já vi muita gente brigando dizendo que nao quer nem saber e vai de luva.. e no final das contas acaba indo.. mas a operação inteira de mergulho fica "de bico" com esta pessoa.

eu acho que faca tem de ser permitida. É um item de segurança.

Claro que nao pra se proteger de algum animal.. pois obviamente nao funcionaria (a nao ser que um tubarão apareca.. e vce esteja com o seu dupla. A unica defesa conhecida hoje, é esfaquear o dupla e correr) (ok piada sem graça)

A faca é um item de segurança contra linhas ou outros itens no qual você pode ficar preso em baico dagua. mas APENAS isto.

A faca so deveria ser removida se vce estiver preso e cogitando a possobilidade de morrer por isso. Fora isso.. NAO DEVE USAR A FACA PARANADA.

Infelizmnete.. eu tbem me envergonho de dizer que no passado... a mais de 10 anos.. eu tbem abri ouriço na ilha das couver pra chamar peixe. Mas isto é passado. Hoje, eu nao levo luva nos mergulhos, fico obsecado em nao tocar em nada.. mas estou sempre com a minha faca.
Abraçoes"

Murch.
Avatar do usuário
murch
 
Mensagens: 15
Desde: 11 Jan 2011, 01:29
Localização: Sao Paulo

Re: Mergulho

Mensagem não lidapor murillus » 16 Jan 2012, 17:59

xaliba escreveu:Luvas e facas tb, nao eh lei, eh um acordo entre as operadoras serias em qquer lugar do mundo


pro mergulho recreacional, raramente trara beneficio o uso destes dois equipamentos...
Membro da EXTREMES BRAZILIAN TEAM - "vivendo a vida ao extremo"
Mergulhador CMAS e PADI
Jipeiro e fundador do RAPAZIADA 4X4 OFF ROAD - Fortaleza/CE
Radioamaor PU7MMU - "em QAP e QRV"
Membro da RENER e voluntario da DEFESA CIVIL

[]s e Boas Adventuras...
Avatar do usuário
murillus
Colaborador
Colaborador
 
Mensagens: 1025
Desde: 12 Set 2004, 17:16
Localização: Brasil - Portugal


Voltar para Mergulho



Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante