Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Overlordpoa

Sugestão Roteiro EUROPA 40 dias

Posts Recomendados

Olá pessoal, terei 40 dias de folga na Europa onde tenho 4 pontos de ancoragem onde posso ficar (casa de amigos/familiares),

sendo: Frankfurt, Dublin, Porto e Pisa.

Partindo: 03/7

retorno provavel: 18/8

 

Estou aberto a fazer uma trip pela Europa aproveitando o máximo de cidades possives, podendo esticar a volta (vou com passagem de ida sem volta marcada) tipo no máximo 2 dias em cada local.

 

Quero aproveitar o maximo para conhecer locais diferentes do convencional,  tipo um passeio lado B, lugares bonitos, legais mas  diferentes do que todos fazem, como ex: ir a paris e ir na Torre, de tantos amigos que foram e  me mostraram fotos, ate perdi o interesse... tenho em mente como exemplo do que pensei na iTália partindo de Pisa de um amigo meu, pego carro e faço: pisa, florença, roma, napoles, costa amalfitana.

 

Gostaria de dicas para montar um roteiro bem diferente e único, em outro momento  quero voltar a europa e ai sim  ficar mais tempo.

Compartilhar este post


Link para o post

5 horas atrás, Overlordpoa disse:

Estou aberto a fazer uma trip pela Europa aproveitando o máximo de cidades possives, podendo esticar a volta (vou com passagem de ida sem volta marcada) tipo no máximo 2 dias em cada local.

Passagem de volta comprada e com data da volta marcada é exigência básica para passar na imigração. E uma das coisas que a imigração quase sempre pergunta e confere é a data da volta.

Então chegar lá sem a data da volta marcada é um risco enorme, há grandes chances de a sua viagem terminar lá no aeroporto mesmo, e lhe mandarem de volta para casa no próximo voo disponível.

A viagem é sua, e você corre os riscos que quiser, mas se resolver ir sem a volta marcada, faça isto por sua conta e risco, sabendo que há grandes chances de a imigração implicar e a sua aventura terminar antes mesmo de começar.

Compartilhar este post


Link para o post
5 horas atrás, Overlordpoa disse:

Estou aberto a fazer uma trip pela Europa aproveitando o máximo de cidades possives,  no máximo 2 dias em cada local.

 

 

Você tem um monte de lugares super distantes entre si, Porto, Dublin, Pisa e Frankfut  ficam super distantes entre si, é completamente inviável você ir por terra (Carro/trem/ônibus), você tem que ir de avião.

E passagens de avião compradas em cima da hora, e para pior bem no meio da alta-temporada de verão, costumam custar uma pequena fortuna!

Dando uma olhada rápida nas passagens entre estas cidades e algumas outras cidades populares, todas as passagens estavam custando em torno 100 Euros (R$ 480) por cada passagem.

Você também tem que levar em conta, que a cada vez que você troca de cidade, tem que fazer malas, fazer check-out do hotel, ir até o aeroporto / estação de trem / rodoviária, passar pela burocracia pré viagem, tem o tempo de viagem, no destino ir até o centro, achar o hostel, se acomodar, etc... 

Quando você viu, você gastou metade de um dia nestas coisas, isto se o horário que você conseguir comprar ajudar, se o horário que você comprar não ajudar muito, facilmente você perde praticamente o dia inteiro a cada troca de cidade.

Esta ideia de trocar de cidade a cada dois dias até poderia dar certo na Itália, onde você estaria de carro, e as cidades seriam todas pequenas e relativamente próximas entre si.

Mas ai tem as questões burocráticas do aluguel de carro, as locadoras costumam cobrar uma caução bem alta como garantia pelo carro, não sei se é o seu caso, mas muito mochileiro que aparece aqui, não tem cartão de crédito com limite de 6 mil livre para ficar bloqueado com a caução do carro, o que na prática inviabiliza alugar um carro....

 

O que eu quero dizer com tudo isto, é que ficar pulando de cidade a cada 2 dias, no final das contas, não vai lhe sobrar praticamente nada de tempo livre para visitar algo nas cidades, e você voltara para casa tendo gasto uma fortuna em passagens, e voltar para casa tendo passado mais tempo dentro de aviões, trens, ônibus, carros, aeroportos, rodoviárias, estações de trem, ou então correndo estressado para um deles, do que fazendo e conhecendo algo legal.

O dinheiro e tempo são seus,  e você faz o que bem entender deles, mas pessoalmente eu acho isto um grande desperdício de tempo e dinheiro, com você voltando para casa sem ter aproveitado praticamente nada da viagem.

 

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post

Opa, pessoal, li e analisei bem o que voces colocaram e tem fundamento, quanto a passagem pretendo pedir uma carta convite da minha irma que mora em porto e tenho dois convites para casamento de duas primas em frankfurt uma dia 12 junho e outra dia 11 de agosto, minha irma  mora a 1 ano em porto e tem visto de trabalho, minhas primas moram a 15 anos em frankfurt sera que isso ajuda a comprar a passagem so  de ida? galo porque nada me impede de esticar a estada na europa  para mais de 40 dias, vai depender do bolso e empolgação..rssss

 

Quanto ao deslocamento, pensei bastante no que comentaram que acredito ser o mais viavel  na italia e vou optar pelos demais locais ficar mais tempo fixo, quando a locais proximos diferente dos convencionais, o que me sugerem?

Compartilhar este post


Link para o post
2 horas atrás, Overlordpoa disse:

quanto a passagem pretendo pedir uma carta convite da minha irma que mora em porto e tenho dois convites para casamento de duas primas em frankfurt uma dia 12 junho e outra dia 11 de agosto, minha irma  mora a 1 ano em porto e tem visto de trabalho, minhas primas moram a 15 anos em frankfurt sera que isso ajuda a comprar a passagem so  de ida?

Cara, acho que isto na verdade mais atrapalharia do que ajudaria nesta situação.

A maioria dos imigrantes ilegais na Europa estão lá atraídos ou convidados por algum outro que está lá legalmente.

Então coloque-se na posição do agente de imigração, sabendo que a maioria dos ilegais chegou lá a convite de parentes ou amigos que foram legalmente.

Ai de repente chega alguém lá, sem passagem de volta ou sem data certa para voltar, dizendo que vai ficar na casa da irmã ou das primas, que não trabalha e nem está estudando (só assim para poder esticar a viagem por 60 ou 90 dias), a primeira coisa que o agente vai pensar será: este cara não vai embora não, vai querer ficar irregular por aqui!

Então se for usar carta-convite, é recomendável reforçar ainda mais os comprovantes de que você vai embora de lá no prazo certo, pois naturalmente eles já desconfiam um pouco do pessoal que vai com carta-convite, e se ainda falar que não tem data certa para voltar, é a receita quase perfeita para eles acharem algum probleminha qualquer e impedirem a sua entrada na Europa.

 

Compartilhar este post


Link para o post
2 horas atrás, Overlordpoa disse:

Quanto ao deslocamento, pensei bastante no que comentaram que acredito ser o mais viavel  na italia e vou optar pelos demais locais ficar mais tempo fixo, quando a locais proximos diferente dos convencionais, o que me sugerem?

Puts... Isto ai é complicado!  Cada pessoa tem uma ideia diferente do que seriam locais diferentes dos convencionais.

 

Mas só posso lhe dar uma certeza, viajando em Julho/agosto, bem no meio do verão europeu, e bem no meio do período de férias de verão dos europeus, americanos, canadenses, chineses, japoneses, russos, e durante o período de férias de inverno dos latino americanos, africando e australianos, tudo vai estar lotado e cheio de turistas, mesmo aqueles locais "não convencionais", principalmente no litoral.

Compartilhar este post


Link para o post

Entao, poise, minhas primas resolveram casar justo nessas datas, sacanagem, mas fazer o que, ja que estarei la nesta data, vou tentar fazer do limao uma limonada kkkk

 

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


×