Ir para conteúdo
  • Faça parte da nossa comunidade! 

    Encontre companhia para viajar, compartilhe dicas e relatos, faça perguntas e ajude outros viajantes! 

KekaMC

Gramado, Canela e Três Coroas em um fim de semana

Posts Recomendados

Aproveitando uma promoção meia boca da Gol, meus pais e eu fomos passar um final de semana em Gramado e Canela. Saímos de São Paulo numa sexta, dia 25.10, às 22h e chegamos em Porto Alegre às 23h20.

Alugamos um carro (completo, com ar condicionado, som, 4 portas e vidro elétrico – saiu por R$ 450,00*) e fomos para o Expressinho para dormir. O hotel é bem simples, a roupa de cama não é muito confiável e acabei tomando banho frio mesmo porque o chuveiro estava quebrado e eu fiquei com preguiça de chamar alguém pra arrumar. O quarto saiu por 90 reais.

 

*o aluguel foi vantajoso, pois ficamos sabendo de um ônibus somente de ida pra Gramado que custava R$ 100,00 por pessoa.

 

Mapas das cidades

 

598dae2a2d047_mapadegramado.jpg.2a745e6491f95db0aba0870f8c71e89f.jpg

 

598dae2a3ddc2_mapadecanela.jpg.1fb99e6bb5def56a1d847c2e6c38176a.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

1º dia: 26.10.13 (sábado)

 

Acordamos cedinho, tomamos café e saímos às 8h30 em direção a Gramado. 115 km separam as duas cidades e, no caminho, você passa por diversas cidades pequenas e várias lojas de sapatos. Quando faltavam uns 36 km pra chegar em uma loja chamada Botas Paulinho que estava em promoção e pudemos levar alguns pares muitos bons por preços mais amigáveis. Chegamos em Gramado às 11h15, onde ficamos hospedados na Pousada Nossa Casa. Lá é super aconchegante e a dona é muito simpática, nos deu várias dicas do que fazer, além de um mapa da cidade.

 

Pousada Nossa Casa

R. Emílio Leobet, 1650 – Avenida Central

http://www.pousadanossacasa.com.br / 54. 3286-4075

[email protected]

 

598dae2a4671e_pousdanossacasa.jpg.d5da9cee7a49343f9dae4140029d949a.jpg

 

Depois de nos acomodarmos, saímos pra dar uma volta na cidade e almoçar. Paramos na Av. Borges de Medeiros, uma rua cheia de lojas e restaurantes. Para estacionar na rua tem que ter zona azul. Na própria rua, tem parquímetros espalhados, onde você escolhe o tempo que você quer ficar por ali. 4 reais equivalem a 3 horas de estacionamento.

 

Andamos um pouco por ali. Visitamos a Igreja Matriz São Pedro, a rua Coberta e a Praça Matriz e tiramos muitas fotos das construções da cidade. Depois de uma hora zanzando ali, almoçamos no Croasonho (http://www.croasonho.com.br). Fazendo jus ao nome, eles vendem croissants recheados. Uma delícia. Escolhi o de portuguesa (presunto, queijo, cebola, tomate, azeitona e orégano). Eles têm diversos tamanhos: pequeno (R$ 10,55); médio (R$ 13,65); e grande (R$ 16,95). Optei pelo grande e um suco de laranja, que saiu por R$ 4,75.

 

598dae2a4db81_igrejagramado.jpg.08065995f3b283d4dbdf082aec4608d7.jpg

 

Lá pelas 14h, continuamos a desbravar a cidade. Passamos também pelo Lago Joaquina Rita Rier, Praça das Bandeiras e a Igreja do Relógio. Fomos até o Lago Negro (gratuito) – é bonito, mas não é OMG. Tem pedalinho (R$ 5,00) e um espaço para andar ao longo do lago e bancos para sentar. É bom para relaxar um pouco e ficar curtindo. Vi alguns patos por ali também, fofos :wink:

 

598dae2b9dbb7_lagonegro.jpg.5c66be47fb9daf68724cf2d2e9669885.jpg

 

Fizemos uma parada no Mini Mundo (entrada: R$ 18,00 inteira / R$ 9,00 meia para idoso e crianças menores de 12 anos). Eles não aceitam cartão.

Lá é muuuito legal! Ver grandes edifícios em miniatura, num nível impressionante de detalhes. Dá pra ver que os adultos adoram tudo que estão vendo. Passeio pra família toda!

Passamos depois no Café Mini Mundo para beber algo. Tomei suco de caixinha Dell Valle por R$ 2,50 e minha mãe pediu um chocolate quente cremoso (100 ml), que saiu por R$ 6,50. Também não aceitavam cartão ¬¬.

 

598dae2a5492d_minimundo.jpg.030186522f15ee303fe6b56b130e9abd.jpg

 

Já eram umas 15h30 quando chegamos na Aldeia do Papai Noel, que também não aceitava cartão (sério, as pessoas precisam rever esses conceitos!). O ingresso custava R$ 18,00 (com meia para idosos, mas não pra estudantes).

Da porta, dava pra ver o início do parque e não ficamos encantados com o que vimos, não achamos que seria nada demais, por isso, não nos importamos em sacar dinheiro pra voltar lá.Tiramos algumas fotos do lado de fora e visitamos a lojinha deles. Depois, seguimos para o Museu Medieval. Na ida, devemos ter passado direto pela entrada e paramos num local onde ficam o Museu de Cera, Museu dos Super Carros, Harley Davidson e um outro que não lembro mais. Por fora, o espaço que abriga os 4 museus parece ser bem pequeno. A entrada nas quatro atrações custa R$ 80,00. Para fazer apenas dois (digamos Cera e Harley), o valor é de R$ 60,00 (você não tem a opção de fazer apenas um). E, claro, não aceitam cartão (!!!). Agora como uma família vai numa atração cara dessa sem poder usar cartão, alguém me explica?! ::toma::

 

Uma das recepcionistas foi ver se conseguia usar a máquina de cartão da loja de souvenirs do lugar, mas, nesse meio tempo, pela falta de cartão e pelo preço absurdo, optamos por não fazer nenhum deles.

 

De lá, fomos no Mundo do Chocolate, mas apenas na loja (e mesmo assim conseguimos ver uma parte do que as pessoas veem no tour – um ambiente iluminado com luzes coloridas e réplicas de animais ou pessoas).

Dali partimos para o Território do Sapato, que anunciava uma promoção. A loja é ok, com várias opções (mas poucas realmente boas). Comprei apenas uma sapatilha por R$ 39,90.

 

Assim que entramos na loja, começou a cair o mundo loucamente do lado de fora (ao longo do dia teve alguns momentos de chuvisco, mas nada comparado ao que veio no fim da tarde). Ficamos um tempo ali esperando a chuva passar, mas mesmo assim, conseguimos sair da loja umas 17h com chuva ainda. Já que ninguém queria sair do carro e enfrentar a chuva, resolvamos ir até Canela, já que a entrada da cidade ficava ali perto. Demos uma volta na cidade e passamos rapidamente numa mercearia para comprar dois salgadinhos, coca e água (por R$ 16,00). Voltamos lá pelas 18h para a pousada para descansar.

 

Saímos às 21h para jantar ali na Borges Medeiros. Fomos no restaurante Alpine - La Table para comer fondue, por R$ 43,00 cada (estava em promoção).

No couvert vinha pão de alho, queijo, salame, ovo de codorna, azeitona, cebolinha e patê de atum. Em seguida, começou a vis o fondue propriamente dito.

O fondue de queijo veio com várias opções de acompanhamentos (batata, pão, brócolis e goiabada) e o de carne, além de dar opções de filet mignon, frango e picanha, ainda oferecia 15 tipos de molho. Para fechar, o fondue de chocolate trazia 9 tipos de frutas pra gente se deliciar.

 

fondue1.jpg.99bf03a6c3de25ad1bed07df08da1a76.jpg

 

fondue2.jpg.4825b20dc27f548be00fd2d1a6398abe.jpg

 

fondue3.jpg.096485f72e308f9fd8ab8d87da9b4862.jpg

 

Não tenho muito o que dizer sobre esse jantar, só que saímos com a certeza de termos comido o melhor rodízio de fondue ever!! Meu Deusss, o que foi isso?! :D

Adoramos o local, a comida e o serviço. Recomendação certeira ai!

 

Depois de tanto comer, voltamos pro hotel empanturrados e felizes.

 

Gostamos muito de Gramado, a cidade é bem gostosa (e pequena), aconchegante, com um clima agradável, construções diferenciadas e muito bonitas e pessoas muito simpáticas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

2º dia: 27.10.13 (domingo)

 

598dae2a6e38b_igrejacanela.jpg.e8f8232ce0f8b5d7b8be42e8043c8168.jpg

 

Acordamos cedo e estava chovendo de novo – mas uma chuva mais leve. Tomamos café da manhã, arrumamos nossas coisas, fizemos check out às 10h, e saímos rumo a Canela.

Paramos na Catedral de Pedra para tirar algumas fotos e entrar nela e seguimos para o Parque Caracol (entrada: R$ 12,00 / R$ 6,00 para idosos e crianças até 12 anos / aceitam cartão!!). Quando chegamos lá, a chuva deu trégua e o sol saiu. Fomos direto para o ponto principal do Parque: a cachoeira Caracol, que é muuuito bonita. Não descemos a escada da cascata (730 degraus – o que equivale a um prédio de 44 andares - com desnível de 131 metros),

Depois, eu e meu pai fizemos a trilha das Corredeiras. A trilha é simples e asfaltada e chegamos nas corredeiras bem rápido, mas tinha muitas árvores grandes cobrindo a visão das águas – então você consegue ver apenas uma parte delas. Na volta pela trilha, entramos na trilha Ruínas do Moinho, que é curta e vai pelo meio do mato (mas é bem simples). Quando você chega ao final dela, vê que são realmente ruínas que você está olhando – tivemos que olhar bem atentamente para achar onde elas estavam e onde o moinho deveria ter existido em algum momento da vida.

 

598dae2a74218_parquecaracol.jpg.873d679cc8a41a712159dbfc08d65fbe.jpg

 

O Parque não tem muito mais o que fazer por ali. No estacionamento tem algumas lojinhas com souvenir e tranqueirinhas, então você pode passar um tempinho ali também.

Saímos de lá já eram quase 12h e fomos para o Parque Ferradura – deu uns 15 minutos de carro até lá (a estrada não é asfaltada, é de terra batida com aquelas pedrinhas por cima – mas não estava enlameada ou escorregadia por causa da chuva). A entrada custa R$ 8,00 (meia idoso e criança / não aceitam cartão).

 

Esse Parque é bem tranquilão, te dá aquela sensação de paz e calma dos lugares que são rodeados pela natureza. Lá também tinham poucos turistas, diferentemente do Caracol que tinha mais gente (no Ferradura, por exemplo, não tem lojinha de souvenir). Fomos direto ao mirante do vale da ferradura (principal). Super fácil de chegar, só tem uns degrauzinhos para chegar à plataforma, nada demais. É muito lindo! Dá pra se perder no tempo admirando a beleza do local.

 

598dae2b79860_parqueferradura.jpg.8606f4c249724bb39da2a0c29998e16c.jpg

 

Eu e meu pai fizemos as outras trilhas mais curtas para ver o cânion de outros ângulos (mirante da cascata do ar caçador / mirante do vale do arroio caçador). Lá tem mais uma trilha (trilha do rio cai), que dura 1h, mas que não fizemos pelo tempo que tínhamos.

 

Lá pelas 13h, pegamos a estrada de volta pra Gramado. No caminho, paramos no Mundo Gelado para conhecer ali por dentro (entrada: R$ 25,00). O passeio é legalzinho, mas bem simples. Por fora, ele parece muito maior e com mais atrações do que realmente tem. Você entra numa antessala, onde coloca um casaco térmico para aguentar os -10º que deve fazer dentro da sala. Depois, assiste um filminho sobre a história do Floc, o bichinho de estimação deles e só aí vai pra dentro da sala de gelo. Lá dentro tem algumas esculturas e dá pra tirar algumas fotos, mas achamos o caminho percorrido curto (apesar de que não aguentamos tanto tempo assim naquele gelo).

 

598dae2b8026b_mundogelado.jpg.0b0c0dd4ce42c1df4b2157cead6386d5.jpg

 

Saindo de lá, chegamos em Gramado para almoçar e fomos num quilo chamado Kilo & Kilo, que aceita cartão (se for débito) e tem estacionamento próprio, facilitando um pouco as coisas. O quilo custa R$ 45,99, além de dar a opção de buffet livre também (que sai por R$ 30,00 sem sobremesa).

 

Saímos de Gramado às 15h45. No caminho de volta para Porto Alegre, fizemos um desvio rápido em Três Coroas para poder visitar o templo budista. Chegamos 16h05 na cidade e subimos rapidamente o caminho do templo (pois logo vimos uma placa que dizia que a entrada do templo fechava às 16h30). Conseguimos vencer os 6 km e chegamos no portão umas 16h20 mais ou menos. A entrada é gratuita.

 

templo.jpg.c33e62f03105319b22158895d32e7500.jpg

 

As construções são muito bonitas e o local fica bem no topo da montanha, transmitindo muita calma e paz. Ficamos um tempo ali admirando a paisagem e as formas diferentes dos templos.

Depois de sairmos de lá, em 15 minutos na estrada, paramos na cidade de Igrejinha para ir no outlet da Picadilly. Ficamos mais um tempo ali para ver promoções e prováveis presentes de Natal e umas 18h saímos rumo a Porto Alegre.

Às 19h30, estávamos no Expressinho de novo. Depois de nos instalarmos, jantarmos no próprio hotel, fomos descansar, pois o voo de volta pra Sampa saía às 8h45 de segunda.

 

A viagem foi corrida, mas conseguimos fazer praticamente tudo a que nos propomos sem ficar extremamente cansativo (foi corrido, mas valeu a pena hehe) ::otemo::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Cecília!

 

que bom que estou ajudando! :D

em breve vou postar tb sobre minha ida à Cambará do Sul.. caso esteja nos seus planoos pela Serra Gaúcha.. :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Keka,

 

Como só teremos três dias na Serra, escolhemos Canela, Gramado e Bento Gonçalves para conhecer. A Serra Gaúcha tem muitas opções de passeios e para conhecer melhor cada lugar, decidimos por três pontos mesmo!

 

Você achou o aluguel do carro fundamental? Estamos avaliando se alugamos ou não... se dá para fazer os passeios a pé e de táxi....

 

Abraços!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Cecilia!

 

focar a viagem em poucos locais é o mais certo msm, dá pra vcs conhecerem bem as cidades que escolheram..

olha, por Gramado acho tranquilo ficar a pé (e em alguns deslocamentos pegar um ônibus ou taxi), mas em Canela é mais difícil pelas distâncias entre os parques.. claro que podem pegar táxi, mas às vezes o valor acaba não compensando..

 

espero ter ajudado! :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Keka... ::otemo::::otemo::

 

Adorei seu relato...e vou pegar cada indicação para minha viagem. Estou indo em Maio com meu esposo,iremos passar 7 dias..rsrs( to achando muito),mas vamos la...

So estou na luta agora de hotel, pousada ,barraco, rsrs qualquer mais esta muito alto os valores.

Adorei a pousada que você indicou, o valor foi alto da diária?

Tem algo a mais que você queria fazer na viagem que não fez,e quer me indicar?? rsrs :oops:

Parabéns muito bom!!Valeu mesmo!!

Beijos

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi Gleyssinha!

 

que bom que pude ajudaaaar!! ::otemo::

 

vc pode aproveitar alguns desses dias pra fazer um bate-volta por Cambará do Sul.. é beeem legal por lá.. tenho um relato ai na minha assinatura tb, se quiser dar uma olhada..

 

não lembro muito quanto foi a diária da pousada, mas pra três pessoas (eu e meus pais) deve ter saído entre 100 e 200 por noite..

 

sobre as atrações.. queria ter encontrado o Museu Medieval pra ver como era e talvez ter ido no Mundo Encantado, é bem famosinho pra quem vai pra lá.. :roll:

 

se precisar de algo mais, digaê! ::tchann::

 

e boa viagem ::hãã2::

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa!

Você pode ajudar esse viajante agora e se cadastrar depois. Se você tem uma conta,clique aqui para fazer o login.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...