Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

Paris - Londres: 11 dias - sozinho - Novembro 2013


Posts Recomendados

  • Membros
Considerações finais:

 

 

Viajar em Novembro?

 

Gostei da experiência. O outono europeu é fantástico, relativamente poucos turistas, os albergues/passagens aéreas são mais em conta, maaaaaas não repetiria a viagem nesse mês. Por quê? É frio, anoitece cedo e o pior: é um mês que chove muito. A chuva foi o que mais me atrapalhou em certos momentos. O que eu indicaria? Se você tiver a opção de ir em Outubro, seria melhor. As temperaturas devem ser um pouco mais elevadas, menos chuva, e lá ainda não teria o dito horário de inverno, então o dia "duraria" um pouco mais, anoitecendo quase às 18h, como estamos acostumados. Mas, ainda assim, acho que deve ser melhor do que ir em alta temporada ou numa época muito quente.

 

Viajar sem saber nada de inglês?

 

É uma dúvida frequente que eu vi aqui no fórum. Na minha opinião, não será uma viagem produtiva e prazerosa. Saber o básico é o mínimo pra poder se virar, pedir informações, se achar, etc. Caso contrário, você passará mais tempo descobrindo o significado das coisas do que curtindo o local.

 

 

E pra finalizar,

 

Antes da viagem, eu ficava lendo os relatos, anotando as dicas e rindo com as experiências contadas pelo pessoal do site, e botei na cabeça: Ainda vai chegar a minha vez! E chegou! Hoje termino o relato das 2 semanas mais intensas da minha vida. Uma viagem dessas te marca pra sempre. Eu penso nela todos os dias, lembro do que eu fiz, do que deixei de fazer, dos meus erros, dos meus acertos...vejo as fotos milhares de vezes, quando vejo Londres e Paris na televisão, eu penso: Caramba!! Eu realmente estive lá! Eu sei o que tem do lado, atrás, ali perto! Sei de qual ângulo aquela foto foi tirada! Sei de onde o câmera está filmando! Essa sensação é indescritível, às vezes tudo parece que foi um sonho!

 

Faça desse tipo de viagem, um objetivo da sua vida. Uma viagem dessas te enriquece. Você abre a mente para coisas que você nunca imaginaria um dia passar pela sua cabeça. Dá mais valor ao que tem. Dá menos valor a outras coisas. Desperta interesses. É um teste de auto-conhecimento, você descobre até onde vai a sua zona de conforto, aprende a lidar com os imprevistos, a respeitar os outros e outras culturas. Você realmente volta outra pessoa.

 

Fica o alerta: VIAJAR VICIA!

 

 

Para concluir, um texto do Amyr Klink que ilustra perfeitamente o que essa viagem foi para mim:

 

"Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver”.

 

Agradeço a todos por terem lido todo o relato, espero que as dicas sejam úteis para as viagens de vocês. Estou à disposição para ajudar!

talvez já tenha respondido mas se possivel , qual foi o gasto de toda a viajem ?

o relato ficou muito bom !!! abraço.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 89
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

Mais Ativos no Tópico

Postagens Populares

Fala pessoal!   Assim como a grande maioria das pessoas que utilizam esse site como fonte de informações antes da viagem, também fiquei em dívida, e irei fazer um relato sobre a viagem que realizei

Paris - 1º dia   Roteiro: Arco do Triunfo e Torre Eiffel   Desembarquei no aeroporto Charles de Gaulle às 8h00 da manhã (ainda tava tudo escuro), e na saída já comprei o Paris Museum Pass e o Pari

Paris - 2º Dia   Roteiro: Centre George Pompidou, Hotel de Ville, Notre Dame, Sainte-Chapelle, La Conciergerie e Louvre.   Descansado, era o dia que a viagem ia começar pra valer. A empolgação no

Posted Images

  • 5 meses depois...
  • Membros
Simplesmente sensacional! Final de agosto estarei em Londres e seu relato me deixou muiiito entusiasmado e preocupado também pq é muita coisa pra ver!

 

Fala lucas.lopes,

 

Fico feliz que você tenha gostado do relato!

É muita coisa mesmo, mas programe-se direitinho e estabeleça algumas prioridades que dá tudo certo!

Qualquer duvida estou à disposição,

 

Abraços!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Olá, amigo!

 

Parabéns pelo post.

 

Estou fazendo mochilão agora em outubro e vou aproveitar suas dicas.

 

Principalmente a dos africanos. ::sos::

 

Fala eusirbastos,

 

Muito obrigado! Qualquer dúvida só falar!

É sempre bom ter um pouco de cuidado com os africanos, ciganas e todos os outros tipos de golpes que você pode encontrar por lá.

 

Abraços!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 4 semanas depois...
  • Membros

Oi rapaz, primeiramente quero lhe informar que esse post foi a base para minha viagem que fiz de 5 a 19 de julho, uma semana em Londres e uma semana em Paris. Segui muito suas dicas. Era engraçado como eu via as coisas e lembrava das suas fotos, inclusive fiz algumas iguais a sua. ehehe. Ia até fazer um relato, mas não tenho muito a acrescentar, pois segui seu roteiro, o diferente foi ir a um festival de rock em Londres, com Metallica tocando e ao Museu da Força Aérea Real, em Londres tb. Assim como vc apaixonei por Londres e, apesar da beleza de Paris e de toda a história (sou louco por história) foi irritante trombar com tantos turistas no mês de julho com um sol de 36 graus na cabeça. Mas foi uma viagem inesquecível. (minha primeira pela Europa). Tb fui sozinho e hora nenhuma me senti solitário. Era muita sede por conhecer novos lugares. Meus pés se destruíram, até hj ainda tem sinais de calos. Ah, outro detalhe não tão legal é que perdi o vôo de Londres para Paris e acabei dormindo num hotel (tipo cabine) dentro do aeroporto de Londres (paguei 71 libras por uma noite e 80 libras para a remarcação do vôo). Pensa no prejuízo. Mas acontece.

Abraço e valeu pela ajuda.

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membros
Oi rapaz, primeiramente quero lhe informar que esse post foi a base para minha viagem que fiz de 5 a 19 de julho, uma semana em Londres e uma semana em Paris. Segui muito suas dicas. Era engraçado como eu via as coisas e lembrava das suas fotos, inclusive fiz algumas iguais a sua. ehehe. Ia até fazer um relato, mas não tenho muito a acrescentar, pois segui seu roteiro, o diferente foi ir a um festival de rock em Londres, com Metallica tocando e ao Museu da Força Aérea Real, em Londres tb. Assim como vc apaixonei por Londres e, apesar da beleza de Paris e de toda a história (sou louco por história) foi irritante trombar com tantos turistas no mês de julho com um sol de 36 graus na cabeça. Mas foi uma viagem inesquecível. (minha primeira pela Europa). Tb fui sozinho e hora nenhuma me senti solitário. Era muita sede por conhecer novos lugares. Meus pés se destruíram, até hj ainda tem sinais de calos. Ah, outro detalhe não tão legal é que perdi o vôo de Londres para Paris e acabei dormindo num hotel (tipo cabine) dentro do aeroporto de Londres (paguei 71 libras por uma noite e 80 libras para a remarcação do vôo). Pensa no prejuízo. Mas acontece.

Abraço e valeu pela ajuda.

 

Fala Roberto, tudo bem?

Cara, fiquei muito feliz em saber que o post foi útil para sua viagem. Esse lance das fotos realmente acontece e nos dá uma sensação mt legal né? :D

Londres é mesmo fenomenal,tenho muita vontade em ir em algum festival lá, quem sabe numa próxima!

Pois é, imagino que Paris nessa época deve ser complicado, mas nem sempre podemos nos dar ao luxo de escolher a época né? ahaha..

Caramba, perdeu o vôo? Em Londres tem que se programar bem pra chegar ao Heathrow, pq dependendo do lugar em que você está hospedado, o trajeto é bem demorado! Mas como vc mesmo disse, temos que estar preparados para esses imprevistos, nem tudo sai perfeito (longe disso)!

Eu acho que você deveria sim fazer um relato. Vc provavelmente teve visões diferentes de certos lugares e pode contribuir com algumas dicas. Outra coisa, esses relatos servem como um diário. É muito legal reler o que fizemos com mais detalhes...com o tempo acabamos esquecendo algumas coisas! Vale a pena!

 

Grande abraço!

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 7 meses depois...
  • 4 semanas depois...

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×
×
  • Criar Novo...