Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
murillus

Comunicação Via Rádio e Radioamadorismo

Posts Recomendados

A utilização do Rádio de Comunicação de diversos tipos (2 Way, PX (CB), VHF, Talk-About, UHF, Intercomunicadores, Telemetria, etc.) se faz muito importante em diversas atividades, principalmente as que envolvem a nós aventureiros.

 

Outro fato é que muita gente não conheçe nada de rádio, mas quer adquirir um rádio portátil para utilizar em trilhas e também em viagens. E outros tantos, que tem algum aparelho de comunicação, não sabem operá-los corretamente, trazendo prejuízo a si e a outrem.

 

Pois bem, vamos tentar postar algumas dicas sobre o assunto.

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que diz a ANATEL ( http://www.anatel.gov.br ):

 

O uso de radiofreqüência está sempre associado a um serviço de telecomunicações. Esses serviços - entre os quais estão o Radioamador, o Rádio do Cidadão e o Serviço Limitado Privado - necessitam de autorização que pode ser obtida na Anatel.

 

Radioamador

 

O Radioamador é o serviço de telecomunicações de interesse restrito, destinado ao treinamento próprio, intercomunicação e investigações técnicas, levadas a efeito por amadores, devidamente autorizados, interessados na radiotécnica unicamente a título pessoal e que não visem qualquer objetivo pecuniário ou comercial.

 

Rádio do Cidadão

 

O Rádio do Cidadão, também conhecido como PX, é o serviço de radiocomunicações de uso compartilhado para comunicados entre estações fixas e/ou móveis, realizados por pessoas físicas, utilizando o espectro de freqüências compreendido entre 26,96 MHz e 27,86 MHz. Esse serviço tem como objetivo proporcionar comunicações em radiotelefonia, em linguagem clara, de interesse geral ou particular; atender a situações de emergência, como catástrofes, incêndios, inundações; epidemias, perturbações da ordem, acidentes e outras situações de perigo para a vida, a saúde ou a propriedade; e transmitir sinais de telecomando para dispositivos elétricos.

 

Operador Radiotelefonista e Radiotelegrafista

 

Serviço Móvel Aeronáutico

 

É o serviço móvel entre estações aeronáuticas (estações terrestres) e estações a bordo de aeronave, ou entre estações a bordo, no qual participam estações de salvamento. As estações de radiofarol de emergência indicadoras de posição também podem operar este serviço, neste caso, em freqüências de emergência.

 

Serviço Móvel Marítimo

 

É o serviço de radiocomunicações destinado às comunicações entre estações costeiras ou portuárias e estações de navio, entre estações de navio ou entre estações de comunicações a bordo associadas. Estações em embarcações ou dispositivos de salvamento e estações de emergência de radiobaliza indicadora de posição também podem operar este serviço.

 

Radiotáxi

 

Serviço de Radiotáxi Privado: Serviço telefônico, telegráfico, de transmissão de dados ou qualquer outra forma de telecomunicações, de interesse restrito, destinado ao uso próprio do executante, por meio do qual são trocadas informações entre estações de base e estações móveis terrestres instaladas em veículos de aluguel, destinadas à orientação e à administração de transporte de passageiros. A autorização desse serviço não permite o uso da atividade de telecomunicações para a prestação de serviço de telecomunicações a terceiros.

 

Serviço de Radiotáxi Especializado: é uma submodalidade do Serviço Limitado Especializado, de interesse coletivo. Serviço telefônico, telegráfico, de transmissão de dados ou qualquer outra forma de telecomunicações, de interesse coletivo, destinado à prestação de serviço de telecomunicações a terceiros, por meio do qual são trocadas informações entre estações de base e estações móveis terrestres instaladas em veículos de aluguel, destinadas à orientação e à administração de transporte de passageiros.

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Qual o tipo de radio comprar ?

 

A resposta é muito simples: voce deve adquirir o tipo de rádio seus companheiros usam, pois o mais importante do rádio é ter com quem falar...

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Depois de participar de uma trilha onde teve um longo percurso deslocamento (rápido) e com um grande número de viaturas, percebi a importância do rádio... Alguns colegas tinham ICOM e outros o velho TALKABOUT... Resulatdo: Uma confusão só... Daí surgiram mil e umas dúvidas... e pelo que entendi depois de muito ler... de forma didática... funciona assim...

 

A denominada "freqüência" é como uma linha telefônica em que você está falando, ou seja um canal de comunicação... sendo o espaçamento de canais é a diferença entre a freqüência de dois canais e essa diferença é geralmente de 12.5 kHz ou 25 kHz...

 

Já o alcance de um rádio está diretamente ligado a sua potência, a geografia do local de uso e ao uso ou não de repetidoras... e não a freqüência... Você vê na saída de potência RF... ela é a chamada "potência" do rádio, que determina (entre outros fatores externos) o alcance do rádio... é medida em Watts e, para facilitar os cálculos, a cada Watt equivale a aproximadamente um KM de alcance...

 

UHF, ou “Ultra High Frequency” - Frequência ultra alta compreendendo a faixa de 300 Mhz a 3 Ghz (1M a 10CM), sendo a banda mais popular os 70CM (430-440 MHZ)... É uma freqüência capacidade de reflexão e penetração em obstáculos feitos pelo homem como aço e concreto dos prédios, pontes e etc, logo, o UHF é mais indicado para rádios que serão usados em meio a obstáculos...

 

VHF, ou “Very High Frequency” - Freqüência muito alta compreendendo a faixa de 30 a 300 Mhz (10M a 1M), sendo a banda mais popular os 2M (144-148 MHZ)... É uma faixa melhor para longas distâncias em áreas abertas e zonas não urbanizadas...

 

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bem dito isso, vamos em frente... Tipos de Rádios:

 

Talkabout - É um UHF, mas na verdade é uma banda FRS (Family Radio Service)/GMRS (General Mobile Radio Service)... Canais variam na freqüência de 460.000 a 470.000 MHz, veja abaixo:

 

01 = 462.5625 MHz GMRS/FRS

02 = 462.5875 MHz GMRS/FRS

03 = 462.6125 MHz GMRS/FRS

04 = 462.6375 MHz GMRS/FRS

05 = 462.6625 MHz GMRS/FRS

06 = 462.6875 MHz GMRS/FRS

07 = 462.7125 MHz GMRS/FRS

08 = 467.5625 MHz FRS

09 = 467.5875 MHz FRS

10 = 467.6125 MHz FRS

11 = 467.6375 MHz FRS

12 = 467.6625 MHz FRS

13 = 467.6875 MHz FRS

14 = 467.7125 MHz FRS

15 = 462.5500 MHz GMRS

16 = 462.5750 MHz GMRS

17 = 462.6000 MHz GMRS

18 = 462.6250 MHz GMRS

19 = 462.6500 MHz GMRS

20 = 462.6750 MHz GMRS

21 = 462.7000 MHz GMRS

22 = 462.7250 MHz GMRS

 

* Custo muito baixo;

* Alcance baixo pois depende do terreno (aberto),;

* Confiabilidade baixa;

* Qualidade de áudio muito baixa;

* Não precisa de licensa de operação.

 

PX - É chamado de Rádio do Cidadão - serviço de radiocomunicações de uso compartilhado para comunicados entre estações fixas ou móveis, realizados por pessoas físicas, utilizando o espectro de freqüências compreendido entre 26,96 MHz e 27,61 MHz... O PX é regido pela Norma 01A/80, aprovada pela Portaria n° 218-MC, de 23 de setembro de 1980, disponível no endereço www.anatel.gov.br...

 

* Poucos recursos;

* Alcance aceitavel

* Qualidade de áudio é tao ruim quanto o talkabout;

* Muita gente usa de forma errada e tumultua a conversa;

* Facil para pedir socorro;

* Bom para a estrada;

* A licensa de operação a baixo custo e sem prova.

 

"PY" - É chamado de Serviço de Radioamadoré é o serviço de telecomunicações de interesse restrito, destinado ao treinamento próprio, intercomunicação e investigações técnicas, levadas a efeito por amadores, devidamente autorizados, interessados na radiotécnica unicamente a título pessoal e que não visem qualquer objetivo pecuniário ou comercial... o PY é regido pela Norma 31/94, aprovada pela Portaria n° 1278-MC, de 28 de dezembro1994, publicada no Diário Oficial da União de 30.12.94, também disponível no endereço www.anatel.gov.br... Para executar este serviço se faz necessário que o interessado seja titular do Certificado de Operador de Estação de Radioamador - COER...

 

* Tem ótimo áudio

* Tem excelente alcance

* Extremamente confiável

* Caro;

* Muitas frequências disponíveis

* Tem licença um pouquinho de nada mais cara que a do PX;

* Tirar esta licensa dá algum trabalho pois tem prova.

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Qual o tipo de radio comprar ?

 

o tipo de rádio seus companheiros usam, pois o mais importante do rádio é ter com quem falar...

 

As opçoes são:

 

PX (VHF)

"PY"(VHF)

TALKABOUT (GMRS/FRS)

 

Mas vale lembrar que:

 

PX fala com PX

"PY" fala com "PY"

TALKABOUT fala com TALKABOUT

 

Porem

 

Com um PY, radioamador, que operar usando UHF, podera conseguir falar para um talkabout... Bastando que o radioamador, com o radio na frequência de UHF, procurar a faixa entre 460.000 à 475.000 mhz...

 

O contrario, Talkabout falar pra um PY, é muito dificil...

 

Já o PX não tem como falar para um talkabout nem mesmo com um "PY"... pois usa o VHF restrita somente...

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Já o alcance de um rádio está diretamente ligado a sua potência, a geografia do local de uso e ao uso ou não de repetidoras... e não a freqüência... Você vê na saída de potência RF... ela é a chamada "potência" do rádio, que determina (entre outros fatores externos) o alcance do rádio... é medida em Watts e, para facilitar os cálculos, a cada Watt equivale a aproximadamente um KM de alcance...

Opa opa opa! Um erro grave aqui

 

A frequência usada para transmissão e recepção infui e muito na distância onde as ondas podem ser captadas. Observe que por mais forte que seja um transmissor de FM, o alcance de qualquer emissora de rádio FM não passa de 200Km, enquanto emissoras operando ondas curtas ( faixa de 25M, por exemplo) chegam a dar a volta ao mundo (Vide VOA, DW, RAI, etc).

 

A distância onde um sinal chega não é simplesmente potência e geografia. Existe muito mais coisa que interfere, como o tipo de antena usada (omnidirecional, direcional, quadra, etc), as camadas da ionosfera usadas para rebatimento do sinal (principalmente em bandas baixas de 160mt até 10 mt), a proximidade de ambientes reflexivos de sinal, como lagos e mar e etc. Chega a ser ciência e radioamadores que realmente gostam do hobby levam isso muito a sério.

 

Também não é verdadeira a relação potência X distância. Equipamentos de QRP e QRPP (potência de miliwatts e microwatts) chegam, em CW, há mais de 15 mil km de distância sem ter um mísero watt. É uma das modalidades mais difíceis do radioamadorismo mundial e os detentores dos grandes diplomas nestas modalidades são quase como "semi-deuses".

 

Abs

 

Mike - ex PU2UTC

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Paulino Michelazzo,

 

Na verdade, estava somente tentando simplificar as coisas... muitos companheiros nao entendem bem isso... tanto que pra mim era muito confuso no comeco...

 

A correcao esta bem vinda... mas no caso de comunicacoes moveis entre mochileiros, trilheiros, offroads e etc, geralmente em faixar pre-determinadas, ou seja, usando uma frequencia fixa, o alcance do rádio, medido em Watts, está diretamente ligado a sua potência, a geografia do local e ao uso ou não de repetidoras... e, para facilitar os cálculos, a cada Watt equivale a aproximadamente um KM de alcance...

 

Ja para nos radioamadores, principalmente os que operam em BASE, seu post esta primando pela excelente informacao...

 

73,

 

PU7MMU

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

radios para comunicacao moveis

 

PX (VHF) = opera na faixa dos 11 metros = o limite de potência no Brasil para o PX é 4W (mas o Midland com 5W) = aproximadamente 5km...

 

 

"PY"(VHF) = opera na faixa dos 2 metros = o limite de potência no Brasil para a CLASSE C (moveis) é 100W = aproximadamente 100km...

 

 

TALKABOUT (GMRS/FRS) = o limite de potência no Brasil para o TA é 5W = aproximadamente 5km...

 

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
radios para comunicacao moveis

 

PX (VHF) = opera na faixa dos 11 metros = o limite de potência no Brasil para o PX é 4W (mas o Midland com 5W) = aproximadamente 5km...

 

 

 

RÁDIO COBRA 19 DX IV - R$199,90

 

40 CANAIS (FREQUENCIA: 26,965 a 27,405)

4 WATTS DE POTÊNCIA

CANAL DE EMERGÊNCIA 9.

MOSTRADOR DE SINAL.

DISPLAY DE LCD,

AJUSTE DO VOLUME

CHAVE CB/PA

AJUSTE DE RF

SAIDA P/ AUTO-FALANTE EXTERNO

CONTROLE DE SQUELCH(CORTE DE CHIADO)

INSTALAÇÃO SIMPLES EM CARROS.

ACOMPANHA SUPORTE, PARAFUSOS,RABICHO COM PORTA FUSÍVEL(FUSÍVEL INCLUSO),MANUAL,PTT.COMPLETO

COR ÚNICA: PRETO

 

RÁDIO PX MIDLAND- MODELO 1001 - R$158,00

 

40 CANAIS (FREQUENCIA: 26,965 a 27,405)

5 WATTS DE POTÊNCIA

CANAL DE EMERGÊNCIA 9.

MOSTRADOR DE SINAL.

AJUSTE DO VOLUME

CHAVE CB/PA

SAIDA P/ AUTO-FALANTE EXTERNO

CONTROLE DE SQUELCH(CORTE DE CHIADO)

INSTALAÇÃO SIMPLES EM CARROS.

ACOMPANHA SUPORTE, PARAFUSOS,RABICHO COM PORTA FUSÍVEL(FUSÍVEL INCLUSO),MANUAL,PTT.COMPLETO

COR ÚNICA: PRETO

 

[]s

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

×