Relatos de Viagens por 2 ou mais países da América do Sul
#1110478 por Koslinsky
28 Jul 2015, 14:32
Dia 24 - 24/02/2014 – De Coyhaique ao Parque Nacional Queulat

    • Quilometragem do dia: 216
    • Quilometragem acumulada da viagem: 8.281
    • Gasto aproximado do dia: R$ 269,76

Nosso objetivo de hoje: Parque Nacional Queulat.

Antes de deixarmos a cidade de Coyhaique, buscamos trocar alguns reais. Tivemos um pouco de dificuldade em encontrar uma casa de câmbio que aceitasse reais (normalmente aceitavam somente dólares e pesos argentinos). Por fim encontramos uma casa em que pagaram 210 pesos chilenos por real. A melhor cotação até aqui.

Abastecemos também, gasolina (especial 93) a 886 pesos o litro.


Imagem 548 Dia 24 - Carretera Austral (ruta 7).JPG
Imagem 548 Dia 24 - Carretera Austral (ruta 7)
Imagem 548 Dia 24 - Carretera Austral (ruta 7).JPG (2.81 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 549 Dia 24 - Carretera Austral (ruta 7).JPG
Imagem 549 Dia 24 - Carretera Austral (ruta 7)
Imagem 549 Dia 24 - Carretera Austral (ruta 7).JPG (3.17 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 550 Dia 24 - Linda paisagem da Carretera Austral.JPG
Imagem 550 Dia 24 - Linda paisagem da Carretera Austral
Imagem 550 Dia 24 - Linda paisagem da Carretera Austral.JPG (2.55 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 551 Dia 24 - Lhamas.JPG
Imagem 551 Dia 24 - Lhamas?
Imagem 551 Dia 24 - Lhamas.JPG (2.28 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 552 Dia 24 - Placa marcando a entrada no Parque Nacional Queulat.JPG
Imagem 552 Dia 24 - Placa marcando a entrada no Parque Nacional Queulat
Imagem 552 Dia 24 - Placa marcando a entrada no Parque Nacional Queulat.JPG (4.17 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 553 Dia 24 - Estrada não pavimentada e cada vez mais estreita.JPG
Imagem 553 Dia 24 - Estrada não pavimentada e cada vez mais estreita
Imagem 553 Dia 24 - Estrada não pavimentada e cada vez mais estreita.JPG (4.7 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 554 Dia 24 - Indicação do diamante do parque Vetisquero Colgante.JPG
Imagem 554 Dia 24 - Indicação do diamante do parque: Vetisquero Colgante
Imagem 554 Dia 24 - Indicação do diamante do parque Vetisquero Colgante.JPG (6.01 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 555 Dia 24 - Informações.jpg
Imagem 555 Dia 24 - Informações
Imagem 555 Dia 24 - Informações.jpg (4.96 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 556 Dia 24 - Vetisquero Colgante da estrada!.JPG
Imagem 556 Dia 24 - Vetisquero Colgante da estrada!
Imagem 556 Dia 24 - Vetisquero Colgante da estrada!.JPG (3.63 MiB) Exibido 1252 vezes


De Coyhaique ao começo do parque são ~180 km, sempre seguindo pela Carretera Austral (Ruta 7). Até o começo do parque (na bifurcação da estrada, em que à esquerda se segue para Puerto Cisnes) a rodovia é asfaltada. Do começo do parque até a bifurcação para entrada que se leva a recepção do parque são aproximadamente 35 km de rípio, estrada estreita e muitas curvas, tudo isso no meio de uma vegetação alta e densa, rodeada por montanhas. Mais uns 2km a dentro da lateral à direita da Carretera Austral se chega ao estacionamento e início das trilhas que levam para aos mirantes.

No caminho existe uma recepção com guarda parque que disponibiliza informações e cobra o ingresso ao parque. Ali também, pode-se contratar a estadia no camping.

Entrada do parque: 4.000 pesos por pessoa
Diária em camping: 6.000 pesos por área (sítio)

Pagamos nossas entradas e reservamos uma vaga no camping. Seguimos para o acampamento e nos preparamos para fazer a trilha que leva ao mirante do Vetisquero Colgante, principal atração do parque.

O Vetisquero Colgante é um glaciar preso a uma montanha e o seu degelo gera uma queda d’água que alimenta uma lagoa azul turquesa – a Laguna de los Témpanos.

O clima no parque é bastante úmido a se assemelha em partes com as matas que estamos acostumados a encontrar no litoral. Para se ter uma ideia da umidade, no parque a média anual de chuva é de 4 mil mm por ano (mesma média da cidade de Calçoene no Amapá, mais chuvosa do Brasil. Em São Paulo a média é de ~1,4 mil mm, e na minha cidade, Joinville, é de 0,134 mil mm por ano).

A trilha que leva até o Mirador do Vetisquero Colgante é de 3 km, que fizemos em 1h30. Ela começa atravessando uma linda ponte de madeira sobre o rio gerado pela Laguna Témpanos, depois sobre em meio à vegetação muito úmida e fechada.

A trilha é muito bonita! Uma das mais bonitas que já fizemos.


Imagem 557 Dia 24 - Fizemos o trajeto 1 (Vetisquero Colgante) e depois o trajeto 2 (Laguna Témpanos).JPG
Imagem 557 Dia 24 - Fizemos o trajeto 1 (Vetisquero Colgante) e depois o trajeto 2 (Laguna Témpanos)
Imagem 557 Dia 24 - Fizemos o trajeto 1 (Vetisquero Colgante) e depois o trajeto 2 (Laguna Témpanos).JPG (3.76 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 558 Dia 24 - Rio Témpanos e lá atrás das árvores o glaciar.JPG
Imagem 558 Dia 24 - Rio Témpanos e lá atrás das árvores o glaciar
Imagem 558 Dia 24 - Rio Témpanos e lá atrás das árvores o glaciar.JPG (5.47 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 559 Dia 24 - Ponte sobre o Rio Témpanos.JPG
Imagem 559 Dia 24 - Ponte sobre o Rio Témpanos
Imagem 559 Dia 24 - Ponte sobre o Rio Témpanos.JPG (6.21 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 560 Dia 24 - Trilha ao Mirador do Vetisquero Colgante.JPG
Imagem 560 Dia 24 - Trilha ao Mirador do Vetisquero Colgante
Imagem 560 Dia 24 - Trilha ao Mirador do Vetisquero Colgante.JPG (5.04 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 561 Dia 24 - Lá embaixo a Laguna Témpanos.JPG
Imagem 561 Dia 24 - Lá embaixo a Laguna Témpanos
Imagem 561 Dia 24 - Lá embaixo a Laguna Témpanos.JPG (4.79 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 562 Dia 24 - Trilha bastante úmida.JPG
Imagem 562 Dia 24 - Trilha bastante úmida
Imagem 562 Dia 24 - Trilha bastante úmida.JPG (4.58 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 563 Dia 24 - Vista do mirante ao Vetisquero Colgante, as duas quedas d’água e a Laguna Témpanos.JPG
Imagem 563 Dia 24 - Vista do mirante ao Vetisquero Colgante, as duas quedas d’água e a Laguna Témpanos
Imagem 563 Dia 24 - Vista do mirante ao Vetisquero Colgante, as duas quedas d’água e a Laguna Témpanos.JPG (2.06 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 564 Dia 24 - Zoom no Vetisquero Colgante.JPG
Imagem 564 Dia 24 - Zoom no Vetisquero Colgante
Imagem 564 Dia 24 - Zoom no Vetisquero Colgante.JPG (2.89 MiB) Exibido 1252 vezes


Depois de um descanso e diversas fotos, descemos a trilha. Antes de atravessarmos a ponto, seguimos pela bifurcação a esquerda da trilha, que leva a um ponto de melhor observação da laguna (mais 500 metros).

A laguna tem uma cor maravilhosa, que parece ser uma tinta leitosa.

Trilha no Parque Nacional Queulat ao Mirador Vetisquero Colgante - Chile
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=9889665

Trilha no Parque Nacional Queulat a Laguna de los Témpanos - Chile
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=9889667


Imagem 565 Dia 24 - Trilha para a Laguna Témpanos.JPG
Imagem 565 Dia 24 - Trilha para a Laguna Témpanos
Imagem 565 Dia 24 - Trilha para a Laguna Témpanos.JPG (5.3 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 566 Dia 24 - Laguna Témpanos e Vetisquero Colgante.JPG
Imagem 566 Dia 24 - Laguna Témpanos e Vetisquero Colgante
Imagem 566 Dia 24 - Laguna Témpanos e Vetisquero Colgante.JPG (4.07 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 567 Dia 24 - Reparem a cor da água.JPG
Imagem 567 Dia 24 - Reparem a cor da água
Imagem 567 Dia 24 - Reparem a cor da água.JPG (2.47 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 568 Dia 24 - Ponte onde atravessamos o rio.JPG
Imagem 568 Dia 24 - Ponte onde atravessamos o rio
Imagem 568 Dia 24 - Ponte onde atravessamos o rio.JPG (5.17 MiB) Exibido 1252 vezes


Já era fim do dia e voltamos para nosso acampamento. O camping é muito bem estruturado, com banheiros e água quente. Só tivemos algumas dificuldades:
Armar a barraca, porque o solo é muito rochoso (nossa barraca não é autoportante)
Se proteger de butucas (não sei que inseto era, mas o frasco todo de repelente não dava conta); E aguentar os chilenos vizinhos que escutaram, à noite toda, as músicas da Daniela Mercury.


Imagem 569 Dia 24 - Estrada entre as áreas de camping.JPG
Imagem 569 Dia 24 - Estrada entre as áreas de camping
Imagem 569 Dia 24 - Estrada entre as áreas de camping.JPG (5.95 MiB) Exibido 1252 vezes


Imagem 570 Dia 24 - Áreas de camping.JPG
Imagem 570 Dia 24 - Áreas de camping
Imagem 570 Dia 24 - Áreas de camping.JPG (3.97 MiB) Exibido 1252 vezes


Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    Parque Nacional Queulat: parque com vegetação densa “sempre verde” cortado pela Carretera Austral. Possui trilhas lindíssimas. Atração principal do parque é o Vetisquero Colgante, geleira pendurada no topo de montanhas, e azul turquesa Laguna Témpanos, abastecida pelo degelo do glaciar.

Hospedagem

Camping do Parque Nacional Queulat – Muito Bom ::cool:: ::cool::
Preço: 6.000 pesos chilenos pela área de camping. Possui torneira com água, mesa e bancos, com área coberta. Possui banheiros e chuveiros de água quente. Belo camping.


Gastos do dia

Imagem 571 Dia 24 - Tabela de gastos do dia 24.jpg
Imagem 571 Dia 24 - Tabela de gastos do dia 24
Imagem 571 Dia 24 - Tabela de gastos do dia 24.jpg (49.94 KiB) Exibido 1252 vezes

#1110841 por Koslinsky
29 Jul 2015, 19:51
Dia 25 - 25/02/2014 – Do Parque Nacional Queulat a Futaleufú

    • Quilometragem do dia: 300
    • Quilometragem acumulada da viagem: 8.581
    • Gasto aproximado do dia: R$ 230,95

Neste dia passamos quase o tempo todo na estrada. Tínhamos planejado chegar em Futaleufú neste dia, aproximadamente 200 km do Parque Queulat.

Saímos perto das 10h30 e seguimos pela Carretera Austral (ruta 7) até La Junta, onde almoçamos. Comemos uma truta maravilhosa no restaurante Patagon (14.000 pesos, ~70 reais). Foi em La Junta que fomos parados pela primeira e única vez pela polícia. O policial só consultou nossos documentos e desejou boa viajem. Rápido e cordial.

Chegamos em Futaleufú próximo das 19 horas. Eu errei o caminho e com isso tivemos que andar uns 80 km à toa. Além disso, a estrada oscilava entre rípio e asfalto. Muitos trechos estavam em obra.

Em Futaleufú encontramos um camping no meio da cidade, que é bastante pequena. Apesar de pequena ela recebe muitos turistas que buscam os esportes radicais no famoso rio Futaleufú, um dos melhores rios para rafting do mundo. Ele possui corredeiras de até nível V (o nível máximo que existe é VI, só aproveitado pelos profissionais experts). O rio é muito lindo. Com ou sem rafting, ele é de tirar o fôlego.

Neste dia caminhamos pela pequena cidade e jantamos num restaurante muito gostoso chamado Sur Andes.


Imagem 572 Dia 25 - Placa pouco animadora em La Junta.JPG
Imagem 572 Dia 25 - Placa pouco animadora em La Junta
Imagem 572 Dia 25 - Placa pouco animadora em La Junta.JPG (2.49 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 573 Dia 25 - Carretera Austral, trajeto em obras.JPG
Imagem 573 Dia 25 - Carretera Austral, trajeto em obras
Imagem 573 Dia 25 - Carretera Austral, trajeto em obras.JPG (2.32 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 574 Dia 25 - Carretera Austral, trajeto em obras.JPG
Imagem 574 Dia 25 - Carretera Austral, trajeto em obras
Imagem 574 Dia 25 - Carretera Austral, trajeto em obras.JPG (3.35 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 575 Dia 25 - Linda paisagem, a beira da Carretera Austral.JPG
Imagem 575 Dia 25 - Linda paisagem, a beira da Carretera Austral
Imagem 575 Dia 25 - Linda paisagem, a beira da Carretera Austral.JPG (4.25 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 576 Dia 25 - Oceano pacífico em meio aos fiordes, visto da Carretera Austral.JPG
Imagem 576 Dia 25 - Oceano pacífico em meio aos fiordes, visto da Carretera Austral
Imagem 576 Dia 25 - Oceano pacífico em meio aos fiordes, visto da Carretera Austral.JPG (2.46 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 577 Dia 25 - Pacífico visto da Carretera Austral. Vontade de ficar.JPG
Imagem 577 Dia 25 - Pacífico visto da Carretera Austral. Vontade de ficar
Imagem 577 Dia 25 - Pacífico visto da Carretera Austral. Vontade de ficar.JPG (2.77 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 578 Dia 25 - Pequena cidade de Futaleufú.JPG
Imagem 578 Dia 25 - Pequena cidade de Futaleufú
Imagem 578 Dia 25 - Pequena cidade de Futaleufú.JPG (1.83 MiB) Exibido 1192 vezes


Imagem 579 Dia 25 - Camping El Pescador, desaconselhável.JPG
Imagem 579 Dia 25 - Camping El Pescador, desaconselhável
Imagem 579 Dia 25 - Camping El Pescador, desaconselhável.JPG (5.17 MiB) Exibido 1192 vezes


Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    • Rio Futaleufu: para quem gosta de esportes radicais, este rio é uma boa sugestão. Muito bonito.

Hospedagem

Camping El Pescador – Ruim ::bad::
Endereço: Balmaceda, 764
Preço: 3000 pesos chilenos por pessoa, cerca de 15 reais. Banheiro com péssimas estruturas e chuveiro mais frio que quente. Além da falta de estrutura no camping, os donos não dão regras aos hóspedes que superlotam o local. É um camping a ser evitado.


Gastos do dia

Imagem 580 Dia 25 - Tabela de gastos do dia 25.jpg
Imagem 580 Dia 25 - Tabela de gastos do dia 25
Imagem 580 Dia 25 - Tabela de gastos do dia 25.jpg (39.75 KiB) Exibido 1192 vezes
#1111249 por erico.bastos
31 Jul 2015, 11:23
Koslinsky, muito obrigado pelas informações.

Me lembrei de te perguntar mais uma coisa... foi pedido a voces a PID (permissao internacional para dirigir)?
Em alguns sites leio que no Chile é obrigatório em outros falam que atualmente não é mais necessários que somente a CNH já está ok.

Obrigado!
#1113967 por Koslinsky
11 Ago 2015, 12:45
edumc escreveu:Koslinsky
parabéns pelo seu relato. Vocês chegaram a fazer toda a carretera austral? como estava as condições dela, é que estava pensando em ir ano que vem com um carro baixo,no caso um corolla


Olá edumc,
Obrigada!
Nós não fizemos toda a Carretera Austral. Entramos pelo Paso de las Llaves que liga Chile Chico a carretera (próximo a Puerto Rio Tranquilo) e subimos até a bifurcação com a Ruta 235 que segue para Futaleufú, de onde saímos do Chile. Rodamos 600 dos 1240 km da carretera.
Muitos trechos estão sendo asfaltados e a maioria do trajeto em que passamos estava em boas condições. Um trecho mais difícil é dentro do Parque Queulat. A serra é estreita, íngreme e com buracos. Você só não poderá ter muita pena do carro.
Para mim, a chatice do rípio e das costelas de vaca era compensada (e muito) pela paisagem.
#1115022 por Koslinsky
15 Ago 2015, 14:28
Dia 26 - 26/02/2014 – De Futaleufú a El Bolsón

    • Quilometragem do dia: 286
    • Quilometragem acumulada da viagem: 8.867
    • Gasto aproximado do dia: R$ 227,38

Passamos a manhã em Futaleufú.

Futaleufú é conhecida por causa do rio de mesmo nome que corta a região com uma cor impressionante. Mas, além das atividades relacionadas ao rio (rafting, canoagem e pesca), existem trilhas que podem ser percorridas. Pode-se subir até montes, fazer trilhas e refazer através da Ruta del Colono a rota dos antigos moradores...

Não fizemos nenhum dos trekkings indicados no centro de informações turísticas da cidade. Fomos apenas até o Setor Rio Chico da Reserva Nacional Futaleufú. Lá encontramos uma curta trilha (600 metros) até um cânion formado pelo rio. Vimos esta trilha por acaso e com certeza tivemos uma surpresa maravilhosa com a vista.

Pequena trilha para um cânion do Rio Futaleufú
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=10488981


Imagem 581 Dia 26 - Mapa turístico de Futaleufu.JPG
Imagem 581 Dia 26 - Mapa turístico de Futaleufú
Imagem 581 Dia 26 - Mapa turístico de Futaleufu.JPG (2.31 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 582 Dia 26 - Rio Futaleufú visto da ponte Gelvez .JPG
Imagem 582 Dia 26 - Rio Futaleufú visto da ponte Gelvez
Imagem 582 Dia 26 - Rio Futaleufú visto da ponte Gelvez .JPG (5.98 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 583 Dia 26 - Detalhe da cor e transparência da água .JPG
Imagem 583 Dia 26 - Detalhe da cor e transparência da água
Imagem 583 Dia 26 - Detalhe da cor e transparência da água .JPG (4.69 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 584 Dia 26 - Em direção ao Sector Rio Chico na Reserva Nacional Futaleufú.JPG
Imagem 584 Dia 26 - Em direção ao Sector Rio Chico na Reserva Nacional Futaleufú
Imagem 584 Dia 26 - Em direção ao Sector Rio Chico na Reserva Nacional Futaleufú.JPG (5.71 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 585 Dia 26 - Estrada em direção ao Sector Rio Chico na Reserva Nacional Futaleufú.JPG
Imagem 585 Dia 26 - Estrada em direção ao Sector Rio Chico na Reserva Nacional Futaleufú
Imagem 585 Dia 26 - Estrada em direção ao Sector Rio Chico na Reserva Nacional Futaleufú.JPG (5.1 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 586 Dia 26 - Pequena trilha para um dos cânions do rio Futaleufú .JPG
Imagem 586 Dia 26 - Pequena trilha para um dos cânions do rio Futaleufú
Imagem 586 Dia 26 - Pequena trilha para um dos cânions do rio Futaleufú .JPG (6.33 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 587 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG
Imagem 587 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú
Imagem 587 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG (5.56 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 588 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG
Imagem 588 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú
Imagem 588 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG (5.86 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 589 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG
Imagem 589 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú
Imagem 589 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG (6.06 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 590 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG
Imagem 590 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú
Imagem 590 Dia 26 - Cânion do Rio Futaleufú.JPG (4.52 MiB) Exibido 1053 vezes


Seguimos um pouco mais até o Mirador Canãdon del Diablo, onde se tem a vista de uma outra parte do cânion que é acompanhado paralelamente pela estrada.

Mirador Canãdon del Diablo, formado pelo Rio Futaleufú
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=10480517


Imagem 591 Dia 26 - Seguindo para o mirante do Cânion do Diabo do Rio Futaleufú.JPG
Imagem 591 Dia 26 - Seguindo para o mirante do Cânion do Diabo do Rio Futaleufú
Imagem 591 Dia 26 - Seguindo para o mirante do Cânion do Diabo do Rio Futaleufú.JPG (5.37 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 592 Dia 26 - Cânion do Diabo do Rio Futaleufú visto do mirante.JPG
Imagem 592 Dia 26 - Cânion do Diabo do Rio Futaleufú visto do mirante
Imagem 592 Dia 26 - Cânion do Diabo do Rio Futaleufú visto do mirante.JPG (5.82 MiB) Exibido 1053 vezes


Próximo ao meio dia, estávamos de volta no restaurante Sur Andes para um bom almoço gastando nossos últimos pesos chilenos. À tarde cruzaríamos para a Argentina com destino a El Bolsón.

Depois de atravessar a fronteira (foi uma travessia rápida sem revista no carro, a aduada estava bem vazia), paramos em Trevellin e em Esquel procurando uma casa de câmbio. Procuramos bastante, mas nenhum lugar trocava reais.

Então abastecemos o carro usando nosso cartão de crédito. Até então, só tínhamos usado dinheiro em espécie. Abastecemos em Esquel nos frequentes postos YPF (7,60 pesos argentinos por litro).

Quanto mais perto de El Bolsón, mais bonita ficava a paisagem. De Esquel a El Bolsón seguimos totalmente pela Ruta 40, num trecho totalmente asfaltado.


Imagem 593 Dia 26 - Deixando o Chile e voltando para a Argentina.JPG
Imagem 593 Dia 26 - Deixando o Chile e voltando para a Argentina
Imagem 593 Dia 26 - Deixando o Chile e voltando para a Argentina.JPG (2.81 MiB) Exibido 1053 vezes


Imagem 594 Dia 26 - Ruta 40 em direção a El Bolsón na Argentina.JPG
Imagem 594 Dia 26 - Ruta 40 em direção a El Bolsón na Argentina
Imagem 594 Dia 26 - Ruta 40 em direção a El Bolsón na Argentina.JPG (4.16 MiB) Exibido 1053 vezes


Em El Bolsón, por coincidência, paramos em uma pequena loja de brasileiros, que moram lá há alguns anos. Eles nos indicaram um ótimo lugar para trocar dinheiro (Pulmari Turismo, Perito Moreno 2871). Trocamos 1 real por 4 pesos argentinos. Ótima cotação!

Neste dia ficamos acampados no camping da Cervejaria Artesanal El Bolsón. O camping e a cerveja são ótimos!


Imagem 595 Dia 26 - Camping Cervejaria Artesanal El Bolsón.JPG
Imagem 595 Dia 26 - Camping Cervejaria Artesanal El Bolsón
Imagem 595 Dia 26 - Camping Cervejaria Artesanal El Bolsón.JPG (4.95 MiB) Exibido 1053 vezes


Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    • Cânion do Diabo do Rio Futaleufú: um lindo cânion formado pela erosão do rio Futaleufú. A floresta contrasta com o azul turquesa do rio.

Hospedagem

Camping da Cervejaria Artesanal El Bolsón – Muito Bom ::cool:: ::cool:: ::cool::
Endereço: RN 40 (ex 258) Km 1917,6
Página: http://www.cervezaselbolson.com e https://www.facebook.com/cerveelbolson
Preço: 65 pesos argentinos com copo de chopp ou 55 sem chopp (para maiores). Para crianças 30 pesos. O camping é bastante espaçoso. Cada área possui poste individual e mesa. Banheiros amplos com ducha quente. O lugar também é bastante organizado.


Gastos do dia

Imagem 596 Dia 26 - Tabela de gastos do dia 26.jpg
Imagem 596 Dia 26 - Tabela de gastos do dia 26
Imagem 596 Dia 26 - Tabela de gastos do dia 26.jpg (33.05 KiB) Exibido 1053 vezes
#1115033 por Koslinsky
15 Ago 2015, 15:07
Dia 27 - 27/02/2014 – El Bolsón: Cajón del Azul

    • Quilometragem do dia: 45
    • Quilometragem acumulada da viagem: 8.912
    • Gasto aproximado do dia: R$ 172,50

El Bolsón é uma cidade encantadora com inúmeras atrações.

A princípio, nós dormiríamos em El Bolsón e seguiríamos viagem no dia seguinte. Eu não tinha ouvido falar em atrações da cidade até que vi este relato aqui no Mochileiros.

Praticamente todos os lugares por onde passamos nos encantaram e temos vontade de retornar. Mas, El Bolsón, além da vontade de retornar, quase nos levou à depressão no dia em que nos despedimos. O clima leve e simples, talvez por influência hippie dos anos 70, deixa a cidade irresistível. Além disso, a natureza que circunda a cidade é bastante generosa. Existem inúmeros atrativos (Bosque Talhado, Cerro Piltriquitron, Rio Azul, um circuito completo que passa pelo Glaciar Hielo Azul...), além das cervejas artesanais e doces (a região é uma grande produtora de lúpulo e frutas como: amora silvestre, ciruela, cerejas, framboesa...)

Tínhamos apenas um dia completo para ficarmos na cidade e decidimos por fazer uma caminha até o Cajón del Azul.

Cajón del Azul é um cânion formado pelo Rio Azul que em uma determinada altura “encaixota” (cajón = caixa em espanhol) entre pedras as águas azuis do rio. Ele fica na Área Natural Protegida Río Azul – Lago Escondido.

Para se chegar ao cajón é necessário percorrer uma trilha de ~9,6 km (apenas ida), com subida acumulada de 748 metros e que dura em média 4 horas. A trilha pode ser feita a pé ou a cavalo, que pode ser alugado no rancho Wharton (Mallin Ahogado, costa de rio Azul, El Bolsón). É neste mesmo rancho onde se inicia a trilha. Lá existe um estacionamento (coordenadas -41.855849, -71.549062).

Demoramos cerca de 5 horas para concluir a trilha. Logo no início precisamos atravessar duas vezes o Rio Azul através de pontes de madeira. Estas pontes estavam em péssimo estado e segundo a placa aguentavam somente uma pessoa por vez. Felizmente, para os próximos visitantes, ao lado das pontes de madeira estavam quase concluídas duas pontes novas, mais modernas.

A trilha é bastante larga e atravessa uma floresta muito bonita, além de passar por refúgios e campings na margem do rio Azul. E bem próximo ao cajón del Azul a trilha fica mais estreita.

Quando começamos a trilha, vi várias pessoas com trajes de banho e a cada passo me batia uma tristeza por também não usar. O rio era extremamente convidativo. Mas, apesar do calor que o sol proporcionava (sensação de quase 30 graus) a água do rio era congelante. Impossível deixar o pé dentro d’água por mais de 10 segundos. Passamos até a criar uma escala de temperatura de acordo com os segundos que conseguíamos deixar o pé dentro d’água. As pessoas estavam com trajes de banho apenas para por tomar banho de sol nas pedras da margem do rio, mas um ou dois corajosos estavam nadando no cajón.

O Cajón del Azul é espetacular: de um azul límpido. Dava para ver as rochas e os peixinhos nadando!

Trilha ao Cajón del Azul
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=10481055


Imagem 597 Dia 27 - Começo trilha para o Cajón del Azul.JPG
Imagem 597 Dia 27 - Começo trilha para o Cajón del Azul
Imagem 597 Dia 27 - Começo trilha para o Cajón del Azul.JPG (3.23 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 598 Dia 27 - Vegetação ao redor da trilha para o Cajón del Azul.JPG
Imagem 598 Dia 27 - Vegetação ao redor da trilha para o Cajón del Azul
Imagem 598 Dia 27 - Vegetação ao redor da trilha para o Cajón del Azul.JPG (4.65 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 599 Dia 27 - Primeiro encontro com o Rio Azul.JPG
Imagem 599 Dia 27 - Primeiro encontro com o Rio Azul
Imagem 599 Dia 27 - Primeiro encontro com o Rio Azul.JPG (5.03 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 600 Dia 27 - Primeira ponte sobre o Rio Azul.JPG
Imagem 600 Dia 27 - Primeira ponte sobre o Rio Azul
Imagem 600 Dia 27 - Primeira ponte sobre o Rio Azul.JPG (6.25 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 601 Dia 27 - Segunda ponte sobre o Rio Azul.JPG
Imagem 601 Dia 27 - Segunda ponte sobre o Rio Azul
Imagem 601 Dia 27 - Segunda ponte sobre o Rio Azul.JPG (5.91 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 602 Dia 27 - Ponto não muito segura =S.JPG
Imagem 602 Dia 27 - Ponto não muito segura =S
Imagem 602 Dia 27 - Ponto não muito segura =S.JPG (5.9 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 603 Dia 27 - Vista pela trilha ao Cajón del Azul.JPG
Imagem 603 Dia 27 - Vista pela trilha ao Cajón del Azul
Imagem 603 Dia 27 - Vista pela trilha ao Cajón del Azul.JPG (3.84 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 604 Dia 27 - Trilha ao Cajón del Azul.JPG
Imagem 604 Dia 27 - Trilha ao Cajón del Azul
Imagem 604 Dia 27 - Trilha ao Cajón del Azul.JPG (6.75 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 605 Dia 27 - Trilha ao Cajón del Azul.JPG
Imagem 605 Dia 27 - Trilha ao Cajón del Azul
Imagem 605 Dia 27 - Trilha ao Cajón del Azul.JPG (5.84 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 606 Dia 27 - Rio Azul.JPG
Imagem 606 Dia 27 - Rio Azul
Imagem 606 Dia 27 - Rio Azul.JPG (6.37 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 607 Dia 27 - Mais uma do Rio Azul.JPG
Imagem 607 Dia 27 - Mais uma do Rio Azul
Imagem 607 Dia 27 - Mais uma do Rio Azul.JPG (6.15 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 608 Dia 27 - Árvores da trilha ao Cajón del Azul.JPG
Imagem 608 Dia 27 - Árvores da trilha ao Cajón del Azul
Imagem 608 Dia 27 - Árvores da trilha ao Cajón del Azul.JPG (6.38 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 609 Dia 27 - Vista pela trilha ao Cajón del Azul.JPG
Imagem 609 Dia 27 - Vista pela trilha ao Cajón del Azul
Imagem 609 Dia 27 - Vista pela trilha ao Cajón del Azul.JPG (4.38 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 610 Dia 27 - Transparência da água no Cajón del Azul.JPG
Imagem 610 Dia 27 - Transparência da água no Cajón del Azul
Imagem 610 Dia 27 - Transparência da água no Cajón del Azul.JPG (5.75 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 611 Dia 27 - Cajón del Río Azul.JPG
Imagem 611 Dia 27 - Cajón del Río Azul
Imagem 611 Dia 27 - Cajón del Río Azul.JPG (4.97 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 612 Dia 27 - Sob a água do Río Azul.JPG
Imagem 612 Dia 27 - Sob a água do Río Azul
Imagem 612 Dia 27 - Sob a água do Río Azul.JPG (4.58 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 613 Dia 27 - Refúgio La Playita, no metade da trilha.JPG
Imagem 613 Dia 27 - Refúgio La Playita, na metade da trilha
Imagem 613 Dia 27 - Refúgio La Playita, no metade da trilha.JPG (4.72 MiB) Exibido 1039 vezes


Começamos a trilha por volta das 10 horas da manhã e terminamos por volta das 18. Apesar de existir alguns refúgios pelo caminho, não há onde comprar comida. Por isso, é importante ir preparado.

Depois da caminhada seguimos para o Camping Los Alerces, um camping à beira do Rio Azul. Na estrada vimos muitos arbustos cheios de frutinhas. Eram amoras silvestres (murra ou zarzamora, em espanhol). Colhemos muitas delas e nos espetamos bastante também.

No camping, além de murras, também havia pés de uma espécie de ameixa (ciruelas), bem ao lado da barraca. Que paraíso!


Imagem 614 Dia 27 - Colhendo amoras pelo caminho.JPG
Imagem 614 Dia 27 - Colhendo amoras pelo caminho
Imagem 614 Dia 27 - Colhendo amoras pelo caminho.JPG (3.41 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 615 Dia 27 - Amoras colhidas no camping e doce comprado lá.JPG
Imagem 615 Dia 27 - Amoras colhidas no camping e doce comprado lá
Imagem 615 Dia 27 - Amoras colhidas no camping e doce comprado lá.JPG (3.24 MiB) Exibido 1039 vezes


Imagem 616 Dia 27 - Río Azul no camping Los Alerces.JPG
Imagem 616 Dia 27 - Río Azul no camping Los Alerces
Imagem 616 Dia 27 - Río Azul no camping Los Alerces.JPG (3.98 MiB) Exibido 1039 vezes


Nesta noite fomos ao centro da cidade e jantamos em uma pizzaria com direito a jarra de cerveja artesanal! :D :wink:

Imagem 617 Dia 27 - Que tal uma jarra de cerveja.JPG
Imagem 617 Dia 27 - Que tal uma jarra de cerveja?
Imagem 617 Dia 27 - Que tal uma jarra de cerveja.JPG (1.39 MiB) Exibido 1039 vezes


Apesar de El Bolsón ser um importante produtor de doces, não encontramos muitas opções à venda na cidade. Em El Calafate, por exemplo, vimos à venda doce de calafate produzidos em El Bolsón. Então, deixamos para fazer compras diretamente na cidade produtora, mas infelizmente não encontramos os produtos.

Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    • Cajón del Azul: Cajón del Azul é um cânion formado pelo Rio Azul que em uma determinada altura “encaixota” (cajón = caixa em espanhol) entre pedras as águas azuis do rio. Ele fica na Área Natural Protegida Río Azul – Lago Escondido.

Hospedagem

Camping Los Alerces – Muito Bom ::cool:: ::cool:: ::cool::
Endereço: Río Azul, 8430 El Bolsón
Página: https://www.facebook.com/pages/Camping-Los-Alerces/314754041872732
Preço: 50 pesos argentinos por pessoa. O camping fica à margem do Rio Azul. Um lugar muito bonito. Banheiros sem aquecimento, mas com ducha quente.


Gastos do dia

Imagem 618 Dia 27 - Tabela de gastos do dia 27.jpg
Imagem 618 Dia 27 - Tabela de gastos do dia 27
Imagem 618 Dia 27 - Tabela de gastos do dia 27.jpg (35.98 KiB) Exibido 1039 vezes
#1121470 por Koslinsky
09 Set 2015, 22:23
Dia 28 – 28/02/2014 – De El Bolsón a San Carlos de Bariloche

    • Quilometragem do dia: 173
    • Quilometragem acumulada da viagem: 9.085
    • Gasto aproximado do dia: R$ 284,39

Nós tínhamos em mente sair cedo de El Bolsón e seguir para San Carlos de Bariloche, e no caminho queríamos conhecer o Cerro Tronador e Vetisquero Negro, principais atrações do Parque Nacional Nahuel Huapi.

Mas, estava tão bom ficar acampado ao lado do Rio Azul no Camping Los Alerces que resolvemos passar a manhã por lá, tomando café e sol.

Mais tarde seguimos viagem, uma viagem bem tranquila. De El Bolsón a Bariloche são aproximadamente 130 km e a estrada (ruta 40) é pavimentada.

Quando chegamos na entrada para o Cerro Tronador, já se passava das 16 horas, então não pudemos entrar do parque. Lá, para subir e descer, existem horários pré-definidos, pois a estrada é muito estreita para dois carros.


Imagem 619 Dia 28 - Rio Azul.JPG
Imagem 619 Dia 28 - Rio Azul
Imagem 619 Dia 28 - Rio Azul.JPG (4.2 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 620 Dia 28 - Ruta 40 para San Carlos de Bariloche.JPG
Imagem 620 Dia 28 - Ruta 40 para San Carlos de Bariloche
Imagem 620 Dia 28 - Ruta 40 para San Carlos de Bariloche.JPG (3.48 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 621 Dia 28 - Entrada para o Parque Nahuel Huapi e caminho para o Monte Tronador.JPG
Imagem 621 Dia 28 - Entrada para o Parque Nahuel Huapi e caminho para o Monte Tronador
Imagem 621 Dia 28 - Entrada para o Parque Nahuel Huapi e caminho para o Monte Tronador.JPG (2.82 MiB) Exibido 881 vezes


Seguimos então para Bariloche. Lá visitamos o Cerro Otto, que em seu cume está a Confitería Giratória. Um café com janelas panorâmicas que gira 360 graus. Assim é possível admirar a vista de todos os ângulos de cima do Cerro Otto.

Preços da confeitaria não são altos e dependendo do horário possuem pratos para almoço e café.

Subimos de carro até lá, mas pode-se (e acho mais aconselhável) subir através de teleférico. Tínhamos poucas informações, por isso fomos até lá pela estrada. O trajeto é bastante íngreme e estreito. A situação fica bem difícil quando se vê um veículo vindo na direção contrária.

Tomamos um café e fizemos (descida e subida) de teleférico, admirando a cidade e o Lago Nahuel Huapi. Para descida de teleférico mais entrada na confeitaria foram 90 pesos por pessoa. E para subida (retorno, no nosso caso) foram 80 pesos por pessoa. Somando duas pessoas foram ~85 reais.

O sentimento de estar lá é um pouco antagônico, já que é muito confortável tomar um café numa cadeira fofa admirando a paisagem e ao mesmo tempo pensar que um pico tão bonito foi desmatado e concretado para servir de base para turistas tomarem um cafezinho confortavelmente.


Imagem 622 Dia 28 - Subida por funicular para entrada na Confitería Giratória.JPG
Imagem 622 Dia 28 - Subida por funicular para entrada na Confitería Giratória
Imagem 622 Dia 28 - Subida por funicular para entrada na Confitería Giratória.JPG (3.76 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 623 Dia 28 - Confitería Giratória no topo do Cerro Otto.JPG
Imagem 623 Dia 28 - Confitería Giratória no topo do Cerro Otto
Imagem 623 Dia 28 - Confitería Giratória no topo do Cerro Otto.JPG (4.03 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 624 Dia 28 - Vista pelo teleférico da cidade de Bariloche e Lago Nahuel Huapi.JPG
Imagem 624 Dia 28 - Vista pelo teleférico da cidade de Bariloche e Lago Nahuel Huapi
Imagem 624 Dia 28 - Vista pelo teleférico da cidade de Bariloche e Lago Nahuel Huapi.JPG (3.47 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 625 Dia 28 - Vista de dentro da Confitería Giratória.JPG
Imagem 625 Dia 28 - Vista de dentro da Confitería Giratória
Imagem 625 Dia 28 - Vista de dentro da Confitería Giratória.JPG (2.67 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 626 Dia 28 - Fim de tarde no Cerro Ottto.JPG
Imagem 626 Dia 28 - Fim de tarde no Cerro Ottto
Imagem 626 Dia 28 - Fim de tarde no Cerro Ottto.JPG (3.75 MiB) Exibido 881 vezes


Depois do café no Cerro Otto, já fim do dia, fomos ao Camping Petúnia, onde acamparíamos. Este camping fica à beira do lago Nahuel Huapi. Uma linda paisagem!

Imagem 627 Dia 28 - Lago Nahuel Huapi do Camping Petúnia.JPG
Imagem 627 Dia 28 - Lago Nahuel Huapi do Camping Petúnia
Imagem 627 Dia 28 - Lago Nahuel Huapi do Camping Petúnia.JPG (2.53 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 628 Dia 28 - Lago Nahuel Huapi do Camping Petúnia.JPG
Imagem 628 Dia 28 - Lago Nahuel Huapi do Camping Petúnia
Imagem 628 Dia 28 - Lago Nahuel Huapi do Camping Petúnia.JPG (3.23 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 629 Dia 28 - Estrutura central do Camping Petúnia.JPG
Imagem 629 Dia 28 - Estrutura central do Camping Petúnia
Imagem 629 Dia 28 - Estrutura central do Camping Petúnia.JPG (2.97 MiB) Exibido 881 vezes


Imagem 630 Dia 28 - Camping Petúnia.JPG
Imagem 630 Dia 28 - Camping Petúnia
Imagem 630 Dia 28 - Camping Petúnia.JPG (3.14 MiB) Exibido 881 vezes


Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    • Cerro Otto e Confitería Giratória: Um café com janelas panorâmicas e que gira 360 graus. Também é a parada de um teleférico.
    • Lago Nahuel Huapi: Um enorme e lindo lago azul, margeado pelo parque de mesmo nome.

Hospedagem

Camping Petunia – Muito Bom ::cool:: ::cool:: ::cool::
Endereço: Av. Exequiel Bustillo Km 13.5, 8400
Página: www.campingpetunia.com
Preço: 70 pesos argentinos por pessoa + 10 pesos por automóvel. O camping fica à margem do Lago Nahuel Huapi. Possui ótima estrutura para barracas e motor-home. Bons banheiros. Sala de jogos. Mesmo sendo bastante grande e receber muitos hospedes, o camping tem regras de silêncio bem respeitadas.


Gastos do dia

Imagem 631 Dia 28 - Tabela de gastos do dia 28.jpg
Imagem 631 Dia 28 - Tabela de gastos do dia 28
Imagem 631 Dia 28 - Tabela de gastos do dia 28.jpg (42.07 KiB) Exibido 881 vezes
#1121482 por Koslinsky
09 Set 2015, 23:09
Dia 29 – 01/03/2014 – De San Carlos de Bariloche a Villa La Angostura

    • Quilometragem do dia: 105
    • Quilometragem acumulada da viagem: 9.190
    • Gasto aproximado do dia: R$ 310,25

Pela manhã, andamos pela cidade de Bariloche e aproveitamos para tomar um café reforçado em uma das padarias do centro. Em Bariloche eu senti o mesmo atendimento frio de Buenos Aires, muito diferente das outras regiões da Argentina que passamos.

Bariloche tem 130 mil habitantes e parece, apesar da evoluída estrutura turística, uma cidade pequena. Mesmo assim em cada canto tem uma loja de suvenir e cachorros São Bernardo a disposição para tirar fotos (cobradas, é claro).

Paramos no Centro Cívico que é a praça principal da cidade. Estava bem movimentado, assim como a Rua Mitre, onde está a maioria das lojas de artesanatos e suvenires. Ali também se encontra o centro de informações turísticas. As informações são dadas em português também.

Para encerrar nossa pequena caminhada por Bariloche, visitamos a Catedral Nossa Senhora do Nahuel Huapi. Uma igreja no estilo neogótico muito bonita. Mas, o que mais me chamou atenção foi a Via Crucis, criada em peças de argila. São bastante impactantes.


Imagem 632 Dia 29 - Centro Cívico de Bariloche.JPG
Imagem 632 Dia 29 - Centro Cívico de Bariloche
Imagem 632 Dia 29 - Centro Cívico de Bariloche.JPG (3.04 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 633 Dia 29 - Centro Cívico de Bariloche.JPG
Imagem 633 Dia 29 - Centro Cívico de Bariloche
Imagem 633 Dia 29 - Centro Cívico de Bariloche.JPG (3.74 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 634 Dia 29 - Catedral Nossa Senhora do Nahuel Huapi.JPG
Imagem 634 Dia 29 - Catedral Nossa Senhora do Nahuel Huapi
Imagem 634 Dia 29 - Catedral Nossa Senhora do Nahuel Huapi.JPG (4.68 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 635 Dia 29 - Dentro da catedral.JPG
Imagem 635 Dia 29 - Dentro da catedral
Imagem 635 Dia 29 - Dentro da catedral.JPG (4.08 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 636 Dia 29 - Uma das estações da Via Crucis.JPG
Imagem 636 Dia 29 - Uma das estações da Via Crucis
Imagem 636 Dia 29 - Uma das estações da Via Crucis.JPG (2.94 MiB) Exibido 865 vezes


Seguimos viagem para Villa La Angostura, cerca de 80 km de Bariloche.

Nosso destino: conhecer o Parque Nacional Los Arrayanes através de um passeio de barco pelo Lago Nahuel Huapi.

O parque tem esse nome por causa dos arrayanes, árvores com mais ou menos 300 anos com troncos mesclados de cor de canela e cor branca. O bosque é muito bonito. E conta-se que Walt Disney se inspirou no bosque de arrayanes para criar o seu filme Bambi.

A concentração de arrayanes está na extremidade sul da península de Quetrihué, onde o parque se encontra. Quetrihué em mapuche significa “onde há arrayanes”.

Para entrar no parque paga-se uma taxa de 65 pesos por pessoa e pode-se fazer a visita através de uma trilha de 12 km (a pé ou bicicleta) que leva à extremidade sul, onde estão os arrayanes, ou então fazer um passeio de barco que contorna a península pelo Oeste até o bosque de arrayanes. Para o passeio de barco são pagos 250 pesos por pessoa.

Fizemos o passeio de barco que saía às 14 horas que sai da Bahia Brava próximo da entrada do parque. O passeio é muito gostoso. O Lago Nahuel Huapi é bastante límpido e calmo. Era possível ver o fundo do lado próximo à margem. O trajeto de barco durou cerca de 50 minutos e tivemos em torno de 1 hora desembarcados para conhecer o bosque.

Onde se encontram os arrayanes, a trilha é toda demarcada com passarelas de madeira e tem 800 metros de extensão. O lugar, à beira do lago, também conta com uma lanchonete.

O lago e o bosque são imperdíveis. Uma paisagem muito bonita.

Trajeto de barco até o Parque Nacional Los Arrayanes
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=10489259

Pequena trilha Bosque de Arrayanes no Parque Nacional Los Arrayanes
Tracklog disponível em: http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=10489276


Imagem 637 Dia 29 - Folder do passeio de catamarã.jpg
Imagem 637 Dia 29 - Folder do passeio de catamarã
Imagem 637 Dia 29 - Folder do passeio de catamarã.jpg (3.01 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 638 Dia 29 - Folder do passeio de catamarã com valores e horários.jpg
Imagem 638 Dia 29 - Folder do passeio de catamarã com valores e horários
Imagem 638 Dia 29 - Folder do passeio de catamarã com valores e horários.jpg (3.19 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 639 Dia 29 - Ticket da entrada do parque.JPG
Imagem 639 Dia 29 - Ticket da entrada do parque
Imagem 639 Dia 29 - Ticket da entrada do parque.JPG (1.34 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 640 Dia 29 - Ruta 40 em direção a Villa La Angostura.JPG
Imagem 640 Dia 29 - Ruta 40 em direção a Villa La Angostura
Imagem 640 Dia 29 - Ruta 40 em direção a Villa La Angostura.JPG (2.61 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 641 Dia 29 - Bahia Brava de onde sai o passeio para o parque.JPG
Imagem 641 Dia 29 - Bahia Brava de onde sai o passeio para o parque
Imagem 641 Dia 29 - Bahia Brava de onde sai o passeio para o parque.JPG (4.67 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 642 Dia 29 - Lago Nahuel Huapi.JPG
Imagem 642 Dia 29 - Lago Nahuel Huapi
Imagem 642 Dia 29 - Lago Nahuel Huapi.JPG (3.41 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 643 Dia 29 - Seguindo a margem oeste da Península Quetrihué.JPG
Imagem 643 Dia 29 - Seguindo a margem oeste da Península Quetrihué
Imagem 643 Dia 29 - Seguindo a margem oeste da Península Quetrihué.JPG (3.72 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 644 Dia 29 - Seguindo a margem oeste da Península Quetrihué.JPG
Imagem 644 Dia 29 - Seguindo a margem oeste da Península Quetrihué
Imagem 644 Dia 29 - Seguindo a margem oeste da Península Quetrihué.JPG (4.64 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 645 Dia 29 - Panorâmica do lado e parque.JPG
Imagem 645 Dia 29 - Panorâmica do lado e parque
Imagem 645 Dia 29 - Panorâmica do lado e parque.JPG (1.8 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 646 Dia 29 - Início do circuito pelo Bosque de Arrayanes.JPG
Imagem 646 Dia 29 - Início do circuito pelo Bosque de Arrayanes
Imagem 646 Dia 29 - Início do circuito pelo Bosque de Arrayanes.JPG (4.96 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 647 Dia 29 - Passarelas pelo Bosque de Arrayanes.JPG
Imagem 647 Dia 29 - Passarelas pelo Bosque de Arrayanes
Imagem 647 Dia 29 - Passarelas pelo Bosque de Arrayanes.JPG (4.55 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 648 Dia 29 - Bosque de Arrayanes.JPG
Imagem 648 Dia 29 - Bosque de Arrayanes
Imagem 648 Dia 29 - Bosque de Arrayanes.JPG (5.27 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 649 Dia 29 - Detalhe do tronco de um arrayane.JPG
Imagem 649 Dia 29 - Detalhe do tronco de um arrayane
Imagem 649 Dia 29 - Detalhe do tronco de um arrayane.JPG (5.72 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 650 Dia 29 - Retorno a Bahia Brava.JPG
Imagem 650 Dia 29 - Retorno a Bahia Brava
Imagem 650 Dia 29 - Retorno a Bahia Brava.JPG (4.18 MiB) Exibido 865 vezes


No fim do passeio, às 17 horas, fomos em busca de um camping. Ficamos nesta noite no Camping Cullumche, à beira do lago em Villa La Angostura.

Montamos acampamento e sobrou tempo para pegarmos um sol à beira do lago. Muitas pessoas também estavam fazendo isso e algumas crianças se arriscavam a nadar. Nós só colocamos os pés naquela água congelante.


Imagem 651 Dia 29 - Pegando um sol à margem do Nahuel Huapi no camping Cullumche.JPG
Imagem 651 Dia 29 - Pegando um sol à margem do Nahuel Huapi no camping Cullumche
Imagem 651 Dia 29 - Pegando um sol à margem do Nahuel Huapi no camping Cullumche.JPG (4.19 MiB) Exibido 865 vezes


Imagem 652 Dia 29 - Fim de tarde à margem do Nahuel Huapi no camping Cullumche.JPG
Imagem 652 Dia 29 - Fim de tarde à margem do Nahuel Huapi no camping Cullumche
Imagem 652 Dia 29 - Fim de tarde à margem do Nahuel Huapi no camping Cullumche.JPG (2.74 MiB) Exibido 865 vezes


Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    • Centro Cívico de Bariloche: praça principal da cidade onde se encontra o centro de informações turísticas e venda de produtos artesanais. Próximo estão as lojas de suvenir.
    • Catedral Nossa Senhora do Nahuel Huapi: igreja em estilo gótico muito bonita.
    • Parque Nacional Los Arrayanes: parque com bosque de arrayanes, árvores bonitas.

Hospedagem

Camping Cullumche – Muito Bom ::cool:: ::cool:: ::cool::
Endereço: Boulevard Quetrihué y Nahuel Huapi. Coordenadas: -40.771568, -71.666960
Página: http://www.solocampings.com.ar/camping/ ... /1646.html
Preço: 70 pesos argentinos por pessoa. Camping com uma lanchonete com poucas opções de comida, mas com cerveja gelada. Banheiros tem uma estrutura boa, mas no dia em que estávamos estava sem luz. A localização do camping faz toda a diferença.


Gastos do dia

Imagem 653 Dia 29 - Tabela de gastos do dia 29.jpg
Imagem 653 Dia 29 - Tabela de gastos do dia 29
Imagem 653 Dia 29 - Tabela de gastos do dia 29.jpg (28.82 KiB) Exibido 865 vezes
#1121488 por Koslinsky
09 Set 2015, 23:26
Dia 30 – 02/03/2014 – De Villa La Angostura a Neuquén, passando por Villa El Chocón

    • Quilometragem do dia: 550
    • Quilometragem acumulada da viagem: 9.740
    • Gasto aproximado do dia: R$ 455,50

Seguindo nosso retorno para casa, saímos pela manhã de Villa La Angostura com destino a Neuquén passando pela Rota dos Sete Lagos.

Com pouco mais de 100 km entre Villa la Angostura e San Martín de los Andes, a estrada passa por uma paisagem montanhosa com vários lagos (sete lagos: Lácar, Machónico, Villarino, Falkner, Escondido, Espejo Grande e Correntoso).

Levamos 2 horas aproximadamente para concluir este percurso, com várias paradas para fotos.

Em San Martin tomamos um bom café, abastecemos (10,30 pesos por litro) e seguimos viagem.


Imagem 654 Dia 30 - Trecho sem pavimento na Rota dos Sete Lagos.JPG
Imagem 654 Dia 30 - Trecho sem pavimento na Rota dos Sete Lagos
Imagem 654 Dia 30 - Trecho sem pavimento na Rota dos Sete Lagos.JPG (3.06 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 655 Dia 30 - Linda paisagem na Rota dos Sete Lagos.JPG
Imagem 655 Dia 30 - Linda paisagem na Rota dos Sete Lagos
Imagem 655 Dia 30 - Linda paisagem na Rota dos Sete Lagos.JPG (3.75 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 656 Dia 30 - Estátua de San Martin em San Martin de los Andes.JPG
Imagem 656 Dia 30 - Estátua de San Martin em San Martin de los Andes
Imagem 656 Dia 30 - Estátua de San Martin em San Martin de los Andes.JPG (4.01 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 657 Dia 30 - Ruta 40 corta a cidade San Martin de los Andes.JPG
Imagem 657 Dia 30 - Ruta 40 corta a cidade San Martin de los Andes
Imagem 657 Dia 30 - Ruta 40 corta a cidade San Martin de los Andes.JPG (3.53 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 658 Dia 30 - Ruta 40 em direção a Neuquén.JPG
Imagem 658 Dia 30 - Ruta 40 em direção a Neuquén
Imagem 658 Dia 30 - Ruta 40 em direção a Neuquén.JPG (3.49 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 659 Dia 30 - Embalse Ezequiel Ramos Mexía.JPG
Imagem 659 Dia 30 - Embalse Ezequiel Ramos Mexía
Imagem 659 Dia 30 - Embalse Ezequiel Ramos Mexía.JPG (2.89 MiB) Exibido 856 vezes


Antes de Neuquén, existe uma vila chamada El Chocón, muito famosa pelo seu museu Ernesto Bachmann.

Este museu foi construído ao redor do fóssil descoberto em 1995 do dinossauro carnívoro Giganotossauro (Carolinii Giganotosaurus), o maior do mundo.

Além do famoso fóssil do dinossauro, o museu conta com inúmeros outros objetos e fósseis encontrados na região, como pontas de flechas utilizadas pelos nativos, ovos de dinossauro, animais marinhos pré-históricos, dentre outros objetos muito interessantes.


Imagem 660 Dia 30 - Placa indicando nossa aproximação da Villa El Chocón, a cidade do Giganotossauro.JPG
Imagem 660 Dia 30 - Placa indicando nossa aproximação da Villa El Chocón, a cidade do Giganotossauro
Imagem 660 Dia 30 - Placa indicando nossa aproximação da Villa El Chocón, a cidade do Giganotossauro.JPG (1.95 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 661 Dia 30 - Entrada do Museu Paleontológico Ernesto Bachmann.JPG
Imagem 661 Dia 30 - Entrada do Museu Paleontológico Ernesto Bachmann
Imagem 661 Dia 30 - Entrada do Museu Paleontológico Ernesto Bachmann.JPG (3.94 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 662 Dia 30 - Ticket de entrada do Museu Paleontológico Ernesto Bachmann.JPG
Imagem 662 Dia 30 - Ticket de entrada do Museu Paleontológico Ernesto Bachmann
Imagem 662 Dia 30 - Ticket de entrada do Museu Paleontológico Ernesto Bachmann.JPG (1.51 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 663 Dia 30 - Fóssil do Giganotossauro.JPG
Imagem 663 Dia 30 - Fóssil do Giganotossauro
Imagem 663 Dia 30 - Fóssil do Giganotossauro.JPG (4.11 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 664 Dia 30 - Réplica de dinossauros.JPG
Imagem 664 Dia 30 - Réplica de dinossauros
Imagem 664 Dia 30 - Réplica de dinossauros.JPG (4.09 MiB) Exibido 856 vezes


Imagem 665 Dia 30 - Outro fóssil Skorpiovenator bustingorryi.JPG
Imagem 665 Dia 30 - Outro fóssil Skorpiovenator bustingorryi
Imagem 665 Dia 30 - Outro fóssil Skorpiovenator bustingorryi.JPG (2.37 MiB) Exibido 856 vezes


De Villa El Chocón seguimos para Neuquén, mais 1h20.

Em Neuquén, abastecemos (9,59 o litro), caminhamos pela cidade e ficamos hospedados no hotel Bardas. Nos próximos dias a quilometragem vai ser grande.


Mais informações

Atrações e pontos interessantes

    • Rota dos Sete Lagos: estrada que liga Villa La Angostura com San Martin de Los Andes e que passa por belíssimas montanhas e lagos.
    • Museu Paleontológico Ernesto Bachmann: museu que tem como atração principal o maior o fóssil do maior dinossauro carnívoro do mundo, o Giganotossauro. Entrada: 20 pesos por pessoa.

Hospedagem

Bardas Hotel – Muito Bom ::cool:: ::cool:: ::cool::
Endereço: Roca, 109.
Página: http://www.bardashotel.com.ar/
Preço: 620 pesos argentinos a diária de suíte com café da manhã.


Gastos do dia

Imagem 666 Dia 30 - Tabela de gastos do dia 30.jpg
Imagem 666 Dia 30 - Tabela de gastos do dia 30
Imagem 666 Dia 30 - Tabela de gastos do dia 30.jpg (29.61 KiB) Exibido 856 vezes

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 7 visitantes