Ir para conteúdo

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''pukapukara''.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Fazer perguntas
    • Perguntas Rápidas
    • Perguntas e Respostas & Roteiros
  • Encontrar Companhia para Viajar
    • Companhia para Viajar
  • Enviar e ler Relatos de Viagem
    • Relatos de Viagem
  • Planejar e relatar experiências em Trilhas e Travessias
    • Trilhas e Travessias
  • Tirar dúvidas e avaliar Equipamentos
    • Equipamentos
  • Outros Fóruns
    • Demais Fóruns
    • Saúde do Viajante
    • Notícias e Eventos

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que contenham...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Sobre mim


Ocupação


Próximo Destino

Encontrado 1 registro

  1. Bom galera como os Mochileiros.com vivem me ajudando vou dar minha contribuição também. Essa viagem foi feito em janeiro de 2011, partindo de Fortaleza usando os pontos de uma companhia aerea (com escalas em São Paulo e Lima). Bom, a primeira dica é trocar seus reais por dólares aqui mesmo (converter lá vc sai perdendo, pelo menos na época em que fomos). Chegando em Cuzco pegue um taxi normal (custam por volta de 3 soles - moeda local). Cuidado para não dar bobeira com sua carteira ou máquina porque ha muitas queixas de roubo nos taxis, mas muitos são honestos. Ficamos no Sumac Wasi (hotelzinho bem barato, só pra durmir mesmo, como QG). Pegue logo o mapa gratis e compre o Boleto Turístico del Cusco ( 70 soles a meia e 130 a inteira). Se você já tem a carteira de estudante internacional ótimo, quase tudo tem meia entrada. Se vc não tem dá pra fazer lá (eu fiz lá e hoje tenho a carteira de estudante da comunidade andina ). Vc vai precisar da xerox da sua identidade e do histórico ativo de sua faculdade, além de pagar a taxa mas vale a pena. Voltando ao boleto turístico, ele lhe dá acesso a vários pontos, nós fomos nos seguintes: Museo de Sítio del Qoricancha, Moray, Saqsayhuamán, Písac, Q'enqo, Pukapukara, Monumento Pachacuteq e Tambomachay. Recomendo todos e não fomos nos outros devido ao tempo. Se o seu roteiro é de 10 dias, deixe 7 para Cuzco e 3 em Lima. Encontramos um taxista muito legal e fizemos todos esses pontos com ele. Uns desses locais são próximos (Ex.: Saqsayhuamán, Pukapukara, Q'enqo e outros), outros são bem mais distante e a caminho de Ollantaytambo (Ex.: Písac e Moray) onde sai o trem para Águas Calientes. Então recomendo 1 dia para esses pontos mais próximos e outro dia para os mais distantes a caminho de Ollantaytambo. Em todos os locais tem guias locais, ai vc negocia o preço (DICA IMPORTANTE: nunca aceite o primeiro preço, vc sempre pode baixar o preço e é importante ter os guias para entender bem a história) A culinária em Cuzco é fantástica e sempre pedíamos 4 pratos diferentes para provar de tudo. Lembre-se de deixar uma gorjetinha pois os 10% nunca vem na conta (demoramos para perceber isso). A gorjeta vc dar o que achar merecido mas eles sempre agradecem muito. Agências de viagens e casa de cambio tem muitas. Na agência do hotel que ficamos pagamos U$ 300 (e aqui não tem meia passagem ) para os 4 (passagens de trem ida e volta; e ônibus na volta entre Ollamtaytambo e Cuzco, a ida fomos com o taxista passando pelos pontos turísticos). Deixamos as malas grandes no Sumac Wasi e fomos só com mochila. Leve lanches de Cuzco pq em Águas Caliente e Machu Picchu as coisas são mais caras. No trem é ótimo, pessoas do mundo todo, muitos brasileiros mochilando, foi muito legal. Chegando em Águas Calientes não achamos nosso hostel e acabamos durmindo em outro (bem barato e confortável). Acordamos bem cedo pensando em ir a Wayna Picchu mas desistimos devido ao cansaço. Então durmimos mais um pouco e fomos pela manhã. Compramos as passagens dos ônibus que levam a Machu Picchu ( U$ 15,50 novamente sem meia passagem, ida e volta) e a entrada a Machu Picchu (63 soles a meia e 126 soles a inteira). Machu Picchu é simplesmente indescritível. Só estando lá para entender o que eu estou falando. Passamos o dia inteiro lá (fomos os últimos a sair, no último ônibus). Na saída não esqueçam de carimbar seus passaportes em uma casinha que tem na saída. Mortos de cansados voltamos a Águas Calientes, pegamos o trem e em Ollamtaytambo achamos nosso ônibus devolta a Cuzco. Um sonho realizado. Depois fomos passar 5 dias em Lima. Os taxis lá vc negocia o preço antes de entrar no taxi. Ficamos no Hostel Porta, em Miraflores, pra mim o melhor bairro (hostel barato e muito bom, recomendo). Em Lima fomos aos melhores restaurantes mas não ha muito o que fazer. Algumas Huacas (fomos na Huallamarca) e museus. Não esqueça de ir aos Polvos Azules, muita coisa boa e baratas (mas vc tem que saber o que é original e o que não é). Garanto que comprei Lacoste a 30 soles (cerca de R$13,00 ) Bom, fico a disposição e espero ter ajudado a quem deseja realizar esse sonho de conhecer Machu Picchu Att
×
×
  • Criar Novo...