Ir para conteúdo

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''com criança''.



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Mochileiros.com

  • Perguntas e Respostas
    • Perguntas e Respostas
    • Destinos - Perguntas e Respostas
  • Relatos de Viagem
    • Relatos de Viagem
  • Companhia para Viajar
  • Equipamentos
  • Trilhas e Travessias
  • Nomadismo e Mochilão roots
  • Outras Formas de Viajar
  • Outros Fóruns

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Sobre mim


Ocupação


Próximo Destino

Encontrado 2 registros

  1. Olá, estou em dúvida se viajo para Maceió ou Recife. Pretendo viajar com um bebê de 11 meses e queria uma cidade com mais opções de bares, barracas, quiosques que funcionacem a noite, porque não tenho como curtir baladas a noite com o bebê e opto por bares e quiosques a noite. Igual a Fortaleza que pode ficar com crianças até a no que não serena
  2. Tentarei ser breve neste relato de uma pequena viagem. Minha intenção era fazer uma viagem sozinha com minha filha de 3 anos, só que meu primo de 23, seu irmão de 15 e minha avó de 76 decidiram ir junto (o que foi ótimo pq além de irmos de carro - chegar à Holambra de ônibus é MUITO difícil - foi uma rede de apoio muito importante). Saímos dia 24/08 pela manhã (Jabaquara-SP) por volta de 8:00 Pelo Rodoanel pegamos um pouco de trânsito, pagamos pouco mais de R$ 35,00 de pedágio (2 + 3,4 + 9,2 + 9,10 +12 - teve um outro de valor pequeno mas eu esqueci ao certo). Já tínhamos enchido o tanque, deu pra ir e voltar e ainda sobrou cerca de 1/4. Primeira Parada: Moinho do Povo - Chegamos por volta de 10:40 É bem perto da Expoflora mas é BEM difícil encontrar lugar para estacionar, rodamos umas 4 vezes até encontrarmos um local divino. Pagamos R$ 5,00 para subirmos. É uma subida interessante, não recomendo para idosos, pessoas com mobilidade reduzida (sou obesa mórbida mas foi tranquilo) ou que tenham labirintite. Compramos umas lembrancinhas, quase em frente tem uma lojinha que vende algumas lembrancinhas mais baratas mas a diferença é pequena. Uma guia nos deu algumas dicas fundamentais: 1 - Almoçar na cidade (Restaurante Sabor e Arte - comida caseira, saborosa e valores não abusivos. Ah, atendimento muito bom) https://www.tripadvisor.com.br/Restaurant_Review-g2572355-d5396531-Reviews-Sabor_Arte-Holambra_State_of_Sao_Paulo.html 2 - Levar garrafa de água pois lá dentro seriam uns R$ 5,00 reais uma garrafinha e tem bebedouro que poderia encher. Realmente, MUITOS bebedouros, muita gente enchendo mas sem bagunça. Valeu MUITO a pena 3 - Deixarmos o carro do lado de fora pq o estacionamento era muito caro, ela disse R$ 25,00, meu primo tinha visto na internet por R$ 40,00 - não sei o real pois seguimos a dica. Como fomos no primeiro dia a cidade estava movimentada mas tranquila, não sei como seriam nos próximos dias. Meu primo nos deixou na lateral da entrada e foi estacionar o carro (idosa e criança, pensamos na caminhada mínima, ele como é jovem não tem problema rs) Nesta volta pela cidade vimos Capivaras, passamos pelo Deck do Amor e vimos um pouco mais do encanto da cidade Encontramos este lugar maravilhoso 4 - Esta dica é minha: Confeitaria Zoet en Zout Lugar super agradável, à beira do lago, com espaço para criança brincar. Você pode relaxar na esteira, no sofá, nas cadeiras, dentro, fora, debaixo da árvore. O preço é um pouco salgado mas vale a pena. https://www.tripadvisor.com.br/Restaurant_Review-g2572355-d2705275-Reviews-Zoet_en_Zout-Holambra_State_of_Sao_Paulo.html EXPLOFORA Se adquire com antecedência para mais barato. Achei que idoso não pagava então fui surpreendida na entrada, felizmente minha filha de 3 anos não precisou pagar. Eu tinha escolhido a opção de imprimir o ingresso, mas tinha esquecido e pude apresentar o PDF na portaria. Lá dentro é uma delícia, bebedouros, lugares para comer, beber, inclusive vinho. Fora flores rs Belos lugares para tirar foto. Durante o dia tem danças típicas. às 16h10 eu já estava perto do local que seria a chuva de pétalas, e foi bom pq foi enchendo rápido. Deixei minha avó sentada na escada e fui para mais perto com minha filha nos ombros. Se você se deixar levar pelas palavras e música chega a se emocionar. Acho que deve ser muito bonito para um pedido de casamento Andamos mais um pouco pela feira e pegamos estrada. No dia seguinte passearíamos pela Rota do Vinho em São Roque então fiz uma escolha que achei muito acertada: Dormir no meio do caminho, a cidade escolhida foi Itú. Também pegamos trânsito. Jantamos no Shopping, como estava chuviscando e cada um podia escolher o que quisesse. Muito agradável o shopping, fiquei apaixonada pelo jardim. Foi minha primeira vez no site Airbnb mas ainda bem que valeu a pena https://www.airbnb.com.br/rooms/22925060?location=Itu%2C SP&adults=4&children=1&home_collection=1&s=GlSfJkcY Acordamos cedo, fomos tomar café da manhã. Padaria Dom Antonio - Rua Paulo Eduardo Xavier de Toledo, 261. Comer a vontade por R$ 20,00. Muito caprichado. Barriga cheia e pé na estrada. Primeira parada foi no Don Patto, tem 3 restaurantes, adega e empório, espaço kids, pista Off Road. Diversão para a família inteira. Comprei um alho em conserva... delícia (como só um por dia com medo de acabar rs) Seguimos para a adega quinta do olivardo. Não almoçamos lá mas o clima é muito bom e tem diversão para toda a família, vimos a fazendinha (tá, isso não foi muito empolgante, mas foi a primeira vez que minha filha viu uma vaca), a pequena andou à cavalo pela primeira vez, meu primo fez tirolesa (R$ 15,00 cada um). Finalizamos em uma das mais famosas: A Góes, experimentamos uns vinhos, vimos peixes no lago. A ideia era comer alguma coisa pela rota mas não achamos nada que coubesse no nosso bolso e optamos por comer em Embú das artes (já que estávamos a 40 min de lá e seria nosso próximo destino) Indo para Embú encontramos um restaurante delícia. Esperto a R$ 5,00. Refeição a preços "normais". Atendimento familiar, me senti em casa Devidamente alimentados fomos à Feira de artesanato de Embu das Artes. Tem coisas bonitas mas acho que falta um pouco de infraestrutura, não tem banheiro, muitos alcoolizados na praça, me senti insegura. E finalmente voltamos para casa, cansados, falidos mas já planejando a próxima. De qualquer forma é um momento único reunir 4 gerações (pulando uma rs) em uma viagem. Bem, espero ter compartilhado um pouco com este site que sempre me conduz.
×
×
  • Criar Novo...