Ir para conteúdo
Mochileiros.com
ferprota52

Caixa estanque para fotos subaquáticas - dicas e infos

Posts Recomendados

ferprota52    0

Alguem sabe de alguma caixa estanque para usar a camera na água que sirva para varias máquinas?

É q eu tenho uma Kodak, e q eu saiba a Kodak não tem esse acessório.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ferprota52    0

Eu pensei em usar aquele "saco" da AquaPac, mas ai veio a dúvida se ele tb proteje da pressão embaixo d'agua.

Alguem sabe qto uma máquina aguenta de pressão?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
marcelnobre    0

Fer,

 

Não existe uma caixa estanque padrão, que sirva para todas as máquinas, pelo que eu saiba, mas a maioria das marcas tem a sua própria caixa estanque. Você pode até comprar o saco impermeável, mas este suporta só 10 metros, sendo que só conseguirá tirar fotos até 5 metros, por causa da luminosidade, já que o flash é inutilizado com o plástico.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera,

 

Acho que paar o caso de voces que querem fazer fotos subaquaticas, que tal uma bolsa estanque importada da marca alemã Ewa-marine. Ela tem modelos de bolsas tanto pra Slr e compactas digitais. Existe praticamente para todos os modelos de cameras. A bolsa tem uma dupla lamina de PVC, é leve e flexivel. Voçe pode usar quase todos os comandos. Mas e o preço???? É se tem uma parte chata de se falar nisso é o preço , acho que por volta de R$ 900,00 e para Reflex R$ 1.700,00.

 

Qualquer duvida é so adquirir a revista Fotografe melhor de numero 86, ano 8. Novembro de 2003, paginas 66 á 70.

 

Valeu,

 

Rog.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
rafalobis    0

Saudações amigos mochileiros, há alguns meses eu comprei uma CANON PRIMA-As1 p/ mergulho, ótima máquina tira fotos maravilhosas, mas eu queria saber se algém aki na comunidade entende de fotos em baixo d'agua pq algumas q eu tirei naum tiveram o resultado esperado, por favor me mandem algumas dicas.

 

abraços, [}:)]rafael[}:)]

 

icon_paperclip.gifDownload Attachment: LajeBrancaMSN.jpg

18,45 KB

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rafa,

 

Enquanto a gente não descola algo sobre as fotos, vai aqui esse texto muito legal:

 

Carta aos mergulhadores

 

Quem somos nós? Como todos os seres humanos, nascemos no coração marrom da mãe-terra.

Temos braços e pernas e respiramos oxigênio que entra em pequenos pulmões. Passamos grande parte da nossa vida na posição vertical que nos dá uma maior autonomia e um maior conforto na terra.

Vistos superficialmente, somos iguais a todos os seres humanos. Mas analisando um pouco mais fundo, alguma coisa nos faz diferente.

 

Nascemos com os olhos acostumados ao azul das águas. Temos um corpo que anseia pelo abraço do mar. E um pulmão que aceita grandes privações de ar apenas para prolongar nossa vida no mundo azul. Somos homens e mulheres de espírito inquieto. Buscamos na nossa vida mais do que nos foi dado. Passamos por grandes provas para aproximar-nos dos peixes. Transformamos nossos pés em grandes nadadeiras, seguramos o calor do nosso corpo com peles falsas e chegamos até a levar um novo pulmão em nossas costas.

 

 

E tudo isso para quê ? Para podermos satisfazer uma paixão. Um sonho. Porque nós, algum dia, de alguma maneira, fomos apresentados a um mundo novo. Um mundo de silêncio, de calma, de mistério, de respeito e de amizade. E esta calma e este silêncio nos fizeram esquecer da bagunça e da agitação do nosso mundo natal.

 

O mistério envolveu nosso coração sedento de aventura. O respeito que aprendemos a ter pelos verdadeiros habitantes desse mundo. Respeito esse que, só depois de ter sentido a inocência de um peixe, a inteligência de um golfinho, a majestade de uma baleia ou mesmo a força de um tubarão, podemos compreender.

 

E a amizade ? Quando vamos até o fundo d o mar, descobrimos que ali jamais poderíamos viver sozinhos. Então levamos mais alguém. E esta pessoa, chamada de dupla, companheiro ou simplesmente amigo, passa a ser importante para nós. Porque além de poder salvar nossa vida, passa a compartilhar tudo o que vimos, tudo o que sentimos. E de duplas, passamos a ter equipes.

E estas equipes passam a ser cada vez mais unidas. E assim entendemos que somos todos velhos amigos, mesmo que não nos conheçamos. E esse elo que nos une é maior do que todos os outros que já encontramos.

E isso faz de nós mais do que amigos, faz de nós mais do que irmãos. Faz de nós... mergulhadores.

 

Por: Jacques Yves Cousteau

 

 

Valeu,

 

Rog.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
rafalobis    0

saudação caro amigo joel, muito lindo esse texto q vc postou aí, se vc usa p/ si o q escreve , parabéns pois de pessoas assim o mundo está precisando muito

 

 

abraços

[}:)] rafalobis [}:)]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
digitaljeff    0

Olá rafalobis,

 

Bom... eu pratico mergulho e também sou fotógrafo amador, mas ainda não tive a oportunidade de misturar essas duas paixões... (rs)

 

O meu pai tira algumas fotos com a Sea & Sea Motormarine II dele, e o que eu posso dizer é que:

 

1. O flash potente é fundamental, mas sempre disparado num ângulo inclinado de pelo menos 45 graus em relação ao plano do filme. Isso, para que as partículas suspensas não apareçam na foto e para que o assunto não fique "lavado".

 

2. Na água, tudo se parece 30% maior do que realmente é. Aquele peixão que você está vendo, na verdade não é tão grande assim. [:)]

 

3. Na água, tudo parece estar 25% mais próximo do que realmente está. Então aquele peixão que você está vendo, nem é tão grande assim, e nem está tão perto assim. [:D]

 

É só o que sei... [:(]

 

Abraços,

Jeffrey

www.pbase.com/digitaljeff

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
StinkFoot    0

Adoro Fotografia e mergulho a algum tempo. Naturalmente tentei unir as duas coisas, então comprei uma câmera bem básica para fotos-sub. A MX-5 da Sea & Sea.

Trata-se de um equipo bem simples, que suporta até 35m, ou seja aparentemente perfeita pra quem faz o mergulho autônomo recreacional.

Agora tem muitas coisas que influenciam a foto sub.

Aquelas que apreendi na marra:

 

"Backscatter" - ou suspenção. Geralmente a primeira grande frustração de quem começa, é descobrir que muitas vezes, aquela suspenção de areia aparentemente inócua durante o mergulho, tem um efeito desatroso quanto temos o reflexo do flash. A foto fica "qualhada" de pontos brancos, a própria areia refletindo o brilho do flash.

 

Azul, Azul, Azul... - A água filtra a luz, e em geral quanto mais fundo as cores parecem mais opacas, azuladas... o uso do flash corrige esse problema... ...ou deveria corrigir, no caso do meu limitado equipo, só em fotos bem próximas consigo trazer as cores que uma lanterna ou o flash revelam.

 

"Sportfinder" - A MX-5 é simples. Praticamente apenas um botão para o disparador, e o tal do Sportfinder para você mirar o motivo da tua foto.... ...mas agora, imagina você lá boiando ou controlando a tua flutuação e tentando "mirar" aquele Garoupa enorme, ou aquela tartaruga... ...quando você revela descobre que decepou várias cabeças e barbatanas... ...cada enquadramento...rsrs ...não tem jeito, tem que praticar...

 

Hoje, o que eu faria, até para poder treinar mais, é comprar uma dessas caixas-estanque para equipamentos digitais. Já vi alguns modelos incríveis para essas cameras SONY Cybershot, compactas. Dá pra acessar praticamente todas as funções. Não as utilizei, mas tenho a impressão que dá até para consultar o LCD durante o mergulho. Se der mesmo, fica mais fácil corrigir erros, acertar os enquadramentos...e melhorar substancialmente a tua técnica.

 

Dá uma olhada nesse site.

Esse cara fotografa a um bom tempo e tem muita dica técnica pra foto-sub, inclusive um curso montado pra isso.

www.explorerdive.com.br

 

Abraços,

 

Vinicius

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Foto Subaquática (Bruno Guillon Ribeiro)

 

 

Uma das características mais marcantes quando falamos de fotos subaquáticas é aquela enorme sensação de que já vimos àquela imagem algum dia em algum lugar. Provavelmente todos já se depararam com uma situação como essa. Fato que acontece com mais freqüência na fotografia subaquática do que em fotos "convencionais". Por que então isto acontece? A água por si só já impressiona e essa característica passa por cima de ítens importantes como, por exemplo, a composição e momento decisivo. Outra questão relevante é que, por se tratar de um meio conceitualmente ostil à maioria das pessoas, na água a foto passa a ser registro de momento e não forma de expressão. Isto, porém pode ser resolvido dando especial atenção a logística da foto e do local. Se você está preparado e com uma idéia pré-definida, fica muito mais fácil fazer uma imagem interessante. Obviamente que quando estamos falando de fotos de natureza é difícil precisar que condições e elementos encontraremos no local que será fotografado. Mas é inquestionável que vários fatores podem ser previstos com antecedência. Dificilmente será possível fazer uma foto aquática de um urso polar nadando na praia da Joaquina, em Santa Catarina, em contra partida, a chance de você conseguir fotografar boas ondas e sufistas é enorme, desde que a previsão do tempo seja verificada com antecedência. Comentando especificamente de foto subaquática, captada por fotógrafos dos mais diversos níveis de conhecimento, é impressionante a preocupação que os mesmos têm com o equipamento. Gasta-se muito mais tempo e dinheiro na busca de um equipamento com mais recursos técnicos, do que na busca de conhecimento e formação de um olhar fotográfico. Dificilmente qualquer pessoa que pegar uma câmera com todos os recursos disponíveis e um bom conhecimento de software de tratamento de imagens fará uma foto longe do aceitável. O equipamento garante uma foto tecnicamente boa, foco e iluminação, o que para muitos é suficiente. Mas e aquela foto surpreendente, onde o fotógrafo perdeu 40 minutos de mergulho esperando o melhor posicionamento do peixe mais "sem vergonha" que existia no ponto, simplesmente para fazer a imagem que ele planejou dentro das limitações que o equipamento dele tinha? Na fotografia convencional, para uma grande parte dos fotógrafos, o equipamento já deixou de ser o diferencial. Existe uma preocupação enorme com outros fatores e obviamente que para algumas imagens é fundamental o equipamento adequado. Mas esse só deve ser adquirido quando aquela imagem que você imaginou e sonhou não pôde ser feita devido a uma limitação do seu conjunto de lentes, por exemplo. E quando esse fato se repetir, aí é um sinal de que um novo investimento poderá ser feito. Mas ainda assim é preciso avaliar se aquele momento não poderia ser pensado e avaliado sob a ótica do seu conjunto. A cada dia surgem novos candidatos a fotógrafos que saem dos mais variados cursos extremamente preocupados com o equipamento que irão adquirir, esquecendo-se que o principal é o seu ponto de vista, a sua criatividade, o seu domínio sobre o equipamento. O equipamento não pode raciocinar pelo fotógrafo. Ao invéz de se preocupar com o melhor equipamento e em investir o máximo que pode em lentes e câmeras, preocupe-se em investir em você. Fotografe muito, mova ao extremo a sua criatividade. Construa o seu diferencial em cima do seu olhar e não em cima do seu bolso. Até a próxima.

 

*Bruno Guillon Ribeiro é graduado em Rádio e Televisão e está cursando pós-graduação em Fotografia. Mergulhador desde 1997, formou-se como Instrutor NAUI em 1999 e em 2003 pela PDIC. É Instrutor de Primeiros Socorros e RCP pela ASHI. É mergulhador em caverna pela NSS. E-mail - [email protected]

 

Valeu,

 

Rog.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Coruja1980    0

Olá a todos!

 

Alguém sabe onde posso comprar aqui em São Paulo aquela caixa para máquina Fotográfica para fazer mergulho? a caixa tem um nome, mas esqueci agora... estou indo para o Caribe e gostaria de tirar fotos nos mergulhos que eu fizer lá.

Ps.: Minha máquina é digital, Sony, não sei se é compatível com alguma dessas caixas.

 

Obrigado!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
.Mika.    0

Se chama Caixa Estanque.

Acho que em lojas que vendem produtos fotograficos deve ter....

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora




  • Perguntas e Respostas

    • Vou dia 21 pra Foz, dia 25 pego um voo de Puerto Iguazu para Buenos Aires, por 10.000 milhas Latam, depois vou ao Uruguay, dia 3 vou a Porto Alegre, e dia 6 retorno a Curitiba.
    • GENTE, vou responder voces rapidissimo. to saindo de ferias e estou no aeroporto agoraaaaaaaa... e tem pouco tempo de internet disponivel. volto dia 12 de setembro mas vou acompanhar aqui de leve hahahaahah   Diogo - vc tentou com a guia Gift em Bangkok? se bem que ela cobra bem caro e não fala portugues. que fale português eu apenas conheço a Dara. e ela é super gente boa. se vc pedir pra ela indicar alguém (já que ela não pode nos dias q vc pode) n tenho dúvidas q ela vai indicar =))) "Mas se vc falou que tem um pacote que em 1 dia sai de Chiang Mai e retorna no mesmo dia, acho melhor, pois reservo so 1 hotel em Chiang Mai (3 noites) e evito de ficar levando mala e etc... acho q seria melhor ne ? Onde vc pegou esse pacote ?" eu não disse isso... até porque nem em Chiang Rai eu fui !!!! acho q eu comentei algo de vc aproveitar a manha em Chiang Mai e ir pra Chiang Rai a tarde mas realmente não lembro. O fato é: recomendo sim Chiang Rai pq muita gente me fala bem de lá... mas eu mesmo não tenho propriedade para falar pq eu nao conheço... Ah, agora que eu entendi, vc está falando com o OUTRO Felipe que postou, e eu me metendo.... hahahaah ! Felipão, o que eu disse pro Diogo serve pra vc tbm ! vá sem medo que vc vai amar ! =) mas fazer tudo isso no mesmo dia me cheira meio apertado, de qualquer forma eu não fuiii láaaa   e deixa pHIPHI pro final, É CLARO.....   abssss a todos =) 
    • o camping pudeto é fora do parque? da pra ficar nele e realizar as trilhas a partir dali.
    • Alguem esta conseguindo fazer as reservas para os refugios/camping? vertice e fantastic nao respondem....
    • Que bom que deu tudo certo! Agora você entende por que eu cometei que provavelmente estaria soltando foguetes se acontecesse algo assim comigo. kkkkkkkkk É uma ótima oportunidade para você tentar dar uma esticadinha na viagem sem gastar com taxas de alteração das passagens. Aconteceu algo parecido no meu voo para o Brasil,  eu vou tirar 14 dias de férias entre 11/09,  24/09 e aproveitar para ir a Foz do Iguaçu vistar meus pais, comprei Lisboa x Foz do iguaçu x Lisboa na Azul, inicialmente ida no dia 10/09 e volta dia 17/09, é pouco tempo no Brasil, mas a volta nos outros dias estava muito cara e eu queria muito ir a Foz. Mas de tanto que a Azul ficou mudando o voo no trecho entre Campinas e Foz do iguaçu,  consegui alterar a minha volta para o dia 22/09. Toda vez que a Azul mudava o horário do voo, eu ligava na Azul e falava que o horário estava ruim, e se não podia mudar o voo para outro horário ou dia seguinte, alterei o voo 2 vezes sem pagar um centavo, e consegui pegar um voo num dia que estava custando muito mais caro do que o valor que eu paguei e ficar mais 5 dias e vou aproveitar para dar uma passada em Curitiba, que não estava nos planos iniciais.
×