Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
MayaraPereira

Viagem a 6! Paris - Milão - Amsterdam. Nov/Dez 2018

Posts Recomendados

4 minutos atrás, 111111 disse:

80 Euros é só a diária, na sua conta faltam os impostos, taxas, seguros, pneus de inverno, correntes de neve, cadeira elevatória para crianças, gps, etc, que normalmente fazem o custo das diárias dobrar, e não seria somente um dia, mas sim 3 ou 4 dias até devolver ele em Roma.

Mas como falei acima, se conseguir um carro para 6 pessoas na faixa dos 40 Euros a diária, já começa a empatar o custo com o trem, e ai já compensa ir de carro, mas se tiver que pegar um carro de 70 ou 80 euros a diária(fora os impostos e taxas) já começa a pesar no bolso e deve se pensar se vale a pena.

E como a parte da Itália já está apertada e com pouco tempo e eles gostariam de ir a Florença e Roma, não sobra lá muito tempo para ficar parando no caminho, o que tira um pouco a utilidade de um carro, pois nestas cidades grandes um carro não ajuda muito.

 

Mas não é pra tanto. Pneu de neve/corrente apenas de Dezembro a Fevereiro se tiver em locais motanhosos, taxas e impostos já são inclusos no valor. E, se numa pesquisa rápida se encontra por 80, sendo planejador acha por uns 40/50 euros.

Não que o custo possa ser maior do que ir de trem, porém se planejar com antecedência e fazer as contas, pode sair bem mais em conta, pois o valor inicial que vi ali em cima saia 1000 euros, que é muito longe da realidade.

Um exemplo, em Março eu aluguei um carro na sexta e entreguei na segunda, 4 lugares, como ia para Suíça, tive que alugar corrente (na Itália não é necessário) e pagar Vignete de 40 euros. Fui para Liechtenstein e Áustria em um dia, no outro fui a Verona (moro ao norte de Milão). uns 600km por dia, o custo no fim foram cerca de 180 euros tudo.

O custo de aluguel de carro e gasolina na europa são baratos, é uma alternativa que valha a pena sempre pesquisar para ver se sai mais em conta, quando se está com mais de 2 pessoas.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Oi. Liguei para a decolar e não posso deixar de voar nenhum trecho. 

Quanto ao carro vi bons preços pela também. Estou com um caderno todo rabiscado, hahah

Obrigada pela colaboração. 

Em 05/08/2018 em 20:09, 234234 disse:

Agora uma curiosidade minha, você viu se você pode "perder" a passagem de Milão até Amsterdam comprada no Decolar.com sem que todo o restante, inclusive a passagem de volta ao Brasil?

Você vai conseguir cancelar as reservas de hotel em Milão sem ter que pagar um monte de multas?

Pergunto isto, por que dependendo do pacote que você tenha comprado, perder um trecho meio cancela todas as passagens restantes por No-show, e pode facilmente lhe custar 2 mil reais por pessoa de multas, taxas e diferença de preço reativar estas passagens canceladas.

E se a reserva do hotel em Milão não puder ser cancelada sem multas, você pagará 4 noites em dobro, pois Florença, Roma e Veneza ficam longe demais de Milão para você ir e voltar no mesmo dia.

E tudo pode acabar virando uma grande dívida no cartão de crédito ao invés de uma viagem prazerosa.

Você já chegou a entrar em contato com o Decolar.com para ver se não pode alterar este pacote, trocando Milão por Roma, Florença ou Veneza, já que você mesmo falou que não tem muito interesse em Milão? 

As vezes pagar a taxas para mudar o pacote direto com o Decolar.com pode ser mais barato do que "perder" algum trecho ou reserva já pagos e reservar novos...

Em 06/08/2018 em 06:16, Davi Leichsenring disse:

Alugar um carro em Milão para seguir viagem a Roma não é tão caro assim. São umas 4h - 5h de viagem, (que não gasta meio tanque) com custo normal de 70 euros a diária (se planejar com antecedência, talvez dê pra conseguir promoção). O custo de entrega não vai sair caro, pois ainda é dentro da Itália e entre as duas maiores cidades do país, o pedágio não é tão barato, mas se não me engano, vai sair uns 20 euros. No fim, acredito que não gasta mais que 200 euros para esse trajeto.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
29 minutos atrás, MayaraPereira disse:

Oi. Liguei para a decolar e não posso deixar de voar nenhum trecho. 

Então resumindo, você tem que voltar impreterivelmente a Milão no final da parte italiana, antes de pegar o voo para Amsterdam.

Ai pessoalmente eu já acharia toda esta parte Italiana muita correria, eu simplificaria e reduziria bem esta parte italiana, por que voltar a Milão vai lhes custar praticamente um dia de viagem.

Se a prioridade for visitar Roma, eu enfiaria todo mundo dentro de um trem de alta-velocidade e seguiria direto para Roma, para economizar tempo nos deslocamentos, e fazer o seu pouco tempo livre na Itália render.

Agora se Roma não é prioridade, eu alugaria um carro e exploraria o norte da Itália a partir de Milão, fazendo algo mais ou menos assim:

- Dia 01: ficar em Milão, explorar a cidade
- Dia 02: bate-volta até Lugano/Locarno na Suíça
- Dia 03: bate-volta a Turin
- Dia 04: em aberto, Milão, bate-volta a Bologna, Aosta/Courmayeur, Parma, Monza, etc...
- Dia 05: Milão, voo a Amsterdam

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lembrando que não é recomendável deixar para voltar a Milão no último dia, em cima da hora de pegar o voo para Amsterdam, pois se vocês tiverem um imprevisto, errarem o caminho, a estrada estar fechada ou congestionada devido a acidente ou mau tempo, o trem ser cancelado ou atrasar devido problemas técnicos ou climatológicos, etc, etc, vocês podem perder o voo para Amsterdam e com isto arruínar o resto da viagem...

Então é recomendável voltar a Milão no dia anterior ao voo para Amsterdam e dormir em Milão, para que em caso de problemas ou imprevistos, vocês tenham folga e tempo hábil para achar um plano B para chegar em Milão a tempo de pegar o voo, e não estragar o restante da viagem.

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 09/08/2018 em 00:09, 234234 disse:

Então resumindo, você tem que voltar impreterivelmente a Milão no final da parte italiana, antes de pegar o voo para Amsterdam.

Ai pessoalmente eu já acharia toda esta parte Italiana muita correria, eu simplificaria e reduziria bem esta parte italiana, por que voltar a Milão vai lhes custar praticamente um dia de viagem.

Se a prioridade for visitar Roma, eu enfiaria todo mundo dentro de um trem de alta-velocidade e seguiria direto para Roma, para economizar tempo nos deslocamentos, e fazer o seu pouco tempo livre na Itália render.

Agora se Roma não é prioridade, eu alugaria um carro e exploraria o norte da Itália a partir de Milão, fazendo algo mais ou menos assim:

- Dia 01: ficar em Milão, explorar a cidade
- Dia 02: bate-volta até Lugano/Locarno na Suíça
- Dia 03: bate-volta a Turin
- Dia 04: em aberto, Milão, bate-volta a Bologna, Aosta/Courmayeur, Parma, Monza, etc...
- Dia 05: Milão, voo a Amsterdam

 

 

Roma não é prioridade, eu quero tentar ir pois sou advogada e lá é um local cheio de significados para a minha profissão, meu marido prefere esticar até Veneza e fazer um roteiro parecido com o que vc citou. Lugano, Turim, Bologna, Veneza. E o que mais desse para incluir, se tratando que o carro é certo de alugarmos no dia seguinte à chegada a Milão. Vou olhar os outros lugares que vc colocou aqui.

 

Muito obrigado pelas dicas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 09/08/2018 em 00:09, 234234 disse:

04: em aberto, Milão, bate-volta a Bologna, Aosta/

Eu nunca tinha ouvido falar de Aosta, que lugarmaravilhoso, essa cidade está certo no roteiro.

Estou encantada com as fotos e a história de lá. 

Muito obrigado!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 horas atrás, MayaraPereira disse:

Eu nunca tinha ouvido falar de Aosta, que lugarmaravilhoso, essa cidade está certo no roteiro.

Estou encantada com as fotos e a história de lá. 

Muito obrigado!

E ainda tem o teleférico do parque/ressort de Ski Pila, onde você pode subir e as crianças brincarem na neve, final de novembro geralmente já tem neve suficiente para esquiar ou ao menos fazer uns bonecos de neve, e se tempo estiver aberto, dá para ver o Mont Blanc, e não costuma ser tão caro a ponto de lhe custar um rim, como na Suíça... kkkk

 

 

  • Gostei! 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emoticons no total são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.




×
×
  • Criar Novo...