Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

ricardomoura

Campo Grande - MS, o que fazer por aqui - com fotos !

Posts Recomendados

Estou indo para o Mato Grosso do Sul e gostaria de saber o que fazer em Campo Grande

Pessoas que já foram nesses lugares ou conhecem, deixem suas dicas aqui!   ::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post

Resolvi criar o tópico pra falar da cidade onde moro, tenho um caso de amor e ódio com Campo Grande ( apesar de ódio ser uma palavra meio forte e exagerada para o caso rsrs).

A cidade é muito tranqüila, é uma capital com ares de interior, pacata, segura, limpa, organizada , com ruas largas e arborizadas. Não temos favelas em Campo Grande e nos orgulhamos disso.

Não temos (tantos) problemas de violência como as outras capitais. Dificilmente você será assaltado por aqui, só se der muita bobeira mesmo !

É muito fácil se locomover por aqui, mesmo de ônibus. ( Não temos metrô )

 

20120720124640.jpg

20120720124735.jpg

20120720124744.jpg

 

Bom, depois dessa apresentação para situar vocês na cidade morena, como é carinhosamente chamada por aqui, vamos ao que interessa... o que tem pra fazer nessa cidade ?

É ai que começa minha “implicância”... realmente não tem muito o que fazer por aqui... dá pra conhecer a cidade em um dia... Campo Grande geralmente é ponto de partida para quem está de passagem rumo a Bonito, Pantanal, Corumbá, Bodoquena, Jardim, Rio Verde, Costa Rica...

( Maiores informações sobre essas cidades neste relato: mato-grosso-do-sul-alem-de-bonito-e-pantanal-t74075.html

Sobre Bonito : bonito-ms-para-quem-quer-gastar-pouco-t61100.html)

 

Quem chega de avião será recebido por uma escultura com 3 tuiuiús em frente ao aeroporto, passará pela bela avenida Duque de Caxias, que corta os principais batalhões do exército, com seus prédio históricos, e chegará até a Avenida Afonso Pena, a principal avenida daqui, que corta a cidade de ponta a ponta e onde tudo acontece, os melhores barzinhos com música ao vivo ( como o Miça, o Bodega e o Valley) ficam lá.

 

20120720124939.jpg

Escultura dos tuiuiús em frente ao aeroporto

 

20120720125233.jpgAv Duque de Caxias

20120720125245.jpgAv Afonso Pena

20120720125302.JPGAv Afonso Pena - centro

 

Seguindo pela Afonso Pena chegará no centro da cidade, passará pela Casa do Artesão, Camelódromo, Morada dos Baís, as duas principais praças ( Ari Coelho e Rádio Clube), continuando nessa avenida chegará até os altos da Afonso Pena.

 

Quem pegar ônibus em frente ao aeroporto e descer no centro, de preferência no ponto da praça Ari Coelho, consegue visitar todos esses pontos turístico a pé, são perto um do outro, ou pode descer em frente a Morada dos Baís e pegar o city tour que inicia os passeios por lá.

Vou falar um pouco sobre cada um deles:

 

A Morada dos Baís : A antiga residência da família de Bernardo Franco Baís, construída entre 1913 e 1918, foi um dos primeiros sobrados em alvenaria na região. O local exibe afrescos pintados por Lídia Baís, filha do patriarca, e foi aberto ao público em 1995. Na Morada dos Baís fica o Centro de Informações Turísticas e Culturais da cidade, além de espaços para exposições.

Uma curiosidade : o dono do sobrado,Bernardo Franco Baís, foi quem trouxe os trilhos de trem para a cidade, agora foram removidos, mas antigamente o trem passava em frente ao sobrado e o Bernardo acabou morrendo atropelado pelo trem, olha a ironia ! Não sei se a história é verdadeira, foi o que me falaram na escola rsrs

Horário de Funcionamento: de 3ª a sábado das 8h às 19h. Domingo das 9h às 12h. Gratuito.

20120720125931.jpgMorada dos Baís

20120720125945.jpg

20120720125955.JPGNo Natal fica linda !

 

Bem em frente a Morada, basta atravessar a rua, fica o Camelódromo da cidade, um "prédio" de dois andares onde é possível encontrar de TUDO! Quem estiver precisando de algum "importado" ou alguma bugiganga de qualidade tem por lá... por preços bem competitivos devido as proximadades da capital com a Bolivia e Paraguay.

 

20120720130547.jpgCamelódromo

20120720130602.jpg

 

Saindo do Camelódromo e subindo uma quadra você encontrará a Casa do artesão, que obviamente vende artesanato, dos mais variados tipos e valores, vale a pena passar por lá, é um prédio antigo e histórico, de 1923, da última vez que fui fiquei encantada, tudo muito bem feito, por preços bons. Pra quem gosta de um souvenir de viagem, na casa do artesão são bem mais baratos do que nas lojas do aeroporto.

Informações: (67) 3383-2633 Atendimento: segunda-feira a sábado às 08h e às 18h

 

20120720130952.jpgCasa do Artesão

20120720131005.jpg

20120720131019.jpg

20120720131034.jpg

 

Atrás do Camelódromo fica o Mercado Municipal de CG, ou Mercadão, como se diz por aqui, lá tbm é possivel encontrar muitas especiarias, temperos, artesanato, doces caseiros em barra ou compota, comer os famosos pastelões ... em frente ao Mercado Municipal existe uma praça conhecida como praça dos bugres, uma feira indigena, onde ficam uns índios vendendo produtos agricolas trazidos das aldeias, o famoso feijão de bugre ( um feijão verde) é encontrado por lá

20120723094136.jpg

20120723094146.jpg

20120723094212.jpg

20120723094221.jpg

20120723094229.jpg

20120723094238.JPG

20120723094253.jpg

20120723094301.jpgFeira indígena

20120723094328.jpg20120723094339.JPG

 

Voltando até o camelódromo e subindo uma quadra, você chega na Praça Ari Coelho, que passou recentemente por um processo de revitalização.

Uma curiosidade: a praça Ari Coelho foi o primeiro cemitério da cidade ::ahhhh::

 

20120720131516.jpgPraça Ari Coelho

20121015121650.jpg

20121015121658.jpg

20121015121706.jpg

20121015121722.jpg

20121015121740.jpg

20121015121751.jpg

20121015121804.jpgParquinho

20121015122222.jpgÁrea para terceira idade

 

Subindo mais duas quadras chega na Praça do Rádio Clube. Na rua lateral ( em frente a praça), fica o Museu Dom Bosco, ou museu do Indio, que tem um acervo bem grande e diversos animais empalhados, inclusive as famosas onça pintada e a enorme sucuri.

 

20120720131752.jpgPraça do Rádio Clube

20120720131803.jpg

20120720172047.JPG

Para ter uma idéia de como os lugares são pertos, na foto acima, que tem o relógio ao centro, do lado esquerdo fica a casa do artesão, atravessando a rua e descendo uma quadra temos a Morada do Bais, em frente o Camelódromo (ponto laranja no lado direito da foto). Uma quadra pra cima do relógio fica a praça Ari Coelho,subindo mais duas quadras a Praça do Rádio e o Museu Dom Bosco.

 

Meu lugar preferido na cidade é o Parque das Nações Indígenas, nos altos da Avenida Afonso Pena.

 

Os altos da Afonso Pena, como é conhecido por aqui, é ponto de encontro para quem quer paquerar, ouvir música ao ar livre, namorar, fazer piquenique, caminhadas, levar o cachorro ou as crianças pra passear, andar de bicicleta, patins, tomar água de coco, comer um churros ou tomar o famoso tereré ( mate gelado) ... ver um belo pôr do sol... você encontra de tudo um pouco por lá.

 

20120720172507.jpgAltos da Afonso Pena e seu belo pôr do sol

20120720172531.jpg

 

O parque das nações indígenas,segundo pesquisa na internet : “É considerado um dos maiores parques (dentro de um perímetro urbano) do mundo, com uma extensão de 119 hectares. Oferece infra-estrutura adequada para a prática de lazer, diversão e esporte. Dispõe de quadra de esportes, pátio para skate e patins, sanitários, pista asfaltada para caminhada de quatro mil metros, e um grande lago formado próximo à nascente do córrego Prosa. Dispõe também de local para apresentações, além do Monumento do Índio. O córrego Prosa, cuja nascente está na reserva natural do Parque dos Poderes, forma ali um grande lago que tem uma pequena ilha e um píer. Suas águas cortam toda a extensão do parque, com pontes para travessia”

 

20120720175336.jpgEntrada do parque na Afonso Pena

20120720231708.jpg

20120720175413.jpg

20120720180741.jpg

20120720180851.jpg

20120720181711.jpg

 

O lago é bem grande, tem uns decks de madeira e dá pra ver um belo pôr do sol por lá, encontrar capivaras e araras, tucanos, tatus,patos, macacos...

20120720181123.jpgNinho de araras

20120720181135.jpg

20120720181149.jpgCapivaras

20120720181159.jpg

 

É no parque também que acontecem os show do projeto MS Canta Brasil, todo 1º domingo de cada mês. Os shows são gratuitos e traz muita gente boa como : Paralamas, J Quest, Seu Jorge, Nando Reis, Charlie Brown Jr, Lulu Santos , Titãs, e vários nomes da MPB. O pessoal fica todo sentado na grama em volta do palco, do lado do lago, o clima é bem bacana!

20120720181232.jpg

 

O parque pode ser visitado durante o dia ou a noite, quando ele ganha uma iluminação especial e rende boas fotos.

 

20120720181318.jpg

20120720181411.jpg

20120720181427.jpg

20120720181439.jpg

20120720181604.JPG

 

Atualmente está sendo construído dentro do parque o maior aquário de água doce do mundo, o Aquário do Pantanal, um projeto grandioso que será o principal ponto turístico da cidade.

 

Segundo o governo estadual, este será o maior aquário de água doce do mundo, com 6,6 milhões de litros de água, 263 espécies,sete mil animais e 18.636 metros quadrados de construção.

Nele serão expostos os peixes encontrados nos rios do Pantanal e de Bonito. Esse aquário será envolvido por um complexo turístico completo incluindo restaurantes, sanitários, áreas de descanso e etc... Além do ambiente interno, que inclui um túnel de 180 graus, o aquário terá cinco tanques externos, que poderão ser percorridos a pé ou em um trajeto aquaviário em barco com fundo de vidro.

 

20120720182818.jpgProjeto Aquário do Pantanal

20120720182832.jpg

20120720182848.jpgTanques

20120720182859.jpgTanque de piranhas

20120720182910.jpg

20120720182924.jpg

20120720182937.jpgÁrea externa

 

A estrutura do Aquário do Pantanal conta com 90 metros de comprimento e 18 de altura. O prédio possuirá um amplo saguão, equipado com banheiros, setor de informações, auditório para 250 pessoas, restaurante, lanchonete, biblioteca e bancada de interação, entre outros detalhes. Escadas rolantes, comuns e elevadores próprios para portadores de necessidades especiais levam o visitante aos tanques e a um ambiente especial para as sucuris e um tanque com piranhas. Nos ambientes externos, ficarão plantas nativas do Pantanal, jacarés, ariranhas e lontras, entre outros animais.

O aquário deve começar a funcionar no fim de 2013 e terá capacidade para receber 20 mil visitantes por dia. Inicialmente projetado para impulsionar o turismo, o aquário teve seu objetivo ampliado para servir também como centro de pesquisa científica e de educação ambiental.

 

20120720183155.jpg

Atualmente, existe um centro de visitantes do Aquário do Pantanal, gratuito, com visita acompanhado de uma guia que explica todo o projeto, tem fotos e uma réplica de como serão os tanques. O funcionamento do Centro é de terça-feira à domingo, das 9h às 21h. Fica na Afonso Pena, ao lado do parque das nações indígenas. As visitas são monitoradas e podem ser agendadas pelo telefone (67) 3327-2514. Os grupos são de 15 pessoas.

 

Mas isso é para o futuro, vamos voltar ao presente... após o centro de visitantes do aquário está a cidade do Natal, é um projeto da prefeitura que todo ano ganha decoração e iluminação nova na época do Natal, tem várias atrações gratuitas, como shows, coral, patinação no gelo, praça de alimentação... quando o Natal acaba a cidade do Natal continua lá... muita gente vai passear e levar a criançada pra tirar umas fotos, dai próximo ao Natal ela é fechada para receber nova decoração.

 

20120721094540.jpg

20120721094607.jpg

20120721094623.jpg

20120721094656.jpg

 

Bem próximo ao parque das nações indígenas está o Shopping Campo Grande, quem quiser passear no parque e almoçar lá depois dá pra ir a pé, tem ponto de ônibus bem em frente ao shopping , de lá você pode seguir até o centro.

 

20120721095747.jpgShopping Campo Grande

20120721095833.jpg

20120721095843.jpg

 

De noite recomendo conhecer a feira central, ou feirona, como é conhecida por aqui.

Apesar de ser chamada de feira, nessa você não encontrará legumes e verduras nem a "bagunça" tradicional das feiras.

É um centro gastronômico, com destaque pra culinária japonesa, muito apreciada por aqui ( com destaque pro yakisoba e o sobá, que virou patrimônio imaterial da cidade), e a culinária regional ( com destaque pras pamonhas doces e salgadas e a sopa paraguaia, que apesar de ser chamada de sopa não é liquida... é um bolo feito com milho, muito queijo e cebola, não deixe de experimentar).

Na feira também você irá encontrar um sanduíche árabe, na Shawarma da Brima que é maravilhoso !!

Também encontrará inúmeras barracas ( na verdade são box) com espetinhos acompanhados de mandioca e pastéis.

Na feirona não falta variedade ! São diversas tortas, doces cristalizados ou em compota, chocolate, especiarias, temperos....

Por lá você também vai encontrar muitos box especializados em artesanato, camisas bordadas com temas regionais, bijuterias e toda espécie de souvenir que imaginar.

O que confere charme a feirona: foi construida na antiga estação ferroviária, na área onde existia a vila dos ferroviários, parte bem antiga da cidade, que conserva as casinhas em estilo antigo da época... a feirona tem duas entradas, pela vila dos ferroviários e pela entrada principal, que tem um monumento em homenagem ao sobá, queridinho dos campo grandenses, um prato que leva molho de carne com shoyo, pedaços de carne, macarrão especial, omelete cortada bem fininho, cheiro verde e gengibre. Parece simples mas é muito saboroso ! Na barraca da Anésia o sobá médio ( que dá para 2 pessoas) sai por 13,00

 

20120721101513.jpgFeira central

20120721101743.JPGEu e minha mãe na feirona

20120721101802.jpg Monumento ao sobá

20120721101817.jpgO famoso sobá

20120721101941.JPGInúmeros box de comida japonesa

20120721102024.JPGEspeciarias

20120721102035.JPG Doces cristalizados

20120724110618.jpgSanduiche àrabe

20120724110647.jpg

20120721102132.jpgEntrada vila dos ferroviários

20120721102142.jpgCasas antigas

 

Orla Morena - É projeto de urbanização da Prefeitura, uma avenida construída no leito dos trilhos da Noroeste do Brasil, que foram removidos por volta de 2006 , a Orla na verdade é um Parque linear, que esta localizado no canteiro central da avenida, dotado de pista de caminhada, equipamentos de alongamento e ginástica, ciclovia, playgrounds, praças, quiosques e etc. Compreende a Avenida Noroeste, trecho entre a Avenida Júlio de Castilho e a Rua Plutão. Um dos principais aspectos do projeto foi a criação de quatro espaços de convivência e lazer, o Largo dos Esportes, o Largo da Feira, o Largo do Mirante e o Largo das Árvores. Nas quintas feiras acontece a “Quinta Cultural na Orla”, com diversas apresentações gratuitas. A Orla fica em um ponto alto da cidade, de lá é possível avistar os prédios do centro de Campo Grande .

 

 

20120723105045.jpg

20120723105052.jpg

20120723105058.jpg

20120723105105.jpg

20120723105113.jpg

20120723105123.jpg

20120723105128.jpg

20120723105135.jpg

20120723105140.jpg

20120723105147.jpg

20120723105153.jpg

20120723105204.jpg

20120723105214.jpg

20120723105231.jpg

 

No parque dos poderes, temos tbm o CRAS - centro de reabilitação de animais silvestres, lá vivem cerca de 10 onças, diversos macacos, araras, tucanos, veados, antas, jacarés e lontras, entre outros. Todos eles foram apreendidos, resgatados em acidentes ou entregues por pessoas que os mantinham como animais de estimação. A visitação ao CRAS é coordenada pelo Parque do Prosa, e acontece ás terças, quintas e sábados. O passeio consiste em uma trilha que termina dentro do Centro e o grupo é guiado por monitores que além de falarem sobre os animais explicam sobre a fauna e a flora local. As visitas podem ser agendadas pelo telefone 3326-1370., custa 10,00 por pessoa

 

225261_527202213991512_532809524_n.jpg.b1321677ef049e64b8e2ad608e0f761f.jpg225261_527202213991512_532809524_n.jpg.b1321677ef049e64b8e2ad608e0f761f.jpg

Compartilhar este post


Link para o post

Olá Fernanda,

 

Ficou muito bom seu post. Eu moro aqui em campão e também compartilho da sua opnião, faltam algumas opções mesmo.

Eu adicionaria mais alguma coisas no que você falou.

Ali do lado do camelódromo (para quem precisar de alguma "bugiganga") fica o mercadão municipal onde é possível achar alguma especiarias e fazer uma boquinha, também atravessando a rua tem uma "feirinha" indigena onde é possível comprar algumas frutas tipicas. Existe uma rede de sorveterias (não vou fazer merchan rsrs) que vendem picolés com frutas tipicas do cerrado (guavira, mangaba, etc) que são muito bons.

Também tem a orla morena que ficou bem legal e conta com programação cultural regular. Assim como a praça do radio e o parque das nações também contam com shows regulares (e o melhor, grátis! rsrs).

No parque das nações indigenas também há o Museu de Arte Contemporânea (MARCO) que tem exposições regularmente. Do lado tem a concha acustica Helena Merirelles onde a cada quinze dias rola shows com bandas regionais.

Também pode ser visitado o CRAS (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) que fica na entrada do parque dos poderes, além dos animais, há a reserva do parque dos poderes e nascente do prosa.

Compartilhar este post


Link para o post

Oi Wm85, esses lugares estavam nos meus planos para serem indicados aqui sim, já tenho até as fotos separadas, só não tinha dado tempo de postar ainda, mas vou emendar essas sugestões aqui no relato, de onde parei.

Tem o Horto florestal tbm... estou colocando aos poucos. Mas obrigado pela aprovação do post, achei que nossa cidade foi meio injustiçada nos outros tópicos que li por aqui dai resolvi criar esse

Compartilhar este post


Link para o post

Oi!

 

Olha eu aqui! Resolvi saber um pouco de CG e encontrei esse belo relato. Me deu vontade de visitar, perto do Pantanal e de Bonito. Tem a minha amiga Fernanda e Pedrinho ama onças.:-D

Compartilhar este post


Link para o post

Oi Pedro !

 

Realmente Bonito é um "parque de diversões" pra quem curte natureza, mas do Pantanal estamos um pouquinho longe, 500km

Se ele gosta de onças tem um casal na base aérea e ele pode ver tbm no CRAS ( centro de reabilitação de animais silvestres) aqui em CG mesmo

Compartilhar este post


Link para o post

É bastante tentadora sua região. Ano que vêm pretendo fazer uma viagem internacional e conhecer outra região do Brasil. Ainda falta o Norte e o centro oeste. Qual a melhor época para conhecer CG?e o pantanal e Bonito?:ugeek:

Compartilhar este post


Link para o post

Pedro, aqui é parecido com o Nordeste, tem sol e calor quase o ano todo, o inverno por aqui é meio fraco, faz frio uma semana, dai fica 2 semanas calor, dai esfria mais uma semana de novo... não tem aqueles invernos que ficam 2 ou 3 meses com frio direto. E geralmente é frio só de manhã ou de noite, das 10:00 as 16:00 é quente, mesmo no inverno.

 

eu só não recomendo vir em agosto, é o mês mais crítico por aqui, época de estiagem, fica meses sem chuva, umidade do ar muito baixa, tempo seco e MUITO quente, poeira, queimadas... até quem é acostumado por aqui sofre, quem vem de fora e com crianças sofre mais ainda.

 

Vc pode se programar pra ficar uns 5 dias em Bonito ( pagando só 4 diárias pq vc tem a carteira de alberguista e lá é considerado patrimônio natural da humanidade, então pagando 4 diárias ganha a 5ª ).

Dai pode dar uma esticada lá de Bonito para o Pantanal, pois é bem mais perto, de Bonito pra lá são 200km se não me engano e as agências de Bonito mesmo te levam pras fazendas do Pantanal, tem vários passeios por lá, como sáfari fotográfico, focagem noturna de jacarés, cavalgadas, passeio de chalana( barco) pelos rios pra ver as regiões alagadas, é um zoológico a céu aberto.

 

De Bonito vc tbm pode ir ao Paraguay, são 2 horas de viagem, é fronteira seca e raramente tem fiscalização. Vá ao Shopping China, é o paraiso dos importados e tem eletrônicos a preço de banana sem os impostos do Brasil.

 

Pertinho de Bonito, a 55km, tem Bodoquena, onde tem a maior cachoeira do estado, com 156 metros de altura e vc pode fazer o passeio pelas agências de Bonito tbm. O passeio se chama Boca da onça ecotur, é uma trilha que te leva em 11 cachoeiras, com café da manhã e almoço incluido.

 

Tem muitas opções por aqui :)

Compartilhar este post


Link para o post

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.



×
×
  • Criar Novo...