Ir para conteúdo

Europa - 15 dias - Roma, Veneza, Zermatt, Paris e Londres


Posts Recomendados

  • Colaboradores

Olá Pessoal,

 

Acabei de retornar de viagem pela Europa com minha esposa e pretendemos postar aqui aos poucos os nossos passos, dicas, perrengues e etc. O forum foi muito útil durante o planejamento da nossa viagem e acreditamos que este relato seja a melhor retribuição... boa leitura!

 

- 1º DIA - 02/04

 

Chegamos ao aeroporto do Galeão/RJ com 2 horas de antecedência para o voo da Air France - Rio x Paris. Como já havia feito o check-in pela internet não pegamos fila alguma. Foi só despachar as bagagens e pronto! Fica a dica, pois a fila para o check-in estava considerável. O voo saiu exatamente as 16:20h, conforme previsto. O voo até Paris no Boeing 747-400 seguiu tranquilo rumo ao seu destino... quer dizer, rolou um barraco entre uma gringa e o chefe dos comissários... mas serviu para distrair um pouco a viagem de mais de 10 horas.

 

 

- 2º DIA - 03/04

 

Chegamos em Paris, no aeroporto Charles de Gaulle, por volta das 06:30 h. Nesta época a diferença de fusos entre o Brasil e a Europa é de 5 horas. Tivemos que desembarcar de escada e pegar um ônibus na pista para seguir até o saguão, pois não tinha finger para o nosso avião. Acho que foi porque ele chegou um pouco antes do previsto. Pegamos muito frio nessa chegada: 7 ºC e muito vento, o que dava uma sensação térmica de uns - 20 ºC ::Cold:: , mas tava tranquilo, afinal de contas estávamos iniciando uma viagem muito esperada!

 

IMIGRAÇÃO

 

Ao chegarmos no saguão de desembarque seguimos para a imigração. Nosso destino final era Roma/Itália, mas a imigração foi feita em Paris, seguindo os protocolos do acordo de Schengen (http://pt.wikipedia.org/wiki/Acordo_de_Schengen). Seguindo as dicas do forum, levei toda a papelada que poderia ser requisitada (passagem de retorno ao Brasil, reservas dos hotéis, seguro saúde, fatura de cartão de crédito, extrato do travel card, contra-cheque, etc.), mas no final me foram feitas as seguintes perguntas, em Inglês: 1. Sua primeira vez na Europa?, 2. Quanto tempo pretende ficar? ... e o policial concluiu... "tenha uma excelente viagem" (tudo com muita frieza, é claro!)

 

ATENÇÃO: Apesar da imigração ter sido muito tranquila, diria que é imprescindível estar com toda a documentação já descrita neste forum. Isto porque, no guichê ao lado do meu, havia uma brasileira que, imagino eu, acabou sendo deportada. O que pude presenciar foi o seguinte: O policial tentava se comunicar com ela, mas ela não entendia nenhuma palavra, então o mesmo solicitou ajuda a uma outra brasileira que estava na fila, então esta ficou como intérprete traduzindo do português para inglês... simplesmente a tal brasileira não tinha passagem de volta, não tinha dinheiro, não tinha seguro e ia ficar na casa de uma amiga. Conclusão: O policial saiu de sua cabine e levou-a para um outro local. Talvez para uma checagem mais criteriosa dos motivos da viagem dela.

 

Conclusão: Antes prevenir do que remediar. Leve toda a documentação que tiver, pois se forem solicitadas deverão ser apresentadas. Passada a imigração ficamos fazendo hora no aeroporto até as 12:30h, horário de saída do voo Paris x Roma (Fiumicino). Até pensamos em pegar o metrô e dar uma volta por Paris neste intervalo, porém como não conheciamos nada da Cidade Luz, achamos melhor ficar quietos aguardando o voo...

 

Pegamos o voo no horário previsto e chegamos em Roma, aeroporto Fiumicino, por volta das 15:00h. Pegamos nossa bagagem e, antes de seguir de trem para Roma, compramos nosso Roma Pass (stand no próprio aeroporto). Dica: Comprem o Roma Pass. Tem para diversos períodos, o nosso foi de 3 dias. Ele dá direito a entrada gratuita nas duas primeiras atrações turísticas, desconto em outras e, na minha opinião, o melhor de tudo: utilização a vontade de ônibus e metrô

durante a validade do passe. Este foi útil demais. (mais informações: http://www.romapass.it).

 

Seguimos até a estação de trem (anexa ao aeroporto), compramos o bilhete do Leonardo Express (14,00 EU por pessoa) até a estação Roma Termini. Nosso Hostel ficava próximo ao terminal. (Dados do Hotel: http://www.principebb.com - Diária 85 EU por casal, em suíte e com café da manhã. A dona do Hotel, a argentina Victoria é um amor de pessoa, nos tratou como filhos. Ela dá um tratamento todo especial a nós brasileiros). Chegamos no Hostel, nos alojamos, deixamos a mala e fomos bater perna. Fizemos o seguinte trajeto a pé: Igreja de Santa Maria Maggiore -> Coliseu (passando pelo Parque Esquilino) -> Foro Romano -> Foro di Traiano -> Monumento a Vitorio Emanuele -> Coliseu -> Hotel (de metrô). Este percurso foi para fotos externas, de todos só entramos na Igreja, pois as outras atrações estavam fechadas devido ao horário.

 

Algumas fotos:

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423172446.JPG 500 375 Legenda da Foto]Trem Leonardo Express - Aeroporto Fiumicino x Roma Termini.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423172843.JPG 500 375 Legenda da Foto]Basilica de Santa Maria Maggiore.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423172946.JPG 500 375 Legenda da Foto]Coliseu - 1.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173040.JPG 500 375 Legenda da Foto]Coliseu - 2.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173138.JPG 500 375 Legenda da Foto]Monumento a Vitorio Emanuele.[/picturethis]

 

 

- 3º DIA - 04/04 (Domingo de Páscoa)

 

Acordamos cedo, tomamos café no hostel e seguimos de ônibus até o Vaticano. A nossa idéia era assistir a missa de páscoa com o Papa na Praça São Pedro. Como não estávamos com os convites do vaticano não sabiamos se iriamos conseguir... chegando ao Vaticano vimos uma grande fila formada e decidimos entrar nesta fila sem saber ao certo do que se tratava... alguns passos adiante descobrimos que se tratava da fila do Raio X para entrar na Praça São Pedro para assistir a missa. Passados uns 20 minutos de fila conseguimos, estávamos dentro do Vaticano, na Praça São Pedro, bem no início da missa, às 10:30h. Apesar da chuva e do frio valeu muito a pena.

 

Terminada a missa, por volta das 12:00h, tiramos algumas fotos na Praça São Pedro e seguimos a pé pelo Castelo de St. Angelo, Piazza del Popolo, Vila Borghese, Piazza di Spagna, Fontana di Trevi. Pegamos um ônibus e voltamos para o Castelo de St. Angelo para visita interna. Após o Castelo seguimos novamente até a Praça São Pedro para tirar fotos à noite. De todos os lugares visitados podemos destacar a Vila Borghese, com jardins muito bonitos, a Fontana di Trevi, que é enorme e com esculturas fantásticas e o Castelo, que proporciona vistas muito bonitas de Roma e do Vaticano.

 

Ufa... pegamos um ônibus para o Hotel, estávamos mortos, mas deu para aproveitar bastante.

 

Fotos:

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173235.JPG 500 375 Legenda da Foto]Missa de Páscoa no Vaticano.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173333.JPG 500 375 Legenda da Foto]Roma, próximo ao Vaticano.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173435.JPG 500 375 Legenda da Foto]Castelo St. Angelo.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173526.JPG 500 375 Legenda da Foto]Vila Borghese.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173617.JPG 500 375 Legenda da Foto]Piazza di Spagna.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173714.JPG 500 375 Legenda da Foto]Fontana di Trevi.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173807.JPG 500 375 Legenda da Foto]Ponte S. Angelo vista do Castelo.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423173901.JPG 500 375 Legenda da Foto]Basílica de São Pedro - Vaticano.[/picturethis]

 

 

Bom este foi apenas o início, nos próximos dias iremos dar sequência ao relato.

 

Um grande abraço a todos!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Respostas 33
  • Criado
  • Última resposta

Mais Ativos no Tópico

  • Colaboradores

Continuando o relato da viagem...

 

- 4° DIA - 05/04

 

Acordamos bem cedo (só pra variar...) e pegamos um ônibus até as proximidades do Vaticano. Vocês já devem ter percebido que utilizamos bastante o ônibus em Roma, não?! Pois é, fica mais essa dica, o transporte rodoviário é bastante eficiente. Quando você compra o Roma Pass vem um mapa da cidade que tem todas as linhas e rotas dos ônibus. Basta escolher o destino, selecionar o ônibus e entrar, lembrando de validar seu cartão do Roma Pass na maquininha amarela que fica logo atrás do motorista. Alguns ônibus possuem, inclusive, uma TV que mostra o trajeto percorrido e a próxima parada. É claro que dependendo do horário você pode pegar um ônibus cheio ou um pouco de transito, mas pelo menos você faz um tour bem em conta pela cidade.

 

Bom... chegando às proximidades do Vaticano seguimos novamente até a Praça de São Pedro... pelo nosso planejamento hoje era o dia de visitar o interior da Basílica e subir na cúpula. A praça estava lotada e foi um pouco difícil descobrir onde era o final da fila para a visita à Basílica. Após entrar na fila fomos caminhando, caminhando, caminhando em caracol até chegar próximo ao Raio X antes da entrada da Basílica. Agora vale outro relato, como existem Europeus mal educados... muitos, Italianos, Franceses, Espanhóis, enfim, todos furando fila. Um absurdo! Até tentei esboçar uns palavrões em Inglês mas não adianta, são muito caras de PAU! Passada a raiva lembramos (eu e minha esposa) que estávamos no Vaticano, o que sugeria um comportamento um pouco mais pacífico.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423222624.JPG 500 375 Legenda da Foto]Basílica de São Pedro - Vaticano[/picturethis]

 

Após o Raio X seguimos até o trajeto para as tumbas que ficam abaixo da Basílica, lá estão enterrados os corpos de diversos Papas, inclusive o de João Paulo II que, por sinal, é muito reverenciado por todos. Lá observamos muitas pessoas emocionadas. Realmente o local tem uma energia diferente.

 

Saindo das tumbas fomos até uma nova fila que dava acesso à Cúpula da Basílica. Existem duas opções de chegar ao topo: todo o trecho de escada ou um trecho de elevador e outro de escada. Bom, mais uma dica, vá de elevador! Se não me engano, após o elevador ainda são uns 300 degraus até o topo da Cúpula. O acesso a esta parte da Basílica é cobrado, com preços diferenciados entre escada e elevador. No caso deste último o valor é de 7,00 EU por pessoa. Seja como for, não deixem de subir na cúpula, pois a vista da Praça de São Pedro recompensa o esforço.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423225854.JPG 500 375 Legenda da Foto]Cúpula da Basílica de São Pedro - Vaticano.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423222839.JPG 500 375 Legenda da Foto]Vista da Basílica a partir da Cúpula.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423222947.JPG 500 375 Legenda da Foto]Subindo para o topo da Cúpula... trezentos e tantos degraus.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423223112.JPG 500 375 Legenda da Foto]Cidade do Vaticano, a partir da Cúpula da Basílica de São Pedro.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423223209.JPG 375 500 Legenda da Foto]Praça de São Pedro - Vaticano, a partir da Cúpula da Basílica.[/picturethis]

 

Bom, 300 degraus acima e algumas fotos e horas depois tínhamos que encarar novamente os 300 degraus para descer, mas como diria o ditado, para descer, todo Santo ajuda (ainda mais no Vaticano). Lembre de fazer uma pausa antes de pegar o elevador na descida e visitar a loja de souvenires que tem lá no alto. De lá também é possível enviar cartões postais que sairão carimbados pela Prefeitura do Vaticano (Selo do Postal para a América do Sul - 0,65 EU).

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423224633.JPG 375 500 Legenda da Foto]Enviando postal do Vaticano (chegou ontem, 22/04).[/picturethis]

 

Após fazer tudo isso pegamos o elevador e descemos... era hora de visitar o interior da Basílica, o berço da Igreja Católica. Ela é de uma beleza e riqueza indescritíveis. O chão é todo desenhado em mármore, você nem acredita, parece uma pintura, mas na verdade são mármores de diferentes tonalidades de cor, impressionante. Em baixo do altar principal está a Tumba do Apóstolo São Pedro, o primeiro PAPA.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423224733.JPG 500 375 Legenda da Foto]Mensagem de acesso à Basílica.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423224827.JPG 500 375 Legenda da Foto]Símbolo no piso da Basílica. Não é pintura, somente mármore.[/picturethis]

 

Terminada nossa visita à Basílica, fomos fazer um lanche para continuarmos adiante. Paramos em um Café que fica no final da Via Della Conciliazione. Comemos um baita sanduíche cada um e bebemos uma Coca-cola de 500 mL. Tudo muito bom, tendo em vista a enorme fome que estávamos sentindo. Pedi a conta e... bom, apesar de ter lido e relido diversas dicas neste fórum confesso que caí na armadilha, pagamos nada menos do que 7,00 EU em uma Coca-cola de 500 mL. Mais uma dica: todos os bares, cafés e restaurantes da Itália são obrigados a colocar o cardápio com os preços na porta, só que na maioria destes cardápios de porta não estão descritos os preços das bebidas, logo recomendo que sempre peçam o cardápio de bebidas antes de fazer o pedido.

 

Bem alimentados e alguns euros mais pobres demos sequência à nossa jornada. Saímos do famoso café da coca de 7,00 EU e pegamos um ônibus até a Piazza della Rotonda, onde fica o Pantheon (que estava todo coberto por andaimes). De lá seguimos até a Piazza Navona, esta sim, muito legal. Os cafés nas calçadas, os artistas de rua e as cores das fachadas dos prédios antigos dão um toque todo especial a esta praça.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423224932.JPG 500 375 Legenda da Foto]Piazza Navona.[/picturethis]

 

Depois de tirar algumas fotos pegamos outro ônibus até a Piazza Venezia, o melhor ponto para fotos do Monumento a Vitorio Emanuelle II. Chegando lá, tivemos a grata surpresa ter a Via Del Foro Imperiali fechada para o trânsito. Fomos caminhando pelo meio da rua até o Coliseu.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423225012.JPG 500 375 Legenda da Foto]Monumento a Vitorio Emanuele a partir da Piazza Venezia.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100423225102.JPG 375 500 Legenda da Foto]Coliseu, novamente.[/picturethis]

 

É isso! Pegamos o metrô e voltamos para o hotel. Amanhã tem mais!

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Continuando o relato da viagem...

 

- 5° DIA - 06/04

 

Este era o dia da despedida de Roma. Fizemos nossas malas e deixamos em um local reservado no Hotel. Pegamos o metrô e fomos para o Museu do Vaticano. Acho que chegamos lá por volta das 09:00h e a fila já estava quilométrica. De todas as filas que pegamos durante a viagem, esta foi com certeza a mais demorada. Esperamos exatas 2 horas para conseguir entrar no Museu.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424102634.JPG 500 375 Legenda da Foto]Encarando uma baita fila para entrar no Museu do Vaticano.[/picturethis]

 

O Museu estava lotado! Ficava até um pouco difícil transitar entre as salas. Volta e meia vinham aqueles grupos de excursão enormes, cheios de japoneses ouvindo o áudio guia e bloqueavam a passagem... nós ficávamos fugindo deles, kkkkk. O Museu é enorme e, com certeza, você deve precisar de no mínimo uns 3 dias para explorá-lo bem. Como tínhamos apenas 1 hora e meia, seguimos o trajeto a passos largos até chegar à famosa Capela Sistina, que é linda. O que mais se ouve lá dentro é: NO PHOTO, NO PHOTO... além dos barulhos dos flashes. Não tem como sair de lá sem fazer um registro... mesmo que escondido.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424102737.JPG 500 375 Legenda da Foto]Vitral no interior do Museu do Vaticano.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424102816.JPG 500 375 Legenda da Foto]Com certeza a pintura mais famosa da Capela Sistina - A Criação de Adão (Michelangelo - 1511).[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424103036.JPG 375 500 Legenda da Foto]Mais um lindo vitral no interior do museu.[/picturethis]

 

Saímos voando do Museu, pegamos o metrô, buscamos as malas no hotel e ufa.... fomos para o Roma Termini. O nosso trem saía as 14:45h com destino a Veneza.

 

Mais uma DICA: Nós fizemos todos os nossos trajetos entre as cidades de TREM. Sabíamos que não era o meio de transporte mais rápido, mas optamos assim mesmo. A dica fica para quem também fizer esta opção. Compre as passagens antes de sair do Brasil. Compramos as nossas pelo http://www.tgv-europe.com. Eles enviam de graça por correio. Já ouvi relatos de pessoas que preferem comprar na hora, pois dá mais liberdade para alterações de última hora no roteiro da viagem, mas para você que já definiu tudo vale muito a pena, pois além conseguir tarifas mais em conta, não precisa perder tempo em guichês nas estações ou navegando na internet na véspera da viagem.

 

O trem saiu pontualmente as 14:45h... estávamos iniciando a nossa jornada até Veneza. Roma foi bastante intensa e vai deixar saudades....

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424103141.JPG 500 375 Legenda da Foto]Trem rumo à Veneza.[/picturethis]

 

Chegamos a Veneza às 18:30h. Logo na saída da estação Santa Lucia demos de cara com o Grand Canal cheio de barcos navegando... o entardecer de céu azulado ajudou a tornar aquela imagem ainda mais bonita. Fomos até o guichê logo à frente da estação para comprar o bilhete do Vapporeto. Optamos pelo bilhete de 36 horas (23,00 EU cada) que dava direito a viajar a vontade de Vapporeto por toda Veneza neste período. O bilhete vale muito a pena, pois te dá liberdade para rodar o quanto quiser. Maiores informações: http://www.actv.it. Uns 30 minutos depois chegamos à estação San Marco Vallaresso, nosso destino final. O nosso Hostel ficava no máximo há uns 100 metros da estação. Ficamos no Ca’Dalisera B&B (90,00 EU por casal em suíte com café da manhã – http://www.cadalisera.it). Hostel simples, mas simpático e bem próximo à Piazza di San Marco.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424103239.JPG 500 375 Legenda da Foto]Andando de Vapporeto pelo Grand Canal - 1.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424103250.JPG 500 375 Legenda da Foto]Andando de Vapporeto pelo Grand Canal - 2.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424103302.JPG 500 375 Legenda da Foto]Andando de Vapporeto pelo Grand Canal - 3.[/picturethis]

 

Deixamos as malas e fomos rodar pelas redondezas. Fomos até a Piazza San Marco ao anoitecer... muito linda! Os sons dos violinos e pianos dos cafés dão um toque especial a esta Piazza. Mais à noite a fome bateu, afinal de contas a nossa jornada neste dia foi longa... fomos até uma Trattoria em uma das ruazinhas próximas ao hotel. Comemos uma pizza a tomamos um vinho. Mais uma DICA: No cardápio dizia que a pizza era individual, logo pedimos duas... quando chegaram descobrimos que cada uma tinha mais de 30 cm de diâmetro. Portanto, se você não é de comer muuuito, peça uma entrada e uma pizza que está de bom tamanho para duas pessoas.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100424103452.JPG 500 375 Legenda da Foto]Piazza San Marco ao anoitecer.[/picturethis]

 

 

 

Continua....

Editado por Visitante
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

- 6º DIA – 07/04

 

Este dia foi todo dedicado a Veneza. Como já foi escrito em relatos de outros colegas deste fórum, apenas caminhar por Veneza já é fantástico. Em cada ruazinha daquelas você descobre locais muito charmosos e lindas fachadas das construções centenárias. Nesta magnífica cidade até as paredes descascando, deixando a mostra os tijolos das construções, se tornam parte da “decoração” deste patrimônio da humanidade.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425123804.JPG 375 500 Legenda da Foto]El Campanario.[/picturethis]

 

Logo de manhã visitamos o Palazzo Ducale (ou Palácio dos Doges – 13,00 EU por pessoa, com direito a visitar outros museus em Veneza). O prédio tem suas fachadas interna e externa todas trabalhadas. Também foi possível visitar as celas onde os condenados aguardavam a hora da morte. Algumas celas ainda tem em suas paredes os relatos dos últimos dias de vida de alguns destes condenados. No dia da execução os presos eram levados até o local onde seriam enforcados e passavam por uma ponte, que ficou conhecida como a Ponte dos Suspiros.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425123947.JPG 500 375 Legenda da Foto]Palazzo Ducale.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425124043.JPG 375 500 Legenda da Foto]Celas do Palazzo Ducale.[/picturethis]

 

Saindo do palácio fizemos uma caminhada no entorno da Piazza San Marco e depois pegamos o Vapporeto até a Ponte Rialto. Lá descobrimos que se trata de uma grande área comercial, cheia de lojas e bastante movimentada, inclusive a própria ponte é cheia de lojas. Em uma das ruas que dão acesso à ponte descobrimos uma pequena lanchonete que estava lotada... fomos “convidados” a fazer uma pausa para um lanche. Comprados o sanduíche, batata frita, pão com lingüiça, refri e cerveja, seguimos até à beira do Grand Canal onde nos sentamos para o banquete, contemplando as Gôndolas que iam e vinham a todo momento.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131123.JPG 375 500 Legenda da Foto]Vista do El Campanario.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131219.JPG 375 500 Legenda da Foto]Gôndolas "estacionadas".[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131314.JPG 500 375 Legenda da Foto]Vista de uma das centenas de pontes de Veneza.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131406.JPG 500 375 Legenda da Foto]Piazza próxima a Ponte Rialto.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131513.JPG 500 375 Legenda da Foto]Local da parada para o lanche, às margens do Grand Canal.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131615.JPG 500 375 Legenda da Foto]Ponte Rialto.[/picturethis]

 

À tarde voltamos até a Piazza San Marco e subimos no Campanário (Elevador - 8,00 EU por pessoa). Vale muito a pena, pois lá de cima você tem uma linda vista de toda Veneza. Foi de lá que descobrimos que um pouco mais afastado tinha um grande parque arborizado... havíamos definido o nosso próximo destino!

Seguimos beirando o Grand Canal até chegar ao parque, que realmente é muito bonito. Esta é uma parte mais residencial de Veneza. Havia muitas crianças brincando livremente por lá...

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131700.JPG 500 375 Legenda da Foto]Vista de Veneza a partir do Campanario[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131755.JPG 500 375 Legenda da Foto]Parque arborizado em Veneza.[/picturethis]

 

Anoiteceu, estávamos cansados, mas muito felizes de termos conhecido este encanto de lugar. Para matar a fome fizemos um banquete no quarto do hotel regado a pizza e vinho, e o melhor, tudo isso por apenas 14 EU.

 

O dia chegou ao fim... precisávamos descansar porque o dia seguinte seria de uma longa viagem. Nosso trem partia as 7:50h com destino à Zermatt, na Suíça.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100425131853.JPG 500 375 Legenda da Foto]Anoitecer...[/picturethis]

 

 

Continua...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
Oi Jansen,queria te perguntar sobre a imigração em Londres , tenho q estar com dinheiro em maos? qto seria recomendavel, pois levarei cartao de debito p saque local e cartao de credito, abs

 

 

camilavelloso, a minha imigração para entrar em Londres foi bem tranquila. Eu fiz esta imigração ainda em Paris, na estação Gare du Nord, quando embarquei no EuroStar. Bem, me foram feitas as seguintes perguntas: 1. O que você está indo fazer em Londres? (Resp.: Apenas a turismo, já visitei outros países da Europa e agora estou indo para Londres, a última cidade da minha viagem); 2. Você já tem passagem de volta para o Brasil? Posso vê-la? (Resp. Sim. E mostrei a passagem). Após isso ela carimbou nosso passaporte e deu bye bye.

 

Antes de passar por essas perguntas você precisa preencher um pequeno formulário onde pergunta seus dados pessoais, profissão, endereço de onde vai ficar em Londres e etc. Com relação ao dinheiro, eu particularmente estava só com uns 70 EU, mas também tinha um saldo razoável no meu TravelCard, além de limite disponível no Cartão de Crédito. Não tenho experiência para te dizer quanto levar, mas pelas dicas que li aqui no forum, uma média de 60 EU por dia por pessoa está de bom tamanho.

 

Abs,

Jansen

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores
eu tb postei um tópico que, entre outras dúvidas, está sobre o dinheiro....

 

quanto levar em cash? Euros, Libras..... quantos cartões de crédito? Dá pra levar 01 com bom limite e o VTM? Ou precisa de mais outro com outra bandeira?

Abraço,

Adriana

 

 

 

Adriana, já li aqui no forum que uma média de 60 EU por dia por pessoa está de bom tamanho. Eu segui mais ou menos esta média e dividi entre dinheiro vivo e travel card (www.cashpassport.com.br). Além disso levei dois cartões de crédito, um Visa e outro MasterCard, para uma eventual emergência. É sempre bom andar com uma pequena quantidade em dinheiro vivo para pequenas despesas, pois de vez em quando o Travel Card não passava (muito raramente).

 

 

Abs,

Jansen

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • Colaboradores

Continuando o relato...

 

- 7º DIA - 08/04

 

Acordamos bem cedo mesmo, acho que umas 5:50h, o dia ainda estava amanhecendo e o frio nos convidava a permanecer embaixo dos cobertores... mas o sacrifício justificava.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426221939.JPG 500 375 Legenda da Foto]Amanhecendo em Veneza.[/picturethis]

 

Chegamos à estação de trem S. Lucia em Veneza umas 7:00h e ainda deu tempo de comer um pão com presunto na lanchonete. Embarcamos no trem com destino a Milão. Só para variar, ele saiu na hora marcada, 07:50h. Chegamos a Milão às 10:25h e aguardamos a saída do nosso próximo trem, às 11:20h, com destino a Visp, Suíça. Chegamos em Visp às 13:30h e aguardamos até as 14:10h para mais esta conexão, agora final, até Zermatt. Vocês devem estar pensando, pô mas que saco, fazer duas conexões e perder o dia todo viajando de trem... Que nada! A cada quilômetro percorrido pelo trem nós íamos descobrindo novas e fantásticas paisagens que já recompensavam cada minuto dentro do vagão. Principalmente neste último trecho Visp x Zermat, que é marcado pelos gigantestos penhascos criados pelos paredões de rochas dos Alpes Suíços além, é claro, da neve, que ainda resistia ao SOL que brilhava no lindo dia de céu azul.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222046.JPG 500 375 Legenda da Foto]Estação de TREM em Milão.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222150.JPG 500 375 Legenda da Foto]Trajeto do TREM com destino a Visp, Suíça.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222255.JPG 500 375 Legenda da Foto]Alpes Suíços.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222352.JPG 500 375 Legenda da Foto]Estação de TREM em Visp, Suíça.[/picturethis]

 

Chegamos em Zermatt às 15:15h. Logo na estação tem um grande painel com um mapa e a lista de todos os hotéis da cidade. Basta ver o nº do seu hotel e discar no telefone que fica neste mesmo totem. Em Zermatt não tem carros como nós conhecemos, por isso os hotéis enviam seus carrinhos elétricos para te apanharem na estação, ou então o trajeto é feito em enormes carruagens. Seguem dados do nosso hotel: Alphubel Zermatt (http://www.zermatt.net/alphubel/). 101 CHF por pessoa por dia em suíte, com café da manhã.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222533.JPG 500 375 Legenda da Foto]Esquiadores em Zermatt.[/picturethis]

 

Passados uns 5 minutos após ligar para o hotel chegou o carrinho verde característico. Deixamos as malas e fomos correndo para a varanda do quarto... a vista era simplesmente fantástica, ainda mais para quem nunca tinha visto neve, como era o nosso caso. Fomos passear pela cidade, que estava lotada de turistas com equipamentos de esqui, snowboard, etc. Impressionante, lá todo mundo esquiava, desde a criancinha de 3 anos de idade até os idosos de 70, muito legal. No nosso planejamento não estava previsto esquiar, por isso nem arriscamos, pois ficaríamos apenas duas noites em Zermatt e não haveria tempo hábil nem para conseguir ficar de pé no esqui. A paisagem já estava de bom tamanho.

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222628.JPG 500 375 Legenda da Foto]Vista do quarto do hotel.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222734.JPG 500 375 Legenda da Foto]Zermatt...[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222837.JPG 500 375 Legenda da Foto]Zermatt.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426222932.JPG 500 375 Legenda da Foto]Teleférico para acesso a uma estação de esqui.[/picturethis]

 

[picturethis=http://www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20100426223033.JPG 375 500 Legenda da Foto]Matterhorn, Zermatt.[/picturethis]

 

Ao anoitecer fomos a um restaurante comer o tradicional fondue suíço. Uma delícia. Após o jantar retornamos para o hotel. No dia seguinte estava previsto a subida ao Gornergrat, que fica a 3100 metros de altitude e fica coberto de neve o ano todo. A ansiedade estava enorme.

 

Mais informações sobre a cidade:

 

http://www.zermatt.ch/en/

 

http://www.gornergrat.ch/home/index.php

 

 

 

 

Continua...

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 2 semanas depois...

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


×
×
  • Criar Novo...