Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Aline Xavier Tuchtenhagen

INTERCÂMBIO EM MALTA Outubro/2018 (AJUDA COM PASSAGEM E ROTEIRO PARA MOCHILÃO)

Posts Recomendados

Olá galera!

Seguinte, começo meu intercâmbio de um mês em Malta no dia 20 de outubro.

Pretendo viajar pela Europa por mais um mês (se tudo sair como planejado).

Uma das principais dúvidas agora é: PASSAGEM AÉREA.

Estou em dúvida se vou mais no início de Outubro, conheço alguns lugares, e mais alguns após o intercâmbio, voltando para o Brasil ali pelo dia 10 de Dezembro, ou se mochilo só após o intercâmbio e volto para o Brasil bem próximo ao Natal. Isso levando em conta que estarei com malas.

Com quanto tempo de antecedência é melhor comprar as passagens? Primeiro decidir todo roteiro pra depois comprar as passagens ou faço o inverso? Vejo uma passagem barata para então decidir o roteiro? kkkk

Vou deixar aqui alguns lugares que quero muito ir: 

Paris, Roma, Amsterdã, Polônia (Auschwitz), Berlim, Praga, Dublin, Londres... e ao mesmo tempo quero muito conhecer a Islândia, Noruega... esses países dos Vikings e da Aurora Boreal hehe aprecio muito a história. 

Em relação a dinheiro, estou juntando... então não sei se terei 4, 6 ou 10 mil pra levar. xD

Me dêem uma luz, por onde começo? O.o

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De outubro em diante o clima só piora, a cada dia que passar vai ser mais frio, os dias mais chuvosos e nublados, e cada vez mais curtos.  

Os dias curtos são um dos principais problemas de uma viagem no inverno, por exemplo, no começo de outubro anoitece em Berlin e Londres lá pelas 06:30 ou 7:00  da tarde, mas em Dezembro, já estará completamente escuro as 04:00 da tarde.

Islândia, Noruega, "países dos Vikings", Cracóvia(Auschwitz) já são muito frios em Dezembro para que você consiga aproveitar a viagem de forma adequada.

Mas se quer ver aurora boreal, vai ter que encarrar o frio, e ir nesta época. Mas uma observação, você não vai conseguir ver a aurora boreal estando na cidade, muito menos em cidades grandes, você vai ter que ir para o interior, para as cidades pequenas, e literalmente para o meio do mato, passar a noite madrugada ao relento, com um frio terrível, e ainda tem grande chance de estar nublado ou a aurora boreal não aparecer nas noites que você passou frio lá no mato...

Você não vai sozinha para o mato ver aurora boreal, você contrata passeios por agências especializadas no assunto. Mas eles não devolvem o seu dinheiro caso o dia seja nublado ou a aurora boreal não apareça.

Outra coisa, Islândia, Noruega, "países wikings" e ver aurora boreal são atividades bem caras, não é para qualquer bolso. Uma semana nos "países wikings" caçando aurora boreal custa o mesmo que umas 3 semanas na Itália, Espanha, Rep. Tcheca, Polônia e Portugal.

Alem disto, você pretende passar em outros locais caros, como Amsterdam, Londres e Paris, o que pode pesar no orçamento final.

Sem "países wikings", fazendo um mochilão econômico, mas também sem dormir na pior espelunca da cidade, sem ter que comer miojo todo dia, e sem ficar lá passando vontade de fazer aquele monte de passeios legais você vai ver, você vai gastar em média uns 60 a 70 Euros por dia com hospedagem, alimentação, metrô e passeios.

Se incluir os "países wikings" e caçada a aurora boreal, acho que esta conta já sobe para uns 80 Euro ou 90 Euros por dia.

Então multiplicando 30 dias x 70 Euros = 2.100 Euros, convertendo para reais pela cotação de hoje de  1 Euro = R$ 4.40 depois dos impostos e taxas, daria em torno de R$ 9.250.

Isto fora o que você gastar com passagens entre as cidades, vai ter algumas caras e outras mais baratas, mas fazendo uma média, estime uns 60 euros cada passagem, e se você tiver que pagar uns 7 ou 8 passagens entre cidades, vai facilmente uns 500 Euros em passagens entre cidades, o que daria outros R$ 2.200 .

Ou seja, uma viagem destas, de 30 dias custariam pelo menos uns 12 mil Reais sem passar fome ou vontade de fazer as coisas legais, isto sem os "países wikings", pois incluir eles pode deixar tudo mais caro ainda.

Isto fora os custos do intercâmbio, e as passagens Brasil Europa, seria só o custo dos 30 dias de viagem depois do intercâmbio.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que eu quero dizer com toda esta "volta", é que a primeira coisa que você tem que fazer é definir o seu orçamento, ou seja, quanto dinheiro terá para gastar nesta história.

Pois de nada adianta você comprar uma passagem voltando 30 dias depois do seu intercâmbio se você conseguir juntar só 6 mil reais, este dinheiro seria suficiente para custear mal e mal 15 dias de viagem.  O que você faria nos outros 15 dias depois dos seus 6 mil acabarem? Dormiria na rua? ficaria passando fome e mendigando um prato de comida na rua?

E comprar uma passagem voltando 30 dias depois e depois muar caso você não consiga juntar dinheiro suficiente para os 30 dias não costuma ser uma boa ideia.  Pois para mudar a data de uma passagem você paga multas e taxas, e mais a diferença de preço caso a passagem esteja mais cara nas novas datas.

E mudar a data de uma passagem não é algo barato, geralmente custa uns 200 ou 300 dólares de multa/taxa mais a diferença de preços, toda vez que precisei mudar a data de uma passagem para a Europa, sempre me custou entre R$ 1.500 a R$ 2.000

 

Ou seja, a primeira coisa que você tem que fazer é uma estimativa realista e plausível de quanto dinheiro você realmente vai conseguir juntar até setembro, para só então pensar no resto, passagens, cidades a visitar, etc, fazendo algo que seja realista e caiba no seu orçamento.

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora



×