“Novo viajante” buscará viagem regional, rodoviária e para destinos de natureza, aponta Ministério do Turismo


O Ministério do Turismo (MTur) divulgou ontem (15) a 6ª edição do Boletim de Inteligência de Mercado no Turismo (BIMT), produzido pela Rede de Inteligência de Mercado no Turismo (RIMT) com foco nos parques nacionais e ecoturismo.
Segundo a pasta, a RIMT criada em 2016 tem como objetivo compartilhar experiências voltadas à gestão de marketing e promoção dos destinos brasileiros, além de manter um processo de colaboração entre agentes públicos e privados visando ampliar a profissionalização do marketing turístico.
Esta edição do estudo apresenta os principais parques nacionais no Brasil, seus atrativos e as atividades turísticas disponíveis e melhores épocas para visitação, informações importantes para definir ações que irão fortalecer o setor, comenta o secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, William França acrescentando que “pesquisas apontam para um novo perfil de viajantes, que buscará viagens rodoviárias, regionais, e para destinos de natureza, principalmente”.
Já a coordenadora-geral de Produtos Turísticos do MTur, Tatiana Petra, destacou a viabilidade econômica dos Parques do Brasil na retomada do setor no pós-pandemia. “Conforme os dados do ICMBio de 2019, as UCs foram responsáveis por 90 mil empregos e R$ 2,7 bilhões em renda. Além disso, há um benefício significativo para os municípios que circundam os parques, de cerca de R$ 2,4 bilhões, o que demonstra a importância da atividade turística para as comunidades locais”.

vistachinesa luciolavillela mtur

Vista chinesa, no Parque Nacional da Tijuca, um dos mais visitados do Brasil | Foto: Luciola Villela/MTur.

Panorama no Brasil

De acordo com o boletim, existem no Brasil 334 unidades de conservação (UCs) federais que estão em todos os estados e no Distrito Federal. As UCs são classificadas em Parque Nacional; Floresta Nacional; Área de Proteção Ambiental; Reserva Extrativista; Área de Relevante de Interesse Ecológico; Estação Ecológica; Monumento Natural; Reserva de Desenvolvimento Sustentável; Reserva Biológica; Refúgio de Vida Silvestre e totalizam 9% do território terrestre do país e 2% do bioma marinho costeiro.
Os Parques Nacionais aparecem como a categoria mais visitada: 64%, mas observou-se que áreas de Proteção Ambiental, Monumentos Naturais e Reservas Extrativistas vêm ganhando destaque e representam parcela importante da visitação total. Grande parte das visitas – 14,2 milhões -, está concentrada em 22 unidades de conservação, enquanto 1,1 milhão de visitas estão distribuídas nas outras 115 UCs, segundo dados do MTur.

Os parques nacionais da Tijuca (Rio de Janeiro), do Iguaçu (Paraná) e de Jericoacoara (Ceará) representam juntos 41% das visitas. A Área de Proteção Ambiental de Petrópolis, juntamente com a Reserva Extrativista de Arraial do Cabo, ambas no Rio de Janeiro, além do Monumento Natural do Rio São Francisco, entre Alagoas, Bahia e Sergipe, respondem juntas por 24% das visitas.
A visitação às Unidades de Conservação tem aumentado ano a ano. De acordo com o ICMBio, foram mais de 15,3 milhões de visitantes em 2019, um aumento de 20,4% em relação a 2018 (12,4 milhões). Em 2017 foram registrados 10,7 milhões de visitante, mais do que os 8,3 milhões em 2016 e os 7,3 milhões de 2015.

A 6ª edição do estudo está disponível na íntegra aqui.

Leia também:

  • Acampar é atividade de baixo risco (para contaminação pelo novo coronavírus), segundo entidade médica dos EUA, aqui.
  • Príncipes da Suécia fazem trilha e viajam pelo país para incentivar o turismo, aqui
  • Mochilão: Guia definitivo (com dicas e segredos), aqui.
  • Para te ajudar a economizar na viagem, não se esqueça de pegar seu cupom de desconto, aqui.

A foto meramente ilustrativa (da home e) que traz até este post é de Andreas Chu/Unsplash.


Mochileiros.com

Comunidade de ajuda mútua entre viajantes independentes e mochileiros. No ar desde 1999, tem dicas e informações e mais de 10.000 relatos de viagens publicados. Ganhador do Prêmio 'Influenciadores Digitais' por dois anos consecutivos. Aqui no blog traz histórias inspiradoras e notícias relacionadas ao universo viajante.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

      Deixe uma Comentário

      Mochileiros.com
      Logo