Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Fabio Novais

Trekking Salkantay

Posts Recomendados

E depois de 4 dias em Cusco, que é espetacular chegou o grande dia.

 

10.06.2013

Inicio da jornada.

 

5:00 da manha, nos buscaram no hostel, com uma viagem de 1:30, numa pista sinuosa e descidas e subidas, numa pilotagem sinistra do motorista, chegamos em Mollepata.

Pedimos nosso café da manha, 20 soles, mas muito reforçado e fomos para uma praça fazer uma apresentação do grupo e logo iniciamos a caminhada.

Subida após subida, íngremes, peso da mochila, e aonde esta o oxigênio? Ele faltava, parece que não, mas passadas a mais, ou longas demais, o cansaço chegava, mas nada que uma paradinha não recuperasse o fôlego, aproveitava o momento para fotos.

Com o cansaço do dia anterior, nos passeios ao Vale Sagrado, eu não poderia forçar muito, e mantive meu ritmo naquele momento.

E assim mantive ate a parada de almoço, mas já havíamos andado por 6 horas. Almoçamos e uma integrante do grupo resolveu ir de carro, e assim levou minha mochila, sendo assim segui o resto do caminho sem peso, e em um caminho sem subidas, foi muito aproveitável. Mas mesmo assim me poupei, pois o 2° é o pior, dizem.

Enfim chegamos no acampamento, o 1° , barracas arrumadas, comida , muita, vale a pena dizer que em termos de refeição é muito satisfatório, e descansamos.

 

11.06.2013

2° dia, ataque aos 4.600 metros.

 

Iniciou as 5:00, durante a noite fez um frio considerável, -6° C , paguei uma mula para levar minha mochila ate o ponto mais alto, e segui livre, ótima escolha.

A trilha foi leve, pode ser o efeito de estar sem a mochila, achei o primeiro dia mais difícil, somente no final teve uma grande elevação e longa, até atingir a marca de 4.600 metros acima do mar, em Apu Salkantay, mas até chegar, um visual espetacular, com temperaturas de 0°c a -2°C, com gelos formados nas poças de água, na vegetação.

Momento fotos, grupo reunido e reunião com guias explicativa no ponto mais alto, e logo iniciou a descida, com cenários lindos.

Do frio e gelo, entramos em mata e muita vegetação.

Depois de horas de caminhada, o almoço, como sempre, muita comida, e descanso.

Com previsão de mais de 3 horas de caminhada ate o acampamento, a chuva nos pegou, barro, lama, bloqueavam o caminho, e subíamos barrancos para contornar ou as vezes passávamos pela lama mesmo, nessa altura do campeonato, de que servia tanto esforço, com botas e roupas impermeáveis, éramos uns tratores.

E faltando 1:30, para o acampamento, o sol surgiu, com sombras, e ate moranguinhos ao lado da trilha, mas mesmo assim, calor no sol e frio na sombra.

E enfim chegamos ao acampamento.

Tomei meu banho quente, impecável.

Jogo da seleção peruana na TV, galera reunida, conversando, cusqueña (cerveja), e logo jantamos.

E a noite a chuva voltou a fazer companhia.

 

12.06.2013

Saímos as 6:00, garoa forte, roupas de chuva, e seguimos o rumo.

Seguindo para Santa Tereza, tivemos somente uma parada, caminhada de 5 horas.

Depois algumas horas, nosso amigo sol apareceu, paramos para passar repelente, pois o caminho seguiria em mata.

Cenários lindos, acompanhado o rio, quedas d’agua, flores, e assim chegamos ao local que a van nos aguardava, para nos levar até nosso almoço.

E logo em seguida nos levaram a Santa Tereza, nosso acampamento.

De onde nos organizamos o grupo e fomos as águas termais, água a 33°C, um ótimo premio para quem estava a dias na jornada. Essas termais não são como de Aguas Calientes, era somente para as pessoas do trekking, espetacular.

Duas horas de relax total, voltamos ao acampamento.

Nesse acampamento estavam todos os grupos com mesmo destino, juntaram e formamos um grupo de mais de 80 pessoas.

No jantar, formaram um grupo que no dia seguinte faria descidas de tirolesa, e eu entrei , claro.

E a festa começou com fogueira, musica, Pisco Sour, Cusqueñas,...

E durante a noite a chuva despencou, molhando a barraca, ate mesmo entrando na barraca, mas com uma arrumação de emergência, nada molhou.

Horas de chuva, a noite toda.

 

13.06.2013

Dia nublado, pegamos a van para a tirolesa.

Equipamo-nos, e iniciamos a subida a pé, pela montanha, pois a tirolesa é de montanha a montanha,... espetáculo, mas com subida muito cansativa.

Nas descidas, foram 6, arvores e rios eram tão pequenos, mas muito lindo com a visão cruzando o vale.

Logo, terminado, pegamos a van que nos levou até a hidrelétrica, ponto que continuaríamos a pé, ate Aguas Calientes.

Na hidrelétrica, almoçamos, e depois de uma hora, iniciamos a caminhada, tranquila, com sombras e paisagens extraordinárias, com o trem passando ao nosso lado quase constantemente, cruzando quedas d’agua das minas, água fresca e limpa, e já víamos Machu Picchu, la no alto.

Assim foi ate avistarmos Aguas Calientes, onde foi nossa ultima noite, e num hostel, com cama de verdade.

Aguas Calientes um povoado muito lindo, limpo e organizado, alias, todos os lugares que passamos desde Cusco, lugares impecáveis.

Jantar comemorativo, no restaurante Machu Pisco, e todos de volta ao hostel, pois as 5 da manha, avançaremos para Machu Picchu, e encarar os degraus.

 

14.06.2013

Machu Picchu

 

Todos na praça, e iniciou o avanço.

Uma caminhada tranquila até o “posto de controle” de Machu Picchu.

Passamos a ponte, e estávamos no Parque Arqueológico, mas para chegarmos as ruínas, temos os 1000 degraus, não sei se são 1000 de verdade, mas eles não acabam nunca !!!!

E no final deles... Esta lá, Machu Picchu e ainda de premio Waynapicchu.

 

Segue o video do Trekking

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Fabio

gostei do seu relato.

Poderia colocar por qual agencia fez a trilha e se indicaria para os outros e qual foi o preço que pagou?

Obrigada

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

parabéns pela viagem...vou fazer esta passeio agora em 22jul13...estou indo sozinho. tenho duvidas quanto ao que levar...saco de dormir, barraca ou tudo isso já esta incluso no pacote que vc fechou com a agencia.....há mais dicas pois estou indo este mês..e acredito deparar com o msm clima que vc encontrou por la....desde já, obrigado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu reservei alguns meses antes, com uma agencia daqui do Brail mesmo nao precisando, Salkantay esta tranquilo enquanto a isso, mas meu cronograma tinha que ser exato, foi com a brasildemochila.com , tudo correu perfeito, POREM, ela intermedia com Inca Peru Travel, pode ser que direto seja mais lucrativo.

O serviço é top, nada, nada a reclamar, atenção dada, guias, alimentação.

O valor com a agencia daqui, ficou em 285 dolares.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mazo_Santos, saco de dormir vc poderá alugar pela agencia, o restante tudo incluso. mas me add no facebook, fica mais facil a ajuda fabio.novais.14

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

Entre para seguir isso  

×